.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Domingo e segunda, 23 e 24 de outubro de 2016 - ANO 14, EDIÇÃO 28
A 32ª rodada do Brasileirão

Iniciada em Santa Cruz 0 x 1 Botafogo na quarta-feira passada, ela continuou no sábado com apenas um jogo: São Paulo 2 x 0 Ponte Preta. Sinceramente, achei ter existido o pênalti para os tricolores devido à imprudência do braço aberto, por mais que não houvesse a intenção da infração. Com a regra atual, não dá para dar sopa pro azar. Neste jogo, com ingressos a preços reduzidos, os tricolores foram apoiados por 49 mil viventes no Morumbi.

No domingo, Palmeiras ampliando sua liderança. Primeiro, fez sua parte ao ganhar do Sport com desempate pouco antes do intervalo, mas os pernambucanos reclamam que um pênalti não foi dado no lance imediatamente anterior ao primeiro gol paulista. De fato, achei ter acontecido a infração do Mina com braço na bola e houve este prejuízo ao Leão, mas como havia tempo para reviravolta, isso poderia ter sido superado. Acabou que não foi.

Para deixar melhor a tarde palmeirense, o Flamengo tropeçou diante do Corinthians no regresso ao Maracanã com mais de 65 mil presentes, ainda que houvesse um erro da arbitragem ao validar o primeiro gol carioca mesmo com existente impedimento do Guerrero, o dobrador da jornada. A lamentar as cenas tristes de treta envolvendo torcedores corintianos e policiais nas arquibancadas. Pra quê isso, minha gente?

Enquanto isso, que Grenalzeco sem-vergonha esse na Arena, que de bom teve apenas seu maior público (53.287 pessoas), pois futebol inexistiu ou existiu em quantidade diminutérrima. Confusão, aí sim, teve de montão. Teve o William exagerando muito após tomar um "tabefeco" do Bolaños em sua barriga e teve o Edílson passando da conta ao dar socos no Rodrigo Dourado, correta a expulsão do gremista e inexplicável a do colorado.

Ao mesmo tempo, o Cruzeiro manteve uma longa escrita de se dar bem no Barradão diante do Vitória e ainda contar com Rafael defendendo um pênalti batido por Cárdenas, completando 5 partidas sem ser vazado. A seguir, Coritiba e Fluminense empataram em 1 gol. Do lado alviverde, o negativo foi a expulsão do Kléber por inexplicável parecer diante do visto nas imagens. Do lado tricolor, o tento do Gum ao fechar 350 jogos pelo clube.

Fechando o domingo, o Santos derrotou a Chapecoense na Condá pela vez primeira desde que se enfrentam na Série A e o Atlético Mineiro tinha apenas um gol de vantagem (e um golaço de falta do Otero) até 42 do segundo, quando enfim ampliou para trincar diante do Figueirense. Diante do empate do Flamengo, a disputa que antes era pela terceira vaga na fase de grupos da Libertadores neste momento está para por duas.

Com América Mineiro x Atlético Paranaense a ser disputado nesta segunda para terminar a rodada, a classificação do Brasileirão mostra estas posições: Palmeiras com 67, Flamengo com 61, Atlético Mineiro com 59, Santos com 58, Botafogo com 53, Corinthians com 49, Atlético Paranaense e Grêmio com 48, Fluminense com 47, Ponte Preta com 45, São Paulo e Chapecoense com 42, Cruzeiro com 41, Coritiba com 38, Internacional e Sport com 37, Vitória com 35, Figueirense com 32, Santa Cruz com 23 e América Mineiro.

A próxima rodada não terá jogos no domingo devido às eleições (horários DF): na quinta, Sport x Ponte Preta às 20h30; na sexta, Fluminense x Vitória às 19h30; no sábado, Atlético Mineiro x Flamengo, Corinthians x Chapecoense e Atlético Paranaense x Cruzeiro às 16h30, Botafogo x Coritiba e Internacional x Santa Cruz às 18h30 e Santos x Palmeiras e Figueirense x Grêmio às 19h30; e na segunda, América x São Paulo às 20h.

Série B: Atlético, Avaí e Londrina vencem a rodada

Os goianienses fecharam a 32ª com 10 pontos acima do 5° lugar, faltando 18 por disputar. Consideram eles que, com mais uma vitória, o acesso será confirmado na letra fria dos números. Melhor chutar o balde e deixar pra trás esta cogitação: o Atlético está, sim, de volta à Série A para 2017. Já os catarinenses fazem por valer esta condição ao baterem o Vila Nova de virada ainda na terça-feira e seguirem no G4. No mesmo dia, os paranaenses fizeram sua parte ao vencerem o Brasil e torciam por dois resultados paralelos para terminar a semana dentro da zona do acesso. Para sua sorte, eles aconteceram, resultando em uma rodada pra lá de perfeita.

Um deles foi na sexta-feira com o Náutico perdendo de virada para o Luverdense, resultado até surpreendente na campanha em si por um lutar pelo acesso e o outro então intermediário, mas normal diante da excepcional fase dos mato-grossenses como mandantes, com 6 vitórias e 8 jogos sem derrota neste sentido. Os pernambucanos vinham de 6 vitórias consecutivas e 8 partidas de invencibilidade. O lance mais decisivo foi uma aula de como um goleiro não deve se portar ao deixar a meta, Rodolpho colaborando diretamente pro tento do Alfredo. A mesma noite teve o Ceará emendando duas vitórias em casa após 5 mandos sem vitória (ainda que apenas um perdido) ao marcar dobro a nada sobre o Bragantino, que tem 7 derrotas nas últimas 8 rodadas e não empata há 12, das quais apenas 3 ganhas. Poderia ser 3 x 0, mas Bill desperdiçou uma penalidade máxima. No fim, não fez falta.

Mas voltando ao Londrina: depois do Náutico, ele precisava secar o Bahia. E assim aconteceu, o máximo obtido sobre o Oeste sendo o empate com um autogol. Os baianos não perdem há 3 rodadas e caíram apenas uma vez nas 5 últimas com 3 vitórias, só que fora de casa vão mal: 6 partidas sem sucesso com 4 empates e um êxito nas 13 últimas, das quais 7 perdidas. Isso evita que o Esquadrão tenha uma melhor sorte na competição. Quanto aos paulistas, são 3 empates seguidos por 1 x 1 e 11 rodadas sem vitória com 6 perdidas, sendo apenas uma vencida nas 14 últimas com metade empatada, além de um único mando de campo ganho nos últimos 9, embora apenas perdesse dois deles. Considerando-se que o Rubrão está com o treinador e a base do vice paulista Audax, é uma clamorosa decepção e a constatação de que aquilo foi um mero sonho de uma noite de verão.

Se um paranaense foi muito bem, o outro quebrou a cara por completo. O Paraná não só perdeu para o Vasco, o que era mesmo a lógica, como perdeu tempo com isso de querer mandar em Cariacica para lucrar 300 mil "temers" e basicamente ficando só nisso, já que o público mal passou dos 1 mil pagantes e 2 mil presentes. Enquanto os "donos da casa" perderam duas seguidas e não empatam há 9 rodadas, das quais 7 perdidas, os cariocas têm 7 rodadas sem empate com 4 triunfos e somente 5 vitórias nas últimas 14, mas voltaram a se dar bem fora de casa (ou "fora de casa" neste caso) depois de 8 aparições com metade perdida. A queda de rendimento é perceptível, mas a sorte vascaína é ter tido uma arrancada muito boa, que lhe permite seguir no G4 ainda assim.

Dois empates por 1 gol: primeiro, o de Paysandu e Goiás com o gol visitante anotado por David (200 partidas pelo Esmeraldino), o que deixou os paraenses com 3 rodadas sem vitória e uma ganha nas 5 últimas com duas perdidas, embora esteja invicto em casa há 5 presenças com 3 exitosas, e os goianos com somente uma visita ganha nas 5 últimas com 3 perdidas, além de muito irregular nas últimas rodadas com 4 vitórias, 3 empates e 4 derrotas; e depois, o de Tupi e Sampaio Corrêa só atrapalhando as vidas deles por mantê-los como co-lanternas, fazendo os mineiros completarem 10 rodadas sem sucesso com metade perdida e uma vitória nas 13 últimas com 6 perdidas, além de 6 jogos em casa sem vitória e 4 empatados, enquanto os maranhenses pela vez primeira no torneio ficam 4 rodadas sem derrota e faturaram apenas uma das 6 últimas, embora perdendo só uma.

A rodada acabou com duas derrotas catarinenses. Uma delas foi a do Criciúma para o Atlético Goianiense, que saiu atrás e conseguiu a virada aos 50 minutos da segunda etapa com Luiz Fernando, que estava em condição legal ao aproveitar a sobra, não importando que um companheiro estivesse impedido pois ele não foi na bola. Os goianos emendam 4 vitórias e 5 rodadas de invencibilidade, perdendo apenas uma das 15 últimas com 9 ganhas e tendo 3 vitórias nas últimas 4 visitas. Já começam a fazer as contas para saber qual pode ser a partida do acesso na letra fria dos números (o "acesso matemático"). Por sua vez, o Tigre emenda duas derrotas, perdeu 3 das 5 últimas rodadas e não empata há 9, das quais 5 exitosas. Como mandante, voltou a perder depois de 3 triunfos e 4 comparecimentos. O problema é que, das últimas 11 jornadas em casa, venceu apenas 4.

A outra derrota catarinense teve a arbitragem como personagem central. Se por um lado Caio Max Vieira acertou ao validar o gol de empate do CRB pois Neto Baiano passou de impedido para "impedido" pela bola vir não de um colega e sim do adversário Naldo, acho que prejudicou o Joinville ao dar pênalti no gol da virada, quando achei ter sido uma forçada de barra do mesmo Neto sobre o goleiro. Os alagoanos emendam duas vitórias, não empatam há 5 rodadas com 3 vitoriosas e não ganhavam em casa havia 4 partidas com 3 perdidas. O Galo da Pajuçara tem como prejudicial ser muito 8 ou 80 em casa: 7 vitórias, 2 empates e 7 derrotas. Enquanto isso, o JEC tem apenas uma vitória nas 11 últimas rodadas com 5 perdidas e tem 5 jogos sem vitória fora de casa com 4 perdidos, se dando bem apenas uma vez nas 11 últimas visitas com 9 tombos. Difícil crer em recuperação.

Vamos à classificação da Série B: na zona do acesso, Atlético com 61, Vasco com 57, Avaí com 54 e Londrina com 52; depois, Náutico com 51, Bahia com 50, CRB com 49, Ceará com 47, Criciúma e Luverdense com 46, Brasil com 45, Vila com 43, Goiás com 41, Paysandu com 40, Paraná com 36 e Oeste com 34; e na zona do rebaixamento, Bragantino com 30, Joinville com 29 e Tupi e Sampaio com 27.

A próxima semana aponta (sempre no horário de verão): na terça, Oeste x Luverdense às 19h15, Sampaio Corrêa x Vila Nova às 20h30 (jogo atrasado) e Goiás x CRB às 21h30; na quarta, Vasco x Avaí às 21h45; na sexta, Criciúma x Londrina às 19h15, Paraná x Bragantino às 20h30 e Náutico x Atlético Goianiense e Joinville x Brasil às 21h30; e no sábado, Bahia x Ceará e Paysandu x Sampaio Corrêa às 17h e Tupi x Vila Nova às 21h.

Série C definindo os finalistas

Todos os semifinalistas já garantidos na próxima Série B, mas título é bom e ninguém joga fora. Assim, o Boa Esporte se classificou ao novamente fazer 2 x 1 no Juventude. Já o Guarani contrariou aquilo que eu e um tantão de gente (que falou isso antes, já que depois é fácil dizer) achava depois da partida de ida e não apenas reviravoltou os 4 x 0 feitos na ida pelo ABC, como ainda aplicou uma monstruosa goleada de 1, 2, 3, 4, 5, 6 x 0, na sua noite mais espetacular em muitos anos. Pena que pouco mais de 3 mil torcedores assistiram do Brinco de Ouro com o horário horrível das 21h, pois foi uma atuação digna de casa cheia. Claro que a expulsão de Jones Carioca na etapa inicial ajudou, mas é aquilo: não adianta ter facilidade pela frente se você não souber tirar proveito. O Bugre soube e soube lindamente, com Fumagalli comendo a bola ao marcar 3 gols em sua jornada 251 pela equipe. A finalíssima terá ida em Campinas (a saber se mesmo com portões fechados, conforme punição aplicada aos verdes pelo STJD, ou se também aqui pode rolar reviravolta) e volta em Varginha pela melhor campanha total dos bovetas.

O que repercutiu muito - e depois rolou desconversa de que "não era bem isso", algo típico dessas horas - foi uma declaração do Pio ao "Trem Bala", da TV O Povo e do Esporte Interativo. Ex-jogador do Fortaleza após mais uma não obtenção do acesso, ele disse que "alguém" dentro do clube havia falado para a equipe perder pro Botafogo da Paraíba para ser evitado nas quartas-de-final o Juventude. Ele disse que não toparia isso pois quem quer vencer taças tem que encarar seja o que for e que ninguém entraria para perder. Resultado final: 0 x 0.

O último campeão estadual de 2016

Veio do Amazonas e é o Fast, que não conquistava o Barezão havia 45 anos. O atraso foi tirado em jogo único na Arena da Amazônia com 3 x 1 sobre o Princesa do Solimões, totalizando em 10 vitórias, 2 empates e 2 derrotas, com 29 gols marcados e 7 sofridos, a campanha do sétimo título estadual do Tricolor do Boulevard.

Assim, a lista dos 27 campeões regionais deste ano ficou assim: ABC no RN, América em MG, Atlético no AC, Atlético no PR, Campinense na PB, Chapecoense em SC, CRB no AL, Desportiva no ES, Fast no AM, Fortaleza no CE, Goiás no GO, Gurupi em TO, Internacional aqui no RS, Luverdense no MT, Luziânia no DF, Moto Club no MA, Paysandu no PA, Ríver no PI, Rondoniense em RO, Santa Cruz em PE, Santos no AP, Santos em SP, São Raimundo em RR, Sergipe em SE, Sete de Dourados no MS, Vasco no RJ e Vitória na BA.

Curtinhas

*A Copa Flórida fechou os times do "Desafio das Nações" de 2017 ao convidar o Estudiantes, que jogará contra o Flamengo em 15 de janeiro e o Bayer Leverkusen uma semana antes. Eles não se enfrentam desde 1994.

*Depois de ter rescindido o contrato vitalício com o Santos, Pelé foi nomeado presidente de honra do Tricordiano, o clube da sua Três Corações, que terá seu filho Edinho como treinador no próximo Campeonato Mineiro.

*Quatro "brasileiros" convocados para a próxima rodada dupla das Eliminatórias: a Argentina chamou Pratto, do Atlético Mineiro, e Buffarini, do São Paulo, para enfrentar Brasil e Colômbia; e o Peru convocou Guerrero, do Flamengo, e Cueva, do São Paulo, para os confrontos contra Paraguai e Brasil.

*Mais um clube definido no Mundial de dezembro no Japão: o Mamelodi Sundowns da África do Sul, campeão africano mesmo sofrendo 1 x 0 do egípcio Zamalek pois fez 3 x 0 na ida. Chamaros de "Brazilians" por causa do uniforme verde e amarelo, eles se juntam a Real Madrid, Atlético Nacional, Auckland e América do México.

*Com gol único do jovem da base Locatelli, o Milan voltou a vencer a Juventus depois de 3 anos e 11 meses.

*Marcello Lippi é o novo técnico da China. Território familiar: de 2012 a 2014, ele comandou o Guangzhou.

*Domingo dos 50 anos do ex-piloto de Fórmulas 1 e Mundial Alessandro Zanardi, bicampeão paralímpico de ciclismo nos Jogos do Rio de Janeiro e maior vencedor da modalidade, com 4 ouros e 2 pratas.

*Grupos do WTA Finals iniciado neste domingo: Branco com Angelique Kerber, Dominika Cibulkova, Madison Keys e Simona Halep; e Vermelho com Agnieszka Radwanska, Garbiñe Muguruza, Karolina Pliskova e Svetlana Kuznetsova. A grande ausência este ano é Serena Williams, com uma inflamação no ombro.

*Domingo dos 40 anos de Lenísio, 5 vezes campeão da Liga Futsal por Atlético Mineiro, Ulbra e Jaraguá.

*A péssima do vôlei: a agressão denunciada por Luciana Severo, do Fluminense, que relatou ter tido nariz e um dedo quebrados por socos e chutes de um taxista revoltado que a teria insultado. Até quando isso?

*A ótima do vôlei: Emanuel ingressado na Galeria da Fama da modalidade, nos Estados Unidos, que agora tem 13 brasileiros (os outros são Adriana Behar, Ana Moser, Bebeto de Freitas, Bernard, Carlos Arthur Nuzman, Fofão, Jackie Silva, Maurício Lima, Nalbert, Renan Dal Zotto, Sandra Pires e Shelda). Muito justo!

*Na falta de algo melhor, paciência: Rexona acabando o Mundial Feminino na 5ª posição com 3 x 2 no Hisamitsu Springs (20/25, 25/22, 25/15, 30/32 e 15/7). Final à europeia com Eczacibasi x Casalmaggiore e título das turcas, que têm a brasileira Thaísa, em jogão vencido por 3 x 2 (25/19, 20/25, 25/19, 22/25 e 15/11).

*Mundial Masculino decidido no domingo por Cruzeiro, que venceu a semifinal sobre o Bolívar por 3 x 1 (21/25, 25/15, 25/15 e 25/19), e Zenit Kazan, que aplicou 3 x 0 no Trentino (25/18, 25/23 e 25/18). A grande decepção foi o Minas, que nem sequer uma vitória de honra obteve ao tomar 3 x 1 do Bolívar (25/18, 19/25, 19/25 e 22/25). Na final, mais uma grande conquista dos impossíveis e indomáveis azuis com 3 x 0 sobre os russos (25/21, 25/23 e 25/18). Tricampeonato mundial, feito que coloca a Raposa num patamar muito acima dos demais. Dá-lhe!!!

*Fórmula 1 correndo nos EUA. Lewis Hamilton largou na pole position e venceu a prova do Texas, atingindo 50 vitórias na carreira e chegando aos 305 pontos, mas pouco adiantando isso pois Nico Rosberg chegou em segundo e foi aos 331 pontos. Desta maneira, o alemão pode ser campeão já domingo que vem no México, desde que vença e o inglês não pontue. Muito difícil, mas numa dessas vai que...? Bom é que não demorará muito para termos a continuidade desta contenda entre aqueles que Letícia Dornelles chamaria de "amigos e rivais".

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Sei pelo Rodney Brocanelli que, sem que haja mais especificações, Carlos Graieb saiu da Rádio Jovem Pan após somente 2 meses. Ele participava do "3 em 1", às 17h30, o antecessor do "Os Pingos nos Is".

*Record divulgando duas vice-lideranças aqui em Porto Alegre na segunda-feira passada: "Rio Grande no Ar" com 28% de participação, 424% a mais de audiência que o terceiro lugar e 146 mil telespectadores das 7h30 às 8h55; e "Balanço Geral RS" com 9,3 pontos, 25% de participação e 297 mil telespectadores.

*Rede Record tendo neste domingo os debates para prefeito neste segundo turno, desta vez às 23h15, meia hora mais tarde que no primeiro. Rio de Janeiro sem o seu por ter sido cancelado o de lá. Enquanto no primeiro turno as cidades sem debate tiveram um cinema especial com o "Alvo", desta vez nada de diferenciação para São Paulo e regiões com prefeito já escolhido, passando o "Repórter em Ação" depois do "Domingo Espetacular".

*Não foi gravada de São Paulo e sim ao vivo nos estúdios do SBT/RS a presença da Natuza Nery, colunista da Folha de S.Paulo, com perguntas para os candidatos Nelson Marchezan Jr. e Sebastião Melo no debate de sexta-feira. Foi um debate curto, exibido das 22h25 às 23h25, pois ocupou a faixa do "Programa do Ratinho".

*A sexta-feira também teve um debate muito tenso na RedeTV! em Belo Horizonte. Em dado momento, João Leite ficou tão irritado com Alexandre Kalil que levantou o dedo na sua direção e um intervalo teve que ser chamado. Por pouco não rolou soco, pareceu Orestes Quércia x Rui Xavier naquele "Roda Viva" em 1994. Isso que eles são atleticanos, imagine... Mas a melhor da noite veio da Mariana Godoy, que dividiu a mediação mais uma vez com Amanda Klein, ambas sofrendo com manifestos da plateia. Disse Mariana: "peço aos seguranças que identifiquem a pessoa que quer participar do debate e está sem microfone para que tome um café."

*A tristeza da sexta-feira na TV Morena (Globo Mato Grosso do Sul) foi a morte aos apenas 25 anos do repórter Michel Lorãn, vítima de um aneurisma cerebral. Dela ele fazia parte desde abril deste ano.

*Carlos Tramontina na Rádio Bandeirantes. Não, ele não deixou a Globo, permanecendo à frente do "SPTV" das 19h15. Foi uma participação como entrevistado no "Fôlego", o matinal dominical de corridas de rua apresentado pelo Ricardo Capriotti e pelo Sérgio Patrick, ao contar suas experiências em maratonas e corridas.

*Dura 15 minutos o "Zero 1", programa de games e assuntos nerds apresentado pelo Tiago Leifert estreado nesta virada de sábado para domingo pela Rede Globo. Evidentemente, muito à vontade nele ele se sente.

*Estreado pelo SBT neste sábado um novo programa apresentado pela Ticiana Villas Boas: "Duelo de Mães", uma competição gastronômica entre genitoras. Próxima sexta, ele passará também no Discovery Home & Health.

*Sábado dos 65 anos de Denise Bandeira, atriz de filmes como "Se Segura, Malandro!" e colaboradora e co-autora de algumas novelas da Rede Globo, como "A Favorita" e "Escrito nas Estrelas".

*Domingo dos 40 anos de Ryan Reynolds, de "Três é Demais" (não "Full House" e sim "Two Guys, a Girl and a Pizza Place"; só nós para darmos título igual para séries diferentes) e de filmes como "Apenas Amigos".

*Domingo dos 80 anos de Philip Kaufman, roteirista e diretor de filmes como "Os Eleitos - Onde o Futuro Começa", "A Insustentável Leveza do Ser" e "Contos Proibidos do Marquês de Sade".

*Segunda-feira dos 25 anos da morte de Gene Roddenberry, nascido em 1921 e "apenas" o criador da série "Jornada nas Estrelas", que originaria a maior franquia da história da ficção-científica.

*Leio no Daniel Castro que duas grandes séries da atualidade na TV americana estrearão em canal aberto pela Globo nas próximas semanas: "How To Get Away With Murder", trama policial com Viola Davis, de 28 de novembro a 16 de dezembro; e "Empire", drama musical com Terrence Howard e Taraji P. Henson, a partir de 19 de dezembro. Ambas passarão no madrugadão, depois do "Programa do Jô" e antes do "Corujão". Esta semana ainda tem "Segredos e Mentiras" e, a partir da segunda-feira da semana que vem, o 3° ano de "Revenge".

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Momento Raridade Rara: Rolando Boldrin 80 anos

Apresentador, ator, dublador e cantor, ele celebrou a data neste sábado. Nas últimas três décadas e meia, tornou-se um grande divulgador da música regional de todos os cantos do Brasil através dos programas apresentados por ele. Deles, o único do qual não encontrei no YouTube um só registro que fosse é o "Estação Brasil", que comandou na CNT em 1997. Mas dos demais deu para buscar o que compõe a seguir este tópico:

De 1982, "Som Brasil" na Globo com a apresentação da dupla Pena Branca & Xavantinho, que canta "Cantiga Caicó". Este programa surgiu em 1981 e Rolando apresentou até 1984, quando deixou a emissora.

De 1984, "Empório Brasileiro" na Bandeirantes com apresentação de Jair Rodrigues e a filha ainda pequenina Luciana Mello. O programa estreou 6 meses após Boldrin sair da Globo e ficou apenas 1 ano no ar.

Bela do Dia: Carolina Cimenti

Carolina Cimenti, correspondente da GloboNews nos Estados Unidos. Já tem um tempo que eu a notava ao assistir participações dela no canal, gostando de cara, mas apenas dias atrás é que admito que as razões "ideológicas de caráter local" me fizeram curti-la mais ainda ao descobrir que é conterrânea aqui da aldeia pampeana. Ela começou no Grupo Bandeirantes como produtora da TV Band e da saudosa Ipanema FM, aí o tempo passou e tomou o rumo do mundo, atuando de Bruxelas para a BBC Brasil, depois 5 anos de States na CNBC e outros trampos até começar a brilhar na tela do canal 40 há 3 anos e meio. Pensava eu que a única conterrânea gaúcha fazendo bonito na GloboNews fora do Brasil fosse a Candice Carvalho, mas ainda bem que eu estava enganado. Muito bem estamos em NY.

De 1989, "Empório Brasil" no SBT com Rolando recebendo Marku Ribas e ambas cantando "Colcha de Retalhos". Assim como na Band, durou apenas 1 ano e passava às terças à noite com reprise na manhã dominical.

De 2006, "Sr. Brasil" na Cultura com um convidado especialíssimo: Chico Anysio, que conta causos e piadas, além de cantar "Galos, Noites e Quintais", de Belchior. O programa estreou em 2005 e segue no ar até hoje.

Clipe do Dia: datas em 0 ou 5

*Sábado: 50 anos das Supremes tornando-se o primeiro grupo musical feminino a liderar nos álbuns mais vendidos dos EUA com "The Supremes A' Go-Go", que incluía aqui o clássico "You Can't Hurry Love".

*Domingo: 60 anos de Dianne Reeves, cantora de jazz. Destaco de 1988 "Love For Sale", em apresentação ao vivo no programa de David Sanborn, que traz como convidado especial Dizzy Gillespie no trompete.

*Domingo: 65 anos de Charly Garcia, grande nome do rock argentino, tanto solo quanto nas bandas Sui Generis e Serú Girán. Separei de 1989 "Fanky", uma mistura excelente de pop rock com funk soul.

*Segunda: 80 anos de Bill Wyman, que foi baixista dos Rolling Stones de 1962 a 1993. Deste ano, destaco aqui Wyman e Ronnie Wood tocando "Stay With Me" com o The Faces, vocal de Rod Stewart.

Antes do Arremate...

...um reforço sempre válido: este Papo de Bola - o Site precisa de patrocinadores para se manter no ar, por não ser apenas o custo da hospedagem o necessário para tanto e sim outros ainda maiores. Se você quiser anunciar nestes escritos, clique aqui e dê uma olhada nas maneiras de como fazê-lo que muito bem vindo serás e muito agradecido ficarei. Também continuo forçosamente adotando o "Ajude o PB", de colaborações avulsas.

Arremate

Zabivaka é o mascote da Copa do Mundo na Rússia. Só se é mau-humor, mas não vi nada de mais.

"24 Horas" volta antes que algum símbolo mais legal seja associado ao próximo Mundial!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
INSTAGRAM: EduCesarPapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.