.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

PAPO DE MÍDIA: COLUNA
Informações e opiniões sobre a imprensa esportiva

"

Agenda da TV
Eventos ao vivo e/ou em VT inédito.
Obs.: horários de Brasília.


Terça, 20/12/2016
17:00 - Futebol, Campeonato Alemão: Borussia Dortmund x Augsburg - ESPN BRASIL
17:00 - Futebol, Campeonato Alemão: Hamburgo x Schalke 04 - ESPN
17:00 - Futebol, Campeonato Alemão: Borussia Monchengladbach x Wolfsburg - FOX SPORTS 2
17:00 - Futebol, Campeonato Alemão: Eintracht Frankfurt x Mainz - FOX SPORTS
19:30 - Futebol, Copa Libertadores Feminina: Foz/Cataratas x Colón (terceiro lugar) - FOX SPORTS 2
19:30 - Futebol, Amistoso: Amigos do Falcão x Amigos do Wesley Safadão - SPORTV
19:30 - Basquete, NBB: Flamengo x Basquete Cearense - SPORTV2
21:30 - Basquete, NBB: Liga Sorocabana x Vasco - SPORTV2 e LNB (Internet)
21:45 - Futebol, Copa Libertadores Feminina: Sportivo Limpeño x Estudiantes de Guárico (final) - FOX SPORTS 2
22:00 - Hóquei no Gelo, NHL: Columbus Blue Jackets x Los Angeles Kings - ESPN
22:00 - Futebol Americano, NCAA: Western Kentucky x Memphis (Boca Raton Bowl) - ESPN+
1:30 - Basquete, NBA: Golden State Warriors x Utah Jazz - SPORTV
1:30 - Futebol Americano, NCAA: Wisconsin-Oshko x Mary Hardin-Baylor (Division III) - ESPN+ (gravado)

Quarta, 21/12/2016
17:00 - Futebol, Campeonato Alemão: Bayern de Munique x Red Bull Leipzig - FOX SPORTS
17:00 - Futebol, Campeonato Alemão: Colônia x Bayer Leverkusen - ESPN+
17:00 - Futebol, Campeonato Alemão: Hertha Berlim x Darmstadt - FOX SPORTS 2
17:30 - Futebol, Campeonato Italiano: Internazionale x Lazio - ESPN BRASIL
17:45 - Futebol, Campeonato Francês: Bordeaux x Nice - SPORTV2 e ESPN
18:00 - Futsal, Liga Espanhola: Magna Gurpea x Catgas Energía - EI MAXX
19:30 - Vôlei, Superliga Masculina: Brasil Kirin x Sada Cruzeiro - SPORTV
20:30 - Futebol, Amistoso: Lance de Craque - ESPN BRASIL
22:00 - Futebol, Copa Libertadores: sorteio dos grupos 2017 - SPORTV2 e FOX SPORTS
22:00 - Vôlei, Superliga Feminina: Praia Clube x Rexona - SPORTV2
22:00 - Basquete, NCAA: Louisville x Kentucky - ESPN+
23:00 - Basquete, NBA: New Orleans Pelicans x Oklahoma City Thunder - ESPN
0:00 - Futebol Americano, NCAA: Wyoming x BYU (San Diego County Credit Union Poinsettia Bowl) - ESPN+

Quinta, 22/12/2016
17:45 - Futebol, Campeonato Italiano: Roma x Chievo - FOX SPORTS
17:45 - Futebol, Campeonato Italiano: Fiorentina x Napoli - FOX SPORTS 2
17:45 - Futebol, Campeonato Italiano: Torino x Genoa - ESPN BRASIL
19:00 - Futebol, Campeonato Português: Belenenses x Sporting - EI MAXX e BANDSPORTS
20:00 - Basquete, NBB: Liga Sorocabana x Caxias do Sul - LNB (Internet)
21:45 - Futebol, Amistoso: Amigos de Neymar x Amigos de Robinho - BAND e BANDSPORTS
21:55 - Vôlei, Superliga Masculina: Taubaté x Juiz de Fora - REDETV!
22:30 - Hóquei no Gelo, NHL: Tampa Bay Lightning x Saint Louis Blues - ESPN+
23:15 - Futebol Americano, NFL: Philadelphia Eagles x New York Giants - ESPORTE INTERATIVO e ESPN
4:00 - Futebol Americano, NCAA: Northwest Missouri State x North Alabama (Division II) - ESPN+ (gravado)


Sexta, 23/12/2016
14:20 - Futebol, Supercopa da Itália: Juventus x Milan - ESPN BRASIL
19:30 - Futebol Americano, NCAA: Navy x Louisiana Tech (Lockheed Martin Armed Forces Bowl) - ESPN
19:45 - Futebol, Amistoso: Amigos do Douglas Costa x Amigos do Gabriel Medina - SPORTV
23:00 - Futebol Americano, NCAA: Troy x Ohio (Dollar General Bowl) - ESPN+
1:00 - Basquete, NBA: Portland Trail Blazers x San Antonio Spurs - ESPN
Terça e quarta, 20 e 21 de dezembro de 2016
Globo renova a CB por uma dinheirama

Foi anunciado nesta segunda-feira pela CBF que a Copa do Brasil continuará transmitida de 2018 até 2022 pelas Organizações Globo (este site não fala "Grupo Globo" nem se a Cristiane Dias me convidar para saltar de paraquedas com ela no Grand Canyon). Exclusividade de TV Globo em canal aberto, SporTV em canal fechado e GloboEsporte.com em internet, permitidos os devidos sublicenciamentos para interessados. A dinheirama paga pela renovação gira na casa dos R$ 300 milhões, isso contando cotas, prêmio, logística e todos os "paranauês" afins e necessários devidos. Como consequência, o valor pago ao campeão aumentará substancialmente, indo para R$ 68,7 milhões totais - comparando apenas finalíssima com finalíssima: a de 2016 pagou ao Grêmio pelo título R$ 6 milhões, enquanto a de 2018 dará R$ 50 milhões ao vencedor. De Gabriel Vaquer no NaTelinha: quem tentou a transmissão da CB foi o Esporte Interativo por R$ 350 milhões, mas a Globo ofereceu quase a mesma coisa e isso bastou para a CBF mantê-la como parceira midiática. Definitivamente, outros fatores (independentemente dos méritos ou não) contam mais para assinatura de vínculo do que apenas as cifras maiores ou menores.

Unidos venceremos (quem sabe?)
De Marcus Alves e Rafael Valente no ESPN.com.br: Santos, Atlético Paranaense, Coritiba e Bahia querem que os direitos de transmissão dos jogos deles no Campeonato Brasileiro a partir de 2019 em televisão aberta e PPV sejam negociados em bloco com a Globo para obter uma oferta vantajosa pelo quarteto, que seria rachada a partir de critérios técnicos. Eles também querem que o Palmeiras se junte a essa turma. Algo em comum entre todos é serem clubes vinculados ao EI Maxx em televisão paga. Assunto a ser discutido no começo do ano que vem.

De olho na grana verde e amarela (tópico novo)
De Guilherme Seto e Paulo Passos na Folha de S.Paulo: a Conmebol aumentou para 7 o número de brasileiros na Libertadores a partir de 2017 - ano que terá 8 devido à Chapecoense via título da Sul-Americana - pois pretende negociar um novo contrato de transmissão pela TV a partir de 2018 e crê que o mercado onde mais poderá tirar uma grana beleza pura é onde? Onde, onde, onde? Ganhou um doce de leite em compota quem respondeu... Brasil! Atualmente, o dinheiro daqui que entra nos cofres da entidade sul-americana equivale a 10% do R$ 1 bilhão pago pela Globo pela exclusividade do Brasileirão - claro que isso a Folha buscando saber na surdina pois nem o Plim-Plim e nem o Fox Sports abrem números alegando essa papagaiada de "confidencialidade". Foi dado como exemplo o Flamengo: enquanto pela Série A pingam R$ 150 milhões na sua conta, a soma dos prêmios fase após fase até um hipotético título da Libertadores significaria para ele R$ 29 milhões. A Conmebol deve aumentar para o ano que vem a grana do torneio, mas alega que o contrato vigente com a Fox dificilmente fará com que as cifras sejam adequadas para os certames do Brasil e da Europa. Bom, melhor ficar só no nosso país mesmo, com as premiações aos campeões - incluindo direitos de TV - significando R$ 18 milhões no Campeonato Paulista e R$ 69 milhões na Copa do Brasil (essa a partir de 2018), pois com os R$ 199 milhões da Liga dos Campeões é mais covardia do que perguntar à mocinha de um filme se ela quer namorar comigo ou com o Cauã Reymond.

Será que agora vai ter TV no Gauchão?
De Rafael Divério em Zero Hora: a Rede Globo voltou atrás e melhorou a proposta pelo Campeonato Gaúcho em 2017. Enquanto neste ano foram pagos R$ 26 milhões, com 55% só para Grêmio e Internacional e 45% para todos os outros, a primeira proposta para o ano que vem tinha sido de R$ 34 milhões, com a dupla de Porto Alegre ficando com R$ 26 milhões e o restante entre os outros 10 clubes, algo mais obsceno do que passar "Instinto Selvagem" sem cortes na "Sessão da Tarde" (se bem que derrubaram a obrigatoriedade do vínculo à classificação indicativa, então, vai que numa dessas... né?). Agora, uma nova proposta foi feita e consta que as cifras para os interioranos será maior que a pedida de R$ 1,1 milhão para cada um, o que deve levar à assinatura de contrato até esta quinta-feira. Entrevistado pelo Geison Lisboa no "Esporte na Boa" da Rádio Guaíba, Francisco Noveletto disse que a proposta de agora foi muito além do que o esperado e dificilmente será maior, mas não quis abrir valores por causa de confidencialidade. Porém, o presidente da Federação Gaúcha deu uma pista: o Campeonato Paulista vale 3 vezes mais que o Gaúcho. Considerando-se uma informação de março deste ano do Rodrigo Mattos no UOL sobre o Paulistão ter sido renovado por R$ 100 milhões, posso me reservar o direito de pensar que seja de uns R$ 33 milhões ou R$ 34 milhões o desembolsado agora pelo Gauchão, é ou não é? De Jeremias Wernek e Eduardo Ohata no UOL Esporte: até o ano passado, era a própria RBS TV que negociava a transmissão do certame. Em tempo: se for fechado mesmo o contrato de TV, é saber qual jogo a RBS passará em 29 de janeiro. Com o fim do Brasileirão 2016 adiado em uma semana, também em uma semana foram adiadas as estreias da dupla Grenal. Assim, no primeiro domingo a opção mais provável e óbvia acho que seria Juventude x Brasil de Pelotas.

Enquanto isso, em Santa Catarina...
Do Rodrigo Santos: vindo desde 2013, quando fechado por R$ 5 milhões desde que por 5 anos e com transmissão direta para a praça (havia bloqueio até então), o contrato de TV do Campeonato Catarinense acabará em 2017. Os clubes menores recebem em torno de R$ 200 mil por edição e a campeã deste 2016, a Chapecoense, só lucrou o equivalente a 30% a menos que os R$ 800 mil que os interioranos aqui do Rio Grande do Sul receberiam se fosse aprovada essa que Demi Moore chamaria de proposta indecente dos R$ 26 milhões para a dupla Grenal.

Com ele, mais; sem ele, menos
De Igor Siqueira "De Prima" no Lance!: o Flamengo deve mandar uma carta para os médios e pequenos do RJ para explicar os motivos para não assinar com a Globo pela transmissão do Campeonato Carioca, justificando que FFERJ, Vasco, Fluminense e Botafogo têm valor fixo com ou sem assinatura rubro-negra, tentando mostrar que o desconto do contrato não foi igualitário entre todos os signatários pelas outras quatro partes continuarem com os mesmos valores. O novo contrato vai de R$ 90 milhões para R$ 120 milhões se o Mengão assinar, cabendo a ele R$ 15 milhões destas cifras, o equivalente em 8 anos a R$ 960 milhões com ele e R$ 720 milhões sem ele.

Afogando em números
Do Notícias da TV, audiências de São Paulo. Sexta: "Globo Esporte" com 10,9 pontos; e Bandeirantes com 2,7 no "Jogo Aberto" e 2,5 em "Os Donos da Bola". Sábado: "Globo Esporte" com 11,1 pontos; Record com 3,9 no "Esporte Fantástico"; Bandeirantes com 0,7 em Metodista x Blumenau; e RedeTV! com 0,3 na Superliga e 0,5 no Beach Rugby. Domingo: Globo com 11,9 pontos em Real Madrid x Kashima Antlers e 9,2 no "Esporte Espetacular"; SBT com 2,7 no "Acelerados"; RedeTV! com 1 no "Bola na Rede"; e Bandeirantes com 0,6 em Pinheiros x Metodista, 0,7 no "Band Esporte Clube" e 2,5 na Copa Caixa Feminina. Segunda: "Globo Esporte" com 11,1 pontos; e Bandierantes com 2,8 no "Jogo Aberto" e 2,7 em "Os Donos da Bola".

Mudou agora e não me disseram?
Ao longo dos anos, o expediente da tradição do "Globo Esporte" de uma edição única para toda a rede nas duas últimas semanas do ano sempre foi de semana de Natal comandada pelo Rio de Janeiro e semana de Ano Novo liderada por São Paulo, sobretudo por causa da Corrida de São Silvestre. Mas neste 2016 há uma diferenciação: esta semana de Natal é apresentada de SP pelo Ivan Moré. Será que a turma do RJ virá na de Ano Novo?

De olho no Japão
Entre as estreias confirmadas pela Globo para o começo de 2017, uma iniciará no próprio dia 1° no "Esporte Espetacular": a série "Projeto Tóquio", que mostrará a vida de um atleta durante um ciclo olímpico de 4 anos.

Menos assunto, menos tempo
Na semana de Ano Novo, a duração da versão SP de "Os Donos da Bola" será reduzida para pouco mais da metade. O programa iniciado às 13h acabará às 14h15, com o restante da faixa até 15h tendo a série "Glee". Algo perfeitamente normal em dias sem assunto no futebol. Quando tudo recomeçar à toda, voltará a duração total.

Algum interessado se manifeste "para ontem" (tópico novo)
Do Flávio Ricco no "Canal 1": a Rede Bandeirantes tem usado de discrição para tentar repassar os direitos de Roland Garros já a partir de 2017 para qualquer outro canal que queira transmiti-lo por entender não valer a pena arcar com esta conta numa fase de contenção de gastos. Alô, ESPN! Alô, Esporte Interativo! Alô, Fox Sports? Alô, SporTV! Mobilizem-se, os fãs de tênis agradecerão. Dou até uma ajuda: Rua Radiantes, 13, Morumbi, SP.

Compartilhamento de jeito nenhum (tópico novo)
Do Flávio Ricco no "Canal 1": o Fox Sports quer Milton Neves há muito tempo (complemento: vale lembrar que nela são homens fortes Edu Zebini e Márcio Moron, com os quais ele trabalhou na Record de 2001 a 2007) e houve conversas para tanto, mas nenhum entendimento até agora. O apresentador até acharia interessante a iniciativa, mas quer permanecer no Grupo Bandeirantes, especialmente nas rádios - entende-se: sobretudo a Bandeirantes, na qual comanda o "Terceiro Tempo" de quarta-feira e o "Domingo Esportivo Bandeirantes". O problema é que nem a Band e nem a Fox acham isso legal. Querem o "Cabeção" só para si: ou só da Band ou só da Fox. Aquilo que aconteceu de 2005 a 2007, quando ele foi da Record na TV e da Bandeirantes no rádio, não seria reprisado. (Atualização: ao ex-colega de grupo e hoje colunista independente Marcondes Brito, Milton desmentiu a notícia, dizendo não ser verídica e afirmando que só deixará a Rede Bandeirantes para se aposentar, tendo renovado por dois anos e estando na TV Band, no BandSports e com colunas em cinco rádios AM e/ou FM.)

Agora o "Messias" não foi bem
Em postagem apagada posteriormente, o ex-jogador Giovanni reclamou que Bruno Vicari teria dito no pré-jogo de Barcelona x Espanyol que ele fora "uma decepção" quando atuante no Barça, dizendo que foi bem, sim, e que era para se estudar mais antes de se falar. Aí, o apresentador da ESPN Brasil e do SBT respondeu que não apenas não falou nada disso, como nem sequer citou o nome dele, tendo o vídeo como prova para lhe mostrar. Não sei se o Bruno chegou a enviar o vídeo, mas como Giovanni apagou o post com a queixa, deve ter feito um mea culpa.

A bola da vez é fazer uma nova novela
Do Flávio Ricco no "Canal 1": vai chegar um momento em 2017 no qual o apresentador do "Bola da Vez" na ESPN Brasil aparecerá em três canais ao mesmo tempo. Dan Stulbach substituiu Fábio Assunção e entrou para o elenco de "A Força do Querer", novela que substituirá "A Lei do Amor" na faixa das 21h. Além disso, a Bandeirantes vai passar em abril a série "Era Uma Vez uma História", gravada pelo ator. Onipresente será ele.

Futebolista e caridoso
Odinei Ribeiro promoveu pela terceira vez o jogo beneficente "Parceiros do Bem", um amistoso com amigos do futebol e do jornalismo em sua Itanhaém, para arrecadar brinquedos para doação natalina. A TV Tribuna passou no "Tribuna Esporte" uma matéria de Nina Barbosa sobre o evento, na qual vemos que o narrador do SporTV, mesmo não estando numa forma física necessária para o futebol profissional, manja do riscado ao ter marcado um belo gol. Seu colega Maurício Noriega também participou da função e outro destaque foi para Cléber Machado, que deixou o dele e suou tanto a camisa que você jamais o terá visto em qualquer outro momento da vida com o penteado tão "mais pra lá que pra cá" - e isso que ele tinha a final do Mundial de Clubes no dia seguinte, hein? (rs)

Irritação rubro-negra
Um comentário do André Loffredo no "Seleção SporTV" de segunda-feira irritou o Flamengo. Ele perguntou de onde viria o dinheiro para contratar o argentino Conca pois acha que nenhuma boa administração gastaria R$ 500 mil em um reserva. O clube respondeu institucionalmente passando o link do seu site com a área de transparência para uma prestação pública de contas. Já o vice de comunicações Antônio Pedro Tabet reclamou de jornalistas que questionam com ironia de onde o rubro-negro "tira dinheiro" e acusou estes de lançarem tais perguntas baseados em clubismo por torcerem para rivais, dizendo que se pergunta como alguns jornalistas tiram emprego.

Não dava para ser com a bola parada?
De Carolina Canossa na "Saída de Rede" do UOL Esporte: o SporTV não se explicou sobre por quais motivos fez interrupções em transmissões da Superliga nos últimos dias para mostrar imagens ao vivo dos sobreviventes do voo da Chapecoense, o que custou, por exemplo, a não-exibição de dois match points. Com três canais e escassez de eventos ao vivo nestes dias, daria para fazer estes boletins em plantão ao vivo nos outros canais sem prejuízo ao jogo de vôlei, nas pausas do qual poderiam entrar versões gravadas dos boletins. Ninguém ficaria empenhado, nem quem queria saber dos sobreviventes da tragédia de Medellín e nem quem queria assistir a Superliga.

A ESPN Brasil "colocou" Leão na Lusa (tópico novo)
Lógico e evidente que não a emissora diretamente até porque nem tem que lhe competir algo assim onde quer que seja, mas que tem uma parte dela nesta associação, isso tem. De Rafael Valente no ESPN.com.br: foi ao assistir uma entrevista de Emerson Leão ao "Bola da Vez" em 24 de outubro, na qual disse que gostaria de ter ajudado a Portuguesa na época da Série C enquanto Jorginho a treinava por não querer vê-la naquela situação terrível que veio a resultar no rebaixamento para a Série D, que o comandante da "Equipe Líder" teve sua atenção despertada. Ao ser eleito presidente rubro-verde, Alexandre Barros procurou o ex-goleiro e treinador para tê-lo como um consultor técnico para o ano que vem. Três conversas depois, acordo fechado. E boa sorte para todos!

Um mês fora do ar
É o "Resenha Esporte Clube" nos canais Esporte Interativo. O primeiro programa de 2017 passará em 23 de janeiro, aí com Bruno Reis apresentando não mais do Recife e sim do Rio de Janeiro mesmo.

Luto no RJ: morreu o "Cachorrão"
A triste notícia da segunda-feira foi a morte aos 88 anos de Geraldo Pedroza, marcante jornalista esportivo do Rio de Janeiro, sobretudo no setor para rádios de São Paulo como Jovem Pan e Bandeirantes (foi nesta que muito o escutei nos anos 2000). Pernambucano, encerrou a carreira em 2009. Atualmente, sofria do Mal de Alzheimer e morava com o irmão em Ribeirão Preto. Com sua vida marcada também no carnaval ao ter sido assessor de imprensa da Mangueira e diretor da Vila Rica, esteve também no Comitê de Imprensa da CBF e presidiu por duas vezes a ACERJ (Associação dos Cronistas Esportivos do Rio de Janeiro). Sua vida foi eternizada em livro em 2012, quando Wilson Carvalho lançou "Pedroza, o Repórter", época na qual Geraldo deu esta entrevista pro Roberto no quadro "Baú do Assaf", da webTV do Lance!. Uma história interessantíssima foi lembrada pelo Rui Guilherme, seu contemporâneo de setor na CBF (Rui pela Guaíba e Geraldo pela Bandeirantes): em dado momento da carreira, Pedroza trabalhou ao mesmo tempo para O Estado de S.Paulo e Folha de S.Paulo sem que ambos soubessem - surreal, mas real. Certo dia, ele ficou muito cansado e copiou o mesmo texto para os dois jornais, que acabaram por publicar o mesmíssimo material. No dia seguinte, o chefe de redação do Estadão quis saber como a mesma matéria estava nele e na Folha. Geraldo explicou que trampava para ambos sem que disso soubessem e precisou optar por um ou outro. História marcante de uma grande figura. Descanse em paz, "Cachorrão".

Nova voz feminina na Bradesco Esportes SP
Não sei se tem a ver com a recente saída da Beth Romero ou não, mas é o que tem acontecido de uns dias para cá: tem participado volta e meia como componente do "Mundo dos Esportes" das 15h a jornalista Mariana Cruz, editora do "Jogo Aberto" na TV Band e editora-chefe do site Paixão Futebol, que já foi editora executiva da versão SP de "Os Donos da Bola" e tem uma década de trabalhos na Rede Bandeirantes. Não faço ideia se são apenas participações especiais ou se foi contratada pela emissora, mas achei uma novidade legal.

O "Pai do Gol" seguirá na RB (tópico novo)
Do Flávio Ricco no "Canal 1": fãs de José Silvério, podem celebrar. Aquela hipótese manifestada algumas vezes por ele até mesmo no ar, de uma possível aposentadoria, está descartada por mais alguns anos. Mais precisamente seis anos. É o tempo no qual continuará na Rádio Bandeirantes de São Paulo, renovado que foi seu contrato até 2022. Assim, o narrador titular completará exatamente 22 anos nesta segunda passagem (a primeira foi de 3 meses em 1985). Quando seu vínculo chegar ao final, o "Pai do Gol" estará com 77 anos.

Mudança à vista no rádio de Pernambuco
Dica do Wellington Araújo: comandado por Jorge Soares, o programa "Momento Esportivo" deixará de ser veiculado pela Olinda AM. Um novo prefixo para sua permanência no ar será anunciado em breve pelo jornalista.

#ForçaRafa #ForçaChape
Único jornalista sobrevivente no voo trágico de Medellín, Rafael Henzel recebeu alta do Unimed Chapecó na noite desta segunda-feira e já está em casa com a família. Ele disse em coletiva que quer voltar a comunicar na Rádio Oeste Capital AM em 9 de janeiro e que deseja narrar Joinville x Chapecoense, no dia 25, pela Primeira Liga, não importa se tiver as melhores condições físicas para tanto ou não devido às lesões decorrentes do acidente (que fizeram com que saísse do hospital em uma cadeira de rodas), mas que não deixará a ocasião passar por ter um dever muito grande com a comunidade de Chapecó pois ela acreditou e, se assim foi, assim fará. Todo incentivo para ele, que viveu para continuar escrevendo sua história e também merece o apoio geral da turma.

Descuido de alguns segundos
Observação do Rodney Brocanelli: no "Sala de Redação" da sexta-feira passada na Rádio Gaúcha, Wianey Carlet levou para o estúdio uma garrafa d'água, só que ela ficou com a marca Sarandi bem de frente para a câmera da transmissão ao vivo em vídeo. Após alguns segundos, um produtor pegou a garrafa e tirou a embalagem para não ser feita propaganda gratuita de alguém que não anuncia na emissora. Tarde demais.

Vem aí JG cibernético
Em data e endereço a ser confirmados pelo próprio em breve, João Garcia estreará no Facebook o comentário diário "João Garcia em 90 Segundos" duas vezes por dia, às 13h e às 17h. É mais uma investida do jornalista ex-rádios Bandeirantes, Guaíba e Gaúcha na internet, ele que já está à frente do site Rede de Opinião.

Os campeões do Prêmio ARI de Jornalismo
Anunciados na manhã de segunda-feira a partir de dezenas de trabalhos inscritos para avaliação da comissão julgadora da Associação Riograndense de Imprensa, os vencedores incluem: em Jornalismo Universitário de Rádio, 2° lugar para "Bola Começa com B: os Caminhos da Segunda Divisão", de Gabriel Rigoni (UFRGS); em Jornalismo Universitário Impresso, 1° lugar para "Caiu na Rede é Bola", de Isabella Mércio (PUC/RS); em Webjornalismo, 2° lugar para "40 Anos da Mais Vermelha das Tardes", de Leonardo Oliveira (Zero Hora); em Reportagem Esportiva Impressa, 3° lugar para "Apita o Árbitro: Vida em Jogo", de Gustavo Henemann (NH), e 2° lugar para "Os 40 Anos de um Time Iluminado - O Primeiro Brasileirão Conquistado pelo Inter", de Leandro Behs (Zero Hora), com 1° lugar para "Sofrer é o Meu Esporte", de André Baibich (Zero Hora); em Reportagem Esportiva de Rádio, menção honrosa para "Inter Campeão da América: Especial 10 Anos", de Marcelo Salzano (Bandeirantes), e 2° lugar para "Jogo Sujo", de José Renato Ribeiro (Santa Cruz AM), com 1° lugar para "Coronéis do Futebol Parte 2", de Rodrigo Oliveira (Gaúcha); e em Reportagem Esportiva de Televisão, menção honrosa para "Especial 10 Anos da Batalha dos Aflitos", de Fernando Becker (RBS), e 2° lugar para "Adeus Monumental", de Glauco Pasa (RBS), com 1° lugar para "Gaúcho Deixa as Ruas e Vira Sonho Olímpico", de Kelly Costa (RBS). Não poderia ser melhor o 1° ano da ex-TV Pampa na afiliada da Globo, já de cara conquistando um prêmio tão respeitável como o ARI. Parabéns!

Os campeões do Troféu ACEESP
Muito obrigado ao Rafael Alaby, do Torcedores.com, pelo qual soube dos primeiros colocados de cada categoria anunciados na noite desta segunda-feira: Narrador de TV Aberta, Luís Roberto (Globo); Comentarista de TV Aberta, Reginaldo Leme (Globo); Repórter de TV Aberta, Mauro Naves (Globo); Apresentadora de TV Aberta, Renata Fan (Band); Narrador de TV Paga, Milton Leite (SporTV); Comentarista de TV Paga, Alexandre Oliveira (ESPN); Repórter de TV Paga, Eduardo de Meneses (ESPN); Apresentador de TV Paga, Benjamin Back (Fox Sports); Narrador de Rádio, Paulo Sodate (Tropical); Comentarista de Rádio, Cláudio Zaidan (Bandeirantes); Repórter de Rádio, Lucas Basílio (Tropical); Apresentador de Rádio, Don Roberto Costa (Trianon); Site, GloboEsporte.com; Colunista ou Blogueiro, Ademir Quintino; Mídia Web, Rede Contínua; TV do Interior, Tribuna (Globo Santos); Rádio do Interior, Bandeirantes (Campinas); Jornal do Interior, A Tribuna (Santos); Assessor de Imprensa, Jairo Giovenardi (Basquete Osasco); e Ex-Atleta Comentarista, Caio Ribeiro (TV Globo). Parabéns aos laureados! (Atualização: ao terem 10 prêmios ou mais, Mauro Naves e Milton Leite passam a ser hors concours absolutíssimos. Os dois não poderão mais concorrer em nenhuma categoria, assim como já acontecia com Cléber Machado, José Silvério, Juca Kfouri, Mauro Beting, Milton Neves e Wanderley Nogueira, todos compondo o Hall de Notáveis.)

Um espaço só sobre o futebol feminino
Um grupo de alunos de jornalismo da Metodista (SP) criou um projeto de conclusão de curso chamado "Elas em Campo", um piloto de programa de rádio adaptado para podcast com 55 minutos apenas, tão somente, única e exclusivamente sobre este assunto tão ignorado, escanteado e deixado de lado pela mídia tradicional. A produção é de Giovanna Frugis, Greyce Bazotti, Jessica Marques, Natália Santana, Rafael Madjarof e Vinícius Claro, sendo do professor Sérgio Santos a orientação. A gravação aconteceu em 23 de agosto, dois dias depois das semifinais do Paulistão Feminino, cujos gols foram narrados por Elaine Trevisan, da Rede Vida. As vinhetas foram gravadas por Beth Romero, à ocasião ainda apresentadora da Bradesco Esportes FM, e Kelly Ferreira, plantão esportivo da Rádio Bandeirantes, e entre os participantes estão a ex-jogadora e comentarista Juliana Cabral, da ESPN Brasil, e a jornalista Lu Castro, que fala sobre futebol feminino no Lance!. O áudio está aqui, via Torcedores.com.

Mais um com canal no YouTube
É Fábio Azevedo, que assim voltou ao ar depois de ter saído da Bradesco Esportes FM do Rio de Janeiro. Ele tem publicado entrevistas com personalidades do futebol no canal de vídeos "Dentro ou Fora".

Biblioteca Beting reforçada
Terça-feira de Mauro Beting lançando "Meu Nome é Enea - Palmeiras: o Maior Campeão do Brasil", livro dele com Bruno Elias que chega na carona do título brasileiro deste 2016. Sessão de autógrafos iniciada às 19h na Academia Store Augusta, na rua Augusta, 2078, em Sampa City. Coletividade alviverde convocada a comparecer.

Acabou a folga de quem maltrata o esporte
Lúcio de Castro está de volta - e com gás triplicado ao quadrado, ao redondo e ao retangular. Estreou aqui sua nova empreitada, a Agência Sportlight de Jornalismo Investigativo, dedicada a reportagens especiais bem alinhadas aos trabalhos de ótima qualidade e grande repercussão que ele mostrou sobretudo no SporTV e mais ainda na ESPN Brasil em seus anos de televisão. A primeira pauta investigativa desnuda falcatruas cometidas no judô brasileiro. O nome da agência não é escolhido por acaso: coloca um "r" a mais no nome "Spotlight", que é o título original de "Segredos Revelados", o filme vencedor do Oscar neste ano e que retrata os escândalos de abuso sexual na arquidiocese católica de Boston trazidos à tona por reportagens investigativas do jornal Boston Globe, que foram vencedoras do Prêmio Pulitzer em 2003. Ladrões esportivas, tremei. O que é de vocês está guardado.

A saideira
Reforço sempre válido: este Papo de Bola - o Site precisa de patrocinadores para se manter no ar, por não ser apenas o custo da hospedagem o necessário para tanto e sim outros ainda maiores. Se você quiser anunciar nestes escritos, clique aqui e dê uma olhada nas maneiras de como fazê-lo que muito bem vindo serás e muito agradecido ficarei. Também continuo forçosamente adotando o "Ajude o PB", de colaborações avulsas.

Momento Raridade Rara I
Completou 50 anos no domingo passado o Campeonato Carioca conquistado pelo Bangu com 3 x 0 diante do Flamengo, em clássico que acabou aos 25 minutos do segundo tempo em pancadaria sem precedentes, na qual 4 jogadores do campeão e 5 do adversário foram expulsos. Os gols estão aqui com Jorge Curi na Rádio Nacional em exibição no especial "Mulatinhos Rosados", dedicado ao clube e veiculado pela ESPN Brasil em 2004.

Momento Raridade Rara II
Há 40 anos completados nesta quarta-feira, o Bayern de Munique se tornava campeão mundial diante do Cruzeiro. Mas antes da ocasião em si, voltemos alguns dias no tempo para mostrar imagens extraordinárias e raríssimas, ainda mais que são a cores: curta aqui um registro da TV alemã para a ida Bayern 2 x 0 Cruzeiro na Europa e veja cronistas brasileiros que cobriram o jogo. A escalação bávara é passada por Paulo Roberto, que reportou para a Rádio Itatiaia, da qual aparecem a seguir o narrador Vilibaldo Alves e seu comentarista Oswaldo Faria - os três já são falecidos. No fim do vídeo, quem surge é a dupla enviada pela Jovem Pan de São Paulo: o comentarista Claudio Carsughi, usando um binóculo especial, e o narrador José Silvério, então segundo da equipe, atrás do titular Osmar Santos. Feito este destaque maravilhoso, vamos para o 0 x 0 nada maravilhoso para a gente azul das alterosas. Olhe aqui o compacto transmitido por Fernando Sasso e Luiz Carlos Alves na TV Itacolomi (Rede Tupi).

Momento Raridade Rara III
Um dos maiores jornalistas brasileiros, Joelmir Beting completaria 80 anos nesta quarta-feira se não tivesse nos deixado em 2012, naquela noite muito dolorosa na qual sua partida foi sabida pela Rádio Bandeirantes através de um emocionante texto do filho Mauro. Antes de se consagrar na editoria de economia a partir de 1968, quando com ela passou a lidar ao lançar esta editoria na Folha de S.Paulo para passar a ser colunista dois anos depois, iniciou na reportagem esportiva nos jornais O Esporte e Diário Popular, a abandonando em definitivo quando por pouco não sobrou para ele devido à sua irrestrita e infinita paixão pelo Palmeiras, que o levou a cunhar uma frase que virou um verdadeiro mantra para todo e qualquer alviverde: "Explicar a emoção de ser palmeirense, a um palmeirense, é totalmente desnecessário. E a quem não é palmeirense... é simplesmente impossível!" O retorno à editoria se deu apenas de 2004 a 2010, quando pai e filho se uniram para o diário "Beting & Beting" no BandSports. Bom, mas o episódio que me faz lembrar da data remete na verdade a 1961 e tem a ver é com o maior craque do Santos e do futebol num todo: em Fluminense 1 x 3 Santos, pelo RJ/SP, Pelé marcou um gol tão fantástico que Joelmir, então repórter de O Esporte, decidiu homenageá-lo com uma placa - assim, sendo não o criador da expressão "gol de placa" e sim da placa que a originou. Esta matéria de 2011, feita pelo Fernando Fernandes na TV Bandeirantes, lembrou a história e entrevistou o então co-apresentador do "Jornal da Band" e o ex-árbitro Olten Ayres de Abreu, que apitou aquele clássico, além de trazer o gol na narração de Pedro Luiz pela Rádio Bandeirantes.

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "24 Horas").

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
INSTAGRAM: EduCesarPapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA COLUNAS ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.