.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Rádio PB

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Quarta, 31 de janeiro de 2018 - ANO 15, EDIÇÃO 77
Começa a Libertadores para o Brasil

Iniciada ontem com Carabobo 1 x 0 Guaraní, Banfield 1 x 1 Independiente del Valle e Santiago Wanderers 1 x 1 Melgar, a segunda fase pré-grupos terá bola rolando com brasileiros em campo nesta noite. Em sua 9ª presença no torneio, o Vasco volta a Concepción depois de 17 anos (quando derrotou o Deportes por 3 x 1 pela mesma competição) e pegará o Universidad, marcando seu regresso à Libertadores depois de 6 anos. Vindo de uma vitória, um empate e duas derrotas no Carioca, o time do Zé Ricardo terá seu primeiro efetivo grande compromisso neste ano e depois de dias extremamente tumultuados no âmbito político com a eleição que definiu Alexandre Campello como presidente em sucessão a Eurico Miranda - que continuará em São Januário pois presidirá até 2020 o Conselho dos Beneméritos. Já a Chapecoense de 3 vitórias e 1 empate em seus primeiros prélios deste 2018 será mandante contra o Nacional, que vem da perda da Supercopa do Uruguai para o Peñarol na última sexta. Na segunda Libertadores consecutiva, a equipe catarinense terá o primeiro grande teste para a defesa do Gilson Kleina, que não sofreu gol ainda neste campeonato estadual. Boa sorte aos nossos.

Classificados estando "oxados"

São Atlético Paranaense e Boa Esporte na Copa do Brasil. Empates sem gols respectivamente com Caxias e Vitória da Conquista asseguraram os visitantes na segunda fase. O Furacão saberá às 20h se pegará Tubarão ou América de Natal, enquanto os Bovetas esperarão até quarta-feira da semana que vem para confirmar duelo contra Sinop ou Goiás. Já de cara isso me faz concluir sobre o regulamento desta fase inicial: não curto. Pegando gancho em algo que o grande Cláudio Zaidan comenta há muitos anos na Rádio Bandeirantes: num duelo com saldo de gols igual, não dá para apontar que um tenha sido melhor do que outro - e ele dizia isso com relação ao gol fora como desempate, mas posso aplicar também nesta situação de agora. Pra mim, ao menos, classificar o visitante desse jeito aí soa como um "carteiraço" dos grossos. Se não der para fazer "replay" igual à Copa da Inglaterra devido ao calendário ainda problemático por mais apertado de datas do que calça justa numa bonitona com corpão sedutor, ao menos fizesse que nem será na próxima fase: chutes livres a 11 passos da marca fatal. Não seria ainda o ideal, mas melhor isso do que este "carteiraço" que não me convence, sinceramente.

A bola voltará a rolar às 16h com Nova Iguaçu x Bragantino. Às 19h30, tem Caldense x Fluminense (o bicho pegou ontem do lado tricolor com a invasão de 150 torcedores e membros de organizadas à sede das Laranjeiras para exigir a saída do presidente Pedro Abad e do grupo político "Flu Sócio" durante a eleição para presidente do Conselho Deliberativo). Quem passar daí saberá a partir das 21h30 se encarará Novoperário ou Salgueiro. Ainda às 19h30, tem Boavista x Internacional. Jogo não em Saquarema e sim em Cascavel. Colorado encarando não o time titular dos cariocas e sim um mistão, guardados que foram os titulares para enfrentar a Portuguesa no sábado em definição de classificação ou não para as semifinais da Taça Guanabara. Vamos e convenhamos: se os gaúchos, neste cenário totalmente favorável, não se classificarem, seria algo inaceitável e vergonhoso.

Também nesta quarta, um clássico pernambucano dos rebaixados pra Série C poderá ser confirmado. O Náutico visita o Cordino às 21h30 Brasília (20h30 locais). Quando este cotejo findar, estará por instantes a etapa final de Fluminense de Feira de Santana x Santa Cruz, arrancado às 22h30 (21h30). Outros destaques da noite: às 20h, Aimoré x Cuiabá; às 20h30, Uberlândia x Ituano; às 21h30 (20h30), Treze x Figueirense, Interporto x Juventude, Itabaiana x Joinville, Independente x Sampaio Corrêa e Floresta x Botafogo da Paraíba; às 21h45, Madureira x São Paulo não em Conselheiro Galvão, mas sim na "paulista" Londrina - e o mesmo que falei acima pro Colorado aplica-se por A + B = C para o Bem-Amado; e às 22h DF (20h de Porto Velho), Ariquemes x Londrina.

Outros destaques do futebol

Copa do Nordeste (2ª rodada) O Bahia se reabilitou no Grupo C e foi aos 3 pontos ao bater o Altos, que seguiu com 1. Este foi o primeiro jogo do Esquadrão de Aço no Albertão desde os 2 x 0 sobre o Barras na Série C de 2007. No dia 22, os baianos receberão o Náutico e os piauienses visitarão o Botafogo da Paraíba. Já no Grupo D, o Ceará ganhou mais uma para ir aos 6 pontos ao dar de ombros pelo escore mínimo pro CSA, que só tem 1 ponto. No dia 15, os alagoanos receberão o Salgueiro. Já no dia 20, os cearenses encararão o Sampaio Corrêa. Hoje, o Grupo B será movimentado por ABC (3 pontos) x Globo (0 ponto) às 20h DF (19h NE).

Cearense (complemento da 1ª rodada) Hoje tem Fortaleza (2º com 9) x Tiradentes às 20h (19h).

Paulista Série A2 (5ª rodada) O Oeste continua lideraço ao ir aos 13 pontos com os 3 x 0 na Portuguesa "em Portuguesa". Ê, rubro-verde... Sexta-feira, a equipe de Barueri receberá o Penapolense às 21h30.

Catarinense (5ª rodada) Às 20h30 tem Avaí (3º com 7) x Concórdia e Brusque x Criciúma (8º com 4).

Goiano (5ª rodada) Às 19h30 tem Atlético (5º do A com 2) x Anápolis. Pela última vez o Dragão será comandado na casamata por João Paulo Sanches, que voltará a ser auxiliar devido à chegada do novo técnico Cláudio Tencati, que parte para seu primeiro desafio após 6 anos de Londrina. Ainda nesta quarta-feira, tem Rio Verde x Vila Nova (1º do B com 8) às 20h30 e Goiás (1º do A com 9) x Grêmio Anápolis.

Copa Verde (1ª fase) Cinco jogos: às 16h30, Atlético Capixaba x Brasiliense; às 21h30 DF, São Raimundo de Roraima x Rio Branco do Acre (19h30 locais) e Corumbaense x Luverdense (20h30 locais); às 22h (20h do Amazonas), Manaus x Remo; e às 23h (20h), Atlético Acreano x Santos do Amapá.

Curtinhas

Chegadas e despedidas Enquanto o Botafogo contratou por 2 anos o atacante Kieza, do Vitória, foi confirmada por Jefferson sua aposentadoria ao fim deste ano, dito por ele mesmo em entrevista ao Fox Sports.

De volta via liminar É Paulo Garcia à eleição presidencial de sábado no Corinthians. Ele havia sido impugnado inicialmente devido a uma acusação de compra de votos. Esse pleito também tá uma zona.

Haja indenizações A serem pagas pela Ponte Preta aos jogadores do ano passado que a acionaram na Justiça por vencimentos não pagos: Fábio Ferreira, João Lucas, Fernandinho, Naldo e Jean Patrick. Bah!!!

Virou "Casos de Família" É o caso do ex-atacante Warley esfaqueado em João Pessoa. Detido sob acusação de cometer o delito, um travesti negou ter cometido o ato violenta, afirmou que Warley provocou acidentalmente o ferimento nele mesmo e o acusou de não pagar um programa sexual na mesma noite. As declarações foram dadas à TV Arapuan, afiliada da RedeTV!. Mas era só o que me faltava, uma coisa dessas!!!

Cracão quarentão É o goleiraço Buffon, decisivo pro 1 x 0 da sua Juventus sobre a Atalanta, na ida da semifinal da Copa da Itália, ao defender uma penalidade máxima aos 25 do primeiro tempo.

Finalista O Paris Saint Germain na Copa da Liga Francesa, 3 x 2 no Rennes. Espera Monaco ou Montpellier.

Futsal em foco Após estrear no Grand Prix com 10 x 1 no Uruguai, o Brasil enfrenta hoje a Costa Rica.

Momento Raridade Rara: Cristina Serra na TV Globo

A repórter anunciou hoje deixar a emissora depois de 26 anos em duas passagens, agradecendo a amigos e parceiros deste tempo de trabalho e dizendo que "a vida abre novas trilhas" e que "a elas, pois, com coragem e alegria". A paraense chegou ao Plim-Plim em 1990, egressa do Jornal do Brasil, ao qual regressou entre 1995 e 1996. Os primeiros 4 anos na TV foram como repórter da editoria Rio de Janeiro e os últimos 22 foram divididos entre cobertura política em Brasília, reportagens especiais e ser correspondente em Nova York. A saber quais serão os novos passos profissionais dela, que meio que eu já andava imaginando que teria algo diferente para este período a partir do momento em que a vi escrever artigos para o site A República, sem relação com a Globo.

Destaco a seguir cinco momentos diversos da presença da Cristina, que nos últimos anos também esteve no quadro semanal das "Meninas" no "Programa do Jô": de 1990, duas entradas ao vivo no "Bom Dia Rio", então apresentado por Cláudia Cruz (nos dias atuais, mais conhecida como Sra. Eduardo Cunha); de 2000, plantão com Carlos Nascimento para informar a prisão do ex-senador Luiz Estevão; de 2007, novo plantão para informar a absolvição de Renan Calheiros na Comissão de Ética do Senado, este apresentado por Fátima Bernardes; de 2010, mediação do debate de 2º turno para governador do Distrito Federal entre Agnelo Queiroz e Weslian Roriz (o ex-ministro do esporte foi eleito); e de 2013, reportagem especial sobre o dia-a-dia de brasileiros nas fronteiras da Amazônia, a primeira de algumas apresentadas por William Bonner no "Jornal Nacional".

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

A enésima mudança Na direção de um veículo da Record aqui em Porto Alegre, esta na Rádio Guaíba. Li no Coletiva: depois de 5 meses, Alexandre Costa saiu para integrar o Recnov no Rio de Janeiro, no qual já havia trabalhado por 7 anos, e é substituído por Claudinei Girotti, que neste mesmo período de 5 meses dirigia o jornal Correio do Povo e está aqui desde 2010, antes sendo diretor executivo da TV Record. Não sei pra quê isso, de boa. Toda hora a Rede Record está trocando diretores dos seus veículos Brasil afora aqui, ali e acolá. Nem o vivente quando acorda, todo santo dia, troca de roupa tanto quanto a Record de diretores. Acham que isso fará bem, que aumentará audiência, aumentará lucros, aumentará produção? Cara nem se ambienta direito e já cai fora.

Regressado É Ricardo Kotscho à Folha de S.Paulo. Li no Jornalistas & Cia. que ele trabalhará como colaborador com reportagens especiais assim que for liberado pelo departamento médico ao se recuperar totalmente de um tombo levado no fim de 2017. Será a 3ª passagem pela Folha do Ricardo, há alguns meses saído da Record News e do portal R7, mas que se manteve no ar através do blog Balaio do Kotscho. Disse ele que as pessoas podem mandar boas sugestões de pautas, de histórias da vida real, que não sejam de política ou desgraça.

Fala, TV Bandeirantes Você viu na coluna da segunda-feira a nota oficial da TV Maranhense sobre a mudança de afiliada em São Luís para a TV Metropolitana. Leio no Flávio Ricco que a rede paulista se pronunciou via jurídico e afirmou que cumpriu todas as condições previstas em contrato para rescindir com a Maranhense (que quer manter o compromisso firmado até 2020) e que recebeu com surpresa a liminar que manteve nela a exibição de seu sinal, a qual já estão tentando cassar através dos recursos cabíveis. Está instaurado o "fight".

Mais um mês e deu Outra do "guru" Ricco é que será no começo de março que Sônia Blota retornará ao Brasil para seguir na reportagem da Bandeirantes a partir de São Paulo. Até lá, continuará baseada em Paris. Depois de cobrir nos últimos dias o fórum de Davos, ela reportará PSG x Real Madrid no próximo dia 14. Sônia está completando 20 anos de Rede Bandeirantes, os últimos sete reportando direto da França.

Grande saída de bastidor Mais uma do Flávio Ricco: quem deixará hoje o jornalismo da Band é o conterrâneo gaúcho Valdir Zwestch, quatro décadas de trabalho só em São Paulo - aqui, ele iniciou na Folha da Tarde e foi da Zero Hora. Há pouco menos de 3 meses, Valdir foi o personagem central de mais uma de tantas ótimas edições do "Memória", o obrigatório programa do Milton Parron na Rádio Bandeirantes, a qual escutam aqui. Ele finalizará sua segunda passagem pelo Morumbi, tendo trabalhado também nas TVs Globo e Record.

Diretor demitido O de jornalismo da TV Anhanguera (Globo Goiás). Sei pelo Rick Souza que Álvaro Borges deixou a emissora após 1 ano e 10 meses, consta dos autos, devido sobretudo à queda de audiência da programação regional, líder com "LÍ" maiúsculo apenas no "Bom Dia Goiás" mesmo com seis mudanças de apresentação neste período, mas que já sofreu aperto com o "Jornal Anhanguera" da noite em empate com o "Goiás Record" e, especialmente, com o da hora do almoço, às vezes 3º colocado por perder para o "Balanço Geral GO" da Record e o "Jornal do Meio-Dia" na Serra Dourada (SBT). Deve sair na próxima semana o sucessor do Álvaro.

Moacyr Franco na Globo Depois daquela entrevista ao "Vídeo Show", o showman agora fará uma participação na série "Ilha de Ferro", que não tem data de estreia definida. Moacyr deixou a emissora há 41 anos.

Séries CH em canal da Globo (e não na Globo) Foi o que sacudiu as redes sociais na terça-feira, inicialmente informado pelo Fórum Chaves e depois confirmado em reportagem do "chavesmaníaco" Paulo Pacheco: o Multishow comprou os direitos de exibição de "Chaves" e "Chapolin" para exibi-los em TV por assinatura e internet ainda no primeiro semestre deste ano. Importante: é um canal da Globo que adquiriu as produções e não a TV Globo em si, sendo mantida normalmente até 2020 a transmissão pelo SBT - diferentemente do que uns e alguns caras-de-pau na internet passaram adiante só para caçar cliques com manchetes enganosas que levaram um tantaço de gente a entender a coisa erradamente. Mas voltando a falar de verdades e não de mentiras, como diria Sá para Guarabyra durante "Roque Santeiro": foram comprados 273 episódios de "Chaves" e 250 de "Chapolin", além de 117 episódios inéditos da primeira e 127 inéditos da segunda série. A exibição será no horário nobre (entre 19h e 1h). O próprio Multishow confirmou a novidade e a apresentou em evento na sua sede no Rio de Janeiro com fãs das produções. A cuidar quais serão os dubladores das histórias inéditas, se os dubladores ainda vivos serão chamados - e se isso incluiria Nelson Machado e Carlos Seidl, ausentes do trabalho feito pelo SBT para aqueles complementos de sagas em 2014. Desde já, é uma das novidades de maior impacto neste começo de ano: a associação de um veículo da Globo com quem foi uma pedra no sapato dela muitas e muitas vezes.

Faleceu há 15 anos Arthur Costa Filho, ator e dublador nascido em 1927 e que iniciou na Rádio Nacional dos anos 40. Fez filmes como "Dona Flor e Seus Dois Maridos" e novelas como "Irmãos Coragem", "Carinhoso" e "Roque Santeiro", atuando pela última vez na minissérie "Chiquinha Gonzaga", todas as produções citadas da Globo. Na dublagem, deu voz ao vovô da série sessentista "Os Monstros".

Duas datas em 0 ou 5 A aniversariante é Portia de Rossi, que faz 45 anos. Casada com Ellen DeGeneres há 10 anos, fez a Nelle Porter de "Minha Vida de Solteira" de 1998 a 2002 e a Lindsay de "Caindo na Real" de 2003 a 2006. E uma lembrança póstuma: nascia há 55 anos John Dye, que interpretou de 1996 a 2003 o "anjo da morte" Andrew na série "Um Toque de Anjo" (ou "Caiu do Céu", como era chamada na Globo).

Tá na cara que preferiu morrer É o ator Mark Salling, que fez o Puck na série "Glee" de 2009 a 2015. Ele se enforcou aos 35 anos e havia se declarado culpado há dois meses por posse de pornografia infantil, tendo feito um acordo com a promotoria para ser condenado a no máximo 7 anos de prisão - a sentença sairia em breve. Nitidamente preferiu acabar com a vida do que viver com a carreira acabada por este crime.

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Momento Raridade Rara: "Anos Incríveis"

Quem foi adolescente nos anos 90 lembra bem demais desta icônica série cuja estreia nos Estados Unidos completa 30 anos nesta quarta. Criada por Carol Black e Neal Marlens, durou 115 episódios em 6 temporadas até 1993, justamente neste ano vindo para o Brasil primeiramente pelo Multishow, com som original e legendas, e depois pela Cultura a partir de 8 de setembro daquele ano, na faixa das 20h e aí com dublagem paulista da Álamo - e chegando a ser o programa mais visto de toda a grade da emissora. Três anos depois, a TV Bandeirantes passou a exibi-la, mas no final da década de 90 a Cultura retomou a exibição e concluiu a série ao passar as temporadas restantes. Já na década de 2000, a Rede 21 (UHF da Band em SP) reprisou a produção.

A trama se passa na transição dos anos 60 para 70 e é focada no guri Kevin Arnold, interpretado por Fred Savage. O tom é nostálgico o tempo todo, sendo este um dos segredos de seu sucesso. Os episódios são narrados por Kevin já adulto, cuja voz na primeira exibição do piloto foi de Arye Gross, mas que nas histórias seguintes e nas futuras reprises do piloto passou a ser de Daniel Stern, o eterno bandido atrapalhado de "Esqueceram de Mim". Além da família do Kevin, ele também era acompanhado do melhor amigo Paul e da paquera Winnie, feitos respectivamente por Josh Salviano e Danica McKellar. Uma trilha sonora recheada de clássicos daqueles tempos (foram mais de 300 ao longo dos 115 episódios) deixou tudo ainda mais especial.

Na dublagem da Álamo, destaque para algumas vozes: a do irmão Wayne (Jason Hervey) é de Wendell Bezerra, que nos tempos atuais é escutado tanto como Bob Esponja quanto como o "Cake Boss" Buddy Valastro; a da mãe Norma (Alley Mills) é de Cecília Lemes, eternamente Chiquinha dentro dos nossos corações e voz paulista da Meg Ryan; a da irmã Karen (Olivia D'Abo) é de Letícia Quinto, voz de Anne Hathaway em "O Diário da Princesa" e da Phoebe da 4ª à 9ª temporadas de "Friends"; e a do Kevin é de Angélica Santos, voz do Cebolinha da "Turma da Mônica" e de Reese Whiterspoon em muitos filmes, que na época da dublagem tinha pouco mais de 20 anos. Detalhe: Angélica foi a primeira voz do Bud Bundy em "Um Amor de Família", mas quando David Faustino foi de criança para adolescente, Wendell a substituiu; já em "Anos", ela ficou com Kevin até o final.

Para começar os registros em vídeo, trago três chamadas originais: de 1993, a da estreia na Cultura com locução de Nivaldo Prieto (sim, o mesmo que no ano seguinte passaria a ser narrador esportivo a partir da ESPN Brasil e que hoje está no Fox Sports); de 1996, uma dos tempos de Band na voz de Rick Ferreira (hoje locutor comercial de oferecimentos da Record); e de 2005, a da exibição dos últimos episódios na Cultura anunciada por Dimas Aguiar (já naqueles tempos, assim como hoje, locutor do "Primeira Hora" na Rádio Bandeirantes de São Paulo e voz-padrão da RB de Porto Alegre). Agora, confira aqui a clássica abertura ao som de "With a Little Help From My Friends", tema dos Beatles na versão definitiva magistralmente gravada em 1968 por Joe Cocker. Por fim, aquilo que mais importa e mais vale a pena: olhe aqui, na íntegra, o 1º episódio de "Anos Incríveis".

Bela do Dia: Thainá Duarte

Thainá Duarte, atriz. Ela fez "I Love Paraisópolis" e estará em "Se Eu Fechar os Olhos", nova minissérie da Globo. Mas quem, em sã consciência, fecharia os olhos para esta fascinante, estupenda e maravilhosíssima beleza?

Clipe do Dia: datas em 0 ou 5

De 1983, "All Right" com Christopher Cross. Este foi o maior sucesso do álbum "Another Page", lançado há 35 anos hoje completados. As versões em CD e K7 incluíram "Best That You Can Do", o tema de "Arthur".

De 1980, "Clareana" com Joyce, cantora que completa hoje 70 anos. Neste grande sucesso, ela homenageou as filhas Clara Moreno e Ana Martins, que posteriormente também seriam cantoras.

Clipe do Dia: Miltinho

Um dos craques do samba-canção nascia há 90 anos fechados nesta quarta. Falecido em 2014, ele iniciou compondo grupos vocais até ser artista solo a partir da década de 1960. Destaco três grandes momentos dele: de 1960, "O Poema do Adeus" (de Luiz Antônio) cantada na comédia "O Vendedor de Linguiças", de Amácio Mazzaropi; de 1961, "Palhaçada" (de Luiz Reis e Haroldo Barbosa); e de 2006, um pout-pourri com "Mulher de 30", "Recado" e "Menina Moça" (todas de Luiz Antônio) cantado no "Rei Majestade", do SBT.

Clipe do Dia: Evaldo Braga

O "Ídolo Negro" morreu tragicamente há 45 anos completados hoje. Um acidente automobilístico na BR-3, em Areal (RJ), abreviou demais o que tinha tudo para ser uma carreira de muito tempo de sucesso, resultando em apenas dois discos lançados por ele e que lhe deram enorme popularidade. Destaco duas canções, ambas de 1972: a primeira é "Eu Não Sou Lixo" (dele e de Pantera), cujo título remete ao próprio cantor, criado em um orfanato até os 18 anos e que procurou a mãe biológica assim que ficou famoso - sem êxito, no entanto; e a segunda é "Sorria" (de Carmen Lúcia), aí vista em imagens raríssimas do programa de Chacrinha na TV Tupi.

Arremate

Brasil x Rússia, em 23 de março, será no Luzhniki, estádio da final da Copa do Mundo. Bom presságio?

"24 Horas" volta antes, bem antes, de sabermos quem estará na decisão em 15 de julho!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
INSTAGRAM: EduPapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.