.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Segunda, 7 de março de 2016 - ANO 13, EDIÇÃO 132
Só o público valeu a pena no Grenal

Válido por dois campeonatos, o Grenal foi bem ruim e teve como única coisa realmente ótima a plateia: mais de 48 mil presentes, representando seu melhor comparecimento em jogos oficiais (desconsiderando-se os 60 mil no amistoso inaugural contra o Hamburgo). Foi disparadíssimo o melhor público do fim de semana, já que o segundo melhor, que foi o da vitória do Palmeiras, teve menos da metade. O Re-Pa não chegou aos 20 mil presentes, mas as limitações causadas por obras em vias próximas e solicitações policiais para tanto tornam isso compreensível. Depois de dois mandos no Pacaembu com a ridícula marca de 3 mil testemunhas, o São Paulo conseguiu algo melhor, embora 12 mil pessoas também fique abaixo da sua grandeza. O clássico na Vila Belmiro nem 10 mil fãs bateu, uma barbaridade. O clássico pernambucano também decepcionou, mal passou dos 7 mil presentes. Já as quatro partidas dos grandes do RJ somaram pouco mais de 10 mil presentes. Pombas, FFERJ!!! Vamos aos dados deste fim de semana, que sempre ficam incompletos por faltarem diversas partidas.

44.839 (48.204) / R$ 1.937.749,00 - Grêmio 0 x 0 Internacional (Gaúcho + Primeira Liga) - Arena do Grêmio, Porto Alegre (RS)
21.499 / R$ 951.440,54 - Palmeiras 4 x 1 Capivariano (Paulista) - Allianz Parque, São Paulo
17.424 / R$ 339.050,00 - Atlético 4 x 1 Tombense (Mineiro) - Independência, Belo Horizonte
15.584 (18.119) / R$ 350.265,00 - Remo 1 x 1 Paysandu + 1 x 4 (Paraense) - Mangueirão, Belém
12.134 (16.136) / 449.740,00 - Coritiba 3 x 0 Paraná (Paranaense) - Couto Pereira, Curitiba
11.771 (12.522) / R$ 453.397,00 - São Paulo 1 x 3 São Bernardo (Paulista) - Pacaembu, São Paulo
9.795 / R$ 68.550,00 - Ponte Preta 0 x 1 XV de Piracicaba (Paulista) - Moisés Lucarelli, Campinas
9.635 / R$ 322.880,00 - Santos 2 x 0 Corinthians (Paulista) - Vila Belmiro, Santos
9.116 / R$ 88.230,00 - Santa Cruz 0 x 0 Central (Pernambucano) - Arruda, Recife
7.371 (7.761) / R$ 37.405,00 - Osasco Audax 2 x 0 Ituano (Paulista) - José Liberatti, Osasco
7.397 (7.438) / R$ 94.705,00 - Avaí 0 x 2 Criciúma (Catarinense) - Ressacada, Florianópolis
7.246 / R$ 53.145,00 - Botafogo 2 x 0 Mogi Mirim (Paulista) - Santa Cruz, Ribeirão Preto
7.041 / R$ 177.460,00 - Náutico 1 x 1 Sport (Pernambucano) - Arena Pernambuco, São Lourenço da Mata
6.239 / R$ 73.400,00 - Campinense 7 x 1 Esporte (Paraibano) - Amigão, Campina Grande
4.991 / R$ 78.815,00 - Anápolis 1 x 0 Atlético (Goiano) - Jonas Duarte, Anápolis
4.731 (5.108) / R$ 25.537,00 - Ceará 1 x 1 Maranguape (Cearense) - Castelão, Fortaleza
4.413 / R$ 48.650,00 - Joinville 2 x 1 Guarani (Catarinense) - Arena Joinville, Joinville
4.050 / R$ 78.590,00 - Bahia de Feira 0 x 2 Bahia (Baiano) - Pedro Amorim Duarte, Feira de Santana
4.013 (4.144) / R$ 30.462,00 - Vitória 2 x 0 Feirense (Baiano) - Barradão, Salvador
3.911 / R$ 43.080,00 - Santa Cruz 0 x 0 Botafogo (Paraibano) - Almeidão, João Pessoa
3.345 / R$ 5.435,00 - Salgueiro 3 x 0 América (Pernambucano) - Cornélio de Barros, Salgueiro
3.281 (4.168) / R$ 98.048,00 - Londrina 1 x 1 Atlético (Paranaense) - Vitorino Gonçalves Dias, Londrina
3.095 / R$ 24.497,00 - Goiás 1 x 0 Goianésia (Goiano) - Serrinha, Goiânia
3.041 / R$ 30.750,00 - Sousa 1 x 1 Treze (Paraibano) - Marizão, Sousa
3.020 / R$ 49.010,00 - Inter de Lages 1 x 2 Chapecoense (Catarinense) - Vidal Ramos Júnior, Lages
3.009 / R$ 51.465,00 - Moto Club 3 x 0 Cordino (Maranhense) - Castelão, São Luís
2.868 (3.976) / R$ 72.820,00 - Flamengo 3 x 1 Bangu (Carioca) - Raulino de Oliveira, Volta Redonda
2.626 / R$ 98.220,00 - Caldense 0 x 1 Cruzeiro (Mineiro) - Ronaldo Junqueira, Poços de Caldas
2.592 / R$ 33.820,00 - Juventus 0 x 0 Mirassol (Paulista A2) - Rua Javari, São Paulo
2.545 / renda não informada - Velo Clube 1 x 0 Atlético Sorocaba (Paulista A2) - Benito Agnello Castellano, Rio Claro
2.520 / R$ 46.870,00 - Flamengo 2 x 1 Fluminense (Baiano) - 2 de Julho, Guanambi
2.466 / R$ 40.275,00 - Taubaté 1 x 1 Votuporanguense (Paulista A2) - Joaquinzão, Taubaté
2.385 / R$ 15.145,00 - Rio Preto 1 x 2 Nacional (Paulista A3) - Anísio Haddad, São José do Rio Preto
2.215 (2.609) / R$ 53.180,00 - Fluminense 1 x 0 America (Carioca) - Los Larios, Duque de Caxias
1.978 (2.286) / R$ 21.840,00 - Guarany 0 x 2 Fortaleza (Cearense) - Junco, Sobral
1.858 (2.308) / R$ 33.330,00 - Batatais 2 x 2 Bragantino (Paulista A2) - Oswaldo Scatena, Batatais
1.810 (2.602) / R$ 15.013,00 - América 0 x 1 Alecrim (Potiguar) - Arena das Dunas, Natal
1.764 / R$ 29.450,00 - CRAC 3 x 1 Vila Nova (Goiano) - Genervino da Fonseca, Catalão
1.493 / R$ 15.270,00 - Auto Esporte 1 x 1 CSP (Paraibano) - Almeidão, João Pessoa
1.438 (1.560) / R$ 38.155,00 - PSTC 2 x 2 Operário (Paranaense) - Ubirajara Medeiros, Cornélio Procópio
1.422 / R$ 24.530,00 - União Barbarense 1 x 2 Portuguesa (Paulista A2) - Antônio Guimarães, Santa Bárbara D'Oeste
1.290 / R$ 25.560,00 - Tupi 0 x 1 Villa Nova (Mineiro) - Mário Helênio, Juiz de Fora
1.225 / R$ 12.250,00 - Red Bull Brasil 2 x 0 São Bento (Paulista) - Moisés Lucarelli, Campinas
1.191 (2.461) / R$ 28.160,00 - Bonsucesso 1 x 3 Vasco (Carioca) - Los Larios, Duque de Caxias
1.128 (1.374) / R$ 24.715,00 - Boavista 0 x 1 Botafogo (Carioca) - São Januário, Rio de Janeiro
1.068 (1.230) / R$ 26.840,00 - Toledo 3 x 0 Maringá (Paranaense) - 14 de Dezembro, Toledo
1.000 / R$ 15.280,00 - Marília 3 x 0 Paulista (Paulista A2) - Bento de Abreu, Marília

Os destaques pelo Brasil

Paulista (8 rodadas) - Um gol no começo, outro no fim, ambos do Ricardo Oliveira e o Santos fez a festa sobre o Corinthians para completar 38 jogos em Paulistões sem derrota na Vila Belmiro desde 2011. Nada especial para o Timão o jogo 2.500 no Estadual, quebrada foi sua invencibilidade do ano após 7 vitórias e 2 empates. Tite segue mal em Urbano Caldeira pela equipe: 1 vitória, 4 empates e 7 derrotas. Ao mesmo tempo, com Cristaldo e Allione no comando das picapes, o Palmeiras quatrilhou sem traumas o Capivariano e voltou a ganhar duas seguidas em casa depois de 6 meses (Figueirense e Grêmio em setembro de 2015). O vexame ficou para o São Paulo, que teve Calleri perdendo um pênalti e Ganso deixando um belo tento em seu jogo 200 pelo clube, mas viu o São Bernardo chegar à trinca viradora no quarto final de peleja. Dor de cabeça aos montes para Edgardo Bauza, que volta o time para enfrentar na quinta-feira o River Plate, que ontem "oxou" o clássico com o Boca Juniors. Quem tropicou foi a Ponte Preta ao ser vazada aos 31 do segundo pelo XV de Piracicaba, que não fez 2 x 0 pois o bandeirola marcou impedimento inexistente. Teve ainda o aguaceiro filha da mãe na vitória do Oeste sobre o Água Santa com mais de uma hora de paralisação, rodo, registro aberto, jogador ajudando a tirar a água... Bah!!! As classificações apontam isso: Grupo A com 15 do Santos e 13 do Linense; B com 12 do Palmeiras e 11 do Ituano; C com 13 de Ferroviária e São Paulo; e D com 17 do Corinthians e 13 do Red Bull Brasil. Lá embaixo, a Ponte Preta tem 9 pontos e está dentro dos seis que serão rebaixados, um ponto abaixo de Novorizontino e Botafogo.

Carioca (última rodada) - Levir Culpi assumirá o Fluminense positivamente, sim, classificado que o time está após derrotar o America, cujo goleiro Felipe praticou extraordinária defesa em cabeceio à queima-roupa do Diego Souza, mas não impediu a bomba do Magno Alves no cantinho. Se o Tricolor se deu bem, o Sangue se deu mal pois, além de perder, viu o Madureira empatar com o Resende e o Volta Redonda ganhar da Cabofriense. Nos cumprimentos de formalidades, o Botafogo derrotou o Boavista mesmo perdendo um pênalti, o Flamengo trincou o Bangu de virada com seu arqueiro Alex Muralha pegando uma penalidade máxima e o Vasco fez a mesma coisa no Bonsucesso na centésima jornada do Martín Silva. O Grupo A acabou com 20 do Vasco, 15 do Boavista, 13 do Fluminense e 11 do Bangu, enquanto o B teve 22 do Botafogo, 19 do Flamengo, 13 do Volta Redonda e 12 do Madureira. Enquanto estes jogarão a Taça Guanabara para definir os quatro semifinalistas, os demais disputarão a Taça Rio contra dois rebaixamentos. A primeira rodada da GB terá Fluminense x Botafogo, Vasco x Bangu, Flamengo x Madureira e Boavista x Volta Redonda no próximo fim de semana. Os outros clássicos também têm datas confirmadas: Flamengo x Fluminense em 19 ou 20/3, Vasco x Botafogo em 26 ou 27/3, Flamengo x Vasco em 30 ou 31/3, Botafogo x Flamengo em 2 ou 3/4 e Fluminense x Vasco em 17/4.

Mineiro (6 rodadas) - A Caldense não dá sorte quando recebe os grandes da capital. Ano passado, foi vice com a arbitragem favorecendo o Atlético; ontem, um gol irregular deu a vitória ao Cruzeiro. Por falar no Galo: 3 tentos do Robinho no quatrilho sobre o Tombense, o homem "chegou chegando". Como nem tudo em BH foi perfeito, o América perdeu para o Tricordiano não em Três Corações e sim em Muriaé. A classificação mostra 14 do Cruzeiro, 13 do Atlético, 12 de Villa Nova e Uberlândia (batido pelo lanterna Boa Esporte) e 10 do América. Superado em casa pelo Villa, o Tupi está bem mal e é somente 8° com 6 pontos, um acima da zona de risco.

Primeira Liga (3 rodadas) - Somente o resultado do Grenal valeu pela competição, nada mais. Isto é: mesmo sendo expulso nos acréscimos, Paulão poderá defender o Internacional na semifinal contra o segundo melhor 1° colocado, é mole? Até na várzea a coisa é mais responsável, onde é que nós estamos? Bom, se os vermelhos estão assegurados, os azuis ainda têm uma possibilidade. Com os mesmos 5 pontos e 2 gols a menos no saldo, o Grêmio ainda pode ser o melhor 2° colocado, desde que Fluminense e Figueirense, ambos com 3 pontos, apenas e tão somente empatem contra respectivamente Criciúma em casa e Flamengo fora.

Gaúcho (8 rodadas) - Tirando o gol incrível perdido pelo Luan e o do Sasha impedido pelo Pedro Geromel, foi mais um Grenal lamentável, mais brigado do que jogado. Anderson Daronco fez uma péssima arbitragem e deixou de aplicar vários cartões vermelhos, no mínimo mais três (que resultariam em 9 jogadores de cada lado): para William, pela cotovelada que afundou a mandíbula do Bolaños e o deixa fora de combate por no mínimo um mês, resultando em prejuízo seríssimo do Grêmio para a Libertadores - e sobretudo por isso creio ter sido a revolta da sua direção, que chamou o adversário de "criminoso", embora tenha chamado a atenção o avante permanecer em campo até o intervalo e só então isso ser observado (e péssimo isso também para o Equador na próxima rodada dupla pelas Eliminatórias da Copa do Mundo; para Maicon pela pisada que, por muitíssima sorte, não quebrou a perna do Rodrigo Dourado; e para Geromel por, fora do lance, pegar Aylon em lance para amarelo, que seria o segundo. Daronco é bom árbitro, mas ontem foi um "songa-monga". Por um lado, o Tricolor não é vencido em clássicos há 4 realizações desde 2014, e por outro lado, o Colorado não é superado em Gauchões há 10 confrontos desde 2012, ganhando 6 deles. Nos outros jogos, destaque para o Juventude derrotando o Brasil em Pelotas, o que tornará a próxima rodada interessantíssima por nela receber o São José, que deu uma de Betis contra o Granada ao bater o Novo Hamburgo com dois gols apenas depois dos 40 do segundo. O Zequinha tem 20 pontos e o Papo tem 19, depois vindo Grêmio com 16 e São Paulo e Inter com 15. O Xavante é décimo com 8 pontos.

Catarinense (1ª rodada do segundo turno) - Campeã do primeiro, a Chapecoense largou bem na tentativa de ser campeã direta ao quebrar a invencibilidade caseira do Inter de Lages. Em seus domínios, o Joinville derrotou o Guarani e o "Troféu Jumento" foi para Adriel, que tocou para trás sabe-se lá querendo o quê da vida e viu Juninho arrancar a altíssimos galopes feito alazão vencedor do GP Brasil, dominar e tocar por cima do goleiro. Na vitória do Metropolitano diante do Camboriú, o que mais repercutiu foi um vídeo de comemoração do Leonardo Moura no seu Instagram por, no fundo da imagem, aparecer um jogador de bunda descoberta. Já em Florianópolis, ninguém pode cornetar ninguém hoje pois a dupla perdeu. O Avaí teve quebrada uma invencibilidade de 5 partidas ao tomar ferro em seu reduto do Criciúma e o Figueirense foi superado pelo Brusque no interior.

Paranaense (8 rodadas) - Com direito a um pênalti que não me convenceu muito, o Coritiba deu de 3 no Paraná em casa e foi o vencedor da capital no domingo, já que o Atlético até teve seu primeiro gol de falta após 9 meses, anotado que foi pelo Vinícius, mas só empatou com o Londrina, ainda sem perder este embate como mandante há 7 realizações (5 ganhas). Duas partidas chamaram a atenção: o Cascavel vencia por 3 x 0 no primeiro tempo e o J. Malucelli chegou aos 3 x 3 no segundo; e o Operário ganhava por 2 x 0, mas o PSTC obteve a igualdade aos 40 e 46 da etapa final. Classificação: 18 do Paraná, 17 do Malucelli, 14 do Coritiba e 13 do Atlético.

Pernambucano (6 rodadas) - O Náutico saiu na frente em pênalti que não existiu e o Sport empatou, assim não conseguindo 6 vitórias seguidas no Clássico dos Clássicos, embora tenha perdido somente 5 dos últimos 14 (ganhando 8). O Santa Cruz "oxou" com o Central. Ao que temos: 13 pontos do Salgueiro, que trincou o América, e do Náutico; 10 do Sport; e 8 do Santinha. Enquanto isso, acabou o hexagonal do descenso e foram rebaixados Pesqueira e Porto, este em duelo direto com o Vitória das Tabocas, que empatou e foi aos 12 pontos, enquanto o time de Caruaru ficou com 11. Assim sendo, não teremos em 2017 o clássico Central x Porto.

Baiano (5 rodadas) - Duplo 2 x 0 de Salvador sobre Feira de Santana, tanto do Bahia sobre o xará no interior quanto do Vitória diante do Feirense na capital. A uma rodada do fim da primeira fase, sabidos são os oito que passam de fase (*um jogo a menos): 12 do Bahia*, 10 do Vitória, 9 de Galícia* e Jacobina, 8 de Flamengo e Fluminense e 7 de Juazeirense e Bahia de Feira. Já excluídos estão Feirense e Vitória da Conquista com 3 e Colo Colo e Jacuipense com 2. A porfia pendente de quarta-feira e a rodada do fim de semana que vem, que incluirá o Ba-Vi na Fonte Nova, servirão apenas ("apenas", seu bocó?) para definir a ordem das quartas-de-final.

Cearense (primeira rodada da segunda fase) - O Ceará saiu atrás e chegou ao empate com o Maranguape.

Alagoano (8 rodadas) - O CRB deu de 4 no Sete de Setembro e segue líder do Grupo B com 19 pontos.

Maranhense (volta da semifinal do turno) - Os vencedores das idas confirmaram suas vantagens, bem mais tranquilo o Moto Club sobre o Cordino e mais suado o Maranhão contra o Sampaio Corrêa, pro qual perdia por 3 x 1 até 42 do segundo, quando vieram a diminuída e o empate. Detalhe: o primeiro gol do MAC foi de Gilliard, o que explica ser terminantemente proibido hoje falar em "pulga" e "percevejo" no Bolívia Querida.

Paraibano (7 rodadas) - Dele veio a goleadaça do fim de semana: o Campinense foi a Alemanha e o Esporte foi o Brasil. Sacou, né? Trincas do Rodrigão e do Adalgiso Pitbull para dar 17 pontos ao líder do Grupo A.

Goiano (9 rodadas) - Do trio da capital, só o Goiás sorriu ao vencer o Goianésia, já que o Vila Nova teve rompida pelo CRAC uma sequência de 9 compromissos sem tombo e o Atlético não está mais invicto por ser superado pelo Anápolis. Grupo A liderado pelos 20 pontos do Goiás e B com 18 do Atlético e 13 do Vila.

Mato-grossense (8 rodadas) - Também neste teve invicto derrotado. Apesar de perder pro Cacerense aos 44 do segundo distante de sua gente, o Luverdense ainda lidera o Grupo Norte com 17 pontos.

Paraense (final do turno) - Pênaltis foram necessários devido ao 1 gol de cada equipe nos 90 minutos e, neles, Marcão foi "o cara" para o Paysandu. Ingressado na segunda etapa depois que Emerson foi expulso, ele catou duas penalidades máximas que fizeram o Remo perder por 4 x 1. Papão no mínimo já na final.

Os destaques da Europa

Espanha (28 rodadas) - O Barcelona não teve Neymar suspenso, mas quatrilhou o Eibar com dois do Messi e um do Suárez (e um do Munir, antes que algum chatonildo queira saber como alguém faz 3 gols e vence por 4 x 0). São 72 pontos para os catalães contra 64 do Atlético de Madrid, que venceu o Valencia, e 60 do Real Madrid, que deu uma de Campinense sobre o Esporte (não resisti... rs) ao enfiar 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7 x 1 no Celta com quatro só do Cristiano Ronaldo, que agora tem 352 tentos pelos merengues em 335 comparecimentos.

Itália (28 rodadas) - A Juventus ganhou da Atalanta e tem 64 pontos contra 61 do Napoli, que venceu o Chievo.

Inglaterra (29 rodadas) - Será que teremos um campeão fora dos "mais-mais"? O Leicester fez sua parte ao dar de ombros pro Watford na casa dele e chegou aos 60 pontos contra 55 do Tottenham e 52 do Arsenal, empatados no clássico de Londres. Estamos prestes a testemunhar algo que dificilmente depois se repetirá.

Alemanha (25 rodadas) - O Bayern de Munique é campeão da Bundesliga. Sim, posso ser louco, maluco, débil, um legítimo retardado ao afirmar uma sandice dessas com 13 rodadas por disputar. Mas pensa bem: a chance do Borussia Dortmund era agora. Era derrotar os bávaros e ficar a apenas dois pontos deles. Só que "oxou" e segue a 5 pontos deles (63 x 58). O Bayern só depende dele e acho mais fácil a Giovanna Antonelli fazer apenas para mim um strip-tease que nem o da Atena em "A Regra do Jogo" do que o Borussia superá-lo.

França (29 rodadas) - O Paris Saint Germain empatou sem gols com o Montpellier, mas o Monaco tomou o 2 x 2 do Caen aos 45 do segundo. Com 74 x 51 de distância, o PSG poderá ser campeão já na próxima rodada.

Portugal (25 rodadas) - O Sporting não perdia em casa por torneios nacionais desde maio de 2014, mas coube ao Benfica encerrar esta escrita para superá-lo na classificação, que mostra agora 61 pontos dos encarnados e 59 dos lisboetas. Mais atrás está o Porto, que saiu perdendo para o Braga e rendeu um epílogo eletrizante: empatou aos 41 minutos do segundo tempo, tomou o desempate aos 44 e o terceiro e definitivo aos 49.

Curtinhas

*Kaká cortado devido a uma lesão muscular e Roberto Firmino chamado pelo Brasil para os jogos contra Uruguai e Paraguai no fim deste mês pelas Eliminatórias. Não deveria nem ter sido chamado inicialmente o Kaká.

*A má da A2 paulista: aquilo de liberdade para protestos era conversa pra boi dormir da Federação? Afinal, tiraram à força faixas da torcida do Juventus no jogo contra o Mirassol tanto contra a entidade quanto contra o deputado estadual Fernando Capez, acusado de benefícios em superfaturamentos da merenda escolar em SP.

*A boa da A2 paulista: finalmente o Marília voltou a vencer no Bento de Abreu, aleluia!!! Com o êxito diante do Paulista, encerrada foi uma seca de mais de 700 dias, vinda desde ainda também a A2 em 2014.

*Coisas do Acre: enquanto o Alto Acre começou o jogo perdido para o Rio Branco com um jogador a menos pois Mauro Maia chegou atrasado ao estádio por sair tarde do seu trabalho em auto-peças de veículos, o treinador do Amax só se tocou que seu time teve um jogador expulso na derrota para o Atlético quando perguntado sobre isso na coletiva pós-jogo. Na boa, Afonso Alves: como é que tu não percebes uma expulsão???

*Basquete: nos 117 x 115 do Toronto Raptors sobre o Portland Trail Blazers, DeRozan entrou para a história ao ser o primeiro jogador da história da NBA a converter 24 lances seguidos numa mesma partida.

*Ciclismo de pista: 18° no Mundial de Londres, Gideoni Monteiro ficou em 15° no ranking e confirmou vaga nos Jogos do Rio de Janeiro, a primeira do Brasil em Olimpíadas desde Fernando Louro em 1992.

*Rúgbi: evento-teste para a Olimpíada do Rio, o Sul-Americano de Sete teve o Brasil campeão mais uma vez ao ganhar seus seis jogos, o derradeiro diante da Argentina por 27 x 5. Nos homens, Brasil x Argentina aconteceu na última rodada do Campeonato das Américas e os argentinos, que chegaram neste jogo já como campeões, venceram por 42 x 7. Os brasileiros ficaram em penúltimo entre 6 seleções.

*Natação: ouro para Thiago Pereira nos 200 metros medley do Grand Prix de Orlando com 1min59s82.

*Futsal: final gaúcha na Taça Brasil depois dos 5 x 2 da ACBF no Corinthians e dos 3 x 0 da Assoeva sobre Minas. O título ficou pra equipe de Carlos Barbosa, 2 x 1 na adversária de Venâncio Aires.

*Vôlei: as quartas-de-final da Superliga Feminina terão Rexona/Ades x Pinheiros, Praia Clube x SESI, Minas Tênis x Rio do Sul e Vôlei Nestlé x Brasília Vôlei. Confrontos realizados em melhor-de-três.

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Depois de Cagê Lisboa e Beto Xavier, mais um importante nome saído da RBS volta ao rádio através da União FM de Novo Hamburgo: agora é a vez da Denise Cruz, que deixou a firma após 19 anos tendo como principais momentos a comunicação da Itapema FM e a apresentação do "Supersábado" na Gaúcha. Falta saber em quais horários específicos ela estará, mas o dia da estreia está confirmado: 21 deste mês. Boa!

*O tempo se mostrará senhor da razão para Paulo Alceu, que há mais de um mês vem falando em venda das operações da RBS em Santa Catarina. Intensificadas foram neste fim de semana as informações neste sentido através de veículos e profissionais como Portal Making Of, José Luiz Prévidi, Felipe Vieira e Lauro Jardim. Consta que girará em torno de uma bilha de "dilmas" a negociação que fará os veículos catarinenses da Rede Brasil Sul deixarem de pertencer à família Sirotsky para serem comandados em 75% por Carlos Sanchez, empresário do Laboratório EMS, e em 25% Lírio Parisotto, empresário do grupo Videolar.

*Publicou Felipe que os advogados concluíram às 22h deste domingo o acordo que fechou o negócio, conforme lhe dito por um diretor executivo da RBS, apenas não sendo de imediato que os novos proprietários assumam a rede pois a transação deve passar por CADE e Ministério das Comunicações, o que fará o executivo de transição ser Mário Neves. Presente em Santa Catarina há 36 anos, a Rede Brasil Sul possui estes veículos em SC: as TVs RBS em Florianópolis, Joinville, Chapecó, Criciúma, Blumenau e Joaçaba; a TVCOM em Florianópolis; a rádio CBN/Diário de Florianópolis; as rádios Itapema FM de Florianópolis e Joinville; as rádios Atlântida de Florianópolis, Criciúma, Chapecó, Joinville e Blumenau; e os jornais Diário Catarinense e Hora de Santa Catarina, ambos de Florianópolis, Jornal de Santa Catarina em Blumenau e A Notícia em Joinville.

*Rolou protesto ontem pela manhã em frente à sede da Globo no Rio de Janeiro, promovido por apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que reclamam da cobertura da emissora em fatos como a Operação Lava-Jato por achá-la claramente contra Lula. Fotos circularam nas redes sociais o dia inteiro, mas não chegaram a fazer uma estimativa de quantos presentes, embora os organizadores esperassem mil pessoas por lá.

*Maternidade no SBT em São Paulo: grávida a bonitissississíssima Patrícia Rocha, do "Jornal do SBT" (vivos da manhã) e do "Jornal da Semana". Já bem visível sua barriga, não demora muito e o bebê chegará.

*Segunda-feira dos 10 anos do fim de "Vida de Artista", a série própria do personagem Joey Tribbiani, mas que em momento algum fez o mesmo sucesso dele em "Friends". Foram 46 episódios em duas temporadas.

Bela do Dia: Bruna Dealtry

Bruna Dealtry, repórter do Esporte Interativo no Rio de Janeiro. Sorridente assim ela está por saber que veio à principal seção deste PB. (bom seria se assim fosse...)

*Bryan Cranston chegando aos 60 anos. Além do Walter White de "Breaking Bad", que lhe rendeu quatro prêmios Emmy de melhor ator de TV, ele foi o Hal de "Malcolm" e o Tim Whatley de "Seinfeld".

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Clipe do Dia

70 anos hoje em dose dupla: do Matthew Fisher destaco de 1967 "A Whiter Shade of Pale", do Procol Harum, cabendo a Matthew o inesquecível solo de órgão; e do Peter Wolf mostro de 1981 o sucesso "Freeze-Frame", da The J. Geils Band, da qual o ex-marido da Faye Dunaway foi vocalista de 1967 a 1983.

Antes do Arremate...

...um reforço sempre válido: este Papo de Bola - o Site precisa de patrocinadores para se manter no ar, por não ser apenas o custo da hospedagem o necessário para tanto e sim outros ainda maiores. Se você quiser anunciar nestes escritos, clique aqui e dê uma olhada nas maneiras de como fazê-lo que muito bem vindo serás e muito agradecido ficarei. Também continuo forçosamente adotando o "Ajude o PB", de colaborações avulsas.

Arremate

Semana de Libertadores com os cinco brasileiros em campo, três na quarta-feira e dois na quinta.

"24 Horas" volta antes que estas pugnas renhidas tenham inícios autorizados!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.