.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Rádio PB

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Sábado e domingo, 30 e 31 de dezembro de 2017 - ANO 15, EDIÇÃO 68
2018 está chegando, mas antes tem o fim de 2017

E em pouco mais de um mês, isto resumido ("resumido"?) abaixo foi o que aconteceu.

Grêmio tri da América e vice mundial

*Grêmio x Real Madrid na decisão do Mundial de Clubes após suadas classificações na semifinal, tanto a tricolor diante do Pachuca na prorrogação quanto a merengue por uma inesperada e surpreendente virada. Na decisão, os espanhóis foram enormemente superiores e chutaram quase duas dezenas de vezes no gol contra apenas uma dos gaúchos, mas o gol só saiu com Cristiano Ronaldo numa falta que pegou a barreira aberta. 6º título mundial do Real, 8 vitórias em 8 jogos mundialistas e primeiro bicampeão (consecutivo) depois do São Paulo de 1992 e 1993 para ter 5 títulos neste ano, com direito ao português igualando Pelé com 7 gols em Mundiais.

*Grêmio e Real só haviam se enfrentado uma vez, num amistoso na França em 1961. Deu 4 x 1 pros madridistas.

*Com mais este vice tricolor, a conquista do Corinthians em 2012 é a única da América do Sul nos últimos 10 Mundiais, com todos os outros sendo vencidos por europeus após a perda dos três primeiros.



*O título da Libertadores veio com duas vitórias sobre o Lanús. A daqui de Porto Alegre no gol do Cícero diante de 58.188 fãs, exatos 149 a menos que os 55.337 da maior plateia da Arena do Grêmio (a final da Copa do Brasil de 2016). A da Argentina veio com golaços de Fernandinho e Luan. Foram 10 vitórias, 2 empates, 2 derrotas, 25 gols pró e 9 contra. Renato Portaluppi, que renovou por mais um ano e ganhará a prometida estátua no estádio tricolor, se tornou o primeiro brasileiro campeão tanto jogando quanto depois treinando.

*Alguns números: o Grêmio foi o 11º campeão em 19 finais iniciadas com 1 x 0 para um dos times, o 7º campeão (1º brasileiro) após ganhar a ida por 1 x 0, o 4º time (1º brasileiro) campeão com vitória por 1 x 0 em casa na ida, o 1º deste século a não ter enfrentado um campeão anterior da Libertadores das oitavas-de-final em diante, 8º campeão geral (4º brasileiro) com duas vitórias na finalíssima e o 3º na história (2º brasileiro) a conquistar o título jogando na Argentina, repetindo Santos em 1963 e Olimpia em 1979; além disso tudo, repetiu 1994/1995 ao conquistar a Libertadores no ano seguinte ao título da Copa do Brasil (feito também de Cruzeiro em 1996/1997, Palmeiras em 1998/1999 e Santos em 2010/2011); e de 11 vitoriosos na ida em 14 finais Brasil x Argentina, somente São Paulo em 1974 e Newell's Old Boys em 1992 perderam na volta.

*Um dado curioso é que as últimas 10 finais de Libertadores tiveram nada mais e nada menos que 20 participantes diferentes. Dos campeões: os brasileiros Atlético Mineiro, Corinthians, Grêmio, Internacional e Santos; os argentinos Estudiantes, River Plate e San Lorenzo; o colombiano Atlético Nacional; e a equatoriana LDU. Dos vices: os brasileiros Cruzeiro e Fluminense; os argentinos Boca Juniors e Lanús; os mexicanos Chivas e Tigres; os paraguaios Nacional e Olimpia; o equatoriano Independiente del Valle; e o uruguaio Peñarol.

*Campeão da Libertadores, o Tricolor fará em 14 e 21 de fevereiro a Recopa Sul-Americana ante o Independiente, campeão da Sul-Americana e a quem bateu em 1996 para dar o troco pela perda da Libertadores de 1984.

*Barrios deixou o clube (disse que sabia desde outubro que não permaneceria) e Kanneman renovou até 2020.

*Dias tão especiais para o Grêmio que até seu reservão teve algo legal: o gol do empate com o Atlético Goianiense, no último jogo do ano na Arena, foi o 1º do Lucas Poletto, filho do campeão mundial Paulo Roberto.

Flamengo vice da Sul-Americana

*Título perdido com absoluta justiça pois o Independiente foi melhor nas duas partidas e mereceu mais o caneco que os rubro-negros, aos quais voltaram a bater no Maracanã tal qual na "derrota vitoriosa" da Supercopa de 1995. O empate só serviu para ampliar para 22 partidas em dois anos a invencibilidade do Fla no estádio.

*Suspenso pela FIFA por 1 ano por doping (pena diminuída depois para 6 meses), Guerrero acabou não fazendo falta diante do Júnior pois Felipe Vizeu resolveu a semifinal, mas teria feito diferença na finalíssima?

*Vizeu, suspenso em dois jogos pelo STJD pela treta com o punido na mesma medida Rhodolfo pela treta deles na vitória sobre o Corinthians. Inicialmente eram 4 jogos de gancho pro avante e 5 pro beque.

*Maior zagueiro-artilheiro do clube com 33 gols a exemplo de Júnior Baiano - marca obtida na semifinal -, Juan renovou por mais um ano. O gol evitado por ele na volta da final foi um dos grandes lances do ano.

*Autor do para uns pênalti e para outros não-pênalti do gol do título argentino, Cuellar foi expulso de maneira inacreditável: após receber a medalha de vice-campeão. É desfalque na Libertadores 2018.

*Alex Muralha foi tão malhado pelas falhas contra o Santos que deu lugar ao César, que voltou a jogar 90 minutos depois de dois anos e defendeu um pênalti em Barranquilla, não tendo culpa na perda do título. Culpa quase teve o corpo médico ao mantê-lo irresponsavelmente em campo após o sério choque de cabeça na decisão.

*O Flamengo repetiu Fluminense em 2009, Goiás em 2010 e Ponte Preta em 2013. Ganhadores da Sul-Americana só mesmo Internacional em 2008, São Paulo em 2012 e a póstuma Chapecoense em 2016.

*A derrota na ida da final fez o Mengão seguir sem ganhar na Argentina desde os 2 x 1 no San Lorenzo em 2001.

*Com as finais de Carioca, Copa do Brasil e Sul-Americana, o Flamengo voltou a disputar três finais no mesmo ano depois de justamente 2001, quando ganhou Carioca e Copa dos Campeões, mas perdeu a Mercosul.

*A grande derrotada na final da Sul-Americana foi, mais uma vez, a civilidade. Relatos de perrengues passados por flamenguistas com patifarias de argentinos em Avellaneda foram contrastados com imagens de atos violentos de torcedores seus no Rio de Janeiro - sobrou até para Marquinhos Calazans, jogador do Fluminense agredido por rubro-negros em um restaurante no joelho direito, recentemente operado e que terá novamente de ser submetido a operação por novas lesões causadas por esta violência (também sua namorada foi atacada).

*Uma consequência disso foi o fim do plano que dava benefícios às torcidas organizadas rubro-negras.

*Dario Conca saiu do Flamengo pois voltou pro Shanghai SIPG. Mas ele chegou a ter chegado à Gávea?

Eventos Conmebol 2018

*Os segmentos preliminares da Libertadores terão estes jogos: primeira prévia com Montevideo Wanderers x Olimpia, Deportivo Macará x Deportivo Táchira e Oriente Petrolero x Universitario; segunda prévia com Macará ou Táchira x Independiente Santa Fé, Chapecoense x Nacional, Petrolero ou Universitario x Jorge Wilstermann, Carabobo x Guaraní, Montevideo ou Olimpia x Atlético Júnior, Universidad Concepción x Vasco, Banfield x Independiente del Valle e Santiago Wanderers x Melgar; e terceira prévia com Macará ou Táchira ou Santa Fé x Santiago ou Melgar, Chapecoense ou Nacional x Banfield ou Del Valle, Petrolero ou Universitario ou Wilstermann x Concepción ou Vasco e Carabobo ou Guaraní x Montevideo ou Olimpia ou Júnior.

*A fase de grupos: G1 com Grêmio, Cerro Porteño, Defensor e Monagas; G2 com Atlético Nacional, Bolívar, Colo-Colo e Delfin; G3 com Peñarol, Libertad, Strongest e Tucumán; G4 com River Plate, Emelec, Flamengo e Macará ou Táchira ou Santa Fé ou Santiago ou Melgar; G5 com Cruzeiro, Universidad de Chile, Racing e Petrolero ou Universitario ou Wilstermann ou Concepción ou Vasco; G6 com Santos, Estudiantes, Garcilaso e Chapecoense ou Nacional ou Banfield ou Del Valle; G7 com Corinthians, Independiente, Millonarios e Deportivo Lara; e G8 com Boca Juniors, Palmeiras, Alianza Lima e Carabobo ou Guaraní ou Júnior ou Montevideo ou Olimpia.

*Li no Rodrigo Mattos que a Conmebol não venderá mais "naming rights" para a Libertadores a partir de 2018. A edição deste ano, chamada Conmebol Libertadores Bridgestone, foi a última do gênero.

*Primeira fase da Copa Sul-Americana: Everton x Caracas, Estudiantes de Mérida x Deportes Temuco, Lanús x Sporting Cristal, Deportivo Cali x Danubio, San Lorenzo x Atlético Mineiro, LDU x Guabirá, Nacional do Paraguai x Mineros, Sport Rosario x Cerro, Sol de America x Independiente Medellín, Barcelona x General Díaz, Sportivo Luqueño x Cuenca, Cajamarca x Rampla Juniors, Defensa y Justicia x América de Cáli, Atlético Paranaense x Newell's Old Boys, Unión Española x Huancayo, Jaguares x Boston Ríver, Rosario Central x São Paulo, El Nacional x Bolívia III, Blooming x Bahia, Zamora x Colón, Audax Italiano x Botafogo e Fluminense x Bolívia IV.

Como terminou o Brasileirão

1º) Corinthians campeão e nos grupos da Libertadores com 72 pontos (returno: 12º com 25) - Teve na véspera do empate com o Atlético Mineiro uma linda celebração no treino com 15 mil torcedores fazendo uma bela festa, mas perdeu um mando de campo em torneio CBF por causa de sinalizadores de sua gente contra o Fluminense; teve em Jô seu primeiro artilheiro de Campeonato Brasileiro com os mesmos 18 tentos do também goleador tricolor carioca Henrique Dourado; punido pelo STJD em um jogo por chutar Rodrigo na derrota pra Ponte Preta (punição que não será cumprida devido à saída para o Nagoya Grampus do Japão), Jô revelou ao site Meu Timão que não enfrentou o Inter na Copa do Brasil por uma de suas duas irmãs ter sido sequestrada, felizmente ela sendo resgatada pouco depois; Guilherme Arana foi embora pro Sevilla e Pablo ficou de fora das festas do título pois voltará pro Bordeaux; incidentes contra o Racing causaram suspensões para a Libertadores de um jogo para Rodriguinho e cinco partidas para Kazim; ex-presidente e candidato no próximo pleito, o deputado federal Andrés Sanchez foi denunciado pela Procuradoria Geral da República por sonegação fiscal; o diretor de futebol Flávio Adauto entregou o cargo para concorrer na chapa de Paulo Garcia; e uma troca de gramado na Arena em Itaquera fará os três primeiros mandos no Paulistão 2018 (contra Ponte, Ferroviária e São Paulo) serem no Pacaembu, onde os alvinegros também "visitarão" o São Caetano para emendar 4 partidas no mesmo local.

2º) Palmeiras vice-campeão e nos grupos da Libertadores com 63 pontos e 19 vitórias (returno: 3º com 31) - Teve na vitória sobre o Botafogo a última atuação de Zé Roberto, que encerrou a carreira para permanecer como assessor técnico, e o regresso do goleiro Jaílson para aumentar pra 24 partidas sua invencibilidade em Campeonatos Brasileiros ao substituir o suspenso Fernando Prass, que renovou por mais um ano; ambos rivalizarão na briga pela meta verde com o campeão olímpico Weverton, do Atlético Paranaense, contratado por 5 anos a exemplo do meia Lucas Lima, do Santos; Roger Machado assumiu a casamata no lugar de Alberto Valentim, que não topou permanecer como seu auxiliar; emprestou Roger Guedes ao Atlético Mineiro e dele recebeu Marcos Rocha por um ano de cessão; e Felipe Melo havia tomado duas partidas de gancho pela treta com o suspenso em um jogo Clayson no intervalo da derrota para o Corinthians, mas na semana seguinte o jurídico alviverde conseguiu converter a pena para uma mera medida socioeducativa.

3º) Santos nos grupos da Libertadores com 63 pontos e 17 vitórias (returno: 8º com 28) - Além de Lucas Lima, também o rescindido Nilmar deixou o clube agora presidido pelo opositor José Carlos Peres, que sucedeu Modesto Roma Jr.; Marcelo Teixeira presidirá o Conselho Deliberativo e Gustavo Vieira será o executivo de futebol.

4º) Grêmio nos grupos da Libertadores como atual campeão com 62 pontos (returno: 16º com 23)

5º) Cruzeiro nos grupos da Libertadores como campeão da Copa do Brasil com 57 pontos (returno: 6º com 30) - Com forte tumulto nos bastidores causado por acusações no âmbito policial trocadas pelo futuro vice de futebol Itair Machado e pelo ex-vice Bruno Vicintin, a equipe ganhou o lateral Egídio, do Palmeiras, e sobretudo e principalmente o recontratado por 3 anos Fred, que defendia o rival Atlético até este ano.

6º) Flamengo nos grupos da Libertadores com 56 pontos, 15 vitórias e 11 de saldo (returno: 9º com 27)

7º) Vasco na pré-grupos da Libertadores com 56 pontos, 15 vitórias e -7 de saldo (returno: 2º com 32) - Contratados o meia Leandro Desabáto, do Vélez Sarsfield, e o meia Rildo, do Coritiba; e a Justiça invalidou os votos da urna 7 da eleição presidencial, o que favorece Júlio Brant contra Eurico Miranda.

8ª) Chapecoense na pré-grupos da Libertadores com 54 pontos e 15 vitórias (returno: 1ª com 32) - Com classificação ao torneio sul-americano assegurada na incrível vitória sobre o Coritiba aos 50 da segunda etapa na semana em que completou 1 ano a tragédia que matou 71 pessoas, o clube anunciou que entrou na Justiça contra a empresa contratada pela cia. LaMia para que ela indenize as famílias dos mortos; um dos sobreviventes do acidente, o zagueiro Neto voltou a jogar em amistoso beneficente da Abravic (Associação Brasileira de Vítimas do Voo da Chapecoense); e se Túlio de Melo saiu, Wellington Paulista renovou por dois anos.

9º) Atlético Mineiro na Sul-Americana com 54 pontos e 14 vitórias (returno: 4º com 31) - Agora presidido por Sérgio Sette Câmara, o Galo contratou Arouca por empréstimo de 1 ano junto ao Palmeiras e renovou pelo mesmo período com Leonardo Silva, mas perdeu Fred e o preparador físico Carlinhos Neves, além de lidar com forte pressão sobre Robinho - especialmente do público feminino - devido à condenação à prisão por 9 anos aplicada pela Justiça da Itália pela acusação de violência sexual enquanto defendia o Milan em 2013; e o lateral Marcos Rocha foi emprestado ao Palmeiras, que cedeu Roger Guedes por um ano.

10º) Botafogo na Sul-Americana com 53 pontos (returno: 7º com 28) - Agora presidida por Nelson Mufarrej, a agremiação perdeu o vice de estádios Anderson Simões, envolvido nas investigações de Polícia Civil, Ministério Público e Juizado Especial do Torcedor sobre envolvimentos dos clubes do Rio com as organizadas; Jair Ventura saiu e o auxiliar Felipe Conceição é o novo técnico; e saiu o gerente de futebol Antônio Lopes.

11º) Atlético Paranaense na Sul-Americana com 51 pontos (returno: 11º com 25) - Por um lado, além de Weverton, saíram também o técnico Fabiano Soares, o gestor Paulo Autuori e o meia Lucho González, cuja esposa o acusa de ter tentado matá-la - o que ele nega; mas por outro lado, foram contratados Bergson, um dos artilheiros da Série B pelo Paysandu, e o "vira-casaca" Carleto, que era lateral do Coritiba.

12º) Bahia na Sul-Americana com 50 pontos, 13 vitórias e 2 de saldo (returno: 10º com 27) - Presidido por Guilherme Bellintani nos próximos 3 anos, o clube trocou de treinador, saindo Paulo César Carpegiani e regressando Guto Ferreira, que havia trocado o Tricolor pelo Inter. Também saiu o auxiliar Preto Casagrande. Por sua vez, Juninho Capixaba tomou dois jogos de gancho em torneios CBF pela expulsão diante do São Paulo.

13º) São Paulo na Sul-Americana com 50 pontos, 13 vitórias e -1 de saldo (returno: 5º com 31) - A vaga no segundo torneio da Conmebol fará com que jogue ao menos uma competição internacional pelo 16º ano seguido - além disso, apenas e tão somente 2002 foi um ano "estritamente brasileiro" para os tricolores desde 1992; Lugano e Dênis se despediram da equipe; Jucilei renovou por 4 anos; Raí substituiu Vinícius Pinotti como diretor de futebol; Petros foi suspenso por quatro partidas em torneios da CBF pela expulsão contra o Bahia.

14º) Fluminense na Sul-Americana com 47 pontos (returno: 17º com 21) - No empate com o Atlético Goianiense, Gustavo Scarpa se tornou o segundo jogador do clube (igualando Conca) e apenas o quarto na história dos pontos corridos a disputar todas as partidas de sua equipe da primeira à última rodada; oito jogadores foram dispensados no final de dezembro em prol de uma economia mensal de R$ 20 milhões nos cofres do clube, os mais destacados sendo Diego Cavalieri, Henrique e Wellington Silva; Paulo Autuori chegou para ser diretor de futebol; e um acidente de carro em Minas Gerais feriu o técnico dos juniores Léo Percovich e sua esposa, deixou um filho em estado grave e causou a morte de duas filhas do casal.

15º) Sport com 45 pontos (returno: 19º com 17) - Com três gols decisivos nas vitórias sobre Fluminense e Corinthians, André chegou aos 16 para ser o maior goleador da equipe em um Campeonato Brasileiro; e sem Gustavo Dubeux como vice de futebol, o time será treinado por Nelsinho Baptista em 2018.

16º) Vitória com 43 pontos, 11 vitórias e -8 de saldo (returno: 14º com 24) - Mantido na elite graças à derrota do Coritiba pra Chapecoense no exato momento em que sofreu a virada do Flamengo, os rubro-negros agora presididos por Ricardo David em mandato tampão até setembro de 2019 não têm mais o avante André Lima.

17º) Coritiba rebaixado com 43 pontos, 11 vitórias e -9 de saldo (returno: 18º com 18) - Sem Carleto, o clube agora presidido por Samir Namur trocou de técnico: saiu Marcelo Oliveira e chegou Sandro Forner, do sub-20; e na nova gestão, o gerente de futebol será o ex-zagueiro Pereira.

18º) Avaí rebaixado com 43 pontos e 10 vitórias (returno: 13º com 25) - Marquinhos renovou por mais um ano, a exemplo do técnico Claudinei Oliveira, com o clube do presidente reeleito Francisco Battistotti; mas tudo isso ficou menor diante da enorme tristeza pela morte aos apenas 20 anos do ex-volante Renanzinho, que defendeu o clube em 31 jogos com um gol marcado, mas que deixou o futebol por causa de um tumor no cérebro.

19ª) Ponte Preta rebaixada com 39 pontos (returno: 20ª com 16) - Cumprirá 6 mandos de campo sem torcida na próxima Série B devido à baderna deprimente quando tomada a virada diante do Vitória, marcada também pela dedada que custou a Rodrigo a mesma punição; Vanderlei Pereira deixou a presidência e é sucedido até 2021 por José Armando Abdalla Júnior; e o ex-zagueiro Ronaldão assumiu a direção de futebol.

20º) Atlético Goianiense rebaixado com 36 pontos (returno: 15º com 24) - Mantém o técnico João Paulo Sanches, mas perdeu o goleiro "vira-casaca" Marcos para o Goiás.

*Participantes do Brasileirão de 2018: quatro do RJ (Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco), quatro de SP (Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo), três de MG (América, Atlético e Cruzeiro), dois da BA (Bahia e Vitória), dois do PR (Atlético e Paraná), dois do RS (Grêmio e Internacional) e mais Ceará (CE), Chapecoense (SC) e Sport (PE). Somando todos, serão 18 clássicos estaduais na próxima edição.

*2018 será o primeiro ano da era dos pontos corridos com quatro clubes da Região Nordeste na Série A. A última vez que isso aconteceu foi ainda na era do formulismo, em 2001, com Bahia, Santa Cruz, Sport e Vitória. Uma diferença que faz toda a diferença: lá eram 28 participantes e agora são apenas 20.

*A seleção do campeonato na eleição oficial da CBF ficou assim: Vanderlei (Santos); Fagner (Corinthians), Balbuena (COR), Geromel (Grêmio) e Arana (COR); Arthur (Grêmio) - este a revelação do torneio -, Bruno Silva (Botafogo), Thiago Neves (Cruzeiro) e Hernanes (São Paulo); Jô (COR) - este eleito melhor jogador da competição - e Henrique Dourado (Fluminense). O melhor técnico foi Fábio Carille (COR).

*Na Bola de Prata da ESPN, treinador e time dos 11 melhores jogadores tiveram apenas quatro diferenciações: ao invés de Arana, Arthur, Bruno Silva e Dourado, entraram Carleto (Coritiba), Michel (Grêmio), Dudu (Palmeiras) e Luan (GRE). Também nesta apuração, Jô foi o melhor atleta e ganhou a Bola de Ouro.

Como terminou a Série B 2017



1º) América Mineiro campeão e na Série A com 73 pontos - Bicampeão ao dobrado no mesmo fim-de-semana (da Bêzona nos homens e estadual nas mulheres), voltou a ganhar a disputa depois de 20 anos tendo a defesa menos vazada da fórmula de pontos corridos com 20 clubes (só sofreu 25 gols, três abaixo do Palmeiras de 2013); o gol do título foi do Rafael Lima, ausente do voo trágico da Chapecoense no ano passado; o técnico Enderson Moreira renovou por mais um ano; e foi contratado o atacante Rafael Moura, do rival Atlético.

2º) Internacional vice e na Série A com 71 pontos - Efetivou Odair Hellmann como técnico, renovou por dois anos com D'Alessandro e contratou o atacante Roger, do Botafogo; e o goleiro Marcelo Lomba ajudou no resgate de um homem que foi levado pelo mar na Guarda do Embaú, em Palhoça.

3º) Ceará na Série A com 67 pontos - Renovado com o técnico Marcelo Chamusca e o artilheiro Elton, o clube teve 4 dos 5 melhores públicos desta Série B, o melhor deles com 56.999 diante do ABC; repatriou Felipe Azevedo, do Chiangrai da Tailândia, e contratou Douglas Coutinho, do Atlético Paranaense.

4º) Paraná na Série A com 64 pontos - De volta à primeira divisão após 10 anos, não conta mais com o aposentado goleiro Marcos (366 jogos de 1997 a 2001 e de 2013 até agora) e trocou de técnico, saindo Matheus Costa por não topar voltar a ser auxiliar e regressando Wagner Lopes.

5º) Londrina com 62 pontos - Cláudio Tencati saiu depois de 6 anos e Ricardinho é o novo treinador.

6º) Oeste com 59 pontos - Roberto Cavalo seguirá treinando a equipe no ano que vem.

7º) Vila Nova com 58 pontos - Ecival Martins foi aclamado para mais dois anos na presidência.

8º) Brasil de Pelotas com 51 pontos e 15 vitórias - Renovou com o técnico Clemer até o fim da próxima Série B e passou a ter o comentarista esportivo Vinícius Sinott como diretor executivo de futebol.

9º) Juventude com 51 pontos e 13 vitórias // 10º) Boa Esporte com 50 pontos

11º) Paysandu com 48 pontos e 13 vitórias - Perdeu Bergson para o Atlético Paranaense e perdeu definitivamente o benemérito Abílio Couceiro, falecido aos 82 anos e sócio número 001 do clube, além de diretor de futebol que contratou em 1965 o famoso goleiro Castilho, que esteve na famosa vitória sobre o Peñarol.

12º) Figueirense com 48 pontos, 12 vitórias, -5 de saldo e 44 gols pró - Contratou o atacante Romarinho, filho do senador e eterno artilheiro Romário, e perdeu Marquinhos por 1 ano, suspenso que foi por doping; e o ex-atacante Fernandes continuará nos bastidores do clube, agora como gerente de futebol.

13º) Criciúma com 48 pontos, 12 vitórias, -5 de saldo e 41 gols pró - Lisca será seu técnico em 2018.

14º) Goiás com 45 pontos, 12 vitórias e -11 de saldo - Além de tirar Marcos do rival Atlético, terá Túlio como gerente de futebol e Harlei como assessor do reeleito por aclamação presidente Marcelo Almeida.

15º) CRB com 45 pontos, 12 vitórias e -15 de saldo - O volante Olívio foi suspenso em 4 anos por doping.

16º) Guarani com 44 pontos e 11 vitórias - Fumagalli jogará mais um ano e será treinado por Fernando Diniz.

17º) Luverdense rebaixado com 44 pontos e 10 vitórias // 18º) Santa Cruz rebaixado com 37 pontos

19º) ABC rebaixado com 34 pontos // 20º) Náutico rebaixado com 32 pontos

*Arbitragem feminina nas despedidas dos times dos goleadores com 16 tentos: Deborah Cecília no empate do Oeste do Mazinho com o Goiás e Edina Alves Batista na derrota do Paysandu do Bergson para o Figueirense.

*Participantes da Série B de 2018: quatro de SP (Guarani, Oeste, Ponte Preta e São Bento), três de GO (Atlético, Goiás e Vila Nova), três de SC (Avaí, Criciúma e Figueirense), dois de AL (CRB e CSA), dois do PR (Coritiba e Londrina), dois do RS (Brasil de Pelotas e Juventude) e mais Boa Esporte (MG), Fortaleza (CE), Paysandu (PA) e Sampaio Corrêa (MA). Serão seis clássicos estaduais - três só goianos - nesta edição.

Curtinhas do futebol brasileiro

*Condenado em Nova York o ex-presidente da CBF, José Maria Marin, considerado culpado em seis das sete acusações de crimes de corrupção contra ele no "Fifagate". As sentenças aplicadas a ele e ao ex-presidente da Conmebol e também condenado Juan Ángel Napout serão conhecidas em 2018.

*Marco Polo Del Nero foi suspenso em 3 meses pelo Comitê de Ética da FIFA, mas como nem tudo é perfeito, o presidente interino da CBF será Antônio Carlos Nunes, o "Coronel Nunes".

*Campeão mundial e bi das Confederações pela Seleção, Kaká se aposentou dos gramados aos 35 anos. Ele venceu um RJ/SP pelo São Paulo, um Mundial e uma Liga dos Campeões pelo Milan e um Espanhol pelo Real Madrid, entre outros títulos, além de ter sido em 2007 o último brasileiro eleito melhor jogador do mundo.

*Com saldo simples em todas as fases e não só na finalíssima a partir de 2018 (o que fará o empate resultar em classificação do visitante melhor ranqueado na primeira fase e disputa de pênaltis na segunda), a Copa do Brasil de 2018 começará com estes confrontos: Caxias x Atlético Paranaense, Tubarão x América de Natal, Brusque x Ceará, Ariquemes x Londrina, Boavista x Internacional, Atlético Capixaba x Remo, São Caetano x Criciúma, Cianorte x ABC, Caldense x Fluminense, Novoperário x Salgueiro, Ceilândia x Avaí, Interporto x Juventude, Parnahyba x Coritiba, Uberlândia x Ituano, Sinop x Goiás, Vitória da Conquista x Boa Esporte, Nacional de Manaus x Ponte Preta, Inter de Limeira x Rio Branco do Acre, URT x Paraná, Independente x Sampaio Corrêa, Madureira x São Paulo, Manaus x CSA, Novo Hamburgo x Paysandu, Dom Bosco x CRB, Globo x Vitória, Corumbaense x ASA, Altos x Atlético Goianiense, Nova Iguaçu x Bragantino, Atlético Acreano x Atlético Mineiro, Floresta x Botafogo da Paraíba, Treze x Figueirense, Brasiliense x Oeste, Santos do Amapá x Sport, Ferroviário x Confiança, Itabaiana x Joinville, São Raimundo de Roraima x Vila Nova, Aparecidense x Botafogo, Aimoré x Cuiabá, Fluminense de Feira de Santana x Santa Cruz e Cordino x Náutico.

*Mais uma vez, o STF negou recurso do Flamengo e manteve o Sport como único campeão brasileiro de 1987.

*Presos (mas depois soltos) Alesson Galbão de Souza, Artur Mahmoud Machado e Filipe Dias, respectivos presidente de torcida organizada do Flamengo e assessor da presidência e gerente de arenas do Fluminense, todos alvos da Operação Limpidus, que investiga repasses de ingressos por clubes do RJ às torcidas organizadas.

*Embora aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, foi vetada pelo governador Luiz Fernando Pezão a obrigatoriedade arbitragem de vídeo nos jogos do futebol local.

*Também no RJ, a Justiça deu parecer favorável que determinou que FIFA e todas as confederações suspendam o uso do spray nos campeonatos de futebol pois Heine Allemagne, dono da empresa vitoriosa judicialmente, se diz um dos inventores da tecnologia e quer receber por isso o que alega ser seu de direito.

*Após treinar Atlético Mineiro, Fluminense e Santos, Levir Culpi volta ao Japão e treinará o Gamba Osaka.

*Além dos clássicos envolvendo os quatro grandes clubes de São Paulo, também os dérbis Guarani x Ponte Preta e os jogos da Macaca contra os quatro maiorais paulistas terão torcida única no ano que vem.

*Mais do que garantir a Série D para 2018 e resultar no título da Copa Paulista, a conquista da Ferroviária sobre a Inter de Limeira foi especial também pro seu treinador PC de Oliveira, de tantos êxitos no futsal com Seleção Brasileira, Corinthians, Ulbra e Internacional, e agora também no futebol de campo.

*Depois da saída do Paulo César Gusmão, que dirigirá o Madureira no próximo Campeonato Carioca, o próximo técnico da Portuguesa para a A2 do Paulistão será o ex-goleador Guilherme Alves. A estreia dele será no inusitado torneio entre Portuguesas (paulistana, Santista, da Ilha do Governador e Londrinense), em janeiro.

*Ex-Portuguesa, Marcelinho Paraíba seguirá nos campos em 2018 pois foi contratado pelo Treze.

*Contratado recentemente pelo Fortaleza, Derley teve ampliado de 4 jogos para 6 meses pelo STJD o gancho por agredir com uma cabeçada o árbitro do clássico contra o Náutico, na Série B deste ano.

*Obtida mais uma data para o Campeonato Catarinense do ano que vem ter uma finalíssima em jogo único.

*Candangão 2018, mas pode chamar de "a volta dos que não foram": o Gama terá o zagueiro pentacampeão mundial Lúcio e o Real Futebol Clube contará com Héverton, aquele da Portuguesa rebaixada em 2013.

*O Operário Várzea-Grandense desfez a contratação do técnico Estevam Soares e cancelou os planos de montar um elenco com jogadores famosos nacionalmente devido à falta de recursos.

*Confirmado está o ex-zagueiro Bolívar para treinar o União de Rondonópolis no Mato-Grossense.

*Fundado como Malutrom e chamado Corinthians Paranaense de 2009 a 2012, o J. Malucelli encerrou atividades. Seu auge foi no título do Módulo Branco na João Havelange 2000 e no vice paranaense em 2009.

*Tempos decisivos nas categorias de base: Palmeiras campeão da Copa do Brasil Sub-17 ao bater nos pênaltis o Corinthians; Vitória campeão da Copa do Nordeste Sub-20 ao superar o Bahia em Aracaju; Brasileirão de Aspirantes conquistado pelo Internacional ao derrubar o Santos; Supercopa Brasileira de Juniores conquistada nos pênaltis pelo Cruzeiro, que representará o país na Libertadores Sub-20, diante do Atlético Mineiro; e São Paulo campeão da Copa Ipiranga Sub-20 numa viradaça fantástica por 4 x 3 sobre o Palmeiras no último lance.

*Ligada ao Ministério do Esporte, a Secretaria Nacional do Futebol não é mais respondida por Gustavo Perrella, filho do senador e ex-presidente cruzeirense Zezé Perrella. O sucessor é André Luís Argolo.

*Futebol feminino: enquanto a Seleção acabou 2017 com duas vitórias amistosas sobre o Chile, acabou a parceria entre Corinthians e Audax (campeã da Copa do Brasil em 2016 e da Libertadores neste ano).

*Acabará em 31 de janeiro o comitê de futebol feminino criado na metade de outubro pela CBF.

Competições UEFA

*Oitavas da Liga dos Campeões (mandantes da volta citados primeiro): Tottenham x Juventus e Manchester City x Basel em 13 de fevereiro e 7 de março; Liverpool x Porto e Paris Saint Germain x Real Madrid em 14 de fevereiro e 6 de março; Barcelona x Chelsea e Besiktas x Bayern de Munique em 20 de fevereiro e 14 de março; e Manchester United x Sevilla e Roma x Shakhtar Donetsk em 21 de fevereiro e 13 de março.

*Tendo todos os seus representantes na próxima fase, a Inglaterra se tornou o primeiro país a classificar cinco equipes às oitavas da Liga. Destaque pro Liverpool, regressado a esta fase após 9 anos.

*A derrota do Manchester City pro Shakhtar foi a primeira de Gabriel Jesus depois de 403 dias e 42 partidas por ele, a Seleção e o Palmeiras, pelo qual perdera pro Santos. Foram 34 vitórias e 8 empates até então.

*A derrota pro Basel teve a volta ao Manchester United do lesionado por 7 meses Ibrahimovic, que se tornou o primeiro jogador da competição a defender 7 equipes diferentes no histórico. Depois, a virada em um minuto sobre o CSKA Moscou aumentou para 40 as partidas sem derrota no Old Trafford.

*Bola de Ouro da France Football pela 5ª vez, Cristiano Ronaldo virou o primeiro jogador a marcar ao menos uma vez em todos os jogos da fase de grupos ao guardar na vitória do Real sobre o Borussia Dortmund.

*Com 6 derrotas em 6 partidas, o Benfica de 2017/2018 é o português de pior participação na história da Liga dos Campeões, superando o Sporting de 2001/2002 com apenas dois empates.

*Décimas-sextas (ou dezesseis-avos) da Liga Europa a ser disputadas em 14 e 21 de fevereiro: Borussia Dortmund x Atalanta, Nice x Lokomotiv Moscou, Copenhague x Atlético de Madrid, Spartak Moscou x Athletic Bilbao, AEK Atenas x Dínamo de Kiev, Celtic x Zenit, Napoli x Red Bull Leipzig, Estrela Vermelha x CSKA Moscou, Lyon x Villarreal, Real Sociedad x Red Bull Salzburg, Partizan Belgrado x Viktoria Plzen, Steaua Bucareste x Lazio, Ludogorets x Milan, Astana x Sporting, Östersund x Arsenal e Olympique x Braga.

*O empate com o Östersunds marcou a estreia no Hertha Berlim do goleiro Jonathan Klinsmann, filho do Jurgen.

Copa do Mundo de 2018

*Sorteados os grupos: A com Rússia, Arábia Saudita, Egito e Uruguai; B com Portugal, Espanha, Marrocos e Irã; C com França, Austrália, Peru e Dinamarca; D com Argentina, Islândia, Croácia e Nigéria; E com Brasil, Suíça, Costa Rica e Sérvia; F com Alemanha, México, Suécia e Coreia do Sul; G com Bélgica, Panamá, Inglaterra e Tunísia; e H com Polônia, Senegal, Colômbia e Japão. A abertura em 14 de junho terá Rússia x Arábia Saudita, com os jogos da Seleção sendo contra Suíça no dia 17, Costa Rica no dia 22 e Sérvia no dia 27.

*Suspenso pela FIFA em cinco partidas por gesto ofensivo e racista em amistoso contra a Coreia do Sul, Cardona cumprirá a punição em amistosos e, com isso, está assegurado na Copa.

*A FIFA puniu a Nigéria por escalação irregular contra a Argélia, nas Eliminatórias Africanas, mas isso não alterou a classificação pois os nigerianos continuaram líderes da chave e classificados pro Mundial.

Curtinhas do futebol estrangeiro

*Renovado com o Barcelona até 2021 e Chuteira de Ouro como artilheiro europeu pelo 4º ano seguido, Messi chegou aos 526 gols ao marcar na trinca sobre o Real Madrid e superou Gerd Muller, no Bayern de Munique dos anos 60 e 70, como maior artilheiro dos principais nacionais europeus por um mesmo clube.

*A 3ª vitória consecutiva no Santiago Bernabéu dos catalães sobre os merengues (14 pontos atrás no Espanhol) também foi especial para Luis Suarez, que guardou uma vez e chegou aos 400 gols como profissional.

*Um dos dois gols de Takashi Inui na vitória do Eibar sobre o Girona foi o de número 70.000 da liga espanhola.

*Uma semana após voltar a trabalhar depois de ser operado devido a um câncer e mesmo nas oitavas da Liga dos Campeões, o técnico Eduardo Berizzo foi demitido pelo Sevilla devido a 4 jogos seguidos sem vitória.

*Destituído Ángel Maria Villar da presidência da Federação Espanhola, da qual já estava suspenso.

*Ao quatrilhar o Swansea, o Manchester City se tornou o primeiro clube em 129 anos de Campeonato Inglês a ganhar 15 partidas seguidas, superando as 14 do Arsenal em 2002. Com as goleadas sobre Tottenham e Bournemouth, o time treinado por Josep Guardiola chegou aos 17 êxitos consecutivos e terminou o primeiro turno com a extraordinária marca de 55 pontos ganhos com 18 vitórias e um empate.

*Se o City está por cima, o United está por baixo nestes dias tanto por ser eliminado nas quartas da Copa da Liga Inglesa pelo Bristol (da Segundona) - apesar do primeiro gol de Ibrahimovic desde que voltou a jogar - e por conceder o empate pro Leicester aos 49 minutos da segunda etapa.

*Com dois gols na quina do Liverpool sobre o Brighton, Roberto Firmino chegou aos 101 na carreira.

*Harry Kane fez 3 gols na vitória do Tottenham sobre o Southampton e chegou aos 56 em 2017, sendo o artilheiro máximo deste ano contra 54 do Messi. Além disso, chegou aos 39 gols em jogos do Campeonato Inglês neste ano, superando os 36 do Shearer do Blackburn de 1995 como maior goleador do torneio em um ano isolado.

*Na sofrida vitória do Arsenal sobre o Crystal Palace, Arsene Wenger chegou às 810 partidas como técnico no Campeonato Inglês, igualando Alex Ferguson no Manchester United de 1986 a 2013.

*Após perder para o Strasbourg a invencibilidade geral de 24 jogos (19 vencidos) desde ainda a temporada anterior, o Paris Saint Germain deu o troco ao eliminá-lo da Copa da Liga Francesa.

*Se alguém recordar de algum jogo aqui no Brasil ou mesmo no estrangeiro com cenário igualzinho ao Schalke 04 x Borussia Dortmund, gostaria de ser informado ou rememorado. Mas falo de cenário igualzinho mesmo a esse alemão, que nem foi o Borussia abrir 4 x 0 de vantagem e o Schalke buscar o 4 x 4.

*Nem mesmo a perda pra Juventus da invencibilidade de 26 partidas no Italiano desde fevereiro deixou o Napoli numa ruim. Na vitória sobre a Sampdoria, Hamsik entrou para a história do clube ao marcar um gol e chegar aos 116 pela agremiação, da qual é seu maior artilheiro com um tento acima de Maradona.

*Foi na estreia do ex-volante Gattuso como técnico do Milan que o Benevento conquistou seu primeiro ponto em 15 rodadas da primeira divisão italiana ao empatar em 2 x 2 aos 49 minutos da segunda etapa.

*Se não tem mais o goleiro Júlio César (que nega ter se aposentado), o Benfica mantém Jonas, cujos dois gols na sena diante do Vitória de Setúbal o tornaram o brasileiro mais artilheiro da história encarnada.

*Para celebrar seus 60 anos, a Eurocopa terá várias sedes em 2020: Roma e Baku no Grupo A, São Petersburgo e Copenhague no B, Amsterdã e Bucareste no C, Londres e Glasgow no D, Bilbao e Dublin no E, além de Munique e Budapeste no F. As quartas serão disputadas em Baku, Munique, São Petersburgo e Roma, enquanto semifinais e finalíssima acontecerão em Londres, mais especificamente em Wembley.

*O ex-atacante George Weah foi eleito presidente da Libéria em votação realizada em segundo turno.

*Duas tragédias na Europa: jogador do Shelbourne, Izzy Dezu morreu com apenas 16 anos ao desmaiar em campo durante um jogo do seu time no Irlandês Sub-16; e o ex-jogador Andrea La Rosa, de 35 anos e atual diretor esportivo do Brugherio de Monza, foi encontrado morto no porta-malas de um carro, colocado que foi ali por um homem e sua mãe, que o mataram por não quererem pagar um empréstimo em dinheiro feito por ele.

*Terá Juan Antonio Pizzi melhor sorte na Arábia Saudita do que Edgardo Bauza, que só a treinou por 3 partidas?

*Preso no México Jonathan Fabbro, jogador do Chiapas que era procurado pela Interpol em 192 países por ser acusado de algo nojento e repugnante: abusar sexualmente da afilhada de 11 anos.

*Técnico vice-campeão da América, Jorge Almirón deixou o Lanús e treinará o Atlético Nacional.

*Ariel Holán havia anunciado saída do Independiente, mas voltou atrás e continuará a treiná-lo em 2018.

*Ao derrotar o Comerciantes Unidos, o Alianza Lima conquistou o Apertura e voltou a ser campeão peruano depois de 11 anos e justamente na semana em que completou 30 anos a tragédia que matou 43 pessoas (incluindo 16 jogadores e 6 membros da comissão técnica) em um acidente aéreo no Oceano Pacífico.

*Campeão da Copa Argentina ao bater o Tucumán, o River Plate chegou ao 4º ano consecutivo com ao menos um título sob o comando de Marcelo Gallardo, que tem sete conquistas pela equipe.

*A vitória sobre o Newell's Old Boys teve fora do campo o maior golaço do Rosario Central, marcado que foi pela sua torcida ao ostentar no Gigante de Arroyito um bandeirão de 500 metros de largura por 40 de altura.

*A goleira Hope Solo concorrerá à presidência da USSF (Federação de Futebol dos Estados Unidos).

Curtinhas dos outros esportes

*Pena de Oscar Pistorius por matar a ex-namorada Reeva Steenkamp aumentou para 13 anos e 5 meses.

*Assassinado Edwin Mosquera, medalha de prata no levantamento de peso no Pan-Americano de 2007.

*Tristes mortes no Brasil: do triatleta Genilson Lima, 48 anos, desaparecido durante a natação do Ironman Brasil em Fortaleza; do campeão brasileiro de surfe Jean da Silva, encontrado sem vida em Joinville aos 32 anos; e do empresário Carlos Roberto Sampaio e Sá, 56 anos, organizador da Maratona do Rio e morto a tiros.

*Rússia fora dos Jogos Olímpicos de Inverno devido aos escândalos de doping, que dias antes haviam resultado no banimento de quatro atletas, entre eles Aleksandr Tretyakov, que teve cassada sua medalha de ouro no skeleton em Sochi 2014. Russos não dopados poderão competir em PyeongChang, mas sob a bandeira do COI.

*Isso respingou na Copa do Mundo, já que um dos banidos do movimento olímpico e de qualquer futura edição dos Jogos foi Vitaly Mutko, que deixou a presidência da Federação Russa para se concentrar em sua defesa.

*Doping detectado em Chris Froome, tetracampeão da Volta da França. O ciclista continuará competindo até uma decisão final ser tomada pois a substância encontrada na amostra não resulta em suspensão provisória.

*John John Florence conquistou na etapa disputada no seu Havaí o bicampeonato mundial de surfe.

*Enquanto a França venceu a Copa Davis ao derrubar a Bélgica por 3 vitórias a 2, o tênis terá as voltas da mamãe Serena Williams no simples e do desaposentado Lleyton Hewitt nas duplas do Aberto da Austrália. Quem também regressará às quadras após quatro anos afastada por várias lesões é Marion Bartoli.

*Abusos sexuais denunciados na ginástica, tanto o relatado por Moa Hjelmer sobre um companheiro de seleção sueca se aproveitar dela quando sob efeito de bebida alcoólica quanto os sete casos admitidos pelo médico Larry Nassar, que trabalhou por muitos anos na seleção americana e que foi condenado pela Justiça de Michigan a 60 anos totais de prisão por três destas acusações, cada uma rendendo 20 anos de detenção.

*Bela história a da Oksana Chusovitina, das mais longevas ginastas a ainda competir e ganhadora aos 42 anos da etapa de Cottbus da Copa do Mundo. Que a uzbeque faça bonito em Tóquio na sua oitava Olimpíada.

*Competições de ginástica por 8 meses sem Arthur Nory, submetido a uma nova cirurgia no ombro direito.

*Três saídas no Comitê Olímpico Brasileiro: do diretor de relações institucionais Bernard Rajzman, do diretor executivo de esportes Agberto Guimarães e do gerente geral de juventude Edgar Hubner.

*Outro incêndio no Velódromo do Parque Olímpico, outra vez causado por um balão. Tá "batizado" esse local.

*Adiada pela Justiça a nova eleição para a presidência da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos.

*O Prêmio Paralímpicos distinguiu como melhores atletas do ano a judoca Alana Maldonado e o nadador Daniel Dias, ausente da cerimônia pois brilhou no Mundial disputado no México ao ganhar 6 medalhas de ouro - mas não sendo o maior medalhista em quantidade pois André Brasil faturou 8 medalhas, sendo 7 de ouro.

*O bronze com 208 kg deu a Evânio Rodrigues o bronze que reconduziu o Brasil ao pódio do campeonato mundial de levantamento de peso depois de três anos, sendo o segundo brasileiro medalhista.

*Campeão mundial em 2007, o judoca Luciano Corrêa encerrou sua carreira aos 35 anos.

*Maria Portela faturou o ouro na categoria até 70 quilos do World Masters de Judô disputado na Rússia.

*Rose Volante campeã dos leves pela Organização Mundial de Boxe ao bater a argentina Brenda Karen Carbajal.

*Cruzeiro campeão brasileiro de futebol americano com 30 x 13 sobre o João Pessoa Espectros.

*A Volta Internacional da Pampulha foi vencida por Giovani dos Santos no masculino (sexta vitória consecutiva) e pela queniana Leah Jerotich (vencedora também da Maratona de São Paulo) no feminino.

*Vôlei fora das quadras: nasceu Alice, filha da líbero Camila Brait, do Nestlé, com o economista Caio Conca.

*França, Canadá, China, Holanda e Egito serão os adversários do Brasil no Mundial Masculino em 2018. Enquanto isso, Sérvia, República Dominicana, Porto Rico, Cazaquistão e Quênia são os desafios no Feminino.

*O Cruzeiro ficou em 3º no Mundial Masculino disputado na Polônia ao bater o anfitrião Belchatow. O título foi do Zenit Kazan, campeão pela primeira vez com 3 x 0 sobre o Civitanova da Itália.

*Vitória do SESI por 3 x 1 sobre o SESC teve o retorno de Murilo após 8 meses de suspensão por doping.

*A derrota do Bauru por 3 x 2 para o São Caetano foi histórica pela participação da ponteira Tiffany Abreu, a primeira jogadora transexual a disputar uma partida de vôlei feminino no Brasil.

*Poliana Okimoto se despediu das águas no Rei e Rainha do Mar em Copacabana, vencido pela equipe brasileira formada por ela e também por Ana Marcela Cunha, Allan do Carmo e Fernando Ponte.

*Futsal feminino do Brasil pentacampeão da Copa América com 3 x 0 sobre a Colômbia na finalíssima.

*Joinville campeão da Liga Futsal ao derrotar a Assoeva de Venâncio Aires na prorrogação.

*Eliminatórias do Mundial Masculino de Basquete começaram para o Brasil com vitórias por 86 x 73 sobre o Chile, fora de casa em Osorno, e 72 x 60 diante da Venezuela, este na Arena Carioca 1.

*Guaros de Lara campeão da Liga Sul-Americana de Clubes com 3 vitórias a 1 sobre o Estudiantes de Concordia.

*Guaros da Venezuela, que será um dos adversários do anfitrião Bauru no Grupo D da Liga das Américas de 9 a 11/2, assim como o Correcaminos do Panamá e o San Salvador de El Salvador. Antes, o Grupo B acontecerá no Chile de 26 a 28/1 com o anfitrião Español, o San Lorenzo e os nossos Paulistano e Mogi das Cruzes.

*O Brasil terminou o Mundial Feminino de Handebol disputado na Alemanha em 18º lugar, pior campanha desde o 20º de 2003. A França foi campeã depois de 14 anos ao vencer a Noruega por 23 x 21.

*Pinheiros heptacampeão brasileiro masculino com 29 x 26 sobre o Taubaté na segunda prorrogação.

*Mandatário da FIA desde 2009, Jean Todt foi reeleito para o 3º e último mandato, que acabará em 2021.

*Iniciada em Hong Kong, a nova temporada da Fórmula E não terá mais uma etapa em São Paulo em 17 de março. A prova foi cancelada devido ao processo de privatização pelo qual o local passará.

*Campeão mundial de endurance, Bruno Senna correrá as 24h de Daytona em janeiro com Fernando Alonso.

*As 500 Milhas de Kart da Granja Viana tiveram no quebra-pau entre Rodrigo Dantas e Tuka Rocha em plena disputa de prova aquele que já é um dos maiores vexames do automobilismo brasileiro na história.

*Com Valtteri Bottas vencendo, Sebastian Vettel sendo vice-campeão e Felipe Massa despedindo-se da categoria, a Fórmula 1 encerrou sua temporada nos Emirados Árabes Unidos para retornar em 2018, quando uma novidade já confirmada é o regresso da Alfa Romeo após mais de 3 décadas como parceira da Sauber, cujos pilotos serão Marcus Ericsson e Charles Lecrerc, deixando a categoria Pascal Wehrlein.

*Massa voltará às pistas em março na corrida de duplas da Stock Car, dividindo uma caranga com Cacá Bueno. Vencida por Daniel Serra nesta temporada, a categoria também terá Nelsinho Piquet na próxima.

*Calendário da Fórmula 1 em 2018: em março, Austrália no dia 25; em abril, Bahrein no dia 8, China no dia 15 e Azerbaijão no dia 29; em maio, Espanha no dia 13 e Mônaco no dia 27; em junho, Canadá no dia 10 e França no dia 24; em julho, Áustria no dia 1º, Inglaterra no dia 8, Alemanha no dia 22 e Hungria no dia 29; em agosto, Bélgica no dia 26; em setembro, Itália no dia 2, Cingapura no dia 16 e Rússia no dia 30; em outubro, Japão no dia 7, Estados Unidos no dia 21 e México no dia 21; e em novembro, Brasil no dia 11 (ainda em São Paulo, onde será reforçada a segurança após os incidentes deste ano) e Emirados Árabes Unidos no dia 25.

Esportes: datas em 0 ou 5 (de 23/11 a 31/12)

23/11 - 35 anos de Asafa Powell, atleta duas vezes campeão mundial e medalhista de ouro na Rio 2016 no revezamento 4 x 100 dos Estados Unidos, conquista da qual fez parte após cumprir 6 meses em reconsideração após 18 aplicados inicialmente por ser pego em exame anti-dopagem.

24/11 - 5 anos da morte de Héctor "Macho" Camacho, nascido em 1962 e boxeador quatro vezes campeão mundial, assassinado com tiros disparados em seu rosto por desconhecidos.

27/11 - 90 anos da maior goleada de todos os tempos no jogo maior das Minas Gerais: Atlético 9 x 2 Palestra Itália (posteriormente Cruzeiro); 90 anos da Argentina campeã sul-americana com 5 x 1 no Peru; 40 anos do maior público do Estádio Romeirão, com 24 mil pessoas no amistoso Guarani + Icasa 2 x 2 Fluminense; e 15 anos do maior público do Alfredo Jaconi, com 27.740 fãs no Juventude 0 x 1 Grêmio do Brasileirão.

28/11 - 55 anos do Santos campeão paulista com 6 x 2 sobre o Comercial (dois gols de Pelé e quatro de Coutinho); e 35 anos do Sport campeão pernambucano com 1 x 0 no Central pela final do 3º turno.

29/11 - 60 anos da morte de Graham Hill, nascido em 1929 e bicampeão da Fórmula 1 em 1962 e 1968, além de pai do também campeão da categoria Damon Hill e único piloto a vencer 24 Horas de Le Mans (1972), 500 Milhas de Indianápolis (1966) e GP de Mônaco (1963, 1964, 1965, 1968 e 1969); e 45 anos do maior público do não mais existente Estádio Machadão (56.320 pessoas em ABC 0 x 2 Santos).

30/11 - 145 anos do primeiro amistoso da história do futebol (Inglaterra 0 x 0 Escócia); e 35 anos do Peñarol campeão da Libertadores com 1 x 0 sobre o Cobreloa no jogo extra disputado em Santiago.

1/12 - 25 anos da morte de Athiê Jorge Cury, nascido em 1904 e maior presidente da história do Santos ao conquistar duas Intercontinentais, duas Libertadores, uma Recopa Intercontinental, uma Supercopa Sul-Americana, cinco Taças Brasil, um Robertão, cinco RJ/SP e 11 Paulistas ao comandá-lo de 1945 a 1971, além de ter sido vereador em Santos e deputado estadual em e federal por São Paulo.

2/12 - 95 anos do Cerro do Uruguai, que disputou três Copas Libertadores - coincidentemente, todas elas vencidas por clubes gaúchos, fosse adversário deles ou não (Internacional em 2010 e Grêmio em 1995 e 2017).

3/12 - 15 anos do Real Madrid campeão mundial ao marcar 2 x 0 no Olimpia pela Copa Intercontinental.

4/12 - 60 anos de Raul Boesel, ex-piloto das Fórmulas 1 e Mundial, além de dar nome ao autódromo de Curitiba desde 1987.

5/12 - 10 anos do Arsenal campeão da Copa Sul-Americana mesmo perdendo por 2 x 1 para o América, já que havia vencido a ida no México por 3 x 2 e, neste caso, gol fora era critério de desempate.

6/12 - 80 anos do nascimento de Alberto Spencer, falecido em 2006 e maior jogador equatoriano de todos os tempos e campeão nacional pelo Barcelona, mas especialmente vencedor de 14 troféus pelo Peñarol (incluindo dois Mundiais e três Libertadores).

8/12 - 10 anos do Marcílio Dias campeão da Recopa Sul-Brasileira ao marcar 4 x 1 sobre o Caxias.

9/12 - 50 anos de Popescu, zagueiro romeno que jogou as Copas do Mundo de 1990, 1994 e 1998, além de conquistar taças por Steaua Bucareste, PSV Eindhoven, Barcelona e Galatasaray.

10/12 - 25 anos do Goiatuba campeão goiano ao bater o Vila Nova por 2 x 0.

11/12 - 35 anos do Joinville campeão catarinense no 1 x 1 com o Criciúma; e 15 anos do San Lorenzo campeão da primeira Sul-Americana no empate sem gols com o Atlético Nacional.

12/12 - 35 anos do Vila Nova campeão goiano no 1 x 1 com o Goiás; e 35 anos do Peñarol campeão mundial nos 2 x 0 sobre o Aston Villa com direito a um gol de Jair, o "Príncipe Jajá".

15/12 - 40 anos de Mehmet Aurélio, ex-jogador brasileiro naturalizado turco e campeão por Flamengo, Trabzonspor, Fenerbahce, Betis e Besiktas; e 10 anos da morte de Ryan Gracie, lutador de jiu jitsu nascido em 1974.

16/12 - 50 anos de Donovan Bailey, velocista americano campeão olímpico dos 100 metros rasos em Atlanta 1996.

17/12 - 55 anos de Ademir Alcântara, artilheiro do Gauchão de 1984 pelo Pelotas e ex-Internacional e Coritiba; 45 anos do Sampaio Corrêa campeão da Série B no 1 x 1 com o Campinense; e 10 anos do Grêmio Osasco.

19/12 - 30 anos de Benzema, atacante tricampeão mundial e europeu, além de bi espanhol pelo Real Madrid.

20/12 - 75 anos do nascimento de Bob Hayes, falecido em 2002 e ex-velocista campeão olímpico dos 100 metros em Tóquio 1964 e da NFL pelo Dallas Cowboys em 1971; e 10 anos da morte de Cléberson, atacante nascido em 1976 e que defendeu a dupla Ba-Vi antes de sofrer um derrame cerebral que o vitimou dois meses depois.

21/12 - 30 anos de Éder, autor do gol do título de Portugal na Eurocopa de 2016.

28/12 - 45 anos de Patrick Rafter, ex-tenista bicampeão do Aberto dos EUA em 1997 e 1998.

29/12 - 25 anos da venda de Raí para o Paris Saint Germain (ele permaneceria mais seis meses no São Paulo).

30/12 - 40 anos de Laila Ali, boxeadora e filha de Muhammad Ali; e 30 anos do tenista Thomaz Bellucci.

31/12 - 55 anos de Nelsinho, ex-lateral do São Paulo campeão de uma Libertadores e dois Brasileiros.

Sintonia PB

*Li no Lauro Jardim que o Jornal do Brasil, apenas digital desde 2010, voltará a ser impresso a partir de 25 de fevereiro, licenciado que foi por 30 anos pelo proprietário Nelson Tanure para o empresário Omar Peres.

*Ganhadores do 18º Prêmio Press, promovido pela Revista Press para distinguir os melhores do ano no jornalismo gaúcho: Estagiário de Jornalismo para Luiza Fritzen (Jornal do Comércio); Repórter de Rádio para Samantha Klein (Guaíba); Repórter de TV para Daniela Mallmann (SBT); Repórter de Jornal ou Revista para Carol Zatt (JC); Colunista de Jornal ou Revista para Paulo Germano (Zero Hora); Comentarista de Televisão para André Machado (Band); Comentarista de Rádio para Adroaldo Guerra Filho (Gaúcha); Apresentador de Televisão para Daniela Ungaretti (RBS); Apresentador de Rádio para Diego Casagrande (Bandeirantes & BandNews FM); Jornalista de Web para Patrícia Knebel (JC); Repórter Fotográfico para Ricardo Giusti (Correio do Povo); Repórter Cinematográfico para Glaucius Oliveira (RBS TV); Locutor ou Apresentador de Notícias para Sérgio Stock (TV Band); Destaque do Interior para Denise Cruz (Rádio União FM de Novo Hamburgo); Programa de Rádio para "Timeline Gaúcha"; Programa de Televisão para "RBS Notícias"; e Jornalista do Ano para Patrícia Comunello (JC).

*Já o Prêmio ARI (Associação Riograndense de Imprensa) de Jornalismo teve como primeiros colocados a Gaúcha em Reportagem Geral de Radiojornalismo com "Cerco aos neonazistas", de Cid Martins, e o SBT em Reportagem Geral de Telejornalismo com "Novos imigrantes vêm ao RS em busca de trabalho", de Luciane Kohlmann.

*Lançados os sites pessoais dos jornalistas Lúcia Mattos e Leonardo Meneghetti, ambos ex-Band/RS e ele atualmente diretor geral da Band Paulista em São José do Rio Preto, onde residem.

*Desde 27/11, Marco Fonseca tem somado mais uma atividade ao semanal "Masbah!" no SBT/RS: a apresentação do "Programa do Capu" às 20h, de segunda a sexta, na Jovem Pan Grande Porto Alegre FM. Dela saiu Fabiano Brasil, que coordenava o comercial e apresentava a versão local do "Jornal da Manhã". Li no Coletiva que o RSCom, que detém a afiliada, chamará um repórter terceirizado para fazer o noticiário matinal.

*Arlindo Sassi saiu da Rádio Pampa após um mês. Li no Coletiva que ele pediu para sair devido a questões pessoais e por não se adaptar aos comentários jornalísticos, sendo atrações musicais o seu negócio.

*Ex-Rádio Gaúcha, RBS TV, TVCOM e FM Cultura, Sabrina Thomazi estreou na BandNews FM de Porto Alegre como apresentadora do "Band News Happy Hour", nos finais de tarde, ao lado de Ico Thomaz.

*Iniciou no último dia 11 a BandNews FM de Maringá, cujo prefixo 105,7 terá um formato diferente em relação às demais emissoras da rede: jornalismo mesclado com música, uma proposta que atenderá a cidades com até 500 mil habitantes. Serão transmitidos os noticiários do Ricardo Boechat às 7h30, "BandNews no Meio do Dia" às 11h e "O É da Coisa" às 18h, além das mais diferentes colunas dos colaboradores da emissora.

*Aconteceu a primeira migração do AM para FM de uma rádio de Florianópolis: a da Guararema 1230, que agora se chama Massa FM 97,7. Simone Malagoli e Rubinho foram os comunicadores da transição.

*Solidariedade à coletividade do rádio catarinense pelo falecimento em 22/11 do Antunes Severo, conterrâneo gaúcho de Itapevi, aos 85 anos. Ele mantinha atualmente o Instituto Caros Ouvintes (cujo portal é um ponto de encontro obrigatório para quem ama o rádio) e trabalhou em AMs como Diário da Manhã de Florianópolis e Difusora de Itajaí, da qual também foi gestor. Passou ainda pelo marketing das TVs RBS e Barriga Verde.

*Dizer o quê da nova prisão do Anthony Garotinho, substituído desde 22/11 pelo Cristiano Santos na faixa das 9h? Apenas que a Super Rádio Tupi sabia muito bem do risco corrido ao ter este senhor na sua programação e que não valia a pena apostar nisso por causa de patrocinadores para sanar suas dívidas, pois a dívida moral é impagável para todo sempre. Menos mal que a manhã da Tupi ganhou novo fôlego com a estreia na faixa das 10h do programa da Isabele Benito, a mesma que apresenta o "SBT Rio" às 11h40.

*Rádio de São Paulo: enquanto Helen Braun estreou no jornalismo da Globo FM no fim deste mês, sua sucessora no "Morning Show" deixou a Jovem Pan. Li no Anderson Cheni que Carolina Ercolin foi pra Rádio Eldorado.

*Goiás: Douglas Fernandes deixou a Record após 14 anos. Li no Gabriel Vaquer que ele foi pra TV Goiânia.

*Li no Flávio Ricco que as saídas de Luís Cruz e Nilton Senna das gerências regionais respectivas de Rio Grande do Sul e Pará se dá pelo SBT passar a comandar tudo a partir da matriz paulistana.

*Teve mudanças na televisão de Belém: desde o dia 4, René Marcelo passou a apresentar o "Barra Pesada" na hora do almoço da RBA (Bandeirantes), deixando a Record, na qual fez de 2011 até setembro deste ano o "Balanço Geral PA", recentemente fazendo a versão matutina do mesmo desde que o do meio-dia ficou para Marcus Pimenta. Nas manhãs da Record chegou Agenor Santos, que fazia justamente o "Barra" na RBA.

*No Amazonas, Amanda Couto deixou a TV A Crítica (Record) após 3 anos para tocar novas empreitadas e sua substituta no jornal noturno "A Crítica na TV" é Naiandra Amorim, que já o fazia eventualmente.

*Transferido para um apartamento do hospital onde está internado no Recife o apresentador Alexandre Farias, da TV Asa Branca (Globo Caruaru), que foi baleado na cabeça em 16 de setembro.

*Apresentador da TV Tambaú (SBT Paraíba), Fábio Araújo foi suspenso após uma piada considerada homofóbica com a cantora Pabblo Vittar durante a versão para o Facebook do jornal "Tambaú Notícias".

*Mudanças nas afiliadas da Globo: Roberto Appel deixou a direção jornalística da TV Bahia depois de 15 anos e o substituto é Eurico Meira, ex-RBS e que deixou a NSC de Santa Catarina.

*NSC, cuja nova repórter é Graciela Andrade, que estava na TV TEM de São José do Rio Preto.

*Rafaela Arns deixou o matinal "SC no Ar" e começará um novo projeto na RIC/Record a partir de 2018.

*Exibidora do desfile das escolas de samba de Porto Alegre, a TV Bandeirantes estreou no dia 2 o programa "Bah! É Carnaval", às 10h30 dos sábados, com apresentação de André Machado. Outra novidade foi a aquisição de Antônio Sacomory, ex-Record, como locutor de chamadas promocionais dos projetos de verão.

*Flávio Ricco noticiou uma denúncia de assédio sexual ocorrida no jornalismo da Record em São Paulo: a foto de um genital que parou no Whatsapp de uma funcionária do R7. Rolou comunicado e tudo mais, mas consta que a suspensão de 3 dias valeu na prática por apenas um por este funcionário voltar rapidinho às suas atividades.

*Ex-apresentador da RedeTV!, Eduardo Campos voltou ao vídeo como repórter do "Jornal da Cultura".

*A TV Brasil acenou com uma possibilidade de exibir gravado o "Sem Censura" depois do manifesto do Pedro Cardoso favorável aos grevistas da emissora e crítico ao governo de Michel Temer, mas a repercussão disso foi tão péssima que voltaram atrás e mantiveram a atração ao vivo. A greve acabou depois de 11 dias.

*Estreado pela Rede Minas no dia 11 o "Brasil em Rede", às 19h45, noticiário apresentado por Luciano Correia e Raquel Capanema com retransmissão por emissoras públicas e educativas de outros estados.

*Sobrou para Ricardo Martins, repórter da Band Triângulo. Ao questionar a procuradora jurídica da Câmara sobre um aumento em R$ 3 mil dos salários dos vereadores de Uberlândia concedidos por eles mesmos e revogado via decisão judicial, ele recebeu um tapa no microfone e ameaças de Alice Ribeiro, que ficou toda dodói quando perguntada se, por mais que fosse legal, não era imoral os vereadores aumentarem seus salários.

*Por contenção de gastos, a TV Bandeirantes demitiu o editor-chefe do "Brasil Urgente", Rodrigo Mariz.

*Apresentadora do "Jornal da Band", Paloma Tocci revelou que está grávida de dois meses.

*A Record escalou Tino Júnior para fazer o "Hoje em Dia" nas férias de César Filho em janeiro. Com isso, Ernani Alves já tem apresentado o "Balanço Geral RJ" do meio-dia no lugar dele.

*O SBT do Rio de Janeiro exibirá a virada de ano em Copacabana após o "Programa Silvio Santos", mas sem mostrar os shows dos artistas e sim exibindo o espetáculo pirotécnico e as reações dos populares. Melissa Munhoz fará a apresentação. Outra afiliada que mostrará a virada local será a TV Serra Dourada em Goiânia.

*Li no Flávio Ricco que Patrícia Vasconcellos passará a cobrir a política de Brasília pelo SBT, que não colocará um substituto na reportagem de Buenos Aires, que não terá mais um correspondente do canal.

*Joseval Peixoto deixou o SBT no dia 28, finalizando 6 anos de passagem pelo canal. Sua última participação está aqui e mereceu uma salva gravada de palmas ao término. Carlos Nascimento, que já apresentava o "SBT Brasil" duas vezes por semana, ficará nela toda em par com Rachel Sheherazade. Aos sábados, o revezamento de apresentadores passa a contar com Cassius Zeilmann e Daniel Adjuto.

*Uma edição especial de projeção da economia do Brasil para 2018 marcou na virada de 10 para 11 o retorno após 4 anos do "SBT Repórter", que teve Carlos Nascimento na apresentação.

*A Globo demitiu William Waack um mês e meio após o vazamento da ofensa racial dele fora do ar antes de uma entrada ao vivo dos Estados Unidos. Seu último "Jornal da Globo", no qual estava desde 2005, foi em 7/11. A última vez dele no "Jornal Nacional" foi antes ainda, em 23/9, ao lado de Ana Paula Araújo.

*Feito por Carlos Tramontina na semana de Natal, o "JG" passou a ter Renata Lo Prete como titular oficial no dia 27. Ela seguirá na GloboNews como apresentadora do "Painel", mas sai do "Jornal das 10", que vinha sendo ancorado por Natuza Nery e que passará a ser apresentado por Heraldo Pereira a partir do fim de janeiro, já que ele está fazendo o "JN" por três semanas ao lado de Giuliana Morrone.

*Giuliana, com quem Ana Luiza Guimarães formou dupla inédita neste noticiário no dia 16. Antes ainda, em 22/11, Renata Vasconcellos ficou adoentada e Luli esteve na bancada com William Bonner.

*No dia 21, Bonner "causou" ao fazer algo já demonstrado pelos apresentadores locais do Rio: ensinar, durante o "JN", que é melhor fazer vídeos na horizontal e não na vertical para serem melhor vistos na televisão.

*Dias esportivos para os apresentadores do "Bom Dia Brasil" na Globo: enquanto Chico Pinheiro viveu um dia de treinador no amistoso Amigos do Ronaldinho x Amigos do Penta que celebrou os 120 anos de Belo Horizonte, Ana Paula Araújo competiu pela primeira vez num evento aquático ao participar do Rei e Rainha do Mar no Rio.

*O "Jornal Hoje" virou notícia no último mês por algumas ocorrências: um oftalmologista de Goiás que mandou o repórter Renner Feitoza "comer m..." ao responder, sem saber que era gravado, quando operaria de catarata uma senhora de 54 anos há um e meio na fila da cirurgia, o que gerou um espantado "eu não ouvi o que eu ouvi, ouvi?" da Sandra Annenberg; um vivo do Bruno Tavares direto do Sírio Libanês acabou interrompido subitamente quando um desocupado surgiu atrás dele gritando "Globo lixo!" feito um maluco sem rumo e sem prumo; e um "eu te amo" da Sandra para Jô Soares após uma reportagem sobre a autobiografia do humorista.

*A exemplo do que já ocorria na época de Evaristo Costa (revisto numa bancada ao reviver a função de âncora de telejornal para um comercial da Netflix), Dony de Nuccio apresentou o "Fantástico" de Natal na folga de Tadeu Schmidt. No Ano Novo, Tadeu estará com Ana Paula Araújo na folga de Poliana Abritta.

*Para comemorar os 3 anos no ar, o "Hora 1" estreou novos gráficos e teve apresentadores dos "Bom Dia" locais participando ao vivo com Monalisa Perrone, que recebeu o paulista Rodrigo Bocardi e interagiu via telão com outros âncoras, como Flávio Fachel (RJ), Gabriel Senna (MG) e Daniela Ungaretti (RS), entre outros.

*Não são todas as pessoas que ficam atentas aos trotes do falso sequestro, muitas vezes a tensão e a aflição acabam falando mais alto. Foi assim com Eduardo Sternick, de 74 anos, pai da Renata Capucci, que recebeu no último dia 5 uma ligação de bandidos que diziam estar com uma arma apontada na cabeça da repórter e apresentadora da Globo para tomar dinheiro dele, que sacou R$ 2 mil para "pagamento de resgate". Renata localizou o pai, mostrou que estava tudo bem consigo, prestou queixa e agradeceu à força policial. Se a grana foi recuperada? Sinceramente, é o de menos. O que valia ali era um pai preocupado com sua filha.

*Luiz Nascimento deixa a direção do "Fantástico" após quase 25 anos e será substituído por Bruno Bernardes, que compõe a equipe do dominical desde 1999. Daniel Castro havia noticiado em agosto a saída do Luiz.

*Também li no DC que quem sairá no último dia deste ano é Humberto Pereira da chefia de edição do "Globo Rural", a qual exerce desde a estreia em 1980. O sucessor dele será o chefe de reportagem Lucas Battaglin. Também deixa a equipe do programa o chefe de redação Gabriel Romeiro.

*Desafiada por seguidores twitteiros, Mariana Gross apresentou o "RJTV: 1ª Edição" do último dia 1º com um figurino nas cores vermelha e preta do seu Flamengo no dia seguinte à classificação da Sul-Americana.

*Roberto Irineu Marinho passou a presidência das Organizações Globo (este PB não fala "Grupo Globo" nem se me derem um cargo executivo no referido) para Jorge Nóbrega, 20 anos na firma e primeiro "não-Marinho" a comandar os globais. Os filhos do "Dr." Roberto continuarão dando as cartas em linhas gerais.

*Exibida no dia 30, a "Retrospectiva 2017" teve em seus intervalos vários anúncios espichados do banco Santander. A curiosidade é quem os estrelou: Eduardo Grillo, ex-apresentador da GloboNews.

*Thaís Heredia foi demitida pela GloboNews após 5 anos. Ela era comentarista de economia no canal.

*Li na Cristina Padiglione que a Globo pediu à Record imagens da "Família Trapo" para exibir no "Conversa com Bial" que recebeu Jô Soares em 24/11, mas que elas não foram cedidas sob a justificativa de que deveria haver o aval para tanto dos atores em cena e dos familiares dos artistas já falecidos. O programa do Pedro terminou sua primeira temporada e será substituído por séries como "Fama e Poder" durante suas férias.

*O Viva fará algumas mudanças no fim de tarde a partir de janeiro: o "Bem Estar" ficará apenas na faixa da manhã e o "Vídeo Show" sairá do ar. O "Estrelas" passará a ter seu ano inicial (2006) reprisado às 16h15. Depois, também desde a estreia (2012), será exibido o "Encontro com Fátima Bernardes" às 17h. Por fim, o "Mais Você" deixará de ter exibida a edição do dia corrente e terá reprisadas as edições de seu primeiro ano (1999) às 18h15.

*Outra novidade do Viva começará no dia 1º, às 20h15: "Os Trapalhões", com os 40 episódios de 1988.

*Durante o quadro "Meu Vídeo é um Show", uma das novelas feitas por Marcos Caruso que o "Vídeo Show" resgatou foi "Éramos Seis", do SBT, que foi comprada pela Globo para uma nova versão ser feita.

*Luto na dramaturgia em 30/11 com a morte aos 65 anos da atriz Ana Maria Nascimento e Silva, que esteve em vários filmes não ou sim dirigidos pelo seu marido falecido em 2012, Paulo César Saraceni. Ana fez muitos trabalhos na TV, entre eles "O Salvador da Pátria" na Globo e "Jamais Te Esquecerei" no SBT.

*Já no dia 10 deste mês, morreu aos 98 anos Eva Todor, a húngara mais brasileira de todos os tempos e atriz de novelas como "Locomotivas", "Top Model", "Caminho das Índias" e a derradeira "Salve Jorge".

*No dia 26, quem faleceu aos 80 (ou 86) anos foi Aracy Cardoso, atriz de novelas como "A Gata Comeu" e "Sol Nascente", sua última na Globo. Quanto ao "80 ou 86?", é porque todas as fontes dão ela como nascida em 1937, mas a própria emissora deu 86 anos como sua idade ao noticiar sua partida.

*Com 34 anos e ator de novelas como "Vidas Opostas" na Record, Léo Rosa revelou que sofre de câncer.

*O "Programa Silvio Santos" exibiu no dia 3 o derradeiro "Jogo dos Pontinhos" gravado pelo Carlinhos Aguiar antes de ser demitido pelo SBT, só que todas as falas dele acabaram cortadas pela edição. Li no Gabriel Perline que o dono do bordão "meu povo e minha pova" foi contratado pela BandVale (Vale do Paraíba) para compor o elenco de "Topa Tudo", programa de câmeras escondidas que deverá estrear em fevereiro.

*Silvio pegou a todos de surpresa ao ter seu programa do domingo de Natal reprisado na segunda-feira à tarde, das 16h às 19h20 na rede nacional e até 19h45 em São Paulo e Rio de Janeiro.

*Não foi legal o SBT abrir mão do Moacyr Franco, isso é ponto certo por tudo de importante que ele já fez na televisão. Mas chamar de "insignificante" um salário de 40 mil reais, perdão, mas é de última. Claro que depois ele esclareceu que quis dizer "insignificante" para a realidade do canal, mas faltou falar isso lá atrás.

*Morreu no dia 9 Luiz Carlos Maciel, aos 79 anos, que foi um dos fundadores do jornal O Pasquim e teve duas décadas de préstimos à Globo e a última década a serviço da Record, voltando neste ano à Globo.

*Acabou após 8 anos o "Legendários" na Record. O último programa foi exibido no dia 29.

*"Luz do Sol" será a próxima novela reprisada pela Record às 15h, reprise começando no dia 15.

*A emissora portuguesa TVI exibiu durante duas semanas uma série com uma investigação sobre a Igreja Universal, que é acusada de promover uma rede de raptos de crianças a partir de Portugal.

*Depois de 6 anos, Diego Guebel deixou a Band. André Aguera assumiu a vice-presidência de televisão. A primeira medida da "gestão dele" foi a contratação de Cátia Fonseca, que saiu da TV Gazeta de São Paulo após 15 anos para apresentar em 2018 um programa feminino das 14h às 16h (rede nacional às 15h). Ela se despediu ao vivo do "Mulheres" no dia 22, depois sendo da Regina Volpato a apresentação no mês de janeiro.

*Será exibido no próximo dia 31 o último "Pânico na Band", das 21h às 22h. Depois, será transmitido o "Festival Virada 2018" de Salvador até as 3h. No dia 7, tem "Domingo no Cinema" com "Velocidade Máxima" às 22h.

*Amaury Jr. se despediu da RedeTV! depois de 15 anos pois reestreará no ano que vem na Bandeirantes.

*Ex-repórter do "Superpop", Luana Don foi condenada a 5 anos de prisão pela Justiça de Presidente Venceslau por participar de uma organização criminosa, mas seguirá em liberdade até o recurso ser julgado.

*Li no Mauricio Stycer que o GNT trocará quase todos os apresentadores do programa "Papo de Segunda" devido à má audiência. João Vicente de Castro é o único que continuará, enquanto Marcelo Tas, Léo Jaime e Xico Sá serão substituídos por Fábio Porchat, Emicida e um quarto componente a ser definido.

*A partir de "Reds" no dia 1º deste mês, a TV Cultura passou a mostrar os filmes do "Cine Cult" com som original e (minúsculas) legendas em primeiro plano, com a dublagem em português sendo disponibilizada no segundo canal de áudio - que, no entanto, não é disponível em algumas operadoras de TV por assinatura. O mesmo aconteceu em "Um Estranho Casal", "Bonequinha de Luxo", "Cinderela em Paris" e "Guerra e Paz". O primeiro clássico exibido em 2018 será "Crepúsculo dos Deuses" no dia 5 (cópia em formato 4:3, vide chamada).

*Luto em dose tripla: no dia 13, suicidou-se aos 34 anos Belén Persello, atriz argentina da novela "Quase Anjos", aqui no Brasil exibida pela Bandeirantes, e que sofria de depressão; no dia 14, morreu aos 99 anos o cartunista Bob Givens, que criou o primeiro desenho oficial de Pernalonga, "A Wild Hare"; e no dia 24, um câncer no cérebro vitimou aos 68 anos Heather Menzies-Urich, a Louisa von Trapp de "A Noviça Rebelde".

Sintonia PB: datas do Brasil em 0 ou 5 (de 23/11 a 31/12)

23/11 - 40 anos da TV Vilhena da cidade homônima de Rondônia, que compõe a Rede Amazônica e está com a Globo desde 1986, antes disso sendo afiliada da Bandeirantes.

24/11 - 80 anos do nascimento de Franco Neto, falecido em junho e mítico locutor noticiarista da Rádio Jovem Pan de 1972 até este ano, na qual teve grandes momentos como aqui escutada interpretação do texto "O Paradoxo de Nosso Tempo"; e 15 anos da estreia de "No Vermelho", programa da Rede Record com gincanas com famílias endividadas apresentadas primeiro por José Luiz Datena e depois por Otaviano Costa até 2003.

25/11 - 15 anos da realização do "Chamada Geral" não no estúdio e sim direto da redação da Rádio Gaúcha.

27/11 - 5 anos da estreia do "Luciana by Night", programa de entrevistas da Gimenez na RedeTV!.

28/11 - 55 anos de Marco Ricca, ator atualmente visto na "Escolinha do Professor Raimundo" na Globo.

29/11 - 50 anos do nascimento de Fernando Ramos da Silva, morto em 1987 e que fez o personagem principal de "Pixote, a Lei do Mais Fraco"; e 5 anos da morte de Joelmir Beting, jornalista especializado em economia nascido em 1936 e que passou por TV Record, Rádio e TV Bandeirantes, TV Globo, GloboNews, Rádio Gazeta, Rádio Excelsior, Rádio CBN, BandSports, BandNews e diversos jornais, o qual é lembrado aqui numa grande entrevista concedida em 2008 ao "Sofá Bandeirantes", quadro com Paulo Galvão na RB.

30/11 - 45 anos de Cláudio Lins, ator e cantor filho de Lucinha e Ivan Lins; e 20 anos do fim da afiliação da TV Pampa à Rede Manchete, que passou a ser vista em canal UHF em Porto Alegre.

1/12 - 25 anos da TV Correio da Paraíba, inicialmente afiliada da Rede Bandeirantes até 1997, quando passou a transmitir a Rede Record; 20 anos da estreia do "Fantasia", gincana de variedades do SBT exibida até 2000 e entre 2007 e 2008, que teve muitas apresentadoras e dezenas de dançarinas, do qual uma abertura é aqui recordada; e 20 anos da afiliação da TV Pampa à Rede Record, até então vista por UHF em Porto Alegre.

2/12 - 45 anos da TV Universitária de Natal; 10 anos da inauguração da televisão digital no Brasil, o que mereceu aqui um clipe especial exibido ao mesmo tempo em todos os canais; 10 anos da exibição pelo SBT de "Alexandre - o Grande", primeiro filme em alta definição transmitido na televisão brasileira; e 10 anos da estreia da TV Brasil, emissora da Empresa Brasil de Comunicação que substituiu a TV Educativa.

3/12 - 45 anos da TV Clube do Piauí, inicialmente exibidora de programas da Rede de Emissoras Independentes e da Rede Tupi e, no ano seguinte, também da Rede Globo, da qual passaria a ser afiliada exclusiva; 10 anos da estreia do "Balanço Geral SP" na Rede Record, que o exibiu até 2009 para regresso em 2012 na faixa do meio-dia; 10 anos da estreia do "Repórter Brasil" na TV Brasil; e 10 anos da Rádio Saudade FM de Santos.

4/12 - 90 anos do nascimento de Jacinto Figueira Júnior, falecido em 2005 e que criou no rádio o programa "O Homem do Sapato Branco", depois levado para a televisão em canais como Record, Band e SBT.

5/12 - 30 anos de Akemí Duarte, repórter da Rede Record Minas; e 5 anos da morte de Oscar Niemeyer, arquiteto que desenhou os grandes prédios de Brasília (entre outras obras) e que nasceu em 1907.

6/12 - 75 anos do nascimento de Arnaud Rodrigues, humorista falecido em 2010 e que foi ator e redator de humorísticos como "Chico City" na Globo e "A Praça é Nossa" no SBT; 70 anos de R. R. Soares, missionário religioso que foi um dos fundadores da Igreja Universal em 1977 e, três anos depois, fundou a Igreja da Graça; 45 anos da estreia do "Globo de Ouro" na Rede Globo, que o exibiu até 1990; 45 anos de Milhem Cortaz, ator de novelas como "Os Dez Mandamentos" na Record; e 10 anos do término do "Linha Direta", programa de casos policiais exibido pela Globo a partir de 1999.

7/12 - 10 anos do fim do "Sítio do Pica-Pau Amarelo" estreado pela Rede Globo em 2001.

8/12 - 70 anos de Ângela Leal, mãe de Leandra Leal e atriz de novelas como "Pantanal" na Manchete e "Dona Xepa" na Globo e na Record; e 25 anos do fim definitivo da "TV Pirata" na Globo.

9/12 - 40 anos da morte de Clarice Lispector, escritora nascida em 1920 e que concedeu aqui uma entrevista à TV Cultura oito dias antes de falecer; e 15 anos da implosão da Casa de Detenção de São Paulo, conhecida como Carandiru, reportada aqui por Carlos Maglio no "SBT Notícias", apresentado por Hermano Henning.

10/12 - 20 anos da estreia de Gorete Milagres como Filó na "Praça é Nossa"; 15 anos da morte de Átila Iório, ator nascido em 1921 e protagonista de filmes como "Os Fuzis" e "Vidas Secas"; e 15 anos do fim da série infantil "Ilha Rá-Tim-Bum" na TV Cultura.

11/12 - 95 anos do nascimento de Júlio de Mesquita Neto, jornalista falecido em 1996 e diretor de O Estado de S.Paulo de 1969 até a morte; 65 anos de Mário Gomes, ator de novelas como "Vereda Tropical" e "Perigosas Peruas" na Globo; e 15 anos da morte de Carlos Zara, ator nascido em 1930 e visto em novelas como "Mulheres de Areia" na Tupi e "Pai Herói" na Globo, tendo sido casado com Eva Wilma.

12/12 - 30 anos da RecordTV Cabrália, filial em Itabuna desde 2013 e que já foi afiliada de Manchete, SBT, Rede Família, Rede Mulher e Record News; 15 anos da morte de Orlando Villas Bôas, sertanista nascido em 1914; e 10 anos da morte de Borges de Barros, ator nascido em 1920 e dublador do Moe de "Os Três Patetas" e Dr. Smith em "Perdidos no Espaço", além de humorista da "Praça é Nossa" como Caro Colega.

13/12 - 45 anos de Vanessa Calheiros, locutora da Rádio Antena 1 e ex-Alpha FM, que foi personagem em 2010 do "Hoje em Dia" da Record, em reportagem de Denise Barra sobre vozes famosas cujos donos nem eram tão reconhecidos assim; e 40 anos de Fabiana Saba, ex-apresentadora do "Interligado" na RedeTV!.

14/12 - 95 anos do nascimento de J. Silvestre, animador de auditório falecido em 2000 e com passagens por diversas emissoras, visto em 1982 apresentando o quadro "Esta é a Sua Vida" no "Show Sem Limite", do SBT; 95 anos do nascimento de Moraes Sarmento, falecido em 1998 e primeiro apresentador do "Viola Minha Viola" na TV Cultura de 1980 a 1991, além de apresentar de 1958 a 1980 um programa com seu nome na Rádio Bandeirantes, do qual destaco de 1964 uma entrevista com Vicente Celestino; e 70 anos da ex-presidente Dilma Rousseff.

15/12 - 105 anos do nascimento de Oscar Niemeyer, arquiteto falecido em 2012; 30 anos do último "Viva o Gordo" na TV Globo; e 20 anos da estreia do "Jornal do SBT - CBS Telenotícias".

16/12 - 60 anos de João Dória Jr., atual prefeito de São Paulo e ex-apresentador do "Show Business" nas TVs Bandeirantes e Manchete; 55 anos de Luciana Braga, atriz de novelas como "Tieta" na Globo, "As Pupilas do Senhor Reitor" no SBT e "A Terra Prometida" na Record; 50 anos do fim de "Anastácia, a Mulher Sem Destino", novela da Globo marcada pela virada feita pela autora Janete Clair ao matar mais de 100 personagens; 15 anos da estreia de "Direitos Humanos", programa jornalístico da Record apresentado por Ricardo Capriotti e Simone Nitoli; e 5 anos do fim do primeiro "The Voice Brasil", da Globo, vencido por Ellen Oléria.

19/12 - 30 anos de Andressa Xavier, apresentadora do "Supersábado" na Rádio Gaúcha.

20/12 - 75 anos de Sílvio de Abreu, autor de novelas clássicas da Globo, como "Guerra dos Sexos", "Cambalacho", "Rainha da Sucata", "A Próxima Vítima" e "Belíssima", além das duas versões de "Éramos Seis" na Tupi e no SBT; e 45 anos de Susana Naspolini, repórter comunitária popular da TV Globo no Rio de Janeiro.

21/12 - 10 anos da morte de Norton Nascimento, nascido em 1962 e ator de novelas como "A Próxima Vítima".

22/12 - 35 anos de Alinne Moraes, atriz de novelas como "Viver a Vida", "Além do Tempo" e "Rock Story".

24/12 - 55 anos de Cezar Freitas, diretor de jornalismo da RBS TV do Rio Grande do Sul e ex-Rádio Gaúcha, Canal Rural e EPTV; 40 anos de Tiago Dimer, ex-repórter da Record/RS e ex-apresentador da TV Tropical de Natal; e 15 anos da morte de Altair Lima, nascido em 1936 e ator de novelas como "A Viagem" na Rede Tupi.

25/12 - 75 anos de Tânia Carvalho, colunista da Rádio Gaúcha e ex-apresentadora de "Jornal do Almoço" na TV Gaúcha (atual RBS), "Portovisão" na TV Difusora (atual Band), "Guaíba Feminina" e "Comportamento" na TVCOM, do qual assistem de 2003 a entrevista dela com o escritor Moacyr Scliar.

26/12 - 25 anos do fim do "Milk Shake", programa musical apresentado por Angélica na Rede Manchete.

27/12 - 60 anos de Carlos Maglio, ex-repórter e apresentador das rádios Globo e CBN de São Paulo; e 50 anos da TV Iguaçu, emissora líder da Rede Massa e afiliada do SBT desde a inauguração, antes disso retransmissora das redes REI (Rede de Emissoras Independentes), Globo e Tupi.

28/12 - 55 anos de Solange Frazão, professora de ginástica, Miss SP em 1982 e ex-apresentadora de Band, Rede Mulher e RedeTV!; 35 anos de Wanessa Camargo, cantora e filha de Zezé di Camargo; 25 anos da morte de Daniela Perez, atriz nascida em 1970 e assassinada pelo colega de novela "De Corpo e Alma", Guilherme de Pádua, conforme noticiado aqui em reportagens de Roberto Kovalick e Ângela Lindenberg no "Jornal Hoje" apresentado por Cláudia Cruz na Rede Globo; 25 anos da morte de Otto Lara Resende, nascido em 1922 e jornalista e escritor com passagens por O Globo, Manchete, Jornal do Brasil e TV Globo, na qual foi visto em 1977 entrevistando Vinicius de Moraes no "Painel"; e 15 anos do fim do "Disney CRUJ", programa infantil do SBT.

29/12 - 90 anos do nascimento de Canarinho, humorista falecido em 2014 e que foi o Garnizé do "Sítio do Pica-Pau Amarelo", além de marcar como ele mesmo na "Praça é Nossa" em quadros como este de 2005, com participação de Eliana; 55 anos da RBS TV de Porto Alegre, que mereceu em 2012 um "Globo Repórter" regionalizado pelo seu cinquentenário, com Sérgio Chapelin apresentando reportagens de Rosane Marchetti, Guacira Merlin, Patrícia Cavalheiro, Eduarda Streb e Glauco Pasa; 40 anos de Fernanda Vieira, repórter e apresentadora da TV Integração (Globo Uberlândia); 25 anos da renúncia de Fernando Collor de Mello e posse na presidência de Itamar Franco, o que mereceu aqui um histórico "Jornal Nacional" com Sérgio Chapelin, Marcos Hummel e Carlos Nascimento, com reportagens só sobre este assunto de Délis Ortiz, Alexandre Garcia, Andréa Boni, Renato Machado, Pedro Chagas Neto, Hermano Henning, Ana Paula Padrão, Beatriz Thielmann, Antônio Carlos Ferreira e Luiz Carlos Braga (também há reportagens de Roberto Kovalick, Isabela Scalabrini e Ilze Scamparini sobre a morte de Daniela Perez e de Reginaldo Leme sobre a São Silvestre, mais o tempo com Sandra Annenberg); 25 anos do fim do "Programa Legal", com Regina Casé e Luiz Fernando Guimarães; e 15 anos do fim da série "Sandy & Júnior".

30/12 - 45 anos de Selton Mello, ator e ex-dublador que será visto em breve na Globo em "Treze Dias Longe do Sol"; 25 anos do julgamento que suspendeu por 8 anos os direitos políticos de Fernando Collor, cujo desfecho foi reportado aqui por Alexandre Garcia em plantão por volta das 4h daquele dia, que interrompeu um "Cinema Especial" transmitido à última hora (as emissoras saíam do ar naquele tempo e, se o evento não avançasse, a programação teria encerrado no antecessor "Campeões de Bilheteria"); e 5 anos do fim de "A Grande Ideia", programa do SBT com matérias sobre empreendedorismo apresentadas por Carolina Castelo Branco, como esta aqui de João Fernandes sobre empresários que ficam milionários antes dos 30 anos de vida.

31/12 - 55 anos de Serginho Caffé, ex-apresentador musical de rádios como Bandeirantes FM e Cidade de São Paulo e de TVs como Band e Record, na qual fez sucesso com o "Kliptonita", do qual assistem um trecho de 1991 (som de apenas um dos lados); 55 anos de Pedro Cardoso, ator de "A Grande Família" e "A Vida ao Vivo"; 25 anos do último "Xou da Xuxa", cujo término está aqui (depois vieram alguns meses de reprises); 25 anos do último "Jornal da Manchete" apresentado por Eliakim Araújo e Leila Cordeiro, que se transferiam para o SBT; e 20 anos do último "TJ Brasil", do próprio SBT, então apresentado por Hermano Henning.

Sintonia PB: datas internacionais em 0 ou 5 (de 23/11 a 31/12)

23/11 - 130 anos do nascimento de Boris Karloff, ator falecido em 1969 e intérprete do monstro de "Frankenstein"; e 5 anos da morte de Larry Hagman, nascido em 1931 e eternizado tanto pelo Major Nelson de "Jeannie é um Gênio" de 1965 a 1970 quanto pelo J.R. Ewing de "Dallas" de 1978 a 1991 e entre 2012 e 2013.

24/11 - 75 anos de Billy Connolly, ator de filmes como "Proposta Indecente" e da série "Uma Turma Genial" (ou "Os Primeiros da Classe"); e 65 anos de Rachel Chagall, a Val Toriello de "Nanny" de 1993 a 1999.

25/11 - 70 anos de Jonathan Kaplan, diretor de "Acusados" e da série "Plantão Médico"; e 70 anos de John Larroquette, ator das séries "Night Court" e "The Librarians".

26/11 - 95 anos do nascimento de Charles M. Schulz, cartunista falecido em 2000 e criador de Charlie Brown e Snoopy.

27/11 - 60 anos de Ana Lilian de la Macorra, a Paty definitiva do "Chaves" entre 1978 e 1979.

28/11 - 65 anos de S. Epatha Merkerson, a Tenente Van Buren de "Lei e Ordem" da 4ª à 20ª temporadas; 55 anos de Jon Stewart, apresentador de talk-show de 1999 a 2015 e anfitrião do Oscar em 2006 e 2008; e 50 anos do nascimento de Anna Nicole Smith, modelo falecida em 2007 e famosa por ensaios de nudez na Playboy.

29/11 - 65 anos de Jeff Fahey, ator que fez o Frank na série "Lost"; e 55 anos de Andrew McCarthy, ator de filmes como "Manequim" e "Um Morto Muito Louco".

30/11 - 90 anos do nascimento de Robert Guillaume, falecido em outubro e que interpretou "O Poderoso Benson" de 1979 a 1986; 80 anos de Ridley Scott, diretor vencedor do Globo de Ouro por "Perdido em Marte" e indicado ao Oscar por "Thelma e Louise", "Gladiador" e "Falcão Negro em Perigo", além de realizador de "Alien" e "Blade Runner"; 65 anos de Mandy Patinkin, que fez o Dr. Geiger em "Chicago Hope" e o Gideon em "Mentes Criminosas", atualmente sendo o Saul de "Segurança Nacional"; e 35 anos de Elisha Cuthbert, a Kim Bauer da série "24 Horas" e atriz de filmes como "Show de Vizinha".

1/12 - 50 anos de Nestor Carbonell, ator das séries "Suddenly Susan" e "Lost".

2/12 - 35 anos da morte de Marty Feldman, ator nascido em 1933 e visto em comédias como "O Jovem Frankenstein" e "A Última Loucura de Mel Brooks".

7/12 - 85 anos de Ellen Burstyn, atriz vencedora do Oscar por "Alice Não Mora Mais Aqui" e indicada outras cinco vezes, entre elas por "O Exorcista" e "A Última Sessão de Cinema".

9/12 - 55 anos de Felicity Huffman, atriz indicada ao Oscar por "Transamérica" e que fez a Lynette na série "Desperate Housewives"; 45 anos da morte de William Dieterle, nascido em 1893 e diretor de filmes como "A História de Louis Pasteur" e "O Retrato de Jennie"; e 25 anos da morte de Vincent Gardenia, ator nascido em 1922 e indicado ao Oscar de coadjuvante por "A Última Batalha de um Jogador" e "Feitiço da Lua".

10/12 - 60 anos do nascimento de Michael Clarke Duncan, falecido em 2012 e Oscar e Globo de Ouro de coadjuvante por "À Espera de um Milagre"; e 40 anos de Emmanuelle Chriqui, atriz da série "Entourage".

13/12 - 60 anos de Steve Buscemi, ator da série "O Império do Contrabando" e de filmes como "Cães de Aluguel"; e 50 anos de Jamie Foxx, Oscar por "Ray" e ator de filmes como "Django Livre".

15/12 - 55 anos da morte de Charles Laughton, nascido em 1899 e ator de "O Corcunda de Notre Dame".

16/12 - 100 anos do nascimento de Arthur C. Clarke, falecido em 2008 e autor de ficções científicas, cujo conto "A Sentinela" originou o clássico "2001 - Uma Odisseia no Espaço".

17/12 - 125 anos da revista feminina Vogue; 45 anos de Laurie Holden, atriz das séries "Arquivo X" e "The Walking Dead"; e 25 anos da morte de Dana Andrews, nascido em 1909 e ator de filmes como "Laura".

18/12 - 125 anos da primeira apresentação do balé russo "O Quebra-Nozes"; 100 anos do nascimento de Ossie Davis, falecido em 2005 e ator de filmes como "Revanche Selvagem" e "Todos a Bordo"; e 20 anos da morte de Chris Farley, nascido em 1964 e comediante do "Saturday Night Live" e de filmes como "Um Ninja da Pesada".

19/12 - 115 anos do nascimento de Ralph Richardson, falecido em 1983 e ator de filmes como "Anna Karenina" e "Doutor Jivago"; 60 anos do nascimento de Cyril Collard, falecido em 1993 e diretor de "Noites Felinas"; 50 anos de Criss Angel, mágico e ilusionista; e 45 anos de Alyssa Milano, atriz das séries "Quem é o Chefe?" e "Jovens Bruxas", além de filmes como "Comando Para Matar" e "Medo".

20/12 - 85 anos do nascimento de John Hillerman, falecido neste ano e ator da série "Magnum".

21/12 - 80 anos da estreia de "Branca de Neve e os Sete Anões", animação clássica da Disney; 80 anos de Jane Fonda, atriz vencedora do Oscar por "O Passado Condena" e "Amargo Regresso", indicada ainda por "A Noite dos Desesperados", "Julia", "Síndrome da China", "Num Lago Dourado" e "A Manhã Seguinte"; e 60 anos de Ray Romano, protagonista e criador da série "Raymond e Cia." de 1996 a 2005.

22/12 - 55 anos de Ralph Fiennes, ator indicado ao Oscar por "A Lista de Schindler" e "O Paciente Inglês".

24/12 - 95 anos do nascimento de Ava Gardner, falecida em 1990 e atriz de "A Condessa Descalça" e "A Noite do Iguana", indicada ao Oscar por "Mogambo"; 25 anos da morte de Peyo, ilustrador belga nascido em 1928 e criador dos "Smurfs"; 20 anos da morte de Toshiro Mifune, nascido em 1920 e ator de filmes como "Rashomon", "Os Sete Samurais" e "Yojimbo"; e 5 anos da morte de Charles Durning, nascido em 1923 e ator de "Tootsie".

26/12 - 40 anos da morte de Howard Hawks, nascido em 1896 e diretor de filmes como "Scarface", "Levada da Breca", "Uma Aventura na Martinica", "Rio Vermelho", "Os Homens Preferem as Loiras" e "Hatari!".

27/12 - 15 anos da morte de George Roy Hill, nascido em 1922 e diretor vencedor do Oscar por "Golpe de Mestre" e indicado por "Butch Cassidy", realizador também de "Vale Tudo" e "O Mundo Segundo Garp".

28/12 - 95 anos de Stan Lee, criador de personagens como Homem-Aranha, Incrível Hulk e X-Men, entre outros; e 85 anos de Nichelle Nichols, a Tenente Uhura da série e dos filmes "Jornada nas Estrelas".

29/12 - 70 anos de Ted Danson, ator de "Três Solteirões e um Bebê" e de séries como "Cheers" e "CSI"; e 45 anos de Jude Law, ator indicado ao Oscar por "Cold Mountain" e "O Talentoso Ripley".

30/12 - 75 anos de Fred Ward, ator de filmes como "Alcatraz - Fuga Impossível" e "O Ataque dos Vermes Malditos"; 60 anos de Matt Lauer, jornalista que apresentava o "Today" na NBC até ser demitido por assédios sexuais cometidos por ele virem à tona; e 35 anos da atriz Kristin Kreuk, a Lana Lang de "Smallville".

31/12 - 80 anos de Anthony Hopkins, ator de "Nunca Te Vi, Sempre Te Amei" e Oscar por "O Silêncio dos Inocentes"; e 70 anos de Tim Matheson, ator de filmes como "Assassinato por Encomenda".

Clipe do Dia: tópico póstumo

Morreu em 30/11 Jim Nabors, aos 87 anos, ator de séries como "The Andy Griffith Show" e "O Fuzileiro das Arábias", além de atuar nos anos 80 em comédias estreladas por Burt Reynolds, como "A Melhor Casa Suspeita do Texas", "O Imbatível" e "Um Rally Muito Louco". Os dois últimos filmes têm o automobilismo como motivador de suas tramas. Automobilismo, no qual Jim marcou as 500 Milhas de Indianápolis ao interpretar "Back Home Again in Indiana" antes do início das provas de 1972 até 2014. Separei a apresentação de 1989 por razões mais que óbvias: é o ano da mítica vitória do Emerson Fittipaldi, a primeira do Brasil.

Clipe do Dia: datas em 0 ou 5 (de 23/11 a 31/12)

26/11 - 70 anos do nascimento de Zé Rodrix, falecido em 2009 e que emplacou aqui "Soy Latino Americano".

27/11 - 75 anos do nascimento de Jimi Hendrix, mítico guitarrista que tocou aqui a mítica "Hey Joe"; e 50 anos do álbum "Magical Mystery Tour", dos Beatles, que incluiu aqui "Penny Lane" entre os sucessaços.

28/11 - 85 anos do nascimento de Gato Barbieri, saxofonista argentino de jazz falecido em 2016 e vencedor do Grammy pela aqui escutada trilha sonora de "O Último Tango em Paris".

29/11 - 60 anos de Heitor Pereira, gaúcho de Rio Grande que foi guitarrista do Simply Red de 1988 a 1996, tocando temas como o curtido aqui "Stars"; e 35 anos da estreia de "Final Feliz", novela da Globo estrelada por José Wilker e Natália do Valle, que foi a primeira de Ivani Ribeiro na emissora e sua única criação original no Plim-Plim, cuja trilha de abertura aqui destacada foi "Flagra", com Rita Lee.

30/11 - 80 anos do nascimento de Luther Ingram, falecido em 2007 e que cantou aqui "(If Loving You Is Wrong) I Don't Want To Be Right"; 80 anos de Miúcha, cantora filha de Sérgio Buarque de Holanda, irmã de Chico Buarque e mãe de Bebel Gilberto, aqui conferida em apresentação ao vivo com Tom Jobim e Vinícius de Moraes para "Pela Luz dos Olhos Teus"; e 35 anos do lançamento de "Thriller", icônico álbum de Michael Jackson que emplacou "Billie Jean", "Beat It", "Human Nature", "The Girl is Mine" com Paul McCartney, "Wanna Be Starting Something", "P.Y.T.", "The Lady in My Life", "Baby Be Mine" e a faixa-título aqui mostrada em clássico não videoclipe e sim um curta-metragem musical de terror com direção de John Landis.

1/12 - 85 anos do nascimento de Matt Monro, falecido em 1985 e que fez o primeiro dos inúmeros covers de "Yesterday", além de cantar aqui "From Russia With Love" para "Moscou Contra 007".

3/12 - 90 anos do nascimento de Andy Williams, falecido em 2012 e que teve um programa na TV dos Estados Unidos de 1962 a 1971, sendo um crooner clássico que entoou clássicos como o aqui registrado "Moon River".

4/12 - 35 anos da morte de Gildo de Freitas, trovador e cantor popular gauchesco nascido em 1919, aqui acompanhado com "Eu Reconheço que Sou um Grosso" ao vivo e cujo dia do falecimento é considerado o Dia Estadual do Poeta Repentista Gaúcho.

5/12 - 85 anos de Little Richard, craque dos primórdios do rock e que teve aqui "Tutti Frutti" como um de seus maiores momentos; 70 anos de Egberto Gismonti, compositor e multi-instrumentista aqui destacado tocando "Palhaço" ao piano; 70 anos de Rick Wills, baixista do Foreigner de 1979 a 1992, tocando sucessos como o aqui apreciado "Waiting For a Girl Like You"; e 5 anos da morte de Dave Brubeck, pianista gênio do jazz nascido em 1920 e que acompanham aqui tocando ao vivo "Take Five".

6/12 - 40 anos da estreia da primeira versão de "O Astro", novela de Janete Clair na Globo com Francisco Cuoco e Dina Sfat, cuja abertura aqui vista tem João Bosco com "Bijuterias"; e 35 anos da estreia de "Campeão", novela da Bandeirantes estrelada por Rubens de Falco e escrita por Jaime Camargo e Marcos Caruso, que tinha aqui Erasmo Carlos na trilha de abertura com "Mesmo Que Seja Eu".

8/12 - 70 anos do nascimento de Greg Allman, falecido em maio deste ano e cantor da Allman Brothers Band, que tocou aqui "Ramblin' Man" ao vivo; e 35 anos de Chrisette Michelle, que cantou aqui "Best of Me".

9/12 - 60 anos de Donny Osmond, famoso ao melodiar aqui "Puppy Love"; e 45 anos de Tré Cool, que desde 1993 é baterista do Green Day, estando presente aqui em "Wake Me Up When September Ends".

10/12 - 60 anos de Paul Hardcastle, que lançou aqui "19", temaço dançante de vídeo e narrativa pesadíssimos ao abordar a Guerra do Vietnã e a idade média de 19 anos dos soldados combatentes; 55 anos do nascimento de Cássia Eller, falecida em 2001 e que emplacou diversos sucessos, como o aqui saboreado "O Segundo Sol"; 50 anos da morte de Otis Redding, nascido em 1941 e que teve aqui "Sitting On The Dock Of The Bay" lançado postumamente por gravado poucos dias antes do acidente de avião que o vitimaria; e 45 anos de Donavon Frankenreiter, que tocou aqui "Free", um clássico da surf music.

12/12 - 60 anos de Sheila E., ex-vocalista de apoio de Prince e que cantou em 1986 "A Love Bizarre"; e 10 anos da morte de Ike Turner, guitarrista nascido em 1931 e que formou dupla com a esposa Tina Turner em sucessos como "Land of a 1.000 Dances", em 1969, até que se separassem por ela não aguentar mais ser agredida por ele.

13/12 - 105 anos do nascimento de Luiz Gonzaga, o "Rei do Baião" falecido em 1989 e que é curtido aqui em uma versão de "Asa Branca" com as participações de Fagner, Sivuca e Guadalupe.

16/12 - 10 anos da morte de Dan Fogelberg, cantor nascido em 1951 e que fez sucesso em 1979 com "Longer".

17/12 - 50 anos de Gigi D'Agostino, DJ que emplacou em 1999 "L'Amour Toujours" (ou "I'll Fly With You").

19/12 - 65 anos do músico Walter Murphy, que lançou em 1976 "A Fifth of Beethoven" em ritmo discoteca.

20/12 - 70 anos de Gilbert Stein, egípcio que apresenta o "Chansons D'Amour" na Rádio Bandeirantes e que cantou sucessos como "Aicha", de 1997, trilha da recém reprisada novela "Por Amor"; e 70 anos de Gigliola Cinquetti, que estourou em 1966 com "Dio Come Ti Amo", canção que depois virou um filme estrelado por ela.

21/12 - 70 anos do nascimento de Paco de Lucía, guitarrista falecido em 2014 e que tocou "Entre Dos Aguas" em 1976, um dos tantos exemplos que o tornaram um expoente do flamenco em todo o mundo.

22/12 - 45 anos de Vanessa Paradis, atriz e cantora que estourou em 1988 com "Joe Le Taxi", que pouco depois ganharia a versão brasileira "Vou de Táxi" com Angélica; e 15 anos da morte de Joe Strummer, nascido em 1952 e vocalista e guitarrista do The Clash, cujos sucessos incluem "Rock The Casbah", de 1982.

23/12 - 50 anos de Carla Bruni, cantora italiana casada com o ex-presidente francês Nicolas Sarkozy e que cantou "Queleu'un M'a Dit" em 2003; e 10 anos da morte de Oscar Peterson, lendário pianista de jazz nascido em 1925 e que tocou aqui "Body and Soul" com John Williams e a Boston Pops Orchestra.

25/12 - 110 anos do nascimento de Cab Calloway, band-leader falecido em 1994 e que atuou em 1980 em "Os Irmãos Cara-de-Pau", no qual cantou "Minnie The Moocher"; 40 anos da morte de Charles Chaplin, nascido em 1889 e inesquecível humorista de "O Garoto", "Luzes da Cidade", "Tempos Modernos", "O Grande Ditador" e muito mais, mas também compositor de "Smile", gravada em 1996 toda instrumental por Olodum e Orquestra Sinfônica da Bahia; e 5 anos da morte de Dona Canô, nascida em 1907 e mãe de Maria Bethânia e Caetano Veloso, que dirigiu em 1986 o filme "O Cinema Falado", no qual ela cantou "Último Desejo", de Noel Rosa.

26/12 - 5 anos da morte de Fontella Bass, cantora nascida em 1940 e que entoou "Rescue Me" em 1965.

28/12 - 80 anos da morte de Maurice Ravel, compositor nascido em 1875 e cujo "Bolero" recebeu em 1985 uma belíssima versão ao vivo com a Filarmônica de Berlim regida por Herbert von Karajan.

30/12 - 70 anos de Jeff Lynne, integrante dos Traveling Wilburys e vocalista da Electric Light Orchestra, que teve em 1979 um de seus maiores sucessos com "Last Train To London".

31/12 - 75 anos de Andy Summers, guitarrista do Police, do qual um dos primeiros principais momentos veio em 1978 com "So Lonely"; 70 anos de Rita Lee, ex-Mutantes e rainha do rock brasileiro com uma infinidade de temaços, entre eles "Saúde", de 1981 (imagens de playback na RAI da Itália); 40 anos de Psy, sul-coreano que estourou em 2012 com "Gangnam Style"; e 20 anos da morte de Capiba, nascido em 1904 ecompositor de frevos do Brasil, incluindo o aqui apreciado "Madeira que Cupim Não Rói", com o coral do Bloco da Saudade.

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
INSTAGRAM: EduPapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.