.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros
 

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Sábado e domingo, 27 e 28 de junho de 2015 - ANO 12, EDIÇÃO 183
A declaração infeliz na véspera do jogo

Se o jogo Brasil x Paraguai não é exclusivamente o assunto central no sábado da Copa América antes da bola começar a rolar, a culpa é do próprio Dunga. Sua declaração infeliz na coletiva ao se referir às muitas críticas à geração perdedora em 1990 e vencedora em 1994 não poderia, evidentemente, passar batida. Dizer que acha ser um afrodescendente "de tanto que apanhou e gosta de apanhar" deveria merecer um pedido de desculpas não por nota oficial no site da CBF e sim ali, na hora mesmo, ao perceber o pé que meteu no balde. Quero crer que tenha sido um escorregaço verbal, como procura observar Paulo Vinícius Coelho, até por não haver senões neste sentido ao longo dos tantos anos do homem no futebol. Se for pensamento efetivo dele, se for o que soou para todo mundo, muito decepcionado ficarei, tanto quanto já fiquei demais ao primeiro ler e depois escutar esta frase.

Em tempos cada vez maiores de consciência racial, algo assim não pode ser deixado de lado só por causa de um jogo importante "para não prejudicar a Seleção e apoiá-la". São assuntos diferentes e, ao mesmo tempo, unidos. Não impede a torcida pela equipe brasileira, mas é algo que merece maior reprovação por ter vindo do técnico da Seleção, um cargo que em nosso país talvez só não tenha mais status que o de presidente da república - e não deveria chegar a tanto pois não é um treinador de Seleção Brasileira que melhorará a vida do cidadão, mas isso é cultural nosso. Acho que nenhum negro "gosta de apanhar", ainda mais que infelizmente muitos deles apanham justamente por serem negros, o "grande pecado que cometeram" para os estúpidos que os agridem. Enfim, não é querer dar lição de moral pois não sou ninguém pra isso, só não achei legal o que o Dunga falou. Mesmo que não tenha sido com esta conotação que quis falar, soou como se fosse. Por isso é merecidamente criticado.

Quanto à partida em si: realizada será no reformado estádio de Concepción, cidade que foi devastada por um gravíssimo terremoto em fevereiro de 2010 e cujo povo se superou para recolocá-la em ordem para que suas vidas voltassem a ter um bom andamento. É a oportunidade para o Brasil dar o troco nem digo no Paraguai, mas nele mesmo, Brasil. Como não lembrar das quartas-de-final de 2011, com a patética cobrança de pênaltis de quatro erraços brasileiros? Além disso, é mais uma chance para a equipe ser vista sem Neymar, que saberá se os dois jogos restantes da suspensão imposta pela Conmebol serão cumpridos ainda nesta Copa América ou se terá de "se ausentar-se" das duas primeiras rodadas das Eliminatórias Sul-Americanas. O retrospecto específico desta competição aponta 14 vitórias brasileiras, 7 paraguaias e 8 empates, com o geral tendo 46 x 11 x 18.

Quem passar deste enfrentamento jogará a semifinal das 20h30 da próxima terça contra a Argentina, que cheguei a pensar que não se classificaria, sinceramente. Foi um "ataque versus defesa" eletrizante, não se pode negar - e muito violento também, ainda que sem cartão vermelho. Ainda bem que não houve uma treta forte como, por exemplo, na ocorrida entre Chile e Uruguai (que, aliás, continuarão duelando na comissão disciplinar da Conmebol). Ospina foi gigante nos 90 minutos com dois momentos extraordinários e, inacreditavelmente, a Colômbia conseguiu provocar os pênaltis. Neles, a justiça do ocorrido no tempo normal se estabeleceu e, com dois erros seus contra três dos oponentes, os argentinos avançaram com a última cobrança feita pelo Tévez, que durante a bola rolando teve sua recontratação confirmada pelo Boca Juniors. Quem não cobrou pênalti por ter sido substituído no tempo derradeiro foi o colombiano Jackson Martinez, que confirmou trocar o Porto pelo Atlético de Madrid.

Prévias da 9ª rodada do Campeonato Brasileiro

Avaí (10° com 12) x Grêmio (6° com 14) - O Leão da Ilha não perde há 3 jogos, mas não quer emendar 3 mandos sem vitória. Eduardo Costa está fora não só deste jogo, mas do futebol todo, anunciada que foi sua aposentadoria. O Tricolor tentará ter 3 vitórias consecutivas, mas não ganha há 3 jogos fora de casa e se deu bem em apenas 1 dos últimos 5. No confronto, os catarinenses não vencem os gaúchos há 4 encontros desde 2010. Antes do jogo começar, é de se esperar que os gremistas façam homenagens ao grande e nesta semana falecido Nico Fagundes, que por 3 décadas apresentou na RBS TV aqui no RS e também para SC o "Galpão Crioulo".

Chapecoense (9° com 12) x Sport (1° com 18) - A Chape tentará a segunda vitória seguida e não terá mais Abuda, agora do Gaziantepspor. Último invicto do Brasileirão, o Leão não é vencido há 10 partidas (ganhou 7 delas) e não será desta vez que conseguirá estrear Hernane, problemática que segue a burocracia que trava o "Brocador". Fora de casa, são 3 compromissos sem queda. Nas últimas 5 visitas, somente uma vez os pernambucanos perderam. Para quem? Justamente para os catarinenses, quando enfrentados na Copa do Brasil.

Corinthians (7° com 13) x Figueirense (16° com 9) - Reencontro deles na Arena de Itaquera, que pelos visitantes foi "batizada" no ano passado. O Coringão não tem mais os negociados Fábio Santos e Petros para tentar o segundo êxito consecutivo em seu campo. O Furacão do Estreito teve jogadores suspensos por treta no clássico diante do Avaí pela Copa do Brasil, tanto França por 6 jogos quanto Thiago Heleno por 2. Não perde há 3 pelejas, mas fora de casa não fatura há 7 tentativas e perdeu 5 delas. Uma escrita em jogo: o Figueira não perde para o Timão há 4 encontros gerais desde 2011 (ganhou os 3 últimos) e há 3 visitas desde 2007.

Atlético Mineiro (4° com 14) x Joinville (19° com 4) - A matinê dominical registrará a maior plateia do torneio ao ter assegurados no mínimo 47 mil torcedores no Mineirão, onde o Galo ainda não perdeu em 3 atuações neste ano (uma mandante e duas visitas). Os mandantes não querem chegar aos 3 insucessos nesta condição e podem contar com Guilherme pela última vez, acertado que ele está com o Cruz Azul do México. Os visitantes estão mais aliviados e confiantes depois de quebrarem a "interminável" seca de sucessos, mas desafiarão o retrospecto fraco longe dos seus domínios: 6 visitas sem vitória, as últimas 4 perdidas. O JEC não ganha fora de casa desde abril, ainda no Campeonato Catarinense, quando superou a Chapecoense.

Goiás (15° com 9) x Fluminense (5° com 14) - O Esmeraldino pós-demissão do Hélio dos Anjos será dirigido por Augusto César, dos juniores, e terá a volta do Erik. São 5 insucessos consecutivos, 2 deles como mandante. O Flu, que confirmou tanto a aquisição em definitivo do Edson quanto a venda do Kenedy para investidores que vão colocá-lo no Chelsea, se deu bem no meio desta semana, mas venceu apenas uma das últimas 4 visitas - e não foi fora do RJ a exitosa. Contundido, Fred está fora. No confronto em si, o Tricolor bateu o Verdão do Cerrado nas duas últimas contendas no Centro-Oeste, onde ganhou 3 das últimas 4 e perdeu a outra.

Palmeiras (14° com 9) x São Paulo (2° com 17) - Se os donos da casa não contarão com o lesionado Alecsandro, os desafiadores terão o retorno do Rogério Ceni após Renan Ribeiro substituí-lo diante do Avaí. O Verdão não é vencido em seu campo há 3 partidas e tem um 2015 de supremacia no Allianz Parque com 12 vitórias, 3 empates e 3 derrotas. Já o Tricolor não é derrotado há 6 jogos, 2 deles fora de casa.

Coritiba (18° com 4) x Cruzeiro (11° com 10) - O Coxa quer e precisa demais da vitória que não chega há 5 atuações, 2 delas ante sua gente. A Raposa, que jogará no dia seguinte à despedida do seu eterno ídolo Alex em evento amistoso no Mineirão, venceu as 2 últimas visitas e faturou 3 das 4 últimas. Deverá ser nesta peleja a estreia do Kléber "Gladiador" pelos alviverdes, justamente contra a equipe azul, na qual já atuou.

Ponte Preta (8° com 13) x Atlético Paranaense (3° com 16) - A Macaca perdeu a invencibilidade e perdeu Rildo, mas manteve Guto Ferreira e quer manter a invencibilidade em seus domínios, que está na casa das 7 jornadas desde o triunfo do São Paulo em março. O Furacão não quer chegar aos 3 fracassos seguidos e venceu somente 1 das últimas 4 visitas, perdendo as demais. Escrita boa para o rubro-negro: não perde para os alvinegros há muito tempo, tanto no geral (5 jogos desde 2005) quanto em Campinas (7 porfias desde 1998).

Internacional (13° com 10) x Santos (12° com 10) - O Colorado não quer completar 3 insucessos consecutivos e aposta no fator Beira-Rio em 2015, depois daquela derrota pro Shakhtar Donetsk obtendo 14 vitórias e 4 empates. O Peixe não perde há 3 partidas, mas não triunfa como visitante há 9 compromissos desde ainda o Londrina em março. Os paulistas não vencem os gaúchos no Beira-Rio há 6 jogos desde 2008 (neste meio tempo houve uma vitória em 2013, mas em Novo Hamburgo). Uma situação curiosa será o reencontro do agora alvirrubro Aguirre com o alvinegro praiano, para quem perdeu a Libertadores de 2011 ao comandar o Peñarol. Aguirre, aliás, que neste sábado foi punido com 3 partidas pela Conmebol e não dirigirá o Colorado nem nas duas semifinais contra o Tigres na Copa Libertadores e, caso sua equipe finalista, nem no primeiro jogo da decisão. A punição é por ter visto a partida contra o Independiente Santa Fe "escondido" mesmo depois de ter sido excluído.

Vasco (20° com 3) x Flamengo (17° com 7) - Clássico dos Milhões duplamente inédito: realizado pela vez primeira em Cuiabá (opção vascaína) e pela primeira vez com ambos integrando a zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Estreia do Celso Roth na casamata cruzmaltina após Doriva tirar o seu da reta depois dos 10 fracassos consecutivos (os últimos 5 perdidos). O Uruguai já caiu fora da Copa América, mas Martín Silva está fora do jogo devido a uma entorse no tornozelo. Goleiros titulares ausentes, portanto, já que Paulo Vitor está no departamento médico dos rubro-negros, que tentarão emendar a segunda visita vitoriosa. Esta será a 16ª vez que o Clássico dos Milhões acontecerá fora do estado do RJ, a segunda só neste 2015 devido ao Super Series em Manaus em janeiro. O retrospecto aponta 7 vitórias do Vasco, 6 do Flamengo e 2 empates. Especificamente no Centro-Oeste, os cruzmaltinos venceram duas, os flamenguistas uma e ainda houve dois empates.

Ceará perdeu de novo e Silas perdeu o emprego

A sexta-feira teve o Oeste ganhando do Ceará com dois gols na segunda etapa. O Rubrão, que adquiriu o avante Rodriguinho (campeão pelo Fluminense em 2010) junto ao Santo André para a sequência da competição, voltou a ganhar como mandante após 4 jogos e finalmente venceu a primeira em Osasco, onde tem atuado por causa da capacidade muito restrita do Amaros. O Vozão chegou aos 7 jogos tanto gerais quanto apenas fora de casa sem triunfar e sobrou para Silas, não mais seu treinador após 4 meses e meio, claro que neste período ganhando a Copa do Nordeste, mas perdendo o estadual pro Fortaleza e fazendo esta Série B horrorosa até agora. A ver se na partida da próxima terça contra o Luverdense (atenção: remarcada pela CBF para 21h30 locais e 22h30 Brasília devido à possibilidade de Brasil na semifinal da Copa América) já haverá um novo técnico ou ainda não.

Enquanto isso, num mais uma vez desértico Serra Dourada (enche o saco notar este grande e belo palco vazio, ninguém vai fazer nada para mudar este panorama e voltar a enchê-lo ou ao menos preencher boa parte dos seus lugares?), o Atlético Goianiense começou na frente com mais um gol do goleiro Márcio, agora com 33 na carreira. Porém, ele tomou um golaço do Rafael Carioca ainda no primeiro tempo e o Paraná não saiu derrotado de Goiás. O Dragão só venceu uma das últimas 6 partidas gerais e acho brabo que volte a sorrir na terça-feira, já que visitará o embaladíssimo Paysandu (atenção: jogo remarcado pela CBF para 18h30 também devido à possibilidade de Brasil na semifinal da Copa América), enquanto o Tricolor completou 5 visitas sem sucesso.

O sábado tem cinco jogos à tarde. O duelo de fluminenses apresenta Macaé x Botafogo, com o Alvianil Praiano vindo de 2 derrotas e o Fogão sem perder há 10 jogos gerais e 6 visitas (os alvinegros não conseguiram a liberação do lateral Gilberto, que terá de desfalcá-los nas próximas rodadas por defender o Brasil no Pan-Americano de Toronto). No Nordeste, um de dois encontros regionais é ABC x Náutico, com o Alvinegro há 6 jogos sem vencer no Frasqueirão desde o Baraúnas em abril e o Timbu sem se dar bem há 3 visitas. No retrospecto histórico, cada um tem uma escrita positiva: os pernambucanos não perdem há 3 partidas gerais desde 2011, enquanto os potiguares não são batidos enquanto donos da casa há 3 confrontos desde 2002.

A Região Nordeste ainda terá Santa Cruz x Sampaio Corrêa, os pernambucanos há 6 partidas sem vitória (só ganhou uma das últimas 8) e os maranhenses há 3 jogos sem caírem. Acontecerá também Bahia x Luverdense, que tem um Esquadrão de Aço vindo de 5 mandos de campo vitoriosos (é brabo pra chuchu batê-lo em Salvador neste 2015, apontadas que são pelo retrospecto 16 vitórias, 1 derrota e 1 igualdade) e um Verdão do Norte há 3 compromissos sem êxito. Em SP, ingressos a 100 "dilmas" e Rivaldo no elenco de jogadores para ver se o Mogi Mirim acaba com a série de 10 fracassos seguidos, metade deles em casa, onde não vence desde ainda o Marília em março. O CRB é o adversário e não ganha fora de casa há 5 jornadas desde o Coruripe em abril.

Claro que não pode faltar a sessão noturna de sábado, esta trazendo Boa Esporte x Bragantino. Os mineiros não ganham há 3 partidas e perderam os 3 últimos mandos de campo, não triunfando em casa desde o Atlético Mineiro em abril. O Massa Bruta não cai há 4 compromissos e vem de 3 vitórias consecutivas.

A volta da Série C após três semanas

Recuperemos a classificação do Grupo A após 4 rodadas para sabermos quem está como: Fortaleza com 10 pontos; Vila Nova com 9; Salgueiro com 8; ASA com 6; Botafogo da Paraíba e América de Natal com 5; Cuiabá com 4; Águia com 3; Confiança com 2; e Icasa com 0. Jogos deste fim de semana: Vila x América (realizado no OBA por opção mandante e com esperadas homenagens vila-novenses ao nesta semana tragicamente falecido Cristiano Araújo), Águia x Botafogo, Icasa x Confiança, ASA x Cuiabá e Salgueiro x Fortaleza.

Agora, a classificação do Grupo B depois de 4 rodadas: Londrina com 10 pontos; Tupi e Brasil com 8; Portuguesa com 7; Tombense e Juventude com 4; Madureira e Guarani com 3; Caxias com 2; e Guaratinguetá com 1. Estas são as pugnas renhidas de retomada: Tombense x Guarani (os bugrinos em situação financeira calamitosa, com a sede social fechada e o futebol por um fio), Madureira x Juventude, Portuguesa x Tupi (os rubro-verdes retornando finalmente ao Canindé e os carijós podendo estrear o beque Leandro Euzébio), Guaratinguetá x Caxias (os grenás indo pro jogo mesmo depois dos dois dias de greve nesta semana por atrasos salariais) e Brasil x Londrina (tanto a volta dos xavantes ao Bento Freitas depois daquela interdição após a derrota pro Flamengo quanto o reencontro das duas equipes após a "terceira guerra mundial" na Série D do ano passado). (Atualização das 12:55: o Guarani venceu por 2 x 1 e foi aos 6 pontos na chave de Sul e Sudeste, trancando o Tombense nos 4.)

Curtinhas

*Leandro Almeida não é mais zagueiro do Coritiba e sim do Palmeiras, com quem assinou por 4 anos.

*Durante treino do Vasco na quinta-feira, Celso Roth perguntou a Rafael Silva se ele sabia executar uma atividade e o atacante deu uma de Chaves num diálogo com Dona Florinda ao responder: "eu sabo". (ouch!)

*Vasco, que perdeu um mando de campo pela bomba que explodiu no gramado após a derrota para o Cruzeiro, mas que deverá cumprir a pena em jogo que já não faria no Rio de Janeiro por opção própria, pois ela caberá para o duelo de 8 de julho contra o São Paulo, que está por ser transferido para Brasília.

*Foi noticiada no fim da sexta-feira uma entrada no Supremo Tribunal Federal de um pedido de renúncia do congressista Andrés Sanchez. Só que o atual superintendente do Corinthians negou ter feito tal pedido e seu advogado João de Oliveira afirmou que ele próprio, João, pediu para deixar de atender o ex-presidente alvinegro em inquérito que apura crimes fiscais que teriam sido cometidos por Andrés, o ex-diretor financeiro corintiano Raul Corrêa da Silva, o atual vice André Luiz de Oliveira e o presidente Roberto de Andrade.

*Condenado em primeira instância a 8 anos e 4 meses e meio de prisão o atual vice jurídico do Internacional, Marcelo de Freitas e Castro, por sonegação de impostos tanto na declaração de pessoa física quanto em rendimentos da empresa Marpa e Castro Consultores Associados. Marcelo já recorre desta sentença.

*Revogada a interdição de 3 meses do Castelão, inicialmente aplicada devido à horrorosa pancadaria ao fim da decisão estadual Ceará x Fortaleza. Consta que a administradora Luarenas apresentou os laudos e os planos de segurança para que o palco maior do futebol cearense fosse novamente liberado. Sem ele, Vozão na Série B e Tricolor na Série C teriam que ficar restritos ao Presidente Vargas até setembro.

*Sábado dos 50 anos do ex-meio-campista e atual treinador Bengoechea, que venceu as Copas América de 1987 e 1995 pelo Uruguai e sete Uruguaios pelo Peñarol, sendo pentacampeão nacional de 1993 a 1997.

*Depois das Copas do Mundo deles em 1982 e 2014, agora foi na Copa do Mundo delas que a Alemanha deixou a França para trás em mata-ou-morre, o que colocou as chucruteiras no caminho dos Estados Unidos para uma semifinal que tem cara de final antecipada, grande clássico que é do futebol feminino.

*Ginástica artística: convocada a seleção masculina para o Pan de Toronto com Arthur Zanetti, Caio Souza, Francisco Barreto, Lucas Bitencourt e Arthur Nory, este último aquele mesmo que foi suspenso pela lamentável brincadeira racista com Ângelo Assumpção. O reserva do time brasileiro será Petrix Barbosa.

*Polo aquático: Brasil na semifinal da Super Final da Liga Mundial contra a Sérvia, daí saindo o duelista pelo título contra Croácia ou EUA. A melhor posição dos brasileiros tinha sido o sétimo lugar no ano passado. Logo, ainda que não chegue a finalíssima ou mesmo o título, já é uma evolução notável e digna de aplausos.

*Boxe: com nocaute no quarto assalto, Esquiva Falcão derrubou o ianque Aaron Drake para completar 10 vitórias seguidas (sete delas por nocaute) e manter a invencibilidade nos profissionais.

*Fórmula 1: enquanto espera pelo GP da Grã-Bretanha no fim de semana que vem para tentar tirar os 10 pontos de desvantagem para Lewis Hamilton, Nico Rosberg aproveita o sábado para festejar seus 30 anos.

*Fórmula Indy: etapa de Fontana realizada neste sábado e tendo Simon Pagenaud na pole position, com Hélio Castroneves em segundo, o líder do campeonato Juan Pablo Montoya em quinto e Tony Kanaan em sétimo.

*Tênis: começa nesta segunda-feira o Grand Slam de Wimbledon, que contará com três tenistas brasileiros nas competições de simples. Enquanto nelas Teliana Pereira iniciará contra Camila Giorgi, neles teremos João "Feijão" Souza versus Santiago Giraldo e ainda Thomaz Bellucci "apenas" diante de Rafael Nadal.

*André Sá campeão das duplas no ATP de Nottingham. Ele e o australiano Chris Guccione derrotaram o uruguaio Pablo Cuevas e o espanhol David Marrero por 2 x 0 (6/2 e 7/5). Primeiro título do André jogando na grama.

*Vôlei: após superar a Austrália por 3 x 1 na manhã de sábado (25/17, 25/18, 23/25 e 25/20), o Brasil voltará a enfrentá-la pela quarta rodada dupla da Liga Mundial na madrugada de sábado para domingo.

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*A sexta-feira foi inundada de fotos com arco-íris no Facebook em ação chamada "Celebrate Pride", referente à legalização pela Suprema Corte dos EUA do casamento entre pessoas do mesmo sexo no país todo, não tendo mais validade leis estaduais que sejam diferentes. Também deixei uma fotografia minha em arco-íris como apoio à causa pois, embora meu negócio seja desde o início e até o fim da minha vida mulher e somente mulher, acho que neste mundo tão cruel e truculento onde vivemos não se pode negar toda e qualquer forma de amor enquanto um sentimento nobre e positivo. Outros atos verdadeiramente mais condenáveis acho que devem mobilizar a sociedade para que não mais se repitam, não sendo a união homossexual um deles. Não é a minha preferência, mas não condeno quem a tenha pois acho que cada um sabe o que faz da sua vida se mal não fizer aos outros.

*Aqui em Porto Alegre, tem bebê celebrado na Rádio Gaúcha: nasceu nesta sexta-feira Gael, segundo filho da comentarista de economia Giane Guerra com o repórter e apresentador Jocimar Farina.

*Agora é que eu quero ver: depois de ser um sumário fracasso o filme "Paixões Unidas", que conta a história da FIFA e que recebeu apoio dela (logo, sendo "chapa-branca"), é prometido para breve um filme sobre o escândalo que estourou recentemente na entidade. Afirma The Hollywood Reporter que Ben Affleck liderará a obra com Gavin O'Connor na direção. A base estará em "Houses of Deceit", livro de Ken Bensinger (vê bem: Ken Bensinger e não Kim Basinger, só para não dar confusão... rs) que fala da participação do réu confesso Chuck Blazer.

*Completando 60 anos neste sábado Isabelle Adjani, ganhadora de cinco César e duas vezes indicada ao Oscar. Ela é vista em filmes como "Nosferatu - O Vampiro da Noite", "Camille Claudel" e "A Rainha Margot".

*Também o sábado é de Tobey Maguire, que fez o Homem-Aranha em três filmes e chega aos 40 anos.

Bela do Dia: Isabel Corrêa

Isabel Corrêa, representante de Guaíba no Miss Rio Grande do Sul 2015, marcado para 22h20 deste sábado em Canoas, com exibição na TV Bandeirantes para todo o estado em alta definição e comando de Renata Fan e Chico Garcia. Isabel concorreu no ano passado no Miss Rio de Janeiro por Belford Roxo e foi uma das semifinalistas. Antes ainda, ela foi vice-campeã do mesmo Miss RJ em 2012 enquanto representante de Paraty, o que lhe deixou inconformada por crer que muito mais digna do título seria que a campeã Rayanne Morais.

*No domingo, lembrados serão os 40 anos da morte de Rod Serling, que nasceu no fim de 1924 e que entrou para a história do terror ao criar o seriado "Além da Imaginação", produzido originalmente de 1959 até 1964 e que teve duas continuações, a primeira de 1985 até 1989 e a segunda entre 2002 e 2003.

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Clipe do Dia Especial

70 anos do nascimento de Raul Seixas neste domingo. Taca-lhe um "Top 10" dele, que nos deixou em 1989.

De 1973, "Mosca na Sopa" (dele). Devo tomar um prato de sopa hoje em homenagem póstuma à data?

De 1973, "Metamorfose Ambulante" (dele). Prefiro ser assim do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo.

De 1974, "Sociedade Alternativa" (dele e Paulo Coelho), que Bruce Springsteencantar ao vivo no Rock in Rio.

De 1974, "Gitã" (dele e Paulo Coelho). Eu sou a luz das estrelas e a letra A tem meu nome.

De 1975, "Tente Outra Vez" (dele, Paulo Coelho e Marcelo Motta). Mas devo tentar pela sexta vez?

De 1976, "Eu Nasci Há 10 Mil Anos Atrás" (dele e Paulo Coelho). Só podia retirar o "há" e deixar o "atrás".

De 1977, "Maluco Beleza" (dele e Cláudio Roberto). Quem de nós não tem maluquez misturada com lucidez?

De 1977, "O Dia em Que a Terra Parou" (dele e Cláudio Roberto). Não sei se não tá perto disso, não...

De 1987, "Cowboy Fora da Lei" (dele e Cláudio Roberto). Melhor momento de uma década nada melhor.

De 1989, "Pastor João e a Igreja Invisível" com Marcelo Nova (dos dois). Ih, tem muitos na praça...

Arremate

Das gozações da internet: também tem foto colorida circulando... do Felipão com as cores da Alemanha.

"24 Horas" volta antes que os implacáveis brincalhões aprontem a próxima com sei lá quem!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia") e editor do blog "Papo Final" no Final Sports.

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com
BLOG NO FINAL: papofinal.final.com.br


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.