Desde 02/06/2003 Criação, produção e edição: Edu Cesar


papodebola@gmail.com


papodebola


sitepapodebola


edupapodebola


(51) 99843-7700

SOBRE ESTA SEÇÃO
O editor Edu Cesar comenta os resultados dos campeonatos de futebol e o dia-a-dia dos clubes. Destaque para o que de principal ocorre em todas as modalidades e ainda os tópicos não-esportivos "Sintonia PB", "Clipe do Dia" e "Bela do Dia".
 
LEIA AQUI as colunas anteriores VEJA AQUI as "Belas do Dia" anteriores
 
Quinta, 21 de janeiro de 2021
Flamengo no páreo (e um gol contra atrapalhadíssimo)



Pense em Didi, Dedé, Mussum e Zacarias. Pense em Chaves, Quico e Seu Madruga. Pense em Laurel e Hardy. Pense em Moe, Larry, Curly e Shemp. Nem mesmo se todos esses se juntassem numa mesma esquete de futebol sairia um gol contra tão atrapalhadíssimo, bizarro, maluco, doido, inacreditável e - não para os diretamente afetados negativamente pelo lance, evidentemente - engraçadíssimo. Kuscevic nunca poderá jogar no América Mineiro, pois no Coelho um ricochete como o dele no Luan jamais seria aceito. Pior para o Palmeiras, protagonista de um momento que o vivente olha uma vez, duas vezes, três vezes, todas elas hoje, amanhã e por décadas. E nunca assimilará.

Bom, gol contra à parte, os rubro-negros completaram os 2 x 0 com Pepê numa bomba na etapa final e, com isso, é um dos dois únicos clubes (Internacional o outro - e eles "se enfrentar-se-ão-se um ao outro e vice-versa" na penúltima rodada) que pode conquistar o Campeonato Brasileiro pelas próprias pernas. O time do Rogério Ceni venceu duas seguidas após duas derrotas seguidas e três rodadas sem vitória, marcando cinco gols sem ser vazado. Já a esquadra do Abel Ferreira não perdia havia quatro rodadas, das quais três vencidas, e negativou a semana que era somente positiva pelos 4 x 0 diante do Corinthians. Ontem atuante em Brasília porque o Maracanã já está com a Conmebol, o Mengão não perde para o Verdão há seis jogos depois de 2017, ganhando três deles.



Depois de tomar o quatrilho no dérbi, o Timão reabilitou-se com uma trinca em dia iniciado pela visita à NeoQuímica Arena da enfermeira Mônica Calazans, a primeira vacinada contra o coronavírus, corintiana de quatro costados e que mora justamente em Itaquera. Depois disso, a equipe do Vagner Mancini reabilitou-se com um 3 x 0 diante do Sport, a quem recebeu seis vezes em seu estádio para triunfar em todas - o rubro-negro não derrota os alvinegros em SP desde 2007. O Coringão só perdeu uma das últimas nove rodadas, seis delas vencidas, e tem quatro mandos seguidos exitosos e cinco de invencibilidade, ao passo que o Leão emendou três derrotas e só faturou uma das seis últimas, quatro delas derrotadas, com cinco derrotas seguidas fora de casa e nove visitas fracassadas.



Se o Nordeste não brilhou com os comandados do Jair Ventura, se deu bem com a dupla alencarina. Pela 5ª vez geral desde 2006 e pela 5ª vez como mandante desde 1984, o Fortaleza não foi superado pelo Santos e o 2 x 0 que incluiu um pênalti defendido pelo Felipe Alves e um golaço por cobertura do Wellington Paulista fez o onze do Marcelo Chamusca voltar a ganhar depois de oito fracassos consecutivos e sete mandos, ainda que não perca há três e que só tenha sido derrotado em um dos seus últimos. Com reservas, o Peixe do Cuca voltou a cair depois de duas derrotas e não se dá nada bem longe dos seus domínios: uma visita ganha nas sete últimas, cinco delas perdidas.



Já o Ceará do Guto Ferreira e do Vina tocou um 4 x 0 sem dó e nem piedade no Goiás, a quem derrotou pela vez primeira pela primeira divisão nacional e pelo qual não passava fora de casa havia seis duelos desde um 4 x 3 pela Série B de 1999. O Vozão venceu duas das últimas três rodadas, emendou duas visitas exitosas e tem seis invictas, cinco delas obtidas. Já o Esmeraldino emendou três derrotas após duas vitórias seguidas e sofreu a derrota mais elástica desde os 5 x 1 do Palmeiras em dezembro de 2019, a pior como mandante desde os 4 x 1 da Portuguesa na Bêzona de 2011 e a mais feia como mandante desde os 5 x 1 do CRAC em 2011, fora que não tomava quatro de diferença na Série A desde um 4 x 0 feito em 1986 pelo Flamengo. Quantas marcas!!!

31 rodadas já se passaram e a classificação deste Brasileirão é esta (*um jogo a menos): em 1º, Internacional com 59; em 2º, São Paulo com 57; em 3º, Flamengo* com 55; em 4º, Atlético Mineiro* com 54; em 5º, Palmeiras* e Grêmio* com 51; em 7º, Fluminense com 47; em 8º, Corinthians* e Santos* com 45; em 10º, Ceará com 42; em 11º, Red Bull Bragantino com 41; em 12º, Athletico Paranaense e Atlético Goianiense com 39; em 14º, Fortaleza com 35; em 15º, Bahia, Sport e Vasco* com 32; em 18º, Coritiba e Goiás com 26; e em 20º, Botafogo com 23.

A próxima rodada terá dois jogos amanhã: São Paulo x Coritiba às 19h e Vasco x Atlético Mineiro às 21h. Três serão no domingo às 16h: Internacional x Grêmio, Athletico x Flamengo e Ceará x Palmeiras. Mais três domingueiras serão às 18h15: Sport x Bahia, Santos x Goiás e Atlético Goianiense x Fortaleza. Já a domênica solitária das 20h30 terá Fluminense x Botafogo. Para segunda-feira, reservado está Corinthians x Bragantino para as 20h.

Chapecoense retomou a liderança da Série B



E não foi sem emoção, muito ao contrário. Foi com um mísero gol, aos 50 minutos do segundo tempo e de pênalti. Nem em filme do Hitchcock se viu tanto frenesi assim como neste 1 x 0 sobre a Ponte Preta. (sim, exagerei um monte) E teve agonia também por causa do Paulinho Moccelin, que tomou uma falta do Tiago Orobó, prendeu o pé na grama e virou a perna, o que necessitou ambulância e remoção do jogador ao hospital. Infelizmente não tenho nesta coluna como dar qualquer opinião sobre a falta por simplesmente não conseguir assisti-la, com muito esforço e a forceps olhando apenas o gol - mas mais falarei sobre isso, dando tudo certo, ou na coluna de amanhã ou na de domingo.

Após 36 rodadas, a Série B tem dois acessos e dois rebaixamentos confirmados. Vejamos: em 1º, Chapecoense com 70; em 2º, América Mineiro com 69; em 3º, Cuiabá com 61; em 4º, CSA com 56; em 5º, Juventude com 55; em 6º, Avaí com 52; em 7º, Sampaio Corrêa, Ponte Preta e Operário com 51; em 10º, CRB com 49; em 11º, Guarani e Brasil com 48; em 13º, Cruzeiro com 47; em 14º, Confiança com 45; em 15º, Náutico e Vitória com 42; em 17º, Figueirense com 39; em 18º, Paraná com 36; em 19º, Botafogo de Ribeirão Preto com 34; e em 20º, Oeste com 26.

Pro último acesso (o Cuiabá só precisa de um pontinho): CSA com 56 pontos, 16 vitórias e 13 de saldo; Juventude com 55 pontos e 15 vitórias; Avaí com 52 pontos, 15 vitórias e -4 de saldo; Sampaio com 51 pontos e 15 vitórias; Ponte com 51 pontos, 14 vitórias e -2 de saldo; e Operário com 51 pontos e 13 vitórias. Para os dois últimos descensos: Paraná com 36 pontos e 9 vitórias; Figueirense com 39 pontos, 9 vitórias, -8 de saldo e 32 gols pró; Vitória com 42 pontos, 9 vitórias, -2 de saldo e 43 gols pró; e Náutico com 42 pontos, 10 vitórias, -7 de saldo e 34 gols pró.

Disputada entre hoje e a próxima terça-feira, a penúltima rodada poderá confirmar a Chape campeã se ela ganhar e o América perder, o acesso não só do Cuiabá, mas também do CSA se ele ganhar e o Juventude não vencer, além da oficialização da queda do Paraná (convenhamos: mais fácil eu conhecer as duas Mariana Becker gaúchas - tanto a setorista da Fórmula 1 na Europa quanto a setorista paranista em Curitiba - do que dar um "milagre milagreiro") e também do Figueirense, essa caso não vença e Vitória e Náutico ganhem seus compromissos.

Todos os jogos serão separados: hoje tem Juventude x Figueirense às 16h, CSA x Brasil às 19h15 e Cuiabá x Sampaio às 21h30; amanhã vamos de Confiança x América Mineiro às 16h15 e Avaí x Guarani às 18h30; depois de amanhã acontecerão Cruzeiro x Náutico às 16h e Ponte Preta x CRB às 18h15; na segunda vamos de Operário x Chapecoense às 17h; e na terça tem Oeste x Paraná às 19h15 e Vitória x Botafogo às 21h30. As 10 últimas partidas foram puxadas do sábado que vem para a sexta-feira para que dia 30 o protagonismo seja só da Libertadores.

Os destaques de ontem

Campeonato Inglês Depois de 68 partidas desde abril de 2017, o Liverpool voltou a perder em casa pelo torneio ao tomar 1 x 0 do Burnley, que não vencia em Anfield Road havia 46 anos. Os Reds não vencem há cinco rodadas, quatro delas sem um mísero golzinho - e chance para isso não faltou, foram "apenas" 21.

Campeonato Espanhol O Atlético de Madrid venceu o Eibar por 2 x 1 em jogo atrasado e lidera com 44 pontos em 17 compromissos, acima dos 37 em 18 do Real Madrid e dos 34 em 18 do Barcelona. Este, aliás, perdeu dois pênaltis e precisou da prorrogação, mas marcou 2 x 0 no Cornellá e segue na Copa do Rei.

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:



Vera Magalhães tem definida a estreia nos veículos Globo Será a partir de daqui a duas segundas-feiras (mas pode chamar de dia 1º que dá no mesmo) que a apresentadora do "Roda Viva" na TV Cultura - no qual continuará normalmente - começará a ser colunista tanto da Rádio CBN quanto do jornal O Globo. A presença na estação do Sistema Globo marcará seu regresso ao rádio depois de ter ancorado o "3 em 1" na Jovem Pan.

Cris Barth na RDC TV A ex-apresentadora do (como tantas vezes o defini neste PB) inacreditável "Studio Pampa" na afiliada da RedeTV! e da versão gaúcha de "Os Donos da Bola" na TV Bandeirantes foi contratada pelo canal por assinatura assistido pela Claro/Net da aldeia pampeana e nele apresentará um programa a ser definido.



Fonte, não foi culpa da Natuza Nery! (risos) A comentarista da GloboNews passou por um embaraço daqueles na "Edição das 16h" desta quinta-feira pois foi acionada por Christiane Pelajo exatamente no momento em que falava com uma fonte, na qual "desligou na cara" pois estava despreparada - tanto que a apresentadora brincou que Natuza estava arrumando o cabelo - e não sabia que já estava no ar. Menos mal que levaram isso na esportiva, rs. Mas a fonte da comentarista, seja qual for, não fique na bronca com ela que não foi sua culpa, não!!! (rs)

Saída no SBT Elisângela Carreira, que reportava para o "Primeiro Impacto" em SP, saiu após 10 meses.



Cátia Fonseca tomou chuva durante seu programa Isso não foi percebido na rede nacional das 15h em diante, mas quem estava em Sampa City - onde o início é às 14h - percebeu a apresentadora passar por um aperto no começo do "Melhor da Tarde". Ela estava ao vivo no Museu da Imagem e do Som de São Paulo e voltaria de motolink para o estúdio da TV Bandeirantes, até aí nada de mais. Só que nesse ínterim caiu uma chuvarada daquelas na capital paulista e, mesmo com um carro à disposição devido à distância entre os pontos ser de cinco quilômetros, preferiu fazer o que estava combinado e sentou na garupa da motoca, conversando com o motora do motolink até chegar. É que a chuva apertou e o sinal foi pras cucuias, daí os repórteres no estúdio seguraram as pontas até que finalmente Cátia chegou toda ensopada na Bandeirantes para, após maquiagem e troca de figurino, enfim seguir em frente.

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Datas em 0 ou 5

É um hábito desta "24 Horas" de bastante tempo e que será mantido aqui ao observar datas importantes que completam 5, 10, 25, 40, 65, 100 anos, enfim, sempre em 0 ou 5 pois é como consigo me organizar  melhor. As desta sexta, 22 de janeiro, são estas:

Bela do Dia: Anabel Reis

Anabel Reis, repórter da TV Record do Rio de Janeiro. Reis e rainhas concordam que ela não é apenas bela, mas muito "anabela".

*115 anos do nascimento de Robert E. Howard, escritor falecido em 1936 e criador de Conan, o Bárbaro.

*60 anos de Elzo, ex-futebolista bicampeão mineiro pelo Atlético em 1985 e 1986, neste último ano jogando a Copa do Mundo pelo Brasil.

*50 anos do nascimento de Gonzalo Rodríguez, piloto falecido em 1999 e que correu em várias categorias, começando na Fórmula Indy justamente no ano em que morreria num acidente sofrido em um treino.

*40 anos ao dobrado: de Mônica Apor, apresentadora do "Rock a 3" na Rádio Kiss FM e ex-repórter do "TV Fama" na RedeTV! e do "Muito +" e do "Dia Dia" na Bandeirantes, na qual apresentou o "Zoo", além de ser apresentadora do BandSports nos Jogos Olímpicos de 2016 (e de quebra, estrela em 2010 de uma edição sensacional da Playboy); e de Beverley Mitchell, atriz que fez a Lucy Camden na série "Sétimo Céu" de 1996 até 2007.

*25 anos ao dobrado: de Palmeiras 6 x 1 Borussia Dortmund, vitória marcante dos paulistas pela amistosa Copa Euro-América em Fortaleza; e da morte de Rubens Corrêa, nascido em 1931 e ator de grande destaque no teatro em peças como "O Beijo da Mulher Aranha", além de fazer filmes e novelas de Globo e Manchete - detalhe: ele morreu exatamente na véspera do aniversário, logo, exatamente na coluna de amanhã esta seção destacará os 90 anos de seu nascimento.

*20 anos de "Um Anjo Caiu do Céu", novela das sete exibida pela Globo, escrita por Antônio Calmon e estrelada por Caio Blat, Tarcísio Meira e Renata Sorrah.

*15 anos dos 81 pontos marcados por Kobe Bryant nos 122 x 104 do seu Los Angeles Lakers sobre o Toronto Raptors, ainda hoje a segunda maior pontuação individual da história da NBA, atrás apenas dos 100 pontos de Wilt Chamberlain pelo Philadelphia Warriors contra o New York Knicks em 2 de março de 1962.

Clipe do Dia: Malcolm McLaren

Falecido em 2010, este grande empresário do rock - especialmente dos Sex Pistols - nasceu há 75 anos completados nesta sexta-feira. Em 1994, ele gravou o álbum conceitual "Paris", que contou com astros franceses como Catherine Deneuve. Com a eterna "Bela da Tarde" foi gravada "Paris Paris", que sabe lá por qual motivo virou "Paris Lutece Paname" no LP da trilha internacional da novela "História de Amor", clássico das seis na Globo e que difundiu muito esse temaço aqui no Brasil ao ser som de Bianca (Maria Ribeiro) e Daniel (José de Abreu).



Clipe do Dia: Sam Cooke

Rei do soul e precursor deste maravilhosamente sublimérrimo gênero (dos que mais adoro), este cantor nasceu há 90 anos hoje fechados e nos deixou em 1964, quando foi baleado na porta de um motel de Los Angeles em crime jamais esclarecido por completo. Seu primeiro grande sucesso veio em 1957 e foi um estouro: "You Send Me".



Arremate

Coronavírus já vitimou no Brasil mais de 214 mil dos 8 milhões e 700 mil infectados. Força e solidariedade.

"24 Horas" volta rezando que um dia este mal cesse ou diminua drasticamente.

Torneios de futebol, todas as modalidades e variedades não-esportivas.

Destaques da imprensa esportiva. O que acontece em TV, rádio, jornal e web.

Podcasts com pitacos sobre os esportes e outros registros interessantes.

Convidados escrevem sobre temas de agora no futebol e em todos os esportes.

Para entender o presente, é preciso conhecer o passado. Aqui se faz isso.

Teste de conhecimentos com direito a charadas e perguntas "pega-ratão".

Verde para o bom, vermelho para o ruim e amarelo para chamar a atenção.

Gente do esporte dá dicas de livros, filmes, música, culinária e mais.