.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Quinta, 29 de outubro de 2015 - ANO 13, EDIÇÃO 38
É paulista a final da Copa do Brasil

Bateram direitinho com o que projetei na coluna de ontem as partidas que definiram os finalistas do mata-ou-morre nacional. O desequilíbrio persistiu no clássico paulista e a indefinição no duelo RJ/SP foi até os confins das desta vez não tão tensas penalidades máximas por nelas surgir o desequilíbrio. Agora é esperar um mês para saber qual dos finalistas voltará a conquistar o título, adiada que efetivamente foi a decisão para 25 de novembro e 2 de dezembro, o que não a deixará espaçada em 3 semanas e sim em duas consecutivas. Quinta-feira de definição da ordem dos mandos de campo entre Vila Belmiro e Allianz Parque. Aos destaques dos jogos:

Palmeiras 2 x 1 Fluminense: emoção até o fim

Dois gols em dois minutos deixaram o Verdão com a mão na vaga, ambos anotados pelo Barrios, que completou uma grande quarta-feira marcada pela sua chamada pelo Paraguai para enfrentar Peru e Bolívia, nos dias 13 e 17, pelas Eliminatórias. O segundo surgiu de uma penalidade polêmica e que talvez absolva a arbitragem pois nem de longe houve consenso, muitos achando que a falta foi apenas fora da área e tantos achando que ela terminou dentro da área e não antes dela. Mesmo descontado fisicamente, Fred deixou sua marca e recolocou o Fluzão na parada com a única derrota que asseguraria a disputa por pênaltis. Mas por pouco ela não aconteceu pois nos pés do artilheiro esteve a classificação visitante. Uma defesa heróica do Fernando Prass garantiu os tiros livres. Neles, o aproveitamento paulista foi de 100% sem precisar do quinto chute, visto que os cariocas perderam duas das suas três cobranças por uma delas ser detida pelo Prass e outra parar na casa da mãe do Gum, que se mostrou uma "arma" descalibrada (espero que tenham sacado o trocadilho ao qual não resisti).

Campeão em 1998 e 2012 e vice em 1996, o Palmeiras chega à sua quarta final a exemplo do treinador Marcelo Oliveira, que deseja finalmente vencer a Copa do Brasil após três vices (dois pelo Coritiba e um com o Cruzeiro). A equipe não empata há 7 partidas e venceu 3 delas, voltando a ganhar como mandante após duas derrotas e tendo 4 êxitos nos últimos 6 mandos, com uma derrota nas últimas 8 presenças no Parque e 6 delas triunfantes. Em seu estádio, o alviverde tem neste ano 21 vitórias, 4 empates e 5 derrotas. Fracassado numa semifinal pela primeira vez, o Fluminense faturou uma das últimas 4 pelejas e não empata há 6, perdendo 4 delas, além de fracassar há 8 visitas com 6 baixas, ganhando uma das últimas 13, nas quais batido 10 vezes. Eduardo Baptista não se dá bem nas casas dos oponentes de jeito nenhum. Lembrado sou pelo Júlio Cardoso, do FutDados, que "Nelsinho Júnior" tem agora 21 visitas seguidas sem vitória desde os tempos do Sport, 10 deles perdidos. Na última vez que o pó-de-arroz sorriu na cancha adversária, Enderson Moreira o treinou diante do Paysandu.

Santos 3 x 1 São Paulo: se não tira o pé...

Nem tínhamos meia hora na Caldeira do Urbano e a vantagem que já era muito boa ficou indesmanchável quando o Peixe marcou 3 vezes, uma delas num golaço maravilhoso do Marquinhos Gabriel e as outras duas com um dos principais nomes do futebol brasileiro em 2015: Ricardo Oliveira, que lembrarão que chegou desacreditado ao clube no início do ano e com contrato de poucos meses por produtividade. Resposta dada: 35 tentos em 10 meses. Quando Michel Bastos diminuiu, ninguém estava mais nem aí pro San-São, nem sequer a Dalila. (perdão, não resisti) Rogério Ceni também já não estava mais na relva, trocado que foi no intervalo pelo Dênis por lesão. Até a política do Tricolor roubou a cena da bola rolando na etapa final quando foi noticiada pelos setoristas a saída do gerente de futebol José Eduardo Chimello, responsável por contratar Doriva nos "finalmentes" da gestão de Carlos Miguel Aidar. Retornado está Gustavo de Oliveira como diretor executivo remunerado.

Finalistas pela segunda vez em 5 semifinais, buscando reprisar o topo do pódio atingido em 2010, os alvinegros não perdem há 4 porfias com 3 êxitos e caíram uma vez nas últimas 11, das quais 8 faturadas. São 15 vitórias consecutivas (14 na Vila Belmiro) como mandante, condição na qual o clube tem 28 vitórias, 4 empates e 1 derrota nesta temporada. São números que se impuseram ante a necessidade adversária de ter que marcar três ou mais gols de diferença ou dois a partir de 4 x 2, algo que nem sequer de perto foi notado e muito menos era pelos torcedores apostado - com razão, como vimos. Outra: está difícil segurar o ataque santista. Em 6 das últimas 8 atuações, os comandados do Dorival Júnior balançaram as redes inimigas em 3 oportunidades. Da parte são-paulina, são 3 eliminações em 4 semifinais e segue sendo esta a última grande conquista que falta no vencedor currículo da agremiação. Tanto no geral quanto longe de sua gente, o índice aponta uma vitória nas últimas 5 presenças, 3 delas derrotadas. Mais: sétimo mata-ou-morre seguido com San-São no qual se deu mal, os anteriores sendo no Brasileiro de 2002, na Sul-Americana de 2004 e em quatro Paulistões.

"Prévia" no próximo domingo

Chegamos à terceira final estadual de Copa do Brasil, depois dos títulos de Flamengo sobre o Vasco em 2006 e Atlético Mineiro diante do Cruzeiro em 2014. Nas 26 edições anteriores, o futebol do estado de São Paulo chegou em 12, com saldo de 8 títulos (Corinthians contra Grêmio em 1995, Brasiliense em 2002 e Internacional em 2009; Palmeiras contra Cruzeiro em 1998 e Coritiba em 2012; Santo André contra Flamengo em 2004; Paulista contra Fluminense em 2005; e Santos contra Vitória em 2010) e 4 vices-campeonatos (Palmeiras em 1996 e São Paulo em 2000 ambos para Cruzeiro; e Corinthians para Grêmio em 2001 e Sport em 2008).

No próximo domingo, em simultâneo ao mais comentado Atlético x Corinthians, teremos uma "prévia" da decisão da Copa do Brasil pois, numa dessas coincidências da vida, justamente Santos e Palmeiras estarão frente a frente pelo Campeonato Brasileiro - e não é um clássico sem valor pois ambos estão na zona que leva para a Libertadores, que tem no mínimo G4 assegurado e que, dependendo da CB, pode ter G5.

Acabou para nós a Sul-Americana

Infelizmente, os dois brasileiros que restaram foram eliminados, embora um deles ganhasse o seu jogo.

Primeiro, o Atlético Paranaense não repetiu a quarta-de-final da Libertadores de 2005 contra o Cerro Porteño e derrotado foi pelo Sportivo Luqueño por dobro a nada, anulando o 1 x 0 vantajoso inicial. Marcador aberto em um golaço do Ortega chapelando Vilches e encobrindo Weverton, maravilhoso mesmo. A 10 minutos do término, um pênalti inexistente originou o tento decisivo - isto é: a falta aconteceu, isto é indiscutível, mas foi um ou dois centímetros fora da linha da área, como comprovado com exatidão foi pela câmera atrás da baliza na ponta esquerda. O Furacão voltou a perder após duas vitórias seguidas e ganhou 3 das últimas 14 partidas, perdendo metade delas, obtendo um êxito nas últimas 7 visitas, das quais 4 fracassadas. Não deu para repetir a edição de 2006, quando o rubro-negro foi semifinalista e parou no Pachuca, que seria o campeão.

Depois, não faltou empenho e luta da parte da Chapecoense, que saiu na frente com Bruno Rangel e tomou o empate antes do intervalo. Isto tornou necessária a marcação de mais dois gols, somente outro sendo obtido. Várias chances para a proeza que renderia as penalidades máximas foram criadas, mas acertadas de poste salvaram a pele do River Plate, que passou de fase com 4 x 3 no agregado. Aconteceu que nem na Libertadores de 2006, quando o interiorano brasileiro (Paulista de Jundiai à ocasião) perdeu na Argentina, mas ganhou em seu estádio, naquela vez na fase de grupos. Valente Chapecoense, que sai de cabeça erguida e motivada para lutar contra o rebaixamento no Brasileirão. Os verdes perderam apenas um dos últimos 6 jogos e venceram metade, invictos em casa há 4 realizações, o que não ocorria desde junho/julho. Passou o favorito, mas passou sem facilidade. E mesmo sem a semi, a vitória sobre um "major" mundial merece ser eternizada.

Pelo segundo ano consecutivo, o Brasil fica de fora das finalíssimas dos torneios Conmebol. A penúltima fase da Sul-Americana ainda pode ter um redirecionamento. Hoje, o Santa Fe defenderá uma vantagem de 1 x 0 diante do Independiente. Se os colombianos passarem, eles é que enfrentarão o Sportivo Luqueño pois o River pegará o Huracán para evitar uma decisão entre clubes do mesmo país - que, no entanto, ainda pode acontecer se o clube de Avellaneda se classificar pois teríamos Independiente x Huracán e River x Luqueño. Um argentino já estaria confirmado na decisão, na primeira vez que esta inevitável situação efetivamente aconteceria desde que a regra do redirecionamento foi adotada após as duas finais brasileiras de Libertadores. Além disso, outra situação inédita ainda é possível: River campeão da Libertadores e da Sul-Americana no mesmo ano. Como ficaria a Recopa no ano seguinte? Tempo tem para a Conmebol pensar no que fazer se isso ocorrer.

Africanos no caminho brasileiro

Com sufoco ao converter um pênalti nem digo na troca do sinal amarelo para vermelho e sim além disso, o Brasil eliminou a Nova Zelândia nas oitavas-de-final e continua na Copa do Mundo de Juvenis realizada no Chile. Pela frente estará no próximo domingo a atual campeã Nigéria, que esmagou a Austrália por sena a nada.

Curtinhas

*Começando hoje para as brasileiras a Libertadores Feminina na Colômbia, sendo os desafios iniciais das nossas representantes São José x Estudiantes da Venezuela e Ferroviária x Espuce do Equador.

*O Flamengo afastou e multou Marcelo Cirino, Paulinho, Everton, Alan Patrick e Pará por estarem numa festa pra lá de animada após o treinamento de terça-feira. Os jogadores dizem que foram ao aniversário de um amigo e que não houve nem prostitutas, nem colchão e nem nada do que foi divulgado. Que confusão, rapaz...

*Se não fosse afastado, Pará poderia defender o Flamengo aqui em Porto Alegre no domingo, acertadas as direções dele e do Grêmio para os emprestados de um para outro e vice-versa atuarem normalmente. A ver se mantido este combinado será ou se o rubro-negro impedirá Erazo de defender os tricolores.

*Jogadores que estão no elenco principal do Internacional foram observados ontem por Argel e colegas titulares no Beira-Rio. A equipe B perdeu a Copa Valmir Louruz (um dos torneios de segundo semestre da Federação Gaúcha) para o São José ao empatar por 1 gol, depois de perder a ida por 2 x 0 no Passo D'Areia.

*Duas baixas no Joinville até o fim deste ano: William Popp e Ricardo Bueno. Lesões nos joelhos esquerdos.

*Obtido pelo Bahia um efeito suspensivo que permitirá ao Kieza enfrentar o Botafogo no sábado. Nem estranho.

*O Sampaio Corrêa antecipou em dois meses sua eleição presidencial e o atual mandatário Sérgio Frota, no comando tricolor desde 2008, foi aclamado pelos conselheiros para mais dois anos.

*Não é à toa que chamo o palco futebolístico de Mogi Mirim de "estádio de mil e um nomes". Vão mudar mais uma vez seu nome, é mole? Sairá de cena o Romildo Ferreira e entrará o mais votado pelos torcedores no site oficial a partir de três finalistas que serão os mais citados por sugestões dos mesmos também na web.

*Lembra do Romerito? Não o primeiro, que foi campeão brasileiro pelo Fluminense, e sim o segundo, que venceu a Copa do Brasil por Santo André e especialmente Sport. Ele se aposentou dos gramados este ano após defender a Aparecidense na Série D, mas começará a ser treinador a partir do Goianésia no Estadual de 2016.

*Ainda técnicos: Milton Mendes, ex-Atlético Paranaense, foi pro Japão comandar o Kashiwa Reysol.

*Depois de três empates, Jurgen Klopp ganhou a primeira pelo Liverpool com um gol suficiente para eliminar o Bournemouth da Copa da Liga Inglesa, da qual o Manchester United foi excluído pelo Middlesbrough. Unf...

*Dois grandes nomes do futebol da Holanda nos anos 1990 e 2000 completando 45 anos nesta quinta-feira: Van der Sar e Cocu. O ex-goleiro levantou taças por Ajax (uma Intercontinental diante do Grêmio em 1995, uma Liga dos Campeões, uma Copa da UEFA, uma Supercopa da Europa, quatro Holandeses e três Copas da Holanda) e Manchester United (um Mundial, uma Liga dos Campeões, quatro Ingleses, duas Copas da Liga Inglesa e três Supercopas da Inglaterra). Já o ex-centro médio venceu um Espanhol pelo Barcelona e muito mais pelo PSV Eindhoven (quatro Holandeses, duas Copas da Holanda e duas Supercopas da Holanda, isso como jogador, ao que se somou a última edição do Campeonato Holandês vencida por ele como treinador).

*Joseph Blatter dizendo à agência russa TASS que a Rússia já estava acertada cinco anos antes do anúncio oficial para sediar a Copa do Mundo de 2018. Cara, não sei se é cansaço meu ou o quê, mas não consigo mais me impactar com tudo que surge nesse terreno do lamaçal da FIFA, talvez por já ser esperado.

*Ginástica artística: o Brasil ficou em último na decisão por equipes masculinas no Mundial em Glasgow ao marcar 259.577 pontos. Ouro do Japão (270.818), prata da Inglaterra (270.345) e China (269.959).

*Basquete: temos os grupos semifinais da Liga Sul-Americana. Um deles acontecerá em Montevidéu e terá o Brasília contra o anfitrião Malvín e os argentinos Obras Sanitarias e Quilmes. Outro será em Basquisimeto, na Venezuela, com o anfitrião Guaros e o tangueiro San Martín desafiados por Franca e Mogi das Cruzes. A chave dos candangos será disputada de 10 a 12 de novembro e a dos dois paulistas entre 17 e 19 do mesmo mês.

*Vôlei: mesmo tomando 3 sets a 1 do Zenit Kazan (25/20, 25/18, 19/25 e 25/20), o Sada Cruzeiro se classificou para a semifinal do Mundial de Clubes pois terminará no segundo lugar esta fase. Seu adversário na semifinal de sábado sairá hoje do embate entre o Paykan do Irã e o UPCN da Argentina.

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Rádio de Porto Alegre: leio no Felipe Vieira que, depois do "Alemão" Vitor Hugo, mais uma voz marcante da antiga Ipanema FM passará a comunicar pela Unisinos FM a partir de novembro: Kátia Suman, que apresentará o programa "Talk Rádio" das 12h às 13h. Ultimamente, ela tem sido escutada na internet pela web Elétrica, na qual seguirá com sua atração, agora veiculada também em FM 103,3 a partir da sempre tradicional Feira do Livro, que acontecerá na Rua da Praia, no Centro da cidade, de amanhã até o dia 15 deste mês.

*Em Pernambuco, a Jornal divulgou ser a rádio mais escutada das 5h à 0h na região metropolitana do Recife ao obter uma audiência média de 64.591 ouvintes por minuto (42.508 em FM e 22.083 em AM). A partir do dia 16, a emissora terá um novo comunicador em sua equipe jornalística geral: Ciro Bezerra, que deixou a Olinda AM e que unificará as mídias eletrônicas do Sistema Jornal do Comércio pois dele já fazia parte através da TV Jornal, apresentador que é do programa "O Povo na TV" às 18h20 locais (19h20 DF), depois do "Chaves".

*Leio no Auvaro Maia que Luiz Megale e Paulo Galvão são escutados no AM 820 de Goiânia. O programa "Tarde Premiada" deixou a grade local da Rádio Bandeirantes pois o radialista e vereador Gleison Flávio entregou de volta o horário para a emissora por falta de tempo para se dedicar à mesma. Assim, sem outra atração regional para a faixa das 14h às 16h, optaram pela primeira metade do "Rádio Livre" via Bandsat.

*Uma engraçada do jornalismo local da Globo no interior de SP: sei pelo NaTelinha que a repórter Thaís Andrioli tomou um tombo ao vivo no "TEM Notícias" do meio-dia de ontem, na TV TEM de Bauru, quando a pauta era levitação, para a qual um especialista era entrevistado. Thaís passou por cima de mesas e cadeiras, mas caiu no chão e preocupou o apresentador Evandro Cini. Rapidamente, a repórter garantiu estar bem e brincou com aquilo ao dizer que foi andando no improviso e "quase matou a si mesma" ao vivo.

*Uma tristíssima do jornalismo local da Globo no interior de SP: com apenas 30 anos, morreu de falência múltipla dos órgãos o repórter e apresentador João Gabriel Bressan, da TV Fronteira de Presidente Prudente e ex-Diário de Mogi das Cruzes, que apresentou de 2012 a 2014 o "SPTV" de Prudente ao meio-dia. Ele estava internado desde 10 de setembro com anemia e tinha a saúde fragilizada desde o ano passado.

*Leio no Daniel Castro sobre ciúmes que despertaria em colegas da Globo Brasília o repórter Marcelo Cosme, que cobriu a chegada do extraditado Henrique Pizzolato, pois ele faria a linha "repórter gato bombado e de barba" da qual são apontados como principais representantes Phelipe Siani em São Paulo e Danilo Vieira no Rio de Janeiro, repórteres que têm aparecido bastante há alguns meses nos noticiários de rede, notadamente Siani no "Jornal Nacional". Apenas uma coisa: diferentemente do constado na matéria do DC, o conterrâneo Marcelo não pode ser considerado "novato", com ou sem aspas. Na ativa ele está desde 1999 a partir da RBS TV, primeiro na sua Rio Grande, depois vindo para Porto Alegre em 2001 e transferido para a capital federal a partir de 2006, começando na sucursal da própria RBS, passando para a Band em 2008 e por fim a Globo de 2010 até hoje.

*O lançamento é só na próxima terça, mas o serviço de vídeos Globo Play já pode ser acessado clicando aqui. Os vídeos estão disponíveis em cinco qualidades: 240 pixels e 464 kpbs, 360p e 750 kbps, 360p e 1264 kbps, 480p e 1864 kbps e 720p e 2564 kpbs. Obrigado ao "rubro-negro itapolense" Alef de Lima pela dica.

*Leio no Flávio Ricco que Renata Veneri, que apresenta o "Em Forma" da BandNews FM e que já foi executiva da Bradesco Esportes FM, assumiu a edição executiva do "Café com Jornal" na Band no lugar de Erick Melo.

*Outra da Band: a partir deste fim de semana, o "MasterChef Júnior" será reprisado às 15h dos sábados.

*Leio no Flávio Ricco que um ex-"CQC" voltará à telinha em janeiro. Ronald Rios agora é da TV Gazeta de São Paulo e inicialmente apresentará um especial em seis episódios sobre a história do rap no Brasil.

*Dedico esta a Vinny Sacramento: leio no Fernando Oliveira que a capa da VIP de novembro trará a ganhadora da tradicional eleição da mulher mais sexy do mundo. Este ano, deu Anitta na cabeça.

*55 anos hoje da ex-atriz Lídia Brondi, que fez várias novelas na Globo nos anos 70 e 80, as mais notáveis sendo "Roque Santeiro" e "Vale Tudo". Em breve, o Viva reprisará a última atuação dela: "Meu Bem, Meu Mal". Depois disso, Lídia largou a dramaturgia em definitivo. Ela é casada com Cássio Gabus Mendes.

*Cláudio Mamberti faria 75 anos nesta quinta se não falecesse em 2001. Irmão de Sérgio Mamberti, ele esteve em muitas peças teatrais, em filmes como "O Quatrilho" e em novelas como "A Viagem" (Globo).

*Dia dos 85 anos do nascimento de Geraldo Del Rey, que morreu em 1993, um ano antes tendo em "Pedra Sobre Pedra" seu último trabalho na televisão, na qual esteve em diversas emissoras ao longo das décadas. No cinema, fez filmes como "O Pagador de Promessas" e "Deus e o Diabo na Terra do Sol". Nos anos 60, Geraldo foi casado com Tânia Carvalho, a grande dama da televisão aqui do Rio Grande do Sul.

Bela do Dia: Thábata Mendes

Thábata Mendes, cantora que foi escolhida pelo Chimbinha como nova vocalista do Calypso em substituição à Joelma. Que tal?

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Clipe do Dia

Fazendo 70 anos hoje Melba Moore, cantora destacada aqui com "This Is It", discoteca de 1976. Cabe observar que, diferentemente do constado em vários referenciais internet afora (nos quais caí por um bom tempo), não é Melba que canta "Aquarius" na versão cinematográfica de "Hair" em 1979, mas sim Renn Woods.

Antes do Arremate...

...um reforço sempre válido: este Papo de Bola - o Site precisa de patrocinadores para se manter no ar, por não ser apenas o custo da hospedagem o necessário para tanto e sim outros ainda maiores. Se você quiser anunciar nestes escritos, clique aqui e dê uma olhada nas maneiras de como fazê-lo que muito bem vindo serás e muito agradecido ficarei. Também continuo forçosamente adotando o "Ajude o PB", de colaborações avulsas.

Arremate

José Maria Marin extraditado da Suíça para os EUA. Quando? Não dirão por questões de segurança.

"24 Horas" volta antes ou depois do sem vergonha desembarcar em solo estado-unidense!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia") e editor do blog "Papo Final" no Final Sports.

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com
BLOG NO FINAL: papofinal.final.com.br


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.