.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Sexta, 6 de maio de 2016 - ANO 13, EDIÇÃO 170
Um brasileiro na semifinal... e só

Obs.: esta coluna é publicada com vários problemas pois desde a virada de 6 para 7 de abril estou com apenas metade da velocidade da internet, com muita dificuldade para carregar páginas e impossibilitado de ver e escutar áudios e vídeos, seja em streaming ou ao vivo, e quanto mais baixá-los. Não é problema técnico, é assim mesmo que a internet da GVT (agora Vivo) fica quando passa um determinado período sem conseguir pagar a conta de telefone - e lamento dizer que este é o meu caso, que não sei quando solucionado será. Enquanto isso, vou tocando o site com muita dificuldade e sem muitas coisas habituais dele. Além disso, desde 3 de maio este PB está com um endereço alternativo devido a problemas com o seu domínio no Registro.br, que o congelou temporariamente. Espero que estas duas complicações acabem, pois está difícil aguentá-las.

Saldo médio das quartas-de-final da Libertadores. Poderiam ser quatro quadrifinalistas, mas ficamos em dois pois ontem o Grêmio foi engolido pelo trincador Rosario Central e pela quarta vez seguida foi eliminado nas oitavas (repetindo 2011, 2013 e 2014). Que até fosse eliminado, como era o mais provável, mas que tratasse de jogar um futebol um pouco melhor. Aliás, uma ironia daquelas: o Central agora tem 13 partidas em seus domínios contra brasileiros por todos os torneios, com 7 vitórias, 5 empates e uma única derrota... para o Internacional, arqui-rival gremista, na Sul-Americana de 2005. Antes, o empate em 2 gols com o Nacional eliminou o Corinthians, que nem tendo dois pênaltis no fim conseguiu a reviravolta pelo primeiro deles ser perdido (são 11 pênaltis chutados em 2016 e apenas 4 convertidos). Aliás, que sina essa do alvinegro com mata-ou-morre na Arena: cinco disputas e nenhum sucesso. Escrita que já soa tão incômoda quanto o jejum de títulos de 1954 a 1977. E não que tenha dado uma de Alexandre Pato em 2013 por ser ruim de chute e não displicente, mas André certamente está tão marcado pelos alvinegros quanto o "Fiorello" pela eliminação sobre os gremistas naquela Copa do Brasil.

No fim das contas, temos dois dos nossos na próxima fase e, como eles "se enfrentar-se-ão-se a si mesmos e vice-versa", assegurado está um representante do Brasil na semifinal. Atlético Mineiro ganhando do Racing com emoção pelo desempate do Pratto e posterior pênalti perdido por ele, mas triunfo assegurado após duas saídas nas oitavas. São Paulo perdendo pro Toluca por diferença insuficiente para ficar encrencado, o que me lembrou a final de 1993 contra a Universidad Católica e a pré-grupos de 2013 diante do Bolívar, situações nas quais os tricolores golearam em casa e depois perderam fora por diferença menor que a sua inicial. Teremos um "revival" das oitavas de 2013, quando os atleticanos se classificaram com duas vitórias. Os embates acontecerão nas duas próximas quartas-feiras, com ida em SP e volta em Belo Horizonte. O classificado pegará na semifinal Atlético Nacional ou Rosario Central (volta em Medellín). Do outro lado, Pumas x Independiente del Valle com volta no México (pelos equatorianos vinda a eliminação do atual campeão River Plate) contra quem passar de Boca Juniors x Nacional com volta em Buenos Aires (os argentinos venceram mais uma vez o Cerro Porteño).

Previsto para a semifinal por aquela bobagem vinda desde 2007 de quererem evitar uma decisão do mesmo país, o redirecionamento em 2016 só será possível se Central e Boca eliminarem os dois Nacionais. Neste caso, o chaveamento mudaria e ou São Paulo ou Galo enfrentaria Pumas ou Del Valle.

Fases cruzadas feito palavras na Copa do Brasil

Cinco jogos entre ontem e anteontem. Os três da segunda fase: Ponte Preta precisando da volta por marcar apenas 1 x 0 no Genus, que é o primeiro rondoniense classificado da primeira fase desde a Ulbra Ji-Paraná em 2007; Fluminense empatando em 3 gols com a Ferroviária na noite do fim do jejum de 10 jogos do dobrador Fred, mas escapando de perder em Araraquara graças ao Magno Alves; e Fortaleza saindo na frente por 2 x 1 sobre um Flamengo cujo 1 x 0 na volta lhe bastará e que não ganhou ainda no Nordeste este ano (um empate e 3 derrotas), além de pela primeira vez perder uma vez em cada uma das duas primeiras fases da CB.

Os dois ainda da primeira fase: Cruzeiro do interino Geraldo Delamore passando sufoco contra o time misto do Campinense, que priorizou a semifinal paraibana e só não se classificou pelos gols fora por tomar o desempate, o que colocará os mineiros no caminho do Londrina; e Joinville derrotando o Comercial no embate dos necessitados de reviravoltas em suas finais estaduais, sendo o JEC o próximo inimigo do Ceará. Esta primeira fase vai acabar apenas e tão somente no próximo dia 19, quando tivermos a volta de América de Natal x Gama - a não ser que os potiguares resolvam a história direto na ida do dia 14. Remanejos e mais remanejos.

Mais futebol pelo Brasil ontem e anteontem

Pernambuco - Clássico das Multidões completando 100 anos hoje e aberto pelo escandaloso impedimento duplo no gol da vitória do Santa Cruz sobre o Sport. Domingo, Tricolor podendo empatar e Leão precisando de um gol de diferença para pênaltis ou dois ou mais para título nos 90 minutos. Antes, sábado de definição do terceiro clube do estado na próxima Copa do Nordeste. Alexandre Gallo estreou e o Náutico bateu o Salgueiro.

Sergipe - Sergipe ganhando do Itabaiana pelo marcador mínimo, mas nada que elimine a emoção do epílogo neste sábado. A equipe do interior precisa apenas de uma vitória para ficar com o título, só que o clube da capital é que jogará por dois resultados para isso: vitória e empate. Técnico dos vencedores da quarta-feira, Clemer pode conquistar aí o seu primeiro troféu na casamata com comandados profissionais.

Mato Grosso - Após o "oxo" da ida, Luverdense e Sinop vão para pênaltis se empatarem também a volta.

Maranhão - O Sampaio Corrêa empatou com o Imperatriz após vencê-lo na ida da semifinal e decidirá o segundo turno contra o Moto Club, novamente ganhador sobre o Cordino. Começa já neste domingo.

Piauí - Campeão do primeiro turno, o Ríver "oxou" com o Parnahyba e só manterá viva a possibilidade de título direto se ganhar a volta fora de casa no domingo. Já o Altos tocou 3 x 1 no Piauí e mandará a volta, na qual até derrota por dois de diferença o levará à decisão. Voltas da semi do returno neste fim de semana.

Brasileiro Feminino - Ferroviária na frente do Flamengo por 2 x 1 e São José e Rio Preto iguais em 1 x 1. Voltas realizadas no meio de semana e vale observar: gol fora é critério para desempate.

Os públicos deste meio de semana

43.098 (43.516) / R$ 2.888.299,19 - Corinthians 2 x 2 Nacional (Libertadores) - Arena Corinthians, São Paulo (SP)
36.213 (37.213) / R$ 900.597,00 - Fortaleza 2 x 1 Flamengo (Copa do Brasil) - Castelão, Fortaleza (CE)
30.163 / R$ 544.460,00 - Santa Cruz 1 x 0 Sport (Pernambucano) - Arruda, Recife
24.160 (26.610) / R$ 728.014,00 - Paysandu 2 x 0 Gama (Copa Verde) - Mangueirão, Belém (PA)
20.170 / R$ 1.765.390,00 - Atlético Mineiro 2 x 1 Racing (Libertadores) - Independência, Belo Horizonte (MG)
10.200 / R$ 171.587,50 - Cruzeiro 3 x 2 Campinense (Copa do Brasil) - Mineirão, Belo Horizonte (MG)
7.599 (8.335) / R$ 176.559,00 - Sergipe 1 x 0 Itabaiana (Sergipano) - Batistão, Aracaju
4.610 / R$ 81.890,00 - Ferroviária 3 x 3 Fluminense (Copa do Brasil) - Fonte Luminosa, Araraquara (SP)
4.517 / R$ 23.355,00 - Bragantino 1 x 0 Avaí (Copa do Brasil) - Nabi Abi Chedid, Bragança Paulista (SP)
4.131 / R$ 42.295,00 - Joinville 1 x 0 Comercial de Campo Grande (Copa do Brasil) - Arena Joinville, Joinville (SC)
3.650 (4.070) / R$ 111.000,00 - Genus 0 x 1 Ponte Preta (Copa do Brasil) - Aluízio Ferreira, Porto Velho (RO)
1.026 / R$ 14.345,00 - Ríver 0 x 0 Parnahyba (Piauiense) - Albertão, Teresina

Revanche à europeia

Um gol foi suficiente para o Real ganhar do Manchester City e assegurar para Milão no dia 28 uma final de Madrid contra o Atlético, que assim ganha a oportunidade da revanche depois da perda na grande decisão de 2014. Dê o que der daqui a três semanas e meia, uma coisa é certa: teremos um técnico vencendo a Liga dos Campeões da UEFA pela primeira vez, seja Simeone pelos atleticanos ou Zidane pelos merengues. Aliás, Zinedine pode fazer história mais ainda ao ser um raro ganhador continental por um mesmo clube jogando e treinando.

Na Liga Europa, faltou pouco para outra final espanhola. É que Roberto Firmino resolveu ser "o cara" do Liverpool na reviravolta sobre o Villarreal, mas o Sevilla se faz presente após trincar o Shakhtar Donetsk. Assim, teremos Sevilla x Liverpool daqui a duas quartas-feiras na Basiléia. Terceira final seguida dos espanhóis neste certame e primeira dos ingleses em nível europeu desde que perderam a Champions League de 2007 pro Milan.

Prévia do fim de semana na Europa

Espanha (penúltima rodada) - Domingo: Barcelona (1° com 85) x Espanyol, Levante x Atlético de Madrid (2° com 85), Real Madrid (3° com 84) x Valencia e Sevilla (7° com 52) x Granada, todos às 12h.

Itália (penúltima rodada) - Domingo: Verona x Juventus (campeã com 88) às 15h45.

Inglaterra (penúltima rodada) - Sábado: Leicester (campeão com 77) x Everton às 13h30. Domingo: Liverpool (8° com 55) x Watford.

Alemanha (penúltima rodada) - Sábado: Ingolstadt x Bayern de Munique (1° com 82) e Eintracht Frankfurt x Borussia Dortmund (2° com 77) ambos às 10h30. Vitória basta para os bávaros serem campeões.

França (penúltima rodada) - Sábado: Ajaccio x Paris Saint Germain (campeão com 89) às 16h.

Portugal (penúltima rodada) - Sábado: Sporting (2° com 80) x Vitória de Setúbal às 16h45. Domingo: Marítimo x Benfica (1° com 82). Benfiquistas campeões se vencerem e os lisboetas não ganharem.

Curtinhas

*Convocados do Brasil para a Copa América Centenário: os goleiros Alisson (Internacional), Diego Alves (Valencia) e Ederson (Benfica); os laterais Daniel Alves (Barcelona), Fabinho (Monaco), Filipe Luís (Atlético de Madrid) e Douglas Santos (Atlético Mineiro); os zagueiros Miranda (Internazionale), Gil (Shandong Luneng), Marquinhos (Paris Saint Germain) e Rodrigo Caio (São Paulo); os volantes Luiz Gustavo (Wolfsburg), Elias (Corinthians), Casemiro (Real Madrid) e Rafinha (Barcelona); os meias Renato Augusto (Beijing Guoan), Philippe Coutinho (Liverpool), Lucas Lima (Santos) e Willian (Chelsea); e os atacantes Douglas Costa (Bayern de Munique), Hulk (Zenit), Gabriel e Ricardo Oliveira (ambos Santos). Antes da CAC, tem amistoso contra o Panamá no dia 29.

*Movimentos variados pelo país: Botafogo assinando com Marquinho, do Macaé, e mantendo Gegê até o fim de 2017; Palmeiras confirmando o lateral direito Fabiano, emprestado pelo Cruzeiro; Bragantino acertando com Rodrigo Sam, zagueiro emprestado pelo Corinthians; Oeste contratando os volantes Túlio, do São Bernardo, e Fernando, do Penalopense; Tupi oficializando o volante Gabriel Sacilotto, vindo do futebol italiano; Goiás confirmando a volta do Léo Lima, volante do Al Sharjah; Vila Nova reforçado do meia-atacante Jean Carlos, do São Bernardo; Atlético Goianiense contratando Caion, atacante do Cruzeiro daqui de Porto Alegre, e Ricardo Silva, zagueiro cedido pelo Atlético Paranaense; e Luverdense agregando Hugo, atacante do Volta Redonda.

*Mais idas e vindas: Avaí apresentando Tatá, atacante do São Bernardo, e Vinícius Pacheco, meia-atacante do Volta Redonda; Paraná renovando com Lúcio Flávio até maio de 2018 e perdendo o zagueiro Demerson; Londrina confirmando o lateral esquerdo Léo Pelé, do Fluminense, e o zagueiro Everton Sena, do Santa Cruz; Ceará renovando com o volante João Carlos até maio de 2017 e obtendo os beques Ewerton Páscoa e Luís Gustavo, ambos emprestados pelo Sport; Sampaio Corrêa adquirindo o lateral direito Gedeílson, do Macaé, e o zagueiro Eli Sabiá, do Água Santa; e Paysandu readquirindo o lateral esquerdo João Lucas, da Chapecoense.

*O Flamengo definiu Raulino de Oliveira e Mané Garrincha como estádios dos seus jogos no Brasileirão.

*Só além da meia-noite o TJD/RS confirmou que William vai mesmo ter que completar a suspensão de 6 jogos pela cotovelada no Bolaños durante o Grenal. Ausente ele continuará do Internacional contra o Juventude na final, que será a última partida necessária para totalizar a pena. Acabou esse novelão chatíssimo do William.

*Cotovelada na penúltima rodada do segundo turno rendendo a Hyoran 4 partidas de suspensão. Mas espera a Chapecoense tê-lo contra o Joinville no domingo graças ao quê? Sim, ele! O efeito suspensivo.

*Figueirense sem Dener por 6 meses. O volante teve ligamentos do joelho direito rompidos. Mais uma contusão semelhante com tempo de parada igual no Estreito, a primeira afetando Leandro Silva.

*Homologada em edição do Diário Oficial do Pará uma lei que estabelece o clássico Remo x Paysandu como patrimônio cultural imaterial do estado, assim como o carimbó e o Círio de Nazaré. Boa!

*Quem disse que algo de bom não viria da Copa América Centenário? Ela livrará o Campeonato Brasileiro por umas boas rodadas de um estorvo que sempre mais atrapalha do que ajuda. Heber Roberto Lopes será o nosso apitante nos Estados Unidos, auxiliado por Kléber Gil e Bruno Boschilia. Não me apronta, Heber!!!

*Fórmula 1: a Red Bull rebaixou Daniil Kyvat para a Toro Rosso e o substituirá por Max Verstappen na equipe de cima para o GP da Espanha, daqui a dois domingos. Isso acontece depois do Kyvat ter acertado duas vezes a Ferrari do Sebastian Vettel, que parou na barreira de proteção na volta inicial na Rússia.

*Futsal: Brasil estreando no Sul-Americano em Uberaba com 2 x 1 na Argentina. Hoje tem Brasil x Uruguai.

*Natação paralímpica: Daniel Dias impossível, indomável e irretocável ao baixar mais ainda seu recorde mundial nos 50 metros costas S5 com 34s95 (antes 34s99) em torneio disputado na lusitana Funchal. Dá-lhe!!!

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Um cumprimento necessário: ao craque Felipe Vieira, apresentador do "Agora" na Rádio Guaíba e que bateu de primeira em seu site jornalístico, ainda às 19h da quarta-feira, que o STF afastaria Eduardo Cunha da Câmara dos Deputados com voto decisivo do ministro Teori Zavaschi, o que se confirmou exatamente ontem pela manhã. Além de âncora excelente no rádio e profissional de grande qualidade, tem se tornado um "fura-fura" nacional. Antes, foi ele que antecipou a saída do Lauro Jardim da Veja para O Globo também um dia antes de, naquele caso, ser a própria publicação dos Marinho a anunciar a contratação via notinha do Ancelmo Gois.

*Leio no Coletiva alguns dados de "Ipobre" da Record aqui em Porto Alegre no mês de março: o matinal "Rio Grande no Ar" teve 4 pontos de média, 22% de participação e 75% a mais de telespectadores que a terceira colocada (que, sem citação pelo Coletiva, não sei se foi o SBT com o "Primeiro Impacto" ou a Bandeirantes com o "Café com Jornal"); o "Balanço Geral RS" marcou 23% de participação e 216% a mais de pessoas ligadas que o terceirão das 12h às 14h45; e o noturno "Rio Grande Record" registrou 7 pontos de média e 85% a mais de telespectadores que o canal subsequente. Já "Os Dez Mandamentos" fechou com 9 pontos.

*Léo Dias publicou que Mariana Gross seria dondoca e nada simpática fora da tela da Globo, o que seria atestado por vizinhos e pessoas de restaurantes ao redor da emissora, e que seria simpática apenas na TV e para pessoas muito próximas. A apresentadora do "RJTV" citou esta nota em seu perfil no Facebook e tirou onda com sutileza, a partir disso recebendo apoios de inúmeros colegas tanto da Plim-Plim quanto de outras emissoras, alguns indo na mesma levada debochada pra cima do colunista e outros indignados por ressaltarem sua simpatia queridona.

*O blogueiro Giovani Lettiere afirmou no Yahoo! que a Band anunciaria em breve que 30% do seu capital (máximo permitido por nossa Constituição para firmas estrangeiras) será comprado pela americana Turner, que assumiria a parte artística da rede aberta, como a linha de shows e os filmes, enquanto a Bandeirantes em si continuaria com o jornalismo. Mas sei pelo Gabriel Vaquer no NaTelinha que executivos da programadora americana desmentiram isso com veemência, até pelo fato de que, provavelmente, um aporte como esse pudesse ajudar a impedir esta desistência em cima da hora da transmissão do Campeonato Brasileiro. Li na Lígia Mesquita que a dívida do Grupo Bandeirantes no ano passado bateu na casa das mais de 440 milhas de "dilmas". Beiiiii...

*Quem vê na TV Gazeta de São Paulo o "Todo Seu", do Ronnie Von, lembrará do crítico de cinema Christian Petermann, uma das perdas desta semana ao ser vitimado por uma parada cardiorrespiratória seguinte a uma forte crise de asma. Ex-Set, Folha de S.Paulo e Rolling Stone, ele faria 50 anos daqui a 11 dias.

*Apresentadora de um programete próprio nas madrugadas em 1996, Joyce Pascowitch voltou recentemente a ser assistida no SBT. Conteúdos dela no YouTube agora passam no "Okay Pessoal!!!", do Otávio Mesquita. Sei pelo Paulo Pacheco que o mesmo programa passará a ter reportagens eventuais da Naty Graciano, fora da televisão desde que saiu do "CQC" da Bandeirantes ainda em fevereiro do ano passado. Desde então, ela passou a atuar no teatro, publica vídeos no YouTube e começou uma academia de ginástica na sua Sorocaba.

*Homens e mulheres do Brasil, emocionai: Juliana Paes rodando a partir de julho uma nova versão de cinema do clássico "Dona Flor e Seus Dois Maridos", na qual fará com Marcelo Faria e Leandro Hassum o trio originalmente feito por Sônia Braga, José Wilker e Mauro Mendonça em 1976. Cara, aquela mulher monumentalmente bonita e gostosa interpretando uma personagem como essa é tanta emoção para o meu coração quanto a sentida ao assisti-la em 2012 na novela "Gabriela". Nem preciso dizer que sou vidradíssimo na Juliana, que não só é um dos pedaços de mau caminho mais tentadores de todos os tempos, mas ainda atua muito bem.

*Muita saudade ela deixa ainda hoje: Zezé Macedo, que morreu em 1999 e cujo nascimento completa 100 anos nesta sexta. Presente em mais de uma centena de filmes, em muitos deles interpretando domésticas, eternizou duas personagens na TV Globo: a Biscoito, esposa do Tavares no "Chico Anysio Show", e mais ainda a Dona Bela da "Escolinha do Professor Raimundo". Curiosidade: mesmo contratada dos globais por 34 anos, trabalhou em somente quatro novelas, a última delas sendo "Fera Radical" em 1988.

*Fez 30 anos ontem a estreia da minissérie "Anos Dourados", clássica trama de Gilberto Braga estrelada na Globo por Malu Mader e Felippe Camargo. Reprises foram feitas em 1988, 1990 e 2013 (essa no Viva).

*Quatro novelas estreando em um só dia? Sim, isso aconteceu há 20 anos fechados nesta sexta-feira. A da Globo foi considerada novela, mas na verdade foi uma minissérie antecipada para as 20h30: "O Fim do Mundo", de Dias Gomes, com apenas 35 capítulos. Isso se deu pelo fim antecipado em dois meses de "Explode Coração" (para Glória Perez ficar totalmente focada no julgamento dos assassinos da Daniella) e pela sucessora "O Rei do Gado" ainda não estar pronta. Até os dias atuais, segue sendo um caso único na duração de somente um mês.

*As outras três foram do SBT (Silvio Santos sempre inventando moda): "Colégio Brasil", mostrada no fim da tarde, ambientada em um colégio e que passou até setembro, sendo a estreia da então criançola e hoje gatona Paloma Bernardi; "Antônio Alves, Taxista", sucessora dos horários de "Sangue do Meu Sangue" (20h e reprise 21h45) com base em trama argentina, Fábio Jr. no papel-título e no ar só até agosto pois fracassou; e "Razão de Viver", que pegava título já usado em novela de 1983, mas que era refilmagem de "Meus Filhos, Minha Vida", passando até dezembro sem deixar saudades mesmo reunindo um grande elenco liderado pela Irene Ravache. A canção dos créditos iniciais era "Redescobrir", em belíssima interpretação da Elis Regina, que mais de uma década depois a Plim-Plim resgataria para a abertura da refilmagem de "Ciranda de Pedra", novela das 6 em 2008.

*Sessão clássica do SBT, o "Cinema em Casa" teve sua última apresentação há 5 anos completados nesta sexta. Estreada em agosto de 1988, ficou semanal com filmes inéditos até 1991, quando passou para as tardes de segunda a sexta até 2003. Era ponto certo na década de 90 o trio com "Chapolin" às 12h30, "Chaves" às 13h e "Cinema em Casa" às 13h30. Depois de 2003, a sessão teve mais quatro regressos curtos, o mais espichado deles sendo à tarde de março de 2008 até julho de 2010. Nesta última transmissão, iniciada em janeiro daquele 2011, os filmes passavam às 17h45. Quando saiu, o bom e velho Chavinho ocupou o seu espaço.

*Fazendo 55 anos hoje George Clooney, Oscar tanto de ator coadjuvante por "A Indústria do Petróleo" quanto de filme por sua produção "Argo". Visto em sucessos como a trilogia "Onze Homens e um Segredo", "Um Dia Especial", "Irresistível Paixão", "O Amor Custa Caro" e "Boa Noite e Boa Sorte", também marcou época na TV ao interpretar o Dr. Doug Ross na campeã de audiência "Plantão Médico" de 1994 a 1999.

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Momento Raridade Rara (Especialmente) Especial



Chegou um dia especial para este Papo de Bola - o Site: o dia em que a nestes escritos intitulada "musa-mor" rende um tópico de resgates por ocasião do seu aniversário. A sexta-feira é dos 40 anos da Cristina Vieira, a linda, maravilhosa, apaixonante, encantadora e dona de um sorriso absurdamente celestial jornalista conterrânea que atualmente está no "Globo Rural", no qual chegou em outubro de 2012 para ficar por meio ano na apresentação da versão diária durante a licença-maternidade da Ana Paula Campos, sendo fixada depois disso.

Iniciada no rádio na sua Dom Pedrito, ela começou pra valer em 2000 como produtora da Rádio Gaúcha. Passou para a televisão em 2003 na saudosa TVCOM, sendo apresentadora do "Jornal TVCOM" em dupla com a também espetacular, divina e fascinante Daniela Ungaretti, que hoje brilha intensamente no "Bom Dia Rio Grande". Foi aí que tomei conhecimento da Cris quando olhei em Zero Hora uma reportagem sobre ela. A partir daí, passei a vê-la assiduamente nem tanto na TVCOM por logo ela deixá-la, mas já na RBS TV, quando passou a fazer seguidas folgas e escalas de plantão nos lugares das titulares. Era questão de tempo para passar a ser titular.

Isso aconteceu em 2005, quando o "RBS Notícias" perdeu Mônica Teixeira pois ela foi ser repórter da Globo no Rio de Janeiro ao mesmo tempo que o marido Paulo Renato Soares. Como já dava as caras na RBS TV com alguma regularidade desde então, Cristina passou a formar dupla com o tradicionalíssimo Elói Zorzetto, que está no jornal noturno desde 1988. Foram os dois que estrearam em julho de 2007 a bancada da redação, da qual o "Notícias" ainda hoje é feito. Neste mesmo ano, ela teve um breve retorno ao rádio pela Itapema FM como participante do matinal "Wake Up", com Beto Xavier (hoje na União FM de Novo Hamburgo). Durou poucos meses.

Cris saiu da RBS e daqui do Rio Grande do Sul, transferindo-se para o interior paulista, mais especificamente para Sorocaba, como repórter e apresentadora do "TEM Notícias" (meio-dia). Vocês não têm ideia de como fiquei mal naquela ocasião pela partida dela (rs), ainda mais que em 6 anos a assistindo só consegui encontrá-la duas vezes pessoalmente, uma separada da outra por 5 anos - e, depois da última, infelizmente nunca mais. Gostaria muito de conseguir revê-la quando ela desse uma volta breve por aqui... Bom, e foi da TV TEM que ela chegou ao "Globo Rural", do qual atualmente também é apresentadora substituta (bem frequente), além de repórter.

Separei para esta merecidíssima homenagem à Cristina Vieira quatro registros. Eu deveria incluir neles "Blue Eyes", canção do Elton John que até hoje me faz pensar nela por causa dos seus belos olhos azuis, mas como não estamos no "Clipe do Dia", isso ficaria desvirtuado demais. Fiquemos só no jornalismo mesmo:

De 2007, um pequeno registro de um encerramento do "RBS Notícias" em janeiro com a "musa-mor" e Elói ainda no cenário antigo, que foi o padrão anos 2000 dos noticiários locais da Rede Globo. Quando o noturno passou a ser feito da redação, este cenário permaneceu usado por "Bom Dia Rio Grande" e "Jornal do Almoço".

De 2010, sua última apresentação de "RBS Notícias". Passados quase 6 anos, somente duas dos 8 profissionais desta edição permanecem na RBS TV: as repórteres Guacira Merlin e Zete Padilha, esta hoje aqui na capital e na ocasião em Passo Fundo. Todos os demais saíram: Cris na Globo SP; Paola Vernareccia deixou a emissora há dois anos e infelizmente até hoje não reapareceu em outra (sinto muita falta dela na TV); a repórter Mônica Cunha trocou Caxias do Sul há alguns anos pela InterTV no interior do RJ; o repórter esportivo Felipe Bueno voltou para cá depois de 4 anos na TV Bandeirantes em São Paulo e deu um tempo no jornalismo, abrindo com outros dois sócios a barbearia Navalha no bairro Bom Fim; os destaques do "Teledomingo" eram com Regina Lima, que hoje tem um semanal nas manhãs de sábado na Band/RS; e a previsão do tempo veio com Luiza Zanchetta, que recentemente ficou apenas 1 mês e meio na reportagem da TV Globo de São Paulo. Após a saída da Cristina, veio um mês da Carla Fachim até a efetivação da Daniela Ungaretti, que nele permaneceu até 2013, quando Simone Lazzari a sucedeu até o fim de 2014, dando lugar à Carla, que retornava desta vez como titular.

De 2011, reportagem da Cris sobre o caos na saúde pública em Sorocaba para o "TEM Notícias". Fico devendo o nome da apresentadora pois admito não tê-la reconhecido e não tem crédito em letreiro nesta parte.

De 2013, trechos da apresentação de um "Globo Rural" ainda na versão diária extinta no fim do ano seguinte.

Momento Raridade Rara (agora sim) I

A quinta-feira foi especial na RBS TV de Santa Catarina pois Mário Motta completou 30 anos na apresentação do "Jornal do Almoço" produzido em Florianópolis. Marca que não é para muitos e que mereceu uma celebração feita aqui quando ele chamou Raphael Faraco para supostamente falar dos 90 anos da Ponte Hercílio Luz, mas na verdade o apresentador do "Bom Dia SC" chamou um VT com imagens de toda a sua carreira, incluindo um filme que fez ainda menino em 1959 e sua carreira no rádio esportivo do interior de SP (ele é natural de Santo André) a partir da metade dos anos 60, chegando a SC primeiro por Lages na metade dos anos 70, depois regressando à cidade natal como comentarista esportivo na Rádio ABC até ficar de vez quando novamente foi para Lages, nela estreando no vídeo pela TV Planalto. Além dos 30 anos de "JA", Mário também completa 20 anos de Rádio CBN/Diário e 10 anos de coluna no jornal Hora de Santa Catarina, tendo também coordenado o departamento esportivo da RBS TV de 1986 a 1988. Assista aqui uma abertura de "Jornal do Almoço" de 1993 com Mário ao lado de Maria Odete Olsen, hoje na Record News SC. Ainda nas manchetes, o igualmente longevo colunista cultural Cacau Menezes, outro símbolo do "JA". Infelizmente, vídeo com som e imagem sem sincronia.

Bela do Dia: Juliana Scalco

Juliana Scalco, atriz e dublê de corpo. Segunda passada, nudez da Maitê Proença em "Liberdade, Liberdade"... só que não era dela, que apareceu da cintura para baixo (entendo...). O bumbum que tantos comentários rendeu na internet na verdade é desta loira graciosa e lindindinha, que revelou nas redes sociais ter sido a dublê de corpo da Maitê na cena. Tá muito bem de forma física.

Momento Raridade Rara II

Estreava há 25 anos completados nesta quinta-feira um programa que virou clássico da TV Cultura nas manhãs de domingo, das 11h às 12h30, até a extinção em maio de 2008: o "Bem Brasil", uma parceria com o SESC SP que trazia um show completo ao vivo de um artista convidado no anfiteatro da USP e cujo apresentador era Wandi Doratiotto. Veja aqui um dos mais antigos disponíveis na web: "BB" com João Nogueira em 1992. Peguei uma edição com um bamba do samba de propósito pois o ritmo hoje celebra uma data especialíssima.

Clipe do Dia

A "Madrinha do Samba" Beth Carvalho completou ontem 70 anos, dos quais 50 de uma carreira com 34 discos, cinco DVDs e 825 fonogramas cadastrados no banco de dados do ECAD. Dos sucessos que emplacou, separei três para o tópico: começo aqui com "Saco de Feijão", de Francisco Santana, em apresentação ao vivo; prossigo aqui com "Coisinha do Pai", de Almir Guineto, Jorge Aragão e Luiz Carlos, ao vivo com a bateria da Mangueira; e concluo aqui com a classicaça "Andança", de Edmundo Souto, Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós, que tirou o terceiro lugar no Festival Internacional da Canção em 1968 e que no vídeo foi cantada em 1980.

Antes do Arremate...

...um reforço sempre válido: este Papo de Bola - o Site precisa de patrocinadores para se manter no ar, por não ser apenas o custo da hospedagem o necessário para tanto e sim outros ainda maiores. Se você quiser anunciar nestes escritos, clique aqui e dê uma olhada nas maneiras de como fazê-lo que muito bem vindo serás e muito agradecido ficarei. Também continuo forçosamente adotando o "Ajude o PB", de colaborações avulsas.

Arremate

Tão crítico da CBF, Eduardo Bandeira de Mello será chefe de delegação. Coerência passou longe dele.

"24 Horas" volta antes que o presidente do Flamengo se toque de quão queimado ficou seu filme!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.