Desde 02/06/2003 Criação, produção e edição: Edu Cesar


papodebola@gmail.com


papodebola


sitepapodebola


edupapodebola


(51) 99843-7700

SOBRE ESTA SEÇÃO
O editor Edu Cesar comenta os resultados dos campeonatos de futebol e o dia-a-dia dos clubes. Destaque para o que de principal ocorre em todas as modalidades e ainda os tópicos não-esportivos "Sintonia PB", "Clipe do Dia" e "Bela do Dia".
 
LEIA AQUI as colunas anteriores VEJA AQUI as "Belas do Dia" anteriores
 
Domingo, 7 de fevereiro de 2021
Mirassol campeão da quarta divisão



Até ontem à tarde, o maior título da história do Mirassol era a Série A3 do Campeonato Paulista em 1997. Agora, passa a ser o Brasileirão da Série D, arrematado num novo 1 x 0 sobre o Floresta (2 x 0 totais).

É o coroamento de uma tremenda temporada do Leão da Alta Araraquarense, que teve um Paulistão brilhante no mata-mata pós-pandêmico com a vitória nas quartas sobre o São Paulo e a eliminação na semifinal pro Corinthians, com o 3º lugar sendo seu melhor desempenho na história do estadual. Quem também dá a volta por cima é o técnico Eduardo Baptista, que não faturava um caneco desde o Pernambucano e a Copa do Nordeste em 2014 ambos pelo Sport - ano passado ele bateu na trave na final alagoana perdida pelo então seu CSA para o CRB.

O Mirassol é apenas o segundo clube do estado de São Paulo a ser campeão da quarta divisão nacional, certame que nunca teve um campeão repetido - e não seria agora que isso aconteceria mesmo que o Floresta faturasse. Assim, acontece com ele o que já aconteceu com Brusque em 2019, Ferroviário em 2018, Operário em 2017, Volta Redonda em 2016, Botafogo de Ribeirão Preto em 2015, Tombense em 2014, Botafogo da Paraíba em 2013, Sampaio Corrêa em 2012, Tupi em 2011, Guarany de Sobral em 2010 e São Raimundo do Pará em 2009.

A tristíssima morte de Santiago "Morro" García

Com apenas 30 anos, o campeão uruguaio de 2009 e 2011 pelo Nacional foi encontrado morto na Argentina, onde defendia o Godoy Cruz - a polícia trata o caso como suicídio e consta que ele passava por um delicado momento de depressão. Não cabe muito mais a falar porque é tudo tão doloroso que só resta ter empatia máxima nesta hora, empatia que faltou na manifestação grosseira (mas típica de sua pilantra personalidade) do Mário Celso Petraglia no Twitter. "Morro" defendeu o Atlético Paranaense em 2011, sendo sua contratação mais cara, mas não se dando bem a ponto de marcar somente dois gols, ambos nos 2 x 1 sobre o Botafogo em 23 de julho - aquele Furacão era treinado por Renato Portaluppi e tinha jogadores como o penta Kléberson e o saudoso Cléber Santana. O Godoy Cruz, do qual o jogador é seu maior goleador em Campeonatos Argentinos (50 tentos), aposentará a camisa 18.

Um único jogo - mas promessa de jogo "bão"

É Red Bull Bragantino x Flamengo na noturna solitária deste domingo de Brasileirão. 2º colocado com 64 pontos, o Mengão vem de cinco vitórias nas últimas seis partidas e assumirá provisoriamente a liderança com uma vitória, podendo perdê-la de novo na quarta se der Internacional diante do Sport (e se der Fla hoje, o Colorado só voltará ao 1º lugar com vitória pois empate igualaria nos pontos e os cariocas ficariam na frente por uma vitória a mais). 9º com 47 pontos, o Massa Bruta tem cinco vitórias nas últimas sete rodadas, empatando uma e perdendo outra, a derrota sendo justamente para os gaúchos. O retrospecto é parelhíssimo entre BragaBull e Fla: quatro vitórias, quatro empates e quatro derrotas. Em Bragança Paulista eles não se enfrentam desde 4 de setembro de 1996, Flamengo 1 x 0.

Domingo de Super Bowl em Tampa

Pela primeira vez, o time da cidade-sede (definida com bastante antecedência) estará na final da NFL, nesta que é a 1ª presença do Tampa Bay Buccaneers desde 2003, quando foi campeão com 48 x 21 sobre o Oakland Raiders. Com o seis vezes campeão em nove finais disputadas Tom Brady, o "mandante por acaso" terá pela frente o atual campeão Kansas City Chiefs do Patrick Mahomes, no que promete ser um grande duelo no Raymond James.

O estádio de Tampa receberá 25 mil torcedores, dos quais 7,5 mil sendo profissionais de saúde da linha de frente no combate ao coronavírus, todos vacinados. (sei lá se era hora para algo assim, mas enfim...) Com a primeira árbitra da história de um Super Bowl - a "down judge" Sarah Thomas -, a partida não contará com o MVP da temporada, Aaron Rodgers, cujo Green Bay Packers caiu diante dos Bucs na final da Conferência Nacional.

Datas em 0 ou 5

É um hábito desta "24 Horas" de bastante tempo e que será mantido aqui ao observar datas importantes que completam 5, 10, 25, 40, 65, 100 anos, enfim, sempre em 0 ou 5 pois é como consigo me organizar melhor. As deste domingo, 7 de fevereiro, são estas:

*75 anos ao dobrado: do nascimento de Héctor Babenco, cineasta falecido em 2016 e indicado ao Oscar por "O Beijo da Mulher Aranha", além de realizador de "Pixote, a Lei do Mais Fraco" e "Carandiru"; e do nascimento de Pete Postlethwaite, falecido em 2011 e ator de filmes como "Em Nome do Pai".

*40 anos do fim de "Um Homem Muito Especial", novela exibida pela Bandeirantes com autoria de Rubens Ewald Filho e Jayme Camargo, estrelada por Rubens de Falco e Bruna Lombardi - essa trama começou na Tupi como "Drácula" e durou somente quatro capítulos por causa da crise que levou a emissora ao fechamento, aí três dias depois do fim da Tupi a Bandeirantes passou a mostrá-la renomeada e com os 10 primeiros capítulos reescritos.

*25 anos de Pierre Gasly, piloto de Fórmula 1.

Revisitando a semana na "24 Horas"

Estas foram as colunas dos últimos dias e seus principais destaques (leia a edição clicando na data):

1 de fevereiro 21 pontos sobre o Palmeiras campeão da Libertadores pela 2ª vez; Internacional derrotando o Bragantino e Atlético Mineiro vencendo o Fortaleza; Vila Nova campeão da Série C pela 3ª vez; Ceará campeão brasileiro de aspirantes; Napoli campeão brasileiro feminino da A2; Hélio Castroneves vencendo as 24 Horas de Daytona; Gustavo Chagas no G1 RS; Vera Magalhães estreando na Rádio CBN; Luiz Megale de volta à BandNews FM após cirurgia na coluna; Marco Antônio Sabino de volta à Rádio Bandeirantes após 23 anos; e nas "Datas em 0 ou 5", os 50 anos (ou não) de Marcelinho Carioca e os 40 anos (esses sim) de Izabella Camargo.

2 de fevereiro Flamengo ganhou "só" de 3 x 0 do Sport; deputado quer que o Maracanã passe a se chamar Estádio Pelé; Liliane Pereira trocou a Rádio Gaúcha pela TV Record RS; Marcello D'Angelo agora diretor institucional do Grupo Bandeirantes; câncer vitimou Dustin Diamond, o Screech de "Uma Galera do Barulho"; Universal líder com "FBI"; AXN exibindo o 400º episódio de "NCIS"; e nas "Datas em 0 ou 5", os 25 anos da morte de Gene Kelly e os 10 anos do Corinthians eliminado da Libertadores pelo Tolima.

3 de fevereiro Tudo sendo Mundial pro Palmeiras após o empate com o Botafogo; Manchester United tocando 9 x 0 no Southampton; Castelão sem manutenção preventiva há 11 meses; jogador que ficou de bunda de fora após marcar gol decisivo tomou 12 partidas de suspensão; luto no rádio gaúcho com a morte de Bira Mangoni; Nando Gross saindo da TV Record RS após mais de seis anos; a morte de Vera Nunes, a primeira Helena de Manoel Carlos; nas "Datas em 0 ou 5", os 10 anos da morte de Maria Schneider, estuprada em cena por Bertolucci e Marlon Brando; e "Clipe do Dia" para os 5 anos sem Maurice White.

Bela do Dia: Rachel DiPillo

Rachel DiPillo, atriz - ou seria ex-atriz? É que, desde que saiu de "Atendimento de Emergência" no 1º episódio do 4º ano ainda em 2018, ela nunca mais atuou em nada de nada, praticamente "evaporando" inclusive da internet até meados do ano passado, quando fez alguns posts no Twitter sobre a pandemia, sem tocar uma vírgula no que será (ou não será) da sua carreira. Enquanto isso, dá para revê-la pois o Universal está reprisando o 1º ano de "Chicago Med" em maratonas nas viradas de segunda para terça, com reapresentação nas tardes de sexta-feira.

4 de fevereiro Atlético Mineiro bobeou demais ao perder para o Goiás; um gol que nem sequer em sonho foi gol no empate do Manaus com o Paysandu; Bradley Beal repetindo Michael Jordan na NBA; Rádio Cidade sairá do dial FM carioca pela 3ª vez; Patrícia Costa, Lilian Ribeiro e Diego Sarza curados do coronavírus; Globo reprisará "Ti-Ti-Ti" no "Vale a Pena Ver de Novo"; será no dia a troca dos nomes dos canais Fox por parte da Disney; nas "Datas em 0 ou 5", os 40 anos de Alecsandro e de Sabrina Sato; e "Clipe do Dia" para os 30 anos do último disco do Queen lançado com Freddie Mercury ainda vivo.

5 de fevereiro Internacional empatou com o Athletico Paranaense e o Flamengo encostou ao derrotar o Vasco; Tigres na semifinal do Mundial contra o Palmeiras; sorteados os dois octogonais da Copa do Nordeste; Ramirez indiciado pela Polícia Civil; vem aí a Supercopa Feminina do Brasil em 2022; Ajax burro e tonto; confirmada para dia 22 a estreia de Carlos Andreazza na Rádio CBN; será em 1º de abril a volta de Elliot Stabler na NBC; nas "Datas em 0 ou 5", os 80 anos do nascimento de Stephen J. Cannell; e "Clipe do Dia" para os 90 anos de Lana Bittencourt.

6 de fevereiro Derrota para o Sport oficializou o 3º rebaixamento do Botafogo para a Série B; o retrospecto do Palmeiras contra mexicanos antes de encarar o Tigres; sorteadas as fases prévias da Libertadores; as saídas de Thiago Galhardo do Internacional e de Brenner do São Paulo; quatro punidos pela brigalhada na final sub-17 vencida pelo Fluminense contra o Athletico Paranaense; LeBron James tornando-se o 3º maior cestinha da NBA; "Hora da Venenosa" em Londrina misturará fofocas com variedades e amenidades; Globo dividirá a faixa das nove entre o fim de "A Força do Querer" e um compacto de "Amor de Mãe"; Canal Brasil exibirá "Amor, Estranho Amor" na próxima semana; a morte de Christopher Plummer; nas "Datas em 0 ou 5", os 70 anos do tricampeão mundial Marco Antônio; e "Clipe do Dia" tanto dos 55 anos de Rick Astley quanto póstumo para Zezinho Corrêa.

Arremate

Coronavírus já vitimou no Brasil mais de 231 mil dos mais de 9 milhões e 500 mil infectados. Força e solidariedade.

"24 Horas" volta rezando que um dia este mal cesse ou diminua drasticamente.

Torneios de futebol, todas as modalidades e variedades não-esportivas.

Destaques da imprensa esportiva. O que acontece em TV, rádio, jornal e web.

Podcasts com pitacos sobre os esportes e outros registros interessantes.

Convidados escrevem sobre temas de agora no futebol e em todos os esportes.

Para entender o presente, é preciso conhecer o passado. Aqui se faz isso.

Teste de conhecimentos com direito a charadas e perguntas "pega-ratão".

Verde para o bom, vermelho para o ruim e amarelo para chamar a atenção.

Gente do esporte dá dicas de livros, filmes, música, culinária e mais.