.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Segunda, 26 de outubro de 2015 - ANO 13, EDIÇÃO 35
Tri legal esse Hamilton!

Uma das melhores corridas da Fórmula 1 em 2015 coroou a obviedade das obviedades: Lewis Hamilton campeão de Fórmula 1 pela terceira vez - e mesmo sendo uma temporada com um vencedor bastante antevisto como ele, não dá para dizer que é uma temporada ruim pois temos boas disputas (é que muita gente não dá mais bola pra categoria depois que o Brasil ficou "secundariamente secundário" após a saída do Felipe Massa da Ferrari). Essa dos Estados Unidos foi bem boa, com disputas muito interessantes inclusive pela liderança, uma delas dando ao britânico a combinação necessária para o título na falha cometida pelo Nico Rosberg, que ficou arrasado não só por dentro, mas também por fora devido à disputa interna muito forte em nervos, mas desigual na pista.

Hamilton se iguala na condição de tricampeão de F-1 ao ídolo Ayrton Senna e a Nelson Piquet, Niki Lauda, Jackie Stewart e Jack Brabham, ficando atrás apenas das 4 conquistas de Alain Prost e Sebastian Vettel, das 5 de Juan Manuel Fangio e das 7 de Michael Schumacher. Tá "mal" acompanhado ele, né? Aliás, uma curiosidade: na vez última que a categoria teve um tricampeão antes deste ano, Vettel atingiu a condição aqui no Brasil em 2012 numa corrida vencida por quem? Justamente Hamilton, que agora celebrou o feito terminando o GP da coroação em primeiro lugar, seguido de Keke Júnior e do próprio Sebastian. São 327 pontos na classificação, o que torna impossível a superação de Vettel com 251 e Rosberg com 247. Dos brasileiros Felipes, nono lugar pro Nasr e abandono do Massa. A Fórmula 1 voltará às pistas no domingo que vem, no México, e agora terá três GPs meramente amistosos (os outros aqui no Brasil e o derradeiro nos Emirados Árabes).

O "bão" da raquete

Belo Horizonte dominou o futebol em 2013 e 2014 com os títulos de Atlético e Cruzeiro. Este ano o mesmo não acontece pois o domínio da capital mineira se dá nas disputas por duplas no tênis, pela vez primeira tal feito alcançado por um brasileiro. Marcelo Melo chega à liderança do ranqueamento da ATP e deixa para trás os espetaculares irmãos americanos Bryan ao obter 3 títulos em 3 semanas, 5 neste ano e 18 na carreira. O último foi em Viena, onde ele e o polonês Lukasz Kubot superaram o britânico Jamie Murray e o australiano John Peers de virada por 2 x 1 (4/6, 7/6 - 7/3 e 10/6). Marcelo tem atuado com outros jogadores pois o parceiro habitual, o croata Ivan Dodig, tem disputado o Challenger de simples na Europa, e teve a companhia do sul-africano Raven Klaasen nos títulos de Tóquio e Xangai nas semanas anteriores. Pode se considerar sua liderança nos duplistas a maior proeza do tênis do Brasil desde os anos dourados de Gustavo Kuerten. Salve, Marcelo!

Curtinhas

*Foram incluídos três grandes nomes do vôlei no Hall da Fama: a ex-levantadora Fofão, a primeira jogadora a disputar cinco Olimpíadas; o ex-treinador Bebeto de Freitas, da "Geração de Prata"; e o ex-jogador e técnico Renan Dal Zotto, hoje diretor de seleções da CBV. A cerimônia (que neste ano também incluiu o norte-americano Lloyd Ball, ex-atleta) aconteceu no sábado, em Massachussets. Antes deles, o Brasil já tinha tido adicionados Bernard, Jackie, Carlos Arthur Nuzman, Ana Moser, Adriana Behar, Shelda, Maurício Lima e Sandra Pires.

*A final paulista que deu o tetracampeonato ao Vôlei Nestlé com 3 x 0 diante do SESI (25/16, 25/18 e 25/20) teve protestos da torcida de Osasco contra o ranqueamento da CBV, que pode deixar a oposto Elisângela sem time na próxima temporada. Como ela tem índice 1 na pontuação estabelecida para não deixar desniveladas em demasia as equipes e a mesma tem um limite que não pode ser ultrapassado, o clube osasquense terá que retirá-la pois a entidade não aceitou baixar sua pontuação no levantamento anual de 1 para 0. Caso não consiga outro time para defender e não possa mesmo continuar em Osasco, Elisângela terá que se aposentar aos 37 anos.

*Ginástica artística: a equipe feminina do Brasil acabou em nono lugar o Mundial em Glasgow, ficando a exata uma posição do grupo de países que disputará as finais e, sobretudo, que obtém vaga direta na Olimpíada de 2016. Nossas gurias terão que brigar por uma de quatro vagas num evento-teste a ser realizado em abril, o qual terá as presenças de Alemanha, Austrália, Bélgica, Coreia do Sul, França, Romênia e Suíça.

*Boxe: aos 79 anos, Éder Jofre disputou em São José dos Pinhais no sábado uma luta de exibição em dois assaltos contra a também aposentada Rosilete dos Santos, campeã mundial em 2011.

*Rúgbi de 15: a final do Super 8 foi definida no sábado, em Sampa City. O São José, que bateu o SPAC por 19 x 16, decidirá o título no próximo sábado contra o Curitiba, que abateu o Bandeirantes Saracens por 12 x 8.

*Basquete: a semana que inicia a temporada 2015/2016 da NBA começa de luto pela morte ontem do treinador, presidente e acionista minoritário do Minnesota Timberwolves, Flip Saunders, de câncer aos 60 anos.

Os públicos do fim de semana

A lista foi liderada com sobras pelo clássico das duas maiores torcidas do país, que estabeleceu o recorde em pelejas de clubes do estádio de Itaquera, cuja marca maior antes deste domingo fora de 41.809 viventes em Corinthians 3 x 0 Joinville três dias antes do meu aniversário. Vamos ao levantamento desde a última sexta, no qual só não sei os dados de Ríver 2 x 0 Ypiranga no Albertão - isto é: renda saiu, o público que não.

43.515 (43.942) / R$ 2.747.175,00 (R$ 63,13) - Corinthians 1 x 0 Flamengo (Brasileiro) - Arena Corinthians, São Paulo (SP)
19.395 (21.184) / R$ 483.670,00 (R$ 24,93) - Palmeiras 0 x 2 Sport (Brasileiro) - Pacaembu, São Paulo (SP)
19.133 (22.479) / R$ 462.580,00 (R$ 24,17) - Internacional 1 x 0 Joinville (Brasileiro) - Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
17.442 (20.207) / R$ 578.910,00 (R$ 33,19) - Vasco 0 x 0 Grêmio (Brasileiro) - Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
15.002 (17.549) / R$ 298.755,00 (R$ 19,91) - Coritiba 1 x 2 São Paulo (Brasileiro) - Couto Pereira, Curitiba (PR)
14.561 / R$ 306.004,48 (R$ 21,01) - Náutico 1 x 4 Botafogo (Brasileiro Série B) - Arena Pernambuco, São Lourenço da Mata (PE)
13.232 / R$ 347.325,00 (R$ 26,24) - Atlético Mineiro 2 x 1 Ponte Preta (Brasileiro) - Independência, Belo Horizonte (MG)
12.735 (13.641) / R$ 172.853,00 (R$ 13,57) - Ceará 2 x 1 Boa Esporte (Brasileiro Série B) - Presidente Vargas, Fortaleza (CE)
12.393 / R$ 112.740,00 (R$ 9,09) - Goiás 0 x 1 Cruzeiro (Brasileiro) - Serra Dourada, Goiânia (GO)
7.919 / R$ 85.160,00 (R$ 10,75) - Chapecoense 0 x 0 Avaí (Brasileiro) - Arena Condá, Chapecó (SC)
7.336 (7.634) / R$ 120.180,00 (R$ 16,38) - Figueirense 0 x 0 Santos (Brasileiro) - Orlando Scarpelli, Florianópolis (SC)
7.021 / R$ 70.210,00 (R$ 10,00) - Noroeste 2 x 2 Fernandópolis (Paulista 2ª Divisão) - Alfredo Castilho, Bauru
7.012 (8.995) / R$ 225.320,00 (R$ 32,13) - Fluminense 0 x 1 Atlético Paranaense (Brasileiro) - Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
5.860 / R$ 29.860,00 (R$ 5,09) - Ituano 2 x 3 Mirassol (Copa Paulista) - Novelli Jr., Itu
5.176 / R$ 89.860,00 (R$ 17,36) - Botafogo de Ribeirão Preto 1 x 0 Remo (Brasileiro Série C) - Santa Cruz, Ribeirão Preto (SP)
4.286 (7.802) / R$ 95.710,00 (R$ 22,33) - CRB 0 x 0 Vitória (Brasileiro Série B) - Rei Pelé, Maceió (AL)
3.697 / R$ 81.180,00 (R$ 21,95) - Tupi 0 x 0 Londrina (Brasileiro Série C) - Mário Helênio, Juiz de Fora (MG)
2.798 / R$ 35.500,00 (R$ 12,68) - América Mineiro 2 x 1 Oeste (Brasileiro Série B) - Independência, Belo Horizonte (MG)
1.556 (1.756) / R$ 9.495,00 (R$ 6,10) - Macaé 1 x 0 Mogi Mirim (Brasileiro Série B) - Moacyrzão, Macaé (RJ)
1.537 (2.973) / R$ 31.860,00 (R$ 20,72) - Atlético Goianiense 0 x 0 Santa Cruz (Brasileiro Série B) - Serra Dourada, Goiânia (GO)

Os destaques do Brasileirão

Observo que muitos lances que citarei não consegui assistir por passar das três semanas com internet lenta feito conexão discada por ainda não conseguir as 250 maneira$ de re$olver e$ta situação, além de lembrar que as estatísticas que destaco não dizem respeito só à Série A, mas sim ao ano completo dos clubes. Uma delas traduz a pobreza maior deste fim de semana: a de bola na rede. Foram apenas, tão somente, única e exclusivamente 12 tentos em 10 porfias, pior marca nos pontos corridos, superando os 14 em 10 da 23ª rodada de 2013.

Corinthians 1 x 0 Flamengo - Um gol trabalhado de toque em toque até a finalização do Vagner Love no alvo deu a vitória aos corintianos, que festejaram em dobro no fim de semana por também conquistarem o título paulista feminino de basquete na parceria com Americana, que aplicou 83 x 58 no Santo André. Dois flamenguistas pra cima de um adversário cometeram pênalti juntos, mas a arbitragem nada marcou. Sétima vitória seguida desde 2006 do Timão sobre o Mengão em Sampa City. Os alvinegros emendaram 3 vitórias e perderam um dos últimos 12 jogos, dos quais 8 vencidos, e emendaram 4 êxitos em casa, onde caíram uma vez nas últimas 15 atuações, 13 delas triunfantes. Nos dois casos, são 6 partidas sem derrota e 5 delas ganhas. O retrospecto da temporada em Itaquera aponta 25 vitórias, 5 empates e 3 derrotas (Palmeiras no Brasileiro e Guaraní e Santos em mata-mata). Os rubro-negros emendam 3 derrotas, perderam 6 das últimas contendas e não empatam há 13, ganhando 7. É uma equipe que empata muito pouco: 3 vezes nas últimas 33 apresentações, das quais 15 perdidas.

Atlético Mineiro 2 x 1 Ponte Preta - Após livrar dois gols de frente em jogadas iniciadas com roubadas de bola, quase que o Galo teve a vitória roubada pela Macaca, não fosse o fominha guloso Cesinha querer driblar Victor ao invés de passar pro companheiro livre com meta descoberta e ser barrado no baile pelo pé do arqueiro. São 4 mandos vitoriosos dos mineiros sobre os paulistas. O alvinegro de BH perdeu uma das últimas 6 partidas, das quais 4 vencidas, e emendou 4 sucessos em casa, onde não empata há 13 jogos, dos quais 11 ganhos. Como mandante em 2015, o Atlético é muito forte: 21 vitórias, 3 empates e 4 derrotas. O alvinegro de Campinas não era superado havia 7 desafios, dos quais 6 vitoriosos, e voltou a perder após 3 visitas triunfantes.

Vasco 0 x 0 Grêmio - Não faltou tentativa, faltou foi pontaria dos dois lados. O Tricolor não perde para o Cruzmaltino há 5 encaradas desde 2012, mas não atingiu 5 vitórias consecutivas. Os cariocas emendaram 5 empates, não perdem há 6 tentativas e caíram uma vez nas últimas 11, igualando 6. Mandantes, não são superados há 5 embates e empataram os 3 últimos. Entre mandos e visitas, são 6 presenças sem derrota no Maracanã, onde só perdeu 4 dos 19 comparecimentos na temporada, ainda que na frente só em 8 deles. Já os gaúchos se deram bem uma vez nos últimos 5 compromissos e empataram 3 deles. Fora de casa, são três "oxos" consecutivos e 4 aparições sem sucesso, com uma vitória nas últimas 6 visitas, das quais 4 igualadas.

Figueirense 0 x 0 Santos - Alexandre Pires diria que foi só pra contrariar o que escrevi no sábado este empate, o primeiro entre os alvinegros no histórico de 26 realizações. Dois pênaltis pedidos pelos santistas e um pelos catarinenses não foram assinalados pelo Leandro Vuaden, que apitou de luto pela morte do pai Olavo no dia anterior. O Furacão do Estreito, que não vence este confronto há 8 jogos desde 2011 e 4 no Scarpellão, ganhou duas das últimas 13 jornadas, 8 delas perdidas. O fator campo não lhe ajuda: uma vitória nos últimos 7 mandos, dos quais 4 perdidos.  O Peixe faturou duas das últimas 7 visitas, ambas na Copa do Brasil.

Coritiba 1 x 2 São Paulo - O marcador foi aberto pelo Alan Kardec, primeiro gol dele em 11 meses (isto é: quatro dias antes de completar 11 meses) e tento número 10.000 dos são-paulinos - contando o período pré-refundação de 1935. O empate do Cáceres e o desempate do "Fiorello" Pato vieram em gols sensacionais de fora da área. Os alviverdes não perdiam no Paraná este enfrentamento havia 4 desafios desde 2011 e sua torcida ficou uma arara a ponto de quase invadir o vestiário para "arrancar as tripas" dos jogadores, mesmo que Ney Franco minimizasse o acontecimento. O Coxa emenda 5 derrotas e venceu um dos últimos 5 mandos. Diante de sua gente, não perdia duas seguidas desde maio/junho (Avaí e Flamengo). O Tricolor voltou a se dar bem longe dos seus domínios após 3 visitas, das quais 2 fracassadas. Foi a primeira vitória de Doriva na casamata dos paulistas.

Internacional 1 x 0 Joinville - Bastou uma bola na rede para os comandados do auxiliar Galego, que substituiu o suspenso Argel, continuarem invictos no Gigante neste duelo ao vencerem 4 dos 5 jogos entre eles. O Colorado não perde há 13 mandos de campo e ganhou 10, enquanto o JEC não triunfa há 10 visitas e perdeu 8, atingindo um êxito nas últimas 19, das quais 13 derrotadas. Foi o Figueirense em julho e mais nada.

Palmeiras 0 x 2 Sport - Com um gol em cada etapa (o do Marlone sensacional de fora da área, empatando tecnicamente com os do coxa Cáceres e do são-paulino Pato) e um lance maravilhoso do Danilo Fernandes com duas defesas seguidas, o Leão completou 4 presenças sem derrota para o Verdão desde 2013 e emendou duas vitórias fora, desta vez só não sendo dobra no Allianz Parque pois teve show do Muse e isso levou o futebol para o Pacaembu. Os paulistas não perdiam duas seguidas como mandantes desde fevereiro (Corinthians e Ponte Preta) e os pernambucanos finalmente romperam aquela escrita de 19 visitas sem sucesso desde abril que eu já estava de paciência torrada de ter que repetir semana após semana. Por isso, vale o que falei dias atrás para aquela vitória de fim de jejum do ABC: aleluia, irmãos!!! Aleluia!!! Erguei... as mãos... e dai glória a Deus!!!

Goiás 0 x 1 Cruzeiro - Técnico novo, rotina mantida. O Esmeraldino passou a ser comandado pelo preparador físico Danny Sérgio, que nele trabalha há 16 anos, mas os liderados pelo Mano Menezes saíram por cima do Serra Dourada, onde emendaram 4 sucessos neste duelo, no qual ganharam as últimas 9 realizações depois de 2009. Os goianos perderam os últimos 5 jogos e venceram um dos últimos 8, derrotados em todos os outros. São apenas 6 vitórias nas últimas 31 atuações, 18 delas perdidas, e ganhos só 5 dos últimos 16 mandos. Diante da sua torcida, os verdes não empatam há 8 presenças e perderam metade. 8 encaradas sem derrota quem tem é a Raposa, que ganhou metade delas e que só caiu uma vez nas últimas 11 contendas, das quais vitorioso em 6. Fora de casa, são 3 atuações sem derrota e uma única nas últimas 5 visitas, faturando 3 delas. É que o pai da Camilla chegou tarde demais na agremiação celeste. Um pouco mais cedo e talvez subisse mais ainda.

Fluminense 0 x 1 Atlético Paranaense - Depois de 10 tentativas gerais desde 2009 e 8 no estado do RJ desde 2006, o Furacão enfim superou o Flu para tornar Cristóvão Borges vencedor por ele pela vez primeira. Walter derrubou uma escrita de 10 jogos sem marcar. Enquanto os cariocas estavam invictos havia 5 mandos, os paranaenses não se davam bem longe dos seus torcedores havia 5 tentativas.

Chapecoense 0 x 0 Avaí - Os donos da casa não são derrotados neste embate há 4 mandos de campo, mas não chegaram aos 4 sucessos seguidos. O Verdão do Oeste ganhou uma das últimas 4 partidas e não é superado há 3 presenças em casa, mas conquistou só um triunfo nas últimas 7, das quais 3 empatadas. O Leão da Ilha não se dá bem há 5 cotejos e perdeu 3. São 3 visitas sem vitória e um êxito nas últimas 13, perdendo 9.

Série A assim após 32 rodadas: em 1°, Corinthians com 70 (classificado para a Libertadores); em 2°, Atlético Mineiro com 62; em 3°, Grêmio com 56; em 4°, Santos, São Paulo e Internacional com 50; em 7°, Sport com 49; em 8°, Palmeiras com 48; em 9°, Ponte Preta com 47; em 10°, Flamengo e Cruzeiro com 44; em 12°, Atlético Paranaense com 42; em 13°, Fluminense com 40; em 14°, Chapecoense com 39; em 15°, Figueirense com 35; em 16°, Avaí com 34; em 17°, Coritiba com 33; em 18°, Goiás com 31; e em 19°, Joinville e Vasco com 30.

A próxima rodada é no fim de semana: no sábado, São Paulo x Sport às 17h, Avaí x Cruzeiro e Ponte Preta x Joinville às 19h30 e Coritiba x Figueirense às 21h; e no domingo, Grêmio x Flamengo, Atlético Mineiro x Corinthians, Santos x Palmeiras e Chapecoense x Atlético Paranaense às 17h, Vasco x Fluminense às 18h e Goiás x Internacional às 19h30. Dos 20 disputadores, seis deles estarão em ação na quarta-feira: Copa do Brasil com Palmeiras x Fluminense e Santos x São Paulo na volta da semifinal e Sul-Americana com Chapecoense x River Plate e Sportivo Luqueño x Atlético Paranaense na volta das quartas-de-final.

Os destaques da Série B

Rodada que já teve Bahia 1 x 0 Criciúma, América Mineiro 2 x 1 Oeste e Macaé 1 x 0 Mogi Mirim aqui opinados.

Náutico 1 x 4 Botafogo - O Fogão repetiu 2013 e evoluiu o lá obtido ao atropelar o Timbu na arena mundialista. Trinca só do Sassá e a consequência: uma única derrota nas últimas 11 presenças. Os derrotados estão com 4 vitórias nas últimas 6 atuações, mas caíram em hora imprópria por ficarem atrás na busca do G4.

CRB 0 x 0 Vitória - Faltou o gol na véspera dos 45 anos do Estádio Rei Pelé. O Galo da Pajuçara perdeu uma das últimas 9 atuações, ganhando 4, e não cai há 4 mandos, embora sem vencer 4 seguidos, sendo derrotado em só um dos últimos 12, dos quais 8 exitosos. O Leão não é superado há 9 comparecimentos.

Sampaio Corrêa 2 x 0 Paysandu - O Bolívia Querida voltou a ganhar após 6 insucessos e só perdeu uma das 8 últimas atuações, empatando 5. São 4 mandos sem baixa, condição na qual a temporada apresenta o índice de 18 vitórias, 8 empates e 1 derrota (pro América Mineiro). O Papão não sorri há 6 encaradas e perdeu 4, emendando 3 derrotas fora, fracassando há 4 visitas e exitoso só em 2 das últimas 14 (perdeu 9).

Atlético Goianiense 0 x 0 Santa Cruz - O Dragão tá devagarito na subida, invencibilidade inútil: 10 jogos, mas 7 deles empatados, com uma derrota nas últimas 19 jornadas, só que 10 empatadas. Caseiro, tem 10 desafios sem baixa, mas 6 deles igualados. Como mandantes, os atleticanos empataram 12 das 25 atuações do ano, metade destes 12 empates sem gols. O Tricolor conquistou só um triunfo nas últimas 5 porfias.

Bragantino 3 x 2 Luverdense - O Massa Bruta não empata há 5 jogos e venceu 3, sendo outro "8 ou 80" ao só empatar dois dos últimos 27 confrontos, 14 deles vitoriosos. São 9 mandos sem derrota, 8 deles ganhos. O Verdão do Norte voltou a perder após 6 presenças e 3 vitórias seguidas, mas não tá mal visto fora de seus domínios pois faturou 4 das últimas 6 visitas e foi apunhalado em somente 2 das últimas 8.

Ceará 2 x 1 Boa Esporte - O Vozão emendou duas vitórias, o pulso ainda pulsa. Os Bovetas não ganham há 13 jogos, 11 deles perdidos, perdendo 6 visitas seguidas e vencendo uma das 13 últimas 9 delas perdidas.

Depois de 32 rodadas, estamos assim na segunda divisão: em 1°, Botafogo com 62; em 2°, Vitória com 57; em 3°, América Mineiro e Bahia com 54; em 5°, Sampaio Corrêa com 50; em 6°, Santa Cruz, Paysandu e Náutico com 49; em 9°, Bragantino e Luverdense com 48; em 11°, CRB com 44; em 12°, Atlético Goianiense com 43 (olha aí o que falei de invencibilidade inútil); em 13°, Paraná* e Criciúma com 39; em 15°, Macaé e Oeste com 38; em 17°, Ceará com 32; em 18°, ABC* com 27; em 19°, Boa Esporte com 24; e em 20°, Mogi Mirim com 22.

O asterisco notado no parágrafo anterior é porque Paraná x ABC só acontecerá às 21h desta terça, adiado que foi devido a problemas aéreos dos potiguares, que farão uma escala em São Paulo até Curitiba e cujo atraso faria o desembarque acontecer somente na manhã do próprio dia original. A próxima rodada em si terá:  amanhã, Boa Esporte x América Mineiro às 19h, Oeste x Luverdense às 21h e Santa Cruz x Criciúma às 21h30; na sexta, Paraná x Macaé e Atlético Goianiense x Bragantino às 21h; e no sábado, Botafogo x Bahia e Vitória x Náutico às 17h10, Mogi Mirim x Ceará e Paysandu x CRB às 17h30 e ABC x Sampaio Corrêa às 21h.

Agora são os títulos em jogo

As semifinais da Série C, que hoje terão a ida de Brasil x Vila Nova, abriram com Tupi e Londrina "oxando", o que foi melhor para o Galo Carijó por obrigar o Tubarão a atuar pela vitória em casa - aliás, repetindo-se a situação das quartas contra o Confiança, cuja superação o qualificou para esta fase. Na Série D, o Ríver livrou 2 x 0 de frente sobre o Ypiranga e tá com tudo para eliminar mais um gaúcho, enquanto o Botafogo de Ribeirão Preto de novo começou vitorioso um mata-mata em casa, desta vez aplicando solo a nada no Remo, que se vê em momento semelhante ao das quartas contra o Palmas, assim apostando no fator Mangueirão para reviravoltar.

Uma atenção para os juvenis

É a Nova Zelândia que o Brasil pegará nas oitavas-de-final da Copa do Mundo Sub-17, às 18h desta quarta-feira. Se passar de fase, terá pela frente o ganhador de Nigéria x Austrália, às 21h do mesmo dia.

Os destaques do futebol europeu

Espanha (9 rodadas) - Real Madrid e Barcelona lideram com 21 pontos. Os merengues deram de 3 x 1 no Celta, que parou nos 18. Cristiano Ronaldo deixou o seu e Marcelo fechou a conta. Os catalães superaram de virada o Eibar com trinca pessoal do Suárez, que não foi a única da rodada pois Gameiro fez o mesmo na quina do Sevilla sobre o Getafe. Com 19 pontos está o Atlético de Madrid, que venceu o Valencia.

Itália (9 rodadas) - A Roma foi aos 20 pontos ao ganhar da Fiorentina, uma das quatro vice-líderes com 18, assim como: Lazio, que deu de 3 no Torino com dobra do Felipe Anderson; Napoli, que derrubou o Chievo pelo marcador mínimo; e Internazionale, que saiu na frente e concedeu a igualdade ao Palermo.

Inglaterra (10 rodadas) - Ninguém foi de ninguém no clássico de Manchester, que deixou o City com 22 pontos e o United com 20. O co-líder é o Arsenal, que ganhou em casa do Everton, e empatado com os Red Devils está o West Ham, que abateu o Chelsea, que é só o décimo quinto com 11. PQP, José Mourinho!!!

Alemanha (10 rodadas) - Segue o Bayern de Munique nadando a largas braçadas rumo a mais uma conquista nacional ao manter extraordinários 100% depois de quatrilhar o Colônia, nessa que foi a milésima vitória do clube em sua existência. O primeiro gol foi do Robben, que voltou de lesão após 2 meses. Com 23 pontos chega o Borussia Dortmund, que quinou o Augsburg com três só do Aubameyang. Já Bayer Leverkusen x Stuttgart, que acabou sem gols no primeiro tempo, teve uma segunda etapa divertidíssima: o Stuttgart fez 2 x 0, foi vazado, ampliou para 4 x 1, mas o Leverkusen virou para 4 x 3 com gol derradeiro aos 44 minutos.

França (11 rodadas) - Incluindo um do Ibrahimovic e outro do Lucas, o Paris Saint Germain deu de quatro no Saint Etienne e lidera com 29 pontos, seguido pelos 22 do Angers, que "oxou" com o Guingamp.

Portugal (8 rodadas) - 20 pontos para o Sporting após aplicar 3 tentos no Benfica ainda no primeiro tempo na Luz, enquanto o Porto se desprendeu ao ir aos 18 com o empate sem gols em casa diante do Braga.

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Rádio que bebe na fonte da Ipanema, que a Band/RS tirou do dial e deixou somente na internet em maio para seus 94,9 mhz passarem a retransmitir a Rádio Bandeirantes AM 640, a Unisinos FM terá novidades importantes em novembro, mas sem deixar a programação musical alternativa que foge do rotineiro dos demais prefixos. Leio no Felipe Vieira que a estação de São Leopoldo, no ar em 103,3 e que completará 20 anos no dia 10 do referido mês, conseguirá ser melhor escutada aqui em Porto Alegre pois teve autorizado o aumento da sua potência, que hoje é de 11 kw e cujo transmissor está em Novo Hamburgo. Além disso, contratações são feitas pela Universidade do Vale dos Sinos. Um que é certo como novo comunicador da sua rádio é Vitor Hugo, o "Alemão" que por muitos anos apresentou as manhãs da Ipanema FM, e outras devem ser oficializadas nos próximos dias.

*Leio no TudoRádio uma evolução na informação sobre Sérgio Zambiasi na Rede Pampa: a emissora na qual ele comunicará será a Caiçara AM 780, que deverá ser retransmitida em FM 96,7 a partir da segunda-feira que vem, embora a Pampa não confirme isso oficialmente. A ideia seria nivelar a emissora popular em alcance de sinal com a concorrente Farroupilha AM 680, que a RBS colocou também em FM 92,1 no lugar da Cidade e na qual Zambiasi era seu comunicador principal, ainda que dela saindo antes desta alteração. A cuidar.

*Segunda-feira de estreia da Rádio Globo em Maceió no prefixo AM 710, substituindo a Rádio Jornal. A grade regional incluiu blocos locais do "A Hora é Agora" com Antônio Guimarães das 5h às 7h locais (6h às 8h de Brasília) e os programas "Manhã da Globo" com Luiz Vilar das 9h às 11h (10h às 12h), "Jogo da Verdade" com Tony Santos das 11h às 13h (12h às 14h) e "Desenrolar da Notícia" com Fábio Atual das 18h às 21h (19h às 22h). O curioso na informação que li no Antena Crítica é que a programação escutada em Alagoas inclui programas de temática toda local da Globo carioca, como o "Acorda, Rio!" e o "Vamos Juntos Pra Casa".

*Leio no NaTelinha que o "Jornal da Clube", exibido às 19h45 locais pela afiliada da Record em Pernambuco, obteve na última quarta-feira sua melhor audiência em 1 ano e meio: 20,3 pontos de média no Recife.

*Recebo essa de Minas Gerais: acabou a versão local do "Brasil Urgente" e José Luiz Datena passou a ser visto nas alterosas direto a partir das 16h15. O apresentador Stanley Gusman rompeu com a Bandeirantes e já tem destino acertado: a TV Alterosa, na qual fará o matutino policial "Alterosa Alerta". A estreia na afiliada do SBT será na segunda-feira da semana que vem, das 7h às 8h. Quanto ao "Brasil Urgente", a versão local da Band Minas estreou em setembro de 2011 com Marcos Maracanã e teve mudança em setembro de 2012 ao ganhar o comando de Amaro Neto, egresso do Espírito Santo e que fez o caminho de volta em junho de 2014 para apresentar o "Balanço Geral" na TV Vitória (Record), sendo substituído por Stanley. Nas ausências de Amaro e Stanley, o reserva imediato era o narrador esportivo Héverton Guimarães, de "Os Donos da Bola".

*Por falar no "Brasil Urgente": sua editora executiva em São Paulo acabou vítima da violência que tanto compõe a pauta do programa. Débora Raposo contou no Facebook que uma quadrilha que estava em dois carros roubados momentos antes abordaram ela em sua casa, onde chegava com o marido Milton Parron, o grande comandante do Cedom (Centro de Documentação e Memória) da Rádio Bandeirantes e apresentador do "Memória" na mesma. O carro do casal foi levado, assim como todos os documentos, cartões de banco, objetos pessoais, um telefone celular que ainda está sendo pago, as chaves da residência, o controle do portão eletrônico e - o pior de tudo nas palavras da própria - a aliança de casada, que tirada foi de seu dedo por um dos bandidos. Débora relatou que ligou para o 190 e foi atendida por uma mulher mal educada e de nítida má vontade. Aí, ela ligou para a amiga jornalista Andressa Guaraná e esta contatou o major Massera, que solicitou à Polícia Militar que ajudasse a profissional do "Brasil Urgente". Débora lamentou o atendimento ruim do 190, mas elogiou o da delegacia eletrônica. A cuidar se Datenão fará na edição desta segunda-feira alguma menção à violência contra seus colegas.

*Realizado pelo SBT até a virada de sábado para domingo com mais uma vez meta atingida, o Teleton teve entre seus vários participantes a repórter Flávia Travassos, que contou com emoção sobre o acidente vascular cerebral que sofreu em novembro do ano passado - o qual contou ter sido justificado por uma pequena má formação na veia que levou ao sangramento no cérebro, o que a afetou mesmo tendo apenas 36 anos e não sendo fumante em momento algum - e relatou que segue se tratando, mas que está muito feliz por ter voltado ao que mais gosta, que é trabalhar. A propósito disso: apenas olhando o "Jornal da Semana" de domingo que consegui assistir a série especial dela sobre o AVC, que teve suas quatro matérias repetidas em sequência. Trabalho muito bem feito por ela, que encerrou a última parte ao relatar seu próprio caso ao colega Fábio Diamante (foi este o material que, na terceira parte, teve como um dos entrevistados Ricardo Gomes, treinador do Botafogo).

*Atenção, leitores cariocas: leio no Flávio Ricco que o SBT do Rio de Janeiro pode repetir o expediente aqui do Rio Grande do Sul e transferir o jornal matutino para o começo da noite, ou seja, o "SBT Rio Manhã" mudaria de nome e Liane Borges entraria no ar não mais às 7h e sim às 19h20, tal qual aqui com Edieni Ferigollo. Sinal de que pode ser isso mesmo: dias atrás, o diretor jornalístico carioca Diego Sangermano (que chegou ao SBT Rio egresso da filial daqui de Porto Alegre) anunciou no Twitter que novidades vem aí. Cuidemos, então.

*Aqui no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, mudança começando aos poucos: nova canopla nos microfones da RBS TV, que há quase 20 anos deixou de ser preto com sua logomarca em branco nos quatro cantos para ser branco com as logomarcas pretas dela e da Globo. Algumas reportagens dos dois centros neste fim de semana já mostram a canopla com a logomarca e, abaixo, o nome "rbs tv". A maioria segue sem mudança.

*Com a adoção do horário de verão, as capitais do Nordeste não aparecem mais no primeiro jornal da Globo. O giro de imagens ao vivo do "Hora 1" continua com São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Florianópolis e Brasília, mas deixou de mostrar Recife, que batia ponto diariamente. Detalhe: foi exatamente assim quando o noticiário estreou. A capital pernambucana só passou a aparecer ao término do HBV.

*Por falar no "Hora 1": foi nele que os telespectadores foram surpreendidos pela mudança drástica no visual da correspondente Cecília Malan em Londres, o que pegou até a própria Monalisa Perrone de surpresa. Para quem não viu ainda, basta dizer que o cabelo comprido deu lugar a um curto e cacheado. Amavelmente dizendo isto: não ficou legal, achei que não combinou nada e que tirou grande parte do charme da filha do Pedro.

*O novo cabelo da Cecília foi a segunda grande surpresa da Plim-Plim no começo desta segunda-feira. A primeira admito que quase me fez cair da cadeira e só não direi que teve colaboração das minhas reclamações aqui feitas algumas vezes nos últimos dias porque sei muito bem da insignificância irrelevantemente desinteressante que possuo e porque não sou nada e muito menos ninguém para influenciar algo na maior rede aberta do Brasil e quarta maior do mundo. Porém, contudo, todavia, entretanto, o fato é que "Segredos do Paraíso" não ganhou reprise após "Cães de Aluguel" na "Sessão de Gala", mesmo anunciada em chamadas antes do "Hora 1" de quarta para quinta e de quinta para sexta, o que falei aqui neste PB ter me desanimado bem sabem pelo quê. Pois bem: não é que a Rede Globo (ou "Rédi Glóbo", como diria o genial militante do Marcelo Adnet) não apenas manteve no ar "Mentes Criminosas", série oficial do fim da madrugada há praticamente um ano, como finalmente criou vergonha na cara e estreou a quinta temporada ainda inédita na TV aberta??? Sim, my friends amiguinhos from Brazil!!!

*Cara, demorei minutos para acreditar nisso! Por um lado, lamentável essa desfeita de anunciar um programa e em cima da hora trocar por outro não anunciado (relatos de telespectadores no Twitter dão conta de chamadas anunciando episódios inéditos do meu seriado criminal preferido passarem nos intervalos da "Sessão de Gala", que não assisti). Por outro lado, não nego que eufórico fiquei por finalmente poder ver em canal aberto novos episódios de "Mentes", que virou meu passatempo oficial da faixa quando despertado. Enquanto aquela que eu imaginava ter sido a última exibição teve na quinta para sexta o desfecho do segundo ano, com a chefe do departamento querendo puxar a agente Prentiss para seu lado ao querer provocar mudanças na unidade, o início da quinta temporada traz o chefe Hotchner escapando milagrosamente após ser esfaqueado pelo perigoso Foyet, que mira sua ex-esposa e o filho. O que surpreendeu muito nesta alteração de última hora é que a própria programação no site oficial da Plim-Plim apontava "Segredos do Paraíso" para o fim da madrugada até a publicação desta edição (a cuidar se alterarão isso), fora as duas chamadas que assisti na última semana e nas quais o locutor de voz jovem que até hoje não sei como se chama falou bem claramente: "de domingo para segunda".

*Record com três novelas à tarde desde hoje pois, depois de "Prova de Amor" e antes de "Dona Xepa", ganha repeteco às 15h45 "Chamas da Vida", trama originalmente exibida de julho de 2008 a abril de 2009. O canal Investigação Discovery já tem exibido a novela desde o fim de agosto às 19h30.

Bela do Dia: Renata Longaray

Renata Longaray, apresentadora do BandNews TV. Mais uma lindindinha de deixar o vivente todo derretido.

*A tristeza do fim de semana: morreu no sábado aos 95 anos, de causas naturais, Maureen O'Hara. Irlandesa, a atriz fez fama no cinema tendo grande parceria com o diretor John Ford, do qual estrelou seis filmes, entre eles "Depois do Vendaval" e "Rio Bravo", ambos com John Wayne. Também teve atuação destacada como a cigana Esmeralda em "O Corcunda de Notre Dame", estrelado por Charles Laughton, que foi quem sugeriu o sobrenome O'Hara (o de batismo é FitzSimons). Depois do telefilme "The Last Dance", de 2000, Maureen não trabalhou mais. Ano passado, ganhou um Oscar honorário entregue por Clint Eastwood e Liam Neeson.

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Clipe do Dia

Aqui está o tema musical da grande série policial "As Panteras", de Jack Elliott e Allyn Ferguson. Pretexto para resgatá-lo: a segunda-feira é dos 70 anos da belíssima morena Jaclyn Smith, que fazia a Kelly Garrett e que nas cinco temporadas de 1976 até 1981 foi a única atriz fixa no trio central, que inicialmente compôs com Farrah Fawcett e Kate Jackson para depois ter as presenças de Cheryl Ladd, Shelley Hack e Tanya Roberts.

Antes do Arremate...

...um reforço sempre válido: este Papo de Bola - o Site precisa de patrocinadores para se manter no ar, por não ser apenas o custo da hospedagem o necessário para tanto e sim outros ainda maiores. Se você quiser anunciar nestes escritos, clique aqui e dê uma olhada nas maneiras de como fazê-lo que muito bem vindo serás e muito agradecido ficarei. Também continuo forçosamente adotando o "Ajude o PB", de colaborações avulsas.

Arremate

Após os 3 x 1 dos EUA em Orlando, as gurias do Brasil voltarão à toda no Torneio de Natal, em dezembro.

"24 Horas" volta antes que tenha início o certame amistoso pela vez primeira em solo potiguar!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia") e editor do blog "Papo Final" no Final Sports.

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com
BLOG NO FINAL: papofinal.final.com.br


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.