.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Terça, 18 de outubro de 2016 - ANO 14, EDIÇÃO 26
Série B entra nos finalmentes

Com 31 rodadas já realizadas, a segunda divisão do Brasileirão entra em finalmentes decisivos. Contrariando o que eu achava dias atrás, agora só consigo cravar o Atlético Goianiense como regressado à elite para 2017 ao ter 9 pontos de vantagem para a quinta posição e uma trajetória consistente. O Vasco estava na mesma onda, mas sei lá o que aconteceu para dar uma puxada de freio a ponto de perder 3 das últimas 4 rodadas, tanto que agora está somente 5 pontos acima do quinto. Perigo, perigo. Em termos de acesso, Náutico e Avaí estão dentro do G4 e dependentes deles mesmos. O Timbu emendou 6 vitórias e o Leão da Ilha ganhou 7 das últimas 8 partidas. Se a música continuar tocando neste tom, os outros não terão qualquer chance de subir ao palco.

Para entender isso melhor, eis a classificação: no G4, Atlético Goianiense com 58, Vasco com 54 e Náutico e Avaí com 51; depois, Bahia e Londrina com 49, Criciúma e CRB com 46, Brasil de Pelotas com 45, Ceará com 44, Vila Nova e Luverdense com 43, Goiás com 40, Paysandu com 39, Paraná com 36 e Oeste com 33; no Z4, Bragantino com 30, Joinville com 29 e Tupi e Sampaio Corrêa com 26. Os dois últimos colocados dificilmente escaparão, são inglórias suas missões. O JEC eu achava que também estava na base do "Jesus está chamando", mas ganhou uma inesperada sobrevida na última rodada e, se ele e o Massa Bruta continuam no páreo para não descer pra C, isso se deve principalmente ao Rubrão de Itápolis/Osasco, que ainda mantém a disputa aberta.

Para abrir esta rodada, dois jogos hoje: o Avaí visitará um Vila Nova intermediário, missão boa para mais 3 pontos serem obtidos; e o Londrina buscará se aproximar do G4 ao desafiar um Brasil de Pelotas que pode se dizer que joga a quase última cartada na busca pelo acesso. Sexta-feira, mais duas partidas: o Náutico joga fora de casa contra o Luverdense, situação rigorosamente igual à do Avaí contra o Vila; e o Ceará receberá o Bragantino, para quem o jogo passa a valer mais pela fuga do descenso. O restante é sábado: Oeste x Bahia, vitória obrigatória para ambos; Paraná x Vasco, tricolores largando a Série B de mão pois mandarão em Cariacica e não em Curitiba; Tupi x Sampaio, os lanternas frente a frente; Paysandu x Goiás, pouco interessante; Criciúma x Atlético, talvez mais um passo goiano rumo à Série A; e CRB x Joinville, será que com ressurreição do JEC?

Erros e polêmicas que depõem contra o futebol

Um Brasileirão com emoção e disputas bem legais nas pontas de cima e de baixo da tabela está tomando um rumo nada agradável com uma sucessão de erros e polêmicas absolutamente desnecessários.

Primeiro, Sandro Meira Ricci se embananou todo depois do acerto correto inicial do bandeirinha Emerson Carvalho no afinal anulado gol do Fluminense sobre o Flamengo, um momento de interferência externa atestada por leitura labial e imagens mostradas em matéria do "Esporte Espetacular", ainda que desmentido pelo "contrariador de imagens" Coronel Marinho à Rádio Globo. Depois, Igor Junio Benevenuto estragou a vitória do Palmeiras sobre o Figueirense com uma péssima arbitragem, que deu um pênalti que não me convenceu muito e não dar outro pra mim com mais "cara de pênalti" para os paulistas, além de não dar um muito claro para os catarinenses. Ao mesmo tempo, Wagner Reway deixou um domínio de braço ser validado no primeiro gol do Botafogo sobre o Atlético, gerando chiadeira enorme dos mineiros pois ele apita pelo Mato Grosso, mas já está acertado para se filiar ao Rio de Janeiro no ano que vem - algo que deveria ter sido evitado antes ainda do sorteio.

Agora, o Fluminense entrou com pedido de anulação do Fla-Flu e o STJD aceitou o processo, tanto que o presida Ronaldo Piacente determinou a suspensão do resultado até o julgamento do caso, um procedimento padrão. É uma tragicomédia tudo isso pois o gol foi ilegal, com impedimento comprovado, e a maneira para invalidá-lo também foi ilegal pois interferências externas (como uso do vídeo) não são permitidas pelas regras da FIFA. Quer dizer: tanto faz a consequência, algo incorreto prevalecerá. E tudo isso porque Sandro Meira Ricci inventou de contestar uma marcação acertada ao apontar gol erradamente, o que deveria lhe render um gancho bonitaço para aprender a não fazer mais bobagens como essa. Para piorar tudo, dizem que o julgamento acontecerá apenas no início do mês que vem, quando muita coisa já terá acontecido na competição, quando isso deveria ser imediato, ainda mais que neste meio de semana não há rodada cheia da Série A e até sexta-feira isso deveria ser resolvido.

Não digo com tudo isso que estão armando para esse ou que querem favorecer para aquele, não é isso em ponto nenhum e momento algum. Critico somente é a incompetência dos árbitros, que acabam cometendo erros que contribuem para resultados finais e que não deveriam acontecer se estivessem mais atentos, melhor antenados, enfim, essa coisa toda. Enquanto medidas para evitar ao máximo que tais equívocos (vamos considerar assim, procurando ainda ter um pouco de boa fé num meio onde uns e alguns têm convicção na má fé) não forem tomadas de imediato, continuaremos sujeitos a ver rodadas eletrizantes e muito importantes tendo como personagens centrais aqueles dos quais nem deveríamos lembrar direito. Isso só depõe contra o futebol.

Série A: destaques da 31ª rodada

Erros da arbitragem à parte, mesmo sem eles creio que o Palmeiras ganharia do Figueirense pois se mostrou superior, mostrando bem por qual motivo um é líder e outro luta para não cair. O Verdão teve em Jean "o cara" da tarde com os dois gols e completa 14 rodadas de invencibilidade, vencendo 5 das últimas 6. É retrospecto não sei se necessariamente de campeão, mas de quem faz muito por merecer ser campeão. Patinando na luta para não ser rebaixado, o Furacão do Estreito não ganha há 4 partidas e só ganhou uma das 8 últimas.

Cruzando este jogo ao daqui de Porto Alegre, os palmeirenses e o Internacional comemoraram juntos. Mesmo com o Flamengo saindo na frente com a "lei do ex" através do Réver, os gaúchos se empenharam muito, empataram com Eduardo Sasha em seu primeiro gol desde o fim de junho e viraram com Vitinho, que é o mais participativo dianteiro do time. O rubro-negro teve quebrada uma invencibilidade de 10 rodadas e o Colorado teve uma subida que há um tempaço não acontecia ao vencer 3 dos últimos 4 jogos. Saiu do Z4 e só depende dele.

"Rewayices" à parte, os alvinegros fizeram o jogo quente que se esperava. O Botafogo marcou dois, depois dois o Atlético anotou, mas o desempate mandante aconteceu nos acréscimos da segunda etapa para causar emoção à toda. Somando as duas partidas entre eles neste Brasileirão, foram 13 gols. Enquanto os mineiros não caíam havia 6 rodadas, os cariocas têm 4 vitórias seguidas e 11 nas últimas 15 atuações. Contra fatos, não há argumentos: de candidato ao rebaixamento lá atrás, o Glorioso hoje é um forte candidato à Libertadores.

Se o jogo de um dos mineiros teve 5 gols, o do outro não teve nenhum. A grande possibilidade para o Cruzeiro sair na frente da Chapecoense estava em um pênalti, mas Danilo brilhou de novo e deteve Ábila, que teve um começo espetacular e tem agora uma queda desastrosa. Enquanto o Verdão do Oeste pela primeira vez nesta Série A fica duas rodadas seguidas sem tomar gol, a Raposa está "trancada" assim há 4 jogos, "oxando" os dois últimos. Só que nem assim dá para achar sua vida necessariamente tranquila. Falta confiança nas pisadas.

Com Andrea Bocelli fazendo show na Arena da Baixada, o Atlético ganhou do Coritiba na Vila Capanema, onde não perdeu nos Atle-tibas lá realizados a partir de 2012. Dois gols, um em cada etapa, bastaram para desempatar a seu favor o retrospecto nos 5 clássicos deste ano. O Coxa liga o sinal de alerta pois não vence e não balança a rede há 3 compromissos, enquanto o Furacão vive uma situação que não lhe é bacana pois atrapalha uma melhor situação na tabela: nos últimos 11 jogos, até ganhou todos os 6 mandos, só que perdeu todas as 5 visitas.

Inaugurando o novo horário das 18h30 DF, o Corinthians estreou Oswaldo de Oliveira numa moleza sem traumas: dobro a nada sobre o América Mineiro, com direito a Romero fazendo uma vez e indo às 16 proezas na Arena em Itaquera, uma acima de Guerrero para ser seu maior goleador. O Coringão não vencia duas seguidas no certame desde o fim de junho, justamente contra os mesmos Santa Cruz e América de agora. Já o Coelho completou 4 derrotas seguidas, nas quais não marcou nenhum e tomou 10. O moribundo está virando falecido.

Ao mesmo tempo, o efeito suspensivo mais uma vez mostrou a sua cara - e, assim como erro de arbitragem, é presente nas vidas de todos os clubes em algum momento, sem exceções. A Ponte Preta tirou proveito disso com William Pottker, que tem mais 3 jogos de gancho a cumprir e fechou a trinca sobre o Santa Cruz com o tento 3 mil da história do Moisés Lucarelli. A Macaca compensa 3 derrotas seguidas com duas vitórias consecutivas e, uma pena dizer isso, o Santinha é outro moribundo que está falecendo. São 6 derrotas seguidas.

Enquanto isso, o clássico rubro-negro do Nordeste teve pouco menos de 20 minutos extraordinários em frenesi, suspense e maluquice. O Sport saiu na frente e o Vitória teve dois pênaltis a favor num espaço de 4 minutos, ambos cometidos por Mateus Ferraz, só que Zé Love parou em Magrão no primeiro e Kieza parou no poste no posterior. O Leão do Recife voltou a ganhar após 3 rodadas e o Leão de Salvador perdeu as 3 últimas. No duelo direto entre eles, os pernambucanos quebraram uma série de 4 êxitos seguidos dos baianos.

Por fim em termos dominicais, o Grêmio surpreendeu ao ir de reservão contra o Santos por se guardar para a Copa do Brasil, mas a molecada fez o serviço direitinho e até teve chance de vencer a partida naquele gol incrível perdido pelo Everton, embora a superioridade nas chances fosse dos donos da casa. O Peixe está invicto há 4 rodadas, o Tricolor não empatava havia 6 e fica também um dado curiosíssimo: os gremistas não perdem para os santistas há 3 jogos desde 2013 na Vila Belmiro, que costumava ser um palco a ser temido. Hoje, não mais.

A segunda-feira teve um clássico de tricolores com duas etapas distintas. Na primeira, o Fluminense foi melhor e largou na frente. Wellington marcou, sim, mas mais bonito seria o golaço com drible em 3 marcadores do que foi de pênalti. Já a segunda foi diferente. O São Paulo melhorou, compensou sua falta de qualidade com muita disposição e mereceu plenamente a vitória de virada, primeira desde o Oeste em abril e a primeira após 5 rodadas. Quanto aos tricolores cariocas, são 3 derrotas consecutivas que tiram o valor daquelas 3 vitórias seguidas.

Com 31 rodadas vencidas, a classificação aponta: Palmeiras com 64, Flamengo com 57*, Atlético Mineiro com 56, Santos com 55, Botafogo com 50, Atlético Paranaense e Corinthians com 48, Grêmio com 47, Fluminense com 46, Ponte Preta com 45, Chapecoense com 42, São Paulo com 39, Cruzeiro com 38, Sport e Coritiba com 37, Internacional com 36, Vitória com 35, Figueirense com 32, Santa Cruz com 23 e América Mineiro com 21. Coloquei 57 pro Flamengo com isso da vitória sobre o Fluminense estar suspensa. O "asteriscão" voltou.

A próxima rodada terá (horários DF): amanhã, Santa Cruz x Botafogo às 21h45 (antecipado para ter TV aberta para o RJ); sábado, São Paulo x Ponte Preta às 17h; domingo, Flamengo x Corinthians, Palmeiras x Sport, Grêmio x Internacional e Vitória x Cruzeiro às 17h, Coritiba x Fluminense às 18h30 e Chapecoense x Santos e Atlético Mineiro x Figueirense às 19h30; e na segunda que vem, América Mineiro x Atlético Paranaense às 20h.

300 vezes na Liga dos Campeões

Marca atingida hoje pelo Real Madrid, na qual tem 11 títulos. Até agora, são 237 vitórias, 70 empates e 92 derrotas. O mais próximo dele está distante: o Bayern de Munique, que nesta semana fechará 314 atuações no torneio. É um número altamente respeitável e que, não à toa, faz do Real o maior "clube Champions" de sempre.

A terceira rodada inicia hoje com estas oito pelejas: Grupo E com CSKA Moscou (1) x Monaco (4) e Bayer Leverkusen (2) x Tottenham (3); Grupo F com Real Madrid (4) x Legia Varsóvia (0) e Sporting (3) x Borussia Dortmund (4); Grupo G com Leicester (6) x Copenhague (4) e Brugge (0) x Porto (1); e Grupo H com Lyon (3) x Juventus (4) e Dínamo Zagreb (0) x Sevilla (4). As oito de amanhã: Grupo A com Arsenal (4) x Ludogorets (1) e Paris Saint Germain (4) x Basel (1); Grupo B com Napoli (6) x Besiktas (2) e Dínamo de Kiev (1) x Benfica (1); Grupo C com Barcelona (6) x Manchester City (4) e Celtic (1) e Borussia Monchengladbach (0); e Grupo D com Rostov (1) x Atlético de Madrid (6) e Bayern de Munique (3) x PSV Eindhoven (1).

Curtinhas

*O ABC já dou como finalista da Série C pois acho mais fácil a gatíssima loira Juliana Silveira deixar a EPTV para trabalhar aqui em Porto Alegre (quem me dera, quem me dera!) do que o Guarani fazer 5 gols de diferença ou até mesmo 4 x 0 para pênaltis no domingo que vem. Bem mais parelha é a outra semi, embora só até a página 9 pois o Juventude provou do próprio veneno ao tomar do Boa Esporte os mesmos 2 x 1 enquanto visitante que ele, nesta condição, aplicou no São Paulo. Acho que o Ju terá destino igual ao dos paulistas na Copa do Brasil.

*Empatando em 1 x 1 com o Chile, a Seleção de Novos dirigida pelo Rogério Micale venceu o quadrangular realizado no referido país. O gol decisivo foi do Felipe Vizeu, ausência flamenguista aqui na aldeia.

*Corinthians oficializando a renovação com Danilo até o fim do ano que vem. Valorização de um ídolo.

*William advertido e Anderson multado em 15% do salário. Assim procedeu o Internacional depois da briga entre eles. Sinceramente, no caso do Anderson achei pouco. É um "peso morto" no Colorado e acabou "premiado" desta maneira, igual ao perdoado "peso morto" Henrique Almeida no Grêmio semanas atrás.

*Neymar vai assinar nesta sexta-feira a renovação com o Barcelona até junho de 2021. Nunca mais o deixará.

*Uma das lendas vivas do tênis celebra 60 anos nesta terça: a tcheca de nascença e americana de naturalização Martina Navratilova, detentora de 177 conquistas em duplas e 167 em simples, das quais 3 do Australian Open, duas de Roland Garros, 9 de Wimbledon e 4 do US Open. Craque como pouquíssimas.

*Craque como só ele é Usain Bolt, que vai se retirar das pistas em agosto de 2017, após o Mundial de Londres. Portanto, temos mais 10 meses para apreciar o mais nota 10 de todos os velocistas do atletismo.

*Vôlei: iniciado hoje nas Filipinas o Mundial Feminino, que tem no Rexona o nosso como um dos 8 participantes. Depois de estrear fazendo 3 x 0 no FS Logistics Manila (25/15, 25/13 e 25/20), os próximos jogos serão contra europeus: amanhã, o italiano Casalmaggiore; e na virada de quarta para quinta, o turco Eczacibasi.

*Também hoje começa o Mundial Masculino, este em Minas Gerais. Cada grupo tem um brasileiro: o A com Sada Cruzeiro, o russo Zenit Kazan, o egípcio Tala'ea El-Geish e o chinês Taichung Bank; e o B com Minas Tênis, o italiano Trentino e os argentinos Bolívar e UPCN. As partidas dos brasileiros: hoje, Minas x UPCN e Cruzeiro x Taichung; amanhã, Minas x Trentino e Cruzeiro x El-Geish; quinta, Cruzeiro x Zenit; e sexta, Minas x Bolívar.

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*A grande surpresa de ontem aqui em Porto Alegre foi a greve promovida no turno da manhã por cinco dezenas de funcionários da TV Record, incluindo repórteres, cinegrafistas e auxiliares, que elaboraram reivindicações para os diretores atenderem. Entre elas, estão pagamento salarial em dia, garantir direitos adquiridos, mudar o registro dos cinegrafistas para repórteres cinematográficos, contratar mais funcionários para limpeza das dependências (são só duas que fazem isso), fim do uso de material pessoal para trabalho, fim de constrangimentos por falta de verba nas externas, fim do assédio moral... Tem mais alguns num total de 15 pontos, mas apenas por esses já dá para ver como a situação é muito lamentável e muito séria, como admito que nunca pensei que pudesse ser - e antes que alguém diga que eu devesse saber disso por ser daqui de Porto, respondo que o que menos sei é de coisas dos bastidores jornalísticos da minha própria cidade pois ninguém de veículo nenhum comenta nada de nada comigo, não sei se por receio de publicação de algo aqui no site, por não me acharem digno disso, enfim. Fato é que acabo sabendo mais coisas referentes a outros estados do que dos próprios assuntos da minha região.

*A situação pôde ser melhor notada por este vídeo, publicado no YouTube pelo jornalista José Luiz Prévidi e que tem em destaque central o repórter Frederico Vilhar, além de aparecerem outros como Júlio Prestes, Marcus Pena e Paloma Poeta, todos atuantes no turno da manhã. Isso fez com que o "Balanço Geral RS" ficasse prejudicado em dia de pautas muito fortes, como problemas deixados pela chuva forte do domingo na capital e em cidades da região metropolitana, além da tensão policial na eleição porto-alegrense. Nada disso ganhou reportagem, ninguém saiu pra rua até o começo da tarde e Alexandre Mota teve que segurar sozinho quase 3 horas de programa apenas com as participações do Nando Gross no "Balanço na Rede" e da Mônica Fonseca na "Hora da Venenosa", além de entradas de viva-voz do editor-chefe José Henrique Ferraro. À noite, tudo esteve normalizado e matérias feitas à tarde foram ao ar no "Cidade Alerta RS" e no "Rio Grande Record". Mas não que a coisa tenha acabado, muito ao contrário. Os repórteres continuarão buscando os seus direitos junto à direção da emissora.

*O que digo disso tudo? É que espero que o que eles pretendem seja alcançado do primeiro ao último, afinal, uma TV com espaços jornalísticos espichados como é a Record (7h30 às 8h55, 12h às 14h45 e 18h às 19h30) não se pode dar ao luxo de deixar na mão os principais abastecedores dos mesmos. Ela possui uma equipe competente de repórteres, que faz bem as pautas de diversas editorias e que pra mim fazem as melhores entradas ao vivo da televisão do Rio Grande do Sul. Louve-se também a coragem da exposição pública dos problemas e da busca pela solução dos mesmos, tomara que nada de ruim aconteça a ninguém deles por causa disso. Força!

*A segunda-feira foi sem horário político aqui para Porto Alegre pois as campanhas foram suspensas por 24 horas até o fim da tarde de hoje, tanto nos programas de 20 minutos quanto nos comerciais rodados nos intervalos. Isso se deu tanto pela madrugada com uma dezena de tiros disparados no comitê de Nelson Marchezan Jr., sem que alguém ficasse ferido, quanto pela tarde com a morte do coordenador da campanha de Sebastião Melo, Plínio Zalewski, cujo corpo foi encontrado no banheiro da sede municipal do PMDB.

*Não vou dizer o que é que ocasionou os dois acontecimentos pois tanto não sei para afirmar isso ou aquilo quanto porque eu seria irresponsável se dissesse qualquer hipótese que me ocorresse por não ter como comprovar. O que posso dizer é que tenho achado o tom da campanha de segundo turno excessivamente tenso de parte a parte, com "carrinhos na canela" que acho desnecessários por nada agregarem para a disputa. Vamos ver se, depois da tensão à toda da madrugada e do acontecimento trágico da tarde, a bola baixa um pouco.

*Aliás, vale também cuidar como serão as posturas de Melo e Marchezan esta noite, já que está marcado para 22h30 um novo debate entre eles no SBT, que o passará logo após o "Programa do Ratinho". Nos três encontros já realizados em TV Bandeirantes e rádios Gaúcha e Guaíba, a troca de farpas foi fortíssima.

*Leio no Daniel Castro que o professor e escritor Leandro Karnal será colunista do BandNews TV a partir da próxima segunda-feira, com seis colunas ao longo do dia de segunda a sexta, nas quais falará sobre religião, filosofia, história, política, ética e o dia-a-dia dos brasileiros. Reprises sábados e domingos.

*Segunda-feira muito chata na TV Gazeta de São Paulo, com dezenas de demissões (falam seis a sete dezenas) e os confirmados fins dos programas "Cidade Ocupada" com Fred Melo Paiva, "A Máquina" com Fabrício Carpinejar, "A Noite Convida" com Paula Vilhena, "Hoje Tem" com Pamela Domingues e "5 Discos" com Rodrigo Rodrigues, todos exibidos às 23h30 e justificados como deficitários. Os apresentadores serão dispensados e programas que estavam gravados e ainda não exibidos não serão transmitidos. No caso do Rodrigo, ele havia saído tinha 2 meses da ESPN Brasil, onde apresentava o "Resenha ESPN" aos domingos, para se dedicar a este projeto musical. Os programas compunham o "Núcleo de Criação", que surgiu em 2011 e também acabou, sendo dele o surgimento do "Vem Comigo", do saudoso Goulart de Andrade. Um programa que quase rodou foi Ronnie Von com seu noturno "Todo Seu", mas ele conseguiu reviravoltar a situação e se manter no ar.

*Não é de hoje que penso isso: Gazeta e CNT se separarem em 2000 foi o que de pior poderia acontecer para ambas. A CNT perdeu a principal praça do país ao nela seguir em um UHF do qual ninguém lembrava e definhou e definhou até virar esse arremedo de televisão de hoje, com 22 das 24 horas do dia alugadas pela IURD. A Gazeta perdeu a propagação nacional dos seus programas tanto por não ter mais a retransmissão pela rede de afiliadas da CNT quanto por não estar nas maiores operadoras de TV paga por ela só ter emissoras nacionais e não os canais regionais ainda, o que também a prejudicou muito pois, embora veículo essencialmente paulistano, possui produtos que teriam fácil aceitação em boa parte do Brasil. Infelizmente, acontece isso agora. Triste.

*Leio na Lígia Mesquita que estreará um novo programa nas madrugadas de sábado para domingo na Globo já a partir do próximo fim de semana: "Zero1", com Tiago Leifert, que falará de cultura pop, videogames, filmes e esses campeonatos de esportes eletrônicos. Ele não ia conseguir ficar muito tempo afastado do universo dos games, pro qual deu uma ajuda fundamental ao abrir espaços generosos na edição paulista do "Globo Esporte".

*Se não tivesse morrido em 2011, Andy Whitfield completaria ontem 45 anos. Astro da série "Spartacus" apenas na primeira temporada, ele teve que deixar a produção devido ao câncer que seria a causa de sua partida.

*Hoje, o nascimento que fecha 90 anos é o do Klaus Kinski, falecido em 1991 e pai da também atriz Nastassja Kinski. Ele esteve em filmes como "Doutor Jivago", "Nosferatu - o Vampiro da Noite" e "Fitzcarraldo".

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Bela do Dia: Camila Diesel

Camila Diesel, repórter e apresentadora da Rádio Guaíba. Que Cristiano Oliveira me perdoe, mas a principal razão para escutar o "Plantão Guaíba" nas noites sem futebol é esta lindindinha aditivada egressa de Lajeado em maio.

Clipe do Dia

O primeiro: "Pai", com Fábio Jr., a trilha de abertura da ontem via Viva regressada novela "Pai Herói".

O segundo: "Carnival of Venice" com a Orquestra Boston Pops regida pelo magistral John Williams para acompanhar o grande trompetista Wynton Marsalis, que nesta terça-feira faz 55 anos.

O terceiro: o tema principal do "Senhor dos Anéis" em composição de Howard Shore, autor de trilhas para cinema e tricampeão do Oscar por esta trilogia. Fazendo hoje 70 anos, ele foi diretor musical do humorístico "Saturday Night Live" e foi quem batizou de "Blues Brothers" os irmãos cara-de-pau de John Belushi e Dan Aykroyd.

O quarto, o quinto e o sexto: respectivamente "Johnny B. Goode", "Roll Over Beethoven" e "You Never Can Tell", todos com Chuck Berry, um dos pioneiros do rock 'n' roll e que celebra 90 anos nesta terça. O primeiro traz um dos riffs de guitarra mais famosos de todos os tempos, o segundo é uma versão ao vivo e o terceiro ganhou fama ao ilustrar a dança de Uma Thurman e John Travolta no clássico noventista "Tempo de Violência". O aniversário é dele, mas o presente nós que ganharemos em 2017: um álbum de inéditas, seu primeiro desde 1979.

Antes do Arremate...

...um reforço sempre válido: este Papo de Bola - o Site precisa de patrocinadores para se manter no ar, por não ser apenas o custo da hospedagem o necessário para tanto e sim outros ainda maiores. Se você quiser anunciar nestes escritos, clique aqui e dê uma olhada nas maneiras de como fazê-lo que muito bem vindo serás e muito agradecido ficarei. Também continuo forçosamente adotando o "Ajude o PB", de colaborações avulsas.

Arremate

Do Anderson Daronco no SporTV: "um árbitro brasileiro apitaria tranquilamente no Campeonato Inglês".

"24 Horas" volta antes que ele se reconsidere esta barbaridade inacreditável que ousou dizer!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
INSTAGRAM: EduCesarPapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.