.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros
 

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Domingo, 27 de setembro de 2015 - ANO 13, EDIÇÃO 12
Disputa pelo acesso continua apertada

Com exceção do Vitória, que deu uma desprendida um pouco maior, a Série B continua com uma disputa apertada por vagas na Série A para 2016 ao ter sete equipes separadas por cinco pontos. Lá embaixo é que a bronca está cada vez mais pesada para o Ceará, que não faz direito o seu conforme o necessário e já está a cinco pontos da décima sexta posição. Será que o campeão do Nordeste cairá para a Série C? Ai, ai, ai... Aos jogos:

Vitória 3 x 1 Paysandu - O Leão marcou duas vezes, o Papão diminuiu com Yago Pikachu (já perdi as contas dos gols dele, mas deve estar quase nos 60) e a aumentada veio num pênalti que achei não ter acontecido pois, por mais que Gualberto levasse o braço na direção do Diego Renan, não tocou nele para empurrá-lo. O rubro-negro percebeu o braço do bicolor próximo e ensaiou a queda no solo, levando o apitante na sua conversa. Os baianos não perdem há 5 partidas (3 ganhas) e perderam um dos últimos 14 mandos (9 vencidos). Os paraenses têm só uma vitória nas últimas 4 jornadas (emendando 2 derrotas) e voltou a cair após 4 visitas.

Luverdense 2 x 2 Bahia - O Tricolor abriu o marcador, o Verdão do Norte virou, mas o novo empate é que foi o definitivo. Os mato-grossenses não perdem há 3 partidas (só não ganharam 3 seguidas), caíram uma vez nas últimas 10 (venceu metade), não são batidos em casa há 9 pelejas (5 ganhas) e perderam um dos últimos 11 mandos (5 empatados). Os baianos não são derrotados há 5 compromissos (emendados 3 empates), derrotados foram uma vez nos últimos 8 (metade empatada), mas estão devendo longe dos seus domínios: 6 atuações nos estádios oponentes sem sucesso (4 empatadas) e um triunfo nas últimas 14 visitas (metade empatada).

Sampaio Corrêa 0 x 0 Santa Cruz - Não adiantou o esforço das duas equipes e as tentativas de gol pois o "oxo" prevaleceu. Os maranhenses emendam 3 empates, não perdem há 4 porfias e caíram em uma das últimas 9 (empatando 5), obtendo a primeira igualdade como mandantes após 9 comparecimentos (8 vitoriosos). Os pernambucanos não perdem há 4 contendas (só não venceram 4 seguidas), perderam uma das últimas 7 (exitosos em 4) e completaram 3 visitas sem ser derrotados pela primeira vez desde julho.

Náutico 3 x 0 ABC - O Alvinegro quase abriu o marcador em gol olímpico no tempo primeiro, quando já estava com um jogador a menos, mas a rotina fracassada se impôs uma vez mais. Dois gols em 6 minutos da etapa segunda deixaram bem na foto o Timbu, que fechou tudo perto do fim. Os pernambucanos não perdem há 3 partidas, voltaram a emendar duas vitórias desde junho, não são superados há 7 mandos (4 vencidos) e foram derrotados uma vez nos últimos 16 (ganhando 11). Os potiguares não triunfam há 18 embates (11 perdidos), teve um êxito nos últimos 23 (caiu em 13), não vence há 9 visitas (6 perdidas) e faturou uma das últimas 11 (perdendo 7).

CRB 2 x 1 Mogi Mirim - Val Barreto até fez o dito "gol de honra", mas poderia ter conseguido uma igualdade se não aprontasse a proeza atrapalhadamente catastrófica de derrapar após driblar o goleiro e ficar sozinho rumo à meta para anotar. O Galo da Pajuçara não é vencido há 5 atuações (2 vitoriosas) e perdeu um dos últimos 10 mandos de campo (7 ganhos). O Sapão emenda 4 derrotas, tem um sucesso nos últimos 14 jogos (derrotado em metade) e triunfou em apenas uma das últimas 7 visitas (superado em 4 delas).

Ceará 1 x 1 Oeste - Sabe quando o que parece ruim poderia ser pior? Empatar em casa quando se é obrigatório vencer é ruim, mas perder seria ainda pior. Assim quase aconteceu com o Vozão. Não fosse a pelota parar no travessão e o Rubrão sairia vencedor do Castelão. Bah, alvinegro!!! Os cearenses não vencem há 4 partidas (2 pontos ganhos) e até não são batidos há 4 mandos de campo, só que empatando 3 deles, e apenas um dos últimos 6 foi perdido, só que apenas dois deles vitoriosos. Os paulistas não se dão mal há 6 jornadas, mas ganhadores em só uma, e caíram somente uma vez nas últimas 9, mas 7 delas empatadas. Fora de casa são 10 insucessos consecutivos (metade empatada) e um triunfo nas últimas 13 visitas (das quais 7 perdidas).

Paraná 1 x 2 Atlético Goianiense - Quando os goianos já venciam os paranaenses, Júnior Viçosa conseguiu passar de bestial no tento da vitória para besta no desperdício do que seria o 3 x 1 ao sair na cara do guarda-metas sem ninguém na marcação e, por demorar aquela pequenina e decisivíssima fração de segundo para decidir o que fazer, permitiu aos adversários se recuperarem e impedirem a bola na rede. Respeitem a minha inteligência! (se é que tenho alguma...) O Tricolor ganhou um dos últimos 5 jogos (3 perdidos) e voltou a perder em casa após 6 cotejos (4 ganhos) desde julho, quando pela última vez ficara dois mandos sem êxito. O Dragão não é superado há 6 compromissos, mas voltou a vencer depois de 5 empates, perdendo só um dos últimos 15 jogos (6 triunfos). Voltou a ganhar após 5 visitas (4 empatadas), não perde há 3 e caiu em uma das últimas 8 (triunfou em 3).

A classificação nos apresenta isto, concluídas 28 de 38 rodadas da segunda divisão: em 1°, Botafogo com 55; em 2°, Vitória com 49; em 3°, Paysandu e Bahia com 47; em 5°, América Mineiro, Santa Cruz e Sampaio Corrêa com 45; em 8°, Náutico com 43; em 9°, Bragantino com 42; em 10°, Luverdense com 39; em 11°, CRB com 37; em 12°, Paraná com 36; em 13°, Criciúma e Atlético Goianiense com 35; em 15°, Oeste com 34; em 16°, Macaé com 31; em 17°, Ceará com 26; em 18°, Boa Esporte e ABC com 23; e em 20°, Mogi Mirim com 22.

A próxima rodada é, a exemplo desta última, de semana cheia: depois de amanhã, Santa x Bragantino e Ceará x Luverdense às 21h; na sexta, Criciúma x Paraná às 19h30 e Sampaio x Botafogo às 21h; e no sábado, Bahia x Vitória, Oeste x Náutico, Macaé x ABC, Atlético x Paysandu e Boa x CRB às 16h30 e Mogi x América às 21h.

Domingo decisivo na Série C

Antes da última rodada começar, definidos estão cinco quadrifinalistas e três rebaixados. Os derradeiros 10 jogos da primeira fase resolverão os outros três que seguirão pelo acesso e o último que irá para a Série D. Eis:

Grupo B (16h: Madureira x Londrina, Tupi x Brasil, Portuguesa x Tombense, Juventude x Guaratinguetá e Guarani x Caxias) - Assegurados estão Londrina, com 31 pontos, e Tupi, com 30, ficando entre eles a definição pelo primeiro lugar. Diante do já rebaixado Madureira, o LEC celebrará 150 partidas completadas pelo técnico Cláudio Tencatti, que usará uma camisa especial para a ocasião. Com 27 pontos, a Portuguesa tem a faca e o queijo nas mãos para passar à segunda fase por enfrentar um Tombense que apenas cumprirá tabela. O bicho pega é entre os outros três postulantes, todos com 26 pontos e 6 vitórias: Brasil, com 8 de saldo e 28 gols pró; Juventude, com 6 de saldo e 27 gols pró; e Guarani, com 4 de saldo e 18 gols pró. O que pode facilitar para Ju e Bugre é encararem equipes que atuarão "por laranjas", como o escapado Guaratinguetá e o rebaixado Caxias (aliás, que coisa deplorável este 2015 do Bepe), ao passo que o Xavante pegará o Tupi em Minas.

Grupo A (19h: ASA x Vila Nova, Fortaleza x Águia, Salgueiro x Confiança, América de Natal x Botafogo da Paraíba e Cuiabá x Icasa) - O primeiro lugar do decagonal tem três postulantes, dois deles frente a frente: Vila, com 33 pontos e 10 vitórias, e ASA, com 32 pontos, 9 vitórias e 6 de saldo. Quem espera tirar proveito disso é o Fortaleza, com 33 pontos e 9 vitórias, que precisa vencer e torcer por empate em Arapiraca. Na parada pela vaga derradeira, o Confiança tem 28 pontos, 8 vitórias e 8 de saldo, enquanto o América tem 26 pontos, 7 vitórias e 3 de saldo. Ambos jogarão contra equipes já eliminadas. O último rebaixamento está entre o Águia, com 15 pontos e 3 vitórias, e o Cuiabá, com 16 pontos e 4 vitórias. Ambos caíram no caminho da dupla cearense.

O pênalti mais mal marcado de 2015

Esqueça qualquer discussão referente à Série A do Campeonato Brasileiro. Nenhuma penalidade máxima nela assinalada (nem mesmo pro Corinthians, o mais visado e contestado neste terreno) possui paralelo com o absurdo cometido no Tocantins pelo senhor Avelar Rodrigo da Silva aos 45 minutos do segundo tempo. É simplesmente ridículo este cidadão ter enxergado falta em Washington, que "se derrubou-se a si mesmo" - a não ser que tenha visto um "Gasparzinho" na área. Favorecidíssimo o Palmas e prejudicadíssimo o Remo, que já chia horrores agora e chiará mais ainda se acabar eliminado da Série D graças a esta palhaçada inadmissível.

O sábado da ida das oitavas-de-final teve ainda a Caldense e o Rio Branco do Espírito Santo empatando em 1 gol. Para este domingo, as demais pugnas renhidas marcadas são Operário de Ponta Grossa x Campinense às 15h30, Coruripe x São Caetano e Estanciano x Ríver às 16h, Botafogo de Ribeirão Preto x CRAC às 16h30, Rio Branco do Acre x Ypiranga às 18h e Lajeadense x Central às 19h. Espero que sem mais barbeiragens hediondas.

O último campeão estadual do ano

Iniciado bem depois dos principais do calendário nacional, o último Estadual de 2015 teve conhecido somente ontem seu campeão. Pela quarta vez na história e terceira seguida, o Santos de Macapá se sagrou campeão amapaense, faturando o troféu da "Copa Flávia Freire" (como este Papo de Bola apelidou o Campeonato do Amapá em referência à mulher mais lindíssima já nascida neste estado). Ganhando por 1 x 0 no tempo normal do Trem, triunfou nos pênaltis por 4 x 3 e a última cobrança foi do Acosta - que é aquele mesmo que já passou por Náutico e Corinthians. A campanha teve 5 vitórias, 3 empates e 4 derrotas, marcando 22 e sofrendo 10.

Rotina pura na Fórmula 1

Graças a uma péssima largada do pole position Nico Rosberg, que parou na quarta posição ainda nas primeiras curvas, Lewis Hamilton assumiu a dianteira, pisou no acelerador e completou 8 vitórias em 14 etapas na atual temporada. Convenhamos: é o campeão e ninguém tasca. Só se acontecer algo extremamente sobrenatural de tão impossivelmente improvável (tipo eu dançar a música da Shakira com a Renata Fan no círculo central do campo do Beira-Rio ou algo assim) para o caneco não ser do inglês, que foi aos 277 pontos contra 229 do "Keke Júnior" e 218 do Sebastian Vettel - e justamente os dois alemães acabaram o Grande Prêmio do Japão nas mesmas posições da classificação geral. Felipe Nasr foi o único piloto a abandonar a prova, já na penúltima volta, e Felipe Massa "se enrolou-se" direto no começo e terminou em décimo sétimo, tomando duas voltas do Hamilton. A próxima disputa será na Rússia em 11 de outubro, a última antes do início do horário de verão aqui no Brasil.

Sintonia PB

Duas datas em 0 ou 5 deste domingo: falecia há 5 anos o humorista Mário Tupinambá, nascido em 1932 na baiana Nazaré das Farinhas e que por mais de duas décadas arrancou risadas do povo com seu hilário Bertoldo Brecha na "Escolinha do Professor Raimundo", da Globo, e na "Escolinha do Barulho", da Record ("camarão é a mãe!!!"); e nascia há 85 anos o ator William Conrad, que morreu em 1994 e que fez fama tanto como o delegado Matt Dillon em "Gunsmoke", de 1952 a 1961, quanto como o detetive protagonista de "Cannon", de 1971 a 1976.

Bela do Dia: Aliny Montoril

Aliny Montoril, eleita musa do Campeonato Amapaense de 2015 enquanto representante do Trem. Se o time não foi bem e perdeu o título, no concurso de beleza foi o vencedor com larga vantagem.

Clipe do Dia

Outro nome histórico do humor brasileiro nos deixou num 27 de setembro há exatos 10 anos: o grande Ronald Golias, que nasceu em 1929 e marcou época como Bronco, Pacífico e Bartolomeu Guimarães em praticamente todas as grandes redes de TV. Mas notaram que este é o tópico musical? Justifica-se: delicie-se aqui com esta "raridade rara" que é sua cantoria para "Ó Crides", marcha de João de Barro para o carnaval de 1960.

Antes do Arremate...

...se você estranhar esta edição dominical e a falta de determinados assuntos, saiba que deles falei na coluna que atualizei no início da tarde de sábado, a qual recuperam aqui e que trouxe temas como estes: Bauru na luta pelo título intercontinental de basquete; a projeção do fim de semana do Campeonato Brasileiro; a vitória do América Mineiro sobre o Criciúma; Alexandre Kalil eleito para comandar a Sul/Minas/Rio; um livro sobre os 120 anos da primeira semana do Correio do Povo; o bafafá com Andressa Urach e o apresentador Hélio Costa na RIC (Record) de Santa Catarina; e "Clipe do Dia" dedicado a Gal Costa, Baden Powell e Bryan Ferry. Passem lá!

Arremate

Golaços de Maxi Rodríguez e Gustavo Scarpa servindo como um baita aperitivo para Grêmio x Fluminense.

"24 Horas" volta antes que inicie a peleja de tricolores na Arena pela Copa do Brasil!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia") e editor do blog "Papo Final" no Final Sports.

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com
BLOG NO FINAL: papofinal.final.com.br


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.