.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros
 

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Domingo, 1 de setembro de 2013 - ANO 11, EDIÇÃO 22
Perfeição perfeitamente perfeitíssima

É como dá para chamar a participação do Brasil neste hexagonal decisivo do Grand Prix de Vôlei. Seria de se supor que a competição fosse difícil e apertada em algumas partidas, mas que nada. Sheilla, Fernanda Garay, Gabi, Dani Lins e cia. destroçaram todas as adversárias por 3 sets a 0. Cinco jogos, cinco sucessos, 15 sets disputados, 15 sets conquistados. Estados Unidos, Japão, Itália e Sérvia ficaram para trás. Nem a China, que chegou à peleja desta madrugada em condição de ser campeã, fez frente às verde e amarelas. 25/15 e 25/14, dois sets fechados e título arrematado. Mas pra quê correr o risco de ser campeão perdendo? 25/20 e pronto.

Contando fase classificatória e hexagonal decisivo, as comandadas de José Roberto Guimarães tiveram um desempenho irretocável, com somente uma única derrota, mas 13 vitórias para compensar. O Grand Prix vem desde 1993 e esta é a nona vez que as brasileiras acabam na primeira posição, juntando o sucesso na japonesa Sapporo aos obtidos em 1994, 1996, 1998, no tricampeonato de 2004 a 2006 e no bi de 2008 e 2009. Seguem em alta as jogadoras de vôlei do Brasil. Unidas, não tem pra ninguém. Parabéns, mulheres perfeitas!

Vila quatro vezes mais feliz

O grande destaque do sábado que encerrou uma semana de 11 partidas na Série B foi o Paraná, que contou com apoio maciço de sua gente na Capanema para quatrilhar o Guaratinguetá. Isso rendeu o terceiro lugar ao tricolor das araucárias, que foi beneficiado pelo empate em dois gols do Boa Esporte com o Sport, que só igualou aos 46 do segundo em tento do Nunes - que repetiu a dose feita na vitória diante do Palmeiras. Os bovetas do Sul de Minas estão impossíveis. Apenas uma derrota nas últimas onze rodadas, seis vitórias no período.

Falei no Palmeiras. O reencontro dele com o Ceará teve provavelmente o maior público do futebol brasileiro neste fim de semana, pois não sei se teremos algum jogo deste domingo na casa dos 50 mil espectadores igual ao de ontem à noite no Castelão - que nas partidas do Vozão anda mais vazio, mas felizmente estava cheio agora. Os dois times perderam algumas boas chances, mas também valeu a pena este outro 2 x 2 do dia. Verde por verde, o do Cariri superou o do Oeste. O Icasa fechou uma bela sequência de quatro vitórias consecutivas ao derrotar a Chapecoense em plena Arena Condá, onde os adversários não tinham vez desde novembro de 2012.

Bragantino e Paysandu "oxaram", o que não foi bom nem para os paulistas por seguirem intermediários e muito menos pros paraenses por continuarem na zona de rebaixamento. Nela estão América de Natal e São Caetano, cujo encontro em Goianinha foi marcado por um erro grosseirérrimo do apitante Gilberto Rodrigues Castro Júnior, daqueles de fazer o sujeito tomar uns dois meses de gancho para voltar a aprender o mais básico dos beabás do ofício. Nunca, mas nem forçando a barra, que aquilo no Danilo Bueno foi pênalti. Não dá para acreditar que tenha sido marcada falta ali se foi nítida a atirada do camarada. Menos mal, pra justiça das coisas - que às vezes deve imperar, mesmo no futebol -, que o Azulão não pontuou graças a esta barbeiragem pois o Mecão venceu.

Repassando a classificação

Já temos 18 de 38 rodadas, amigos do Brasil. Só mais uma e completaremos metade desta Série B - e não há mais qualquer asterisco pois os dois compromissos pendentes da Chapecoense foram recuperados, um deles nesta ontem encerrada semana de 11 partidas. Esta é a real da parada: 1) Palmeiras, 41; 2) Chapecoense, 39; 3) Paraná, 33; 4) Sport, 31; 5) Joinville e Boa Esporte, 30; 7) Avaí, 29; 8) Icasa, 28; 9) América Mineiro, 27; 10) Figueirense e Bragantino, 26; 12) ASA e Ceará, 22; 14) Atlético Goianiense, 20; 15) Oeste, 19; 16) Guaratinguetá e América de Natal, 18; 18) São Caetano e Paysandu, 16; e 20) ABC, 11.

Rescaldo dos palpites

Dava para eu ter ido melhor sendo onze as partidas da rodada em questão. Fiquei nos cinco acertos, sendo um exato (1 x 0 Chapecoense, Avaí, Atlético Goianiense, Paraná e empate no Recife). Antes de mostrar como vocês se saíram, quero dizer que todos - inclusive eu - iremos para a guilhotina se depender da população de Juazeiro do Norte. Isto é: todos nós, exceto Danilo Otoni, o único que cravou vitória do Icasa sobre a Chapecoense.

7 acertos
Carlos Eduardo Sampaio Queiroz (1 exato: 2 x 1 América de Natal, Chapecoense, ASA, Avaí, Atlético Goianiense, Paraná e empate em Fortaleza)

6 acertos
Daniel Lage de Castro (2 exatos: 2 x 0 Avaí, 2 x 1 América de Natal, Chapecoense, ASA, Atlético Goianiense e Paraná)

5 acertos
Natanael Felipe Rhoden (2 exatos: 1 x 0 Chapecoense, 2 x 0 Avaí, Atlético Goianiense, Paraná e América de Natal)
Ezequias M. dos Santos e Matheus Martins (ambos Chapecoense, Avaí, Atlético Goianiense, Paraná e América de Natal)
Hugo Leonardo Souza Pinto (Chapecoense, Avaí, Atlético Goianiense, Paraná e empate no Recife)
Vagner Luiz (Chapecoense, Avaí, Atlético Goianiense, Paraná e empate em Fortaleza)

4 acertos
Amauri Piauilino da Silva (1 exato: 2 x 2 no Recife, Chapecoense, Avaí e Paraná)
João Arruda (1 exato: 2 x 0 Avaí, Chapecoense, Paraná e empate em Bragança Paulista)
Sandro Francischini (1 exato: 0 x 0 em Bragança Paulista, Avaí, Atlético Goianiense e Paraná)
Charles Tavares (Chapecoense, Avaí, Paraná e empate em Fortaleza)
Danilo Otoni (ASA, Atlético Goianiense, Icasa e América de Natal)
Douglas Ernesto Fernandes Gonçalves (Avaí, Atlético Goianiense, Paraná e empate em Bragança Paulista)
Eldio Venancio e Rodrigo dos Reis Evaldt (ambos Chapecoense, Avaí, Atlético Goianiense e Paraná)
Fernando Melotti Constancio (Avaí, Atlético Goianiense, Paraná e América de Natal)

3 acertos
Fernando Clemente (Atlético Goianiense, América de Natal e empate em Fortaleza)

1 acerto
Rogerio Costa (Chapecoense)

O que vem por aí

A última rodada do primeiro turno da Bêzona é toda ela nesta terça-feira, com cinco jogos às 7 e meia da noite e outros cinco aos 10 pras 10. Marque as dez partidas de depois de amanhã: Joinville x Ceará, Boa Esporte x Avaí, Figueirense x Bragantino, Icasa x Paraná, Oeste x América de Natal, Paysandu x Sport, Palmeiras x Chapecoense, São Caetano x ASA, ABC x América Mineiro e Guaratinguetá x Atlético Goianiense.

Efeito dos protestos?

Neste sábado, o jornal O Globo publicou um manifesto onde reconheceu ser errado apoiar editorialmente o golpe dado pelos militares em 1964, pelo impresso tratado como "revolução" - porém, não falou apenas em si e citou outras publicações, como Jornal do Brasil, Folha de S.Paulo e O Estado de S.Paulo. A longa justificativa visível no novo site de memória do jornal (que disponibilizou seu acervo histórico de edições para consulta) dá muito a entender que é uma resposta aos protestantes que tem gritado contra as Organizações Globo nas sedes dos seus veículos de comunicação, como que tentando mostrar uma outra forma de abordar as questões. Mas será que algo assim, embora inegavelmente importante, bastará para mudar a ideia de muita gente? Sei não...

Mexe-mexe no rádio do Recife

Desde a meia-noite deste primeiro dia do nono mês de 2013, a frequência modulada da capital de Pernambuco está com novidades. Uma delas está nos 90,3: a JC News, nova emissora do Sistema Jornal do Comércio e que é anunciada como a primeira do Norte/Nordeste totalmente jornalística e inteiramente produzida localmente, sem formação de rede com emissoras do centro do país ou de outros estados. A outra está nos 97,1: a CBN Recife, que antes era JC/CBN na época de SJCC e que agora é gerida pela Rede Nordeste de Comunicação, que tinha neste prefixo a Globo FM, que sai do ar no Recife e permanece apenas nos 89,9 de Caruaru. Para situar o leitor de outros estados, cabe também menções de caráter televisivo: enquanto o Sistema Jornal do Comércio tem a TV Jornal (SBT Pernambuco), a Rede Nordeste de Comunicação possui a TV Asa Branca (Globo Caruaru).

A JC News mesclará programas de notícia ao vivo com alguns de entretenimento e várias faixas esportivas, estas com a equipe da co-irmã Rádio Jornal AM, cujo futebol segue retransmitido nos 90,3, igual já ocorria com a JC/CBN. A programação de segunda a sábado aponta isto: 0h, "JC News" com Marcelo Araújo; 4h, "JC News" com Joffre Melo; 7h, "JC News" com Graça Araújo; 9h, "JC News" com Aldo Vilela; e 11h, "Bate-Bola Esportivo". De segunda a sexta, é assim: 12h30, "JC News" com Aldo Vilela; 14h, "JC News" com Everson Teixeira; 17h, "JC News" com Antônio Martins; 19h, "JC Esporte 10" (só Internet); e 20h, "JC News" com Éden Pereira.

Nos fins de semana, o sábado prossegue com estes programas: 12h30, "JC News Fim de Semana"; 14h30, "JC News Jornada Esportiva"; 21h, "JC News Erosdita" com Julieta Jacob; e 22h, "JC News Música" com Alessandra Cavalcanti. O domingo tem esta grade: 0h, "JC News" com Carlos Miguel; 4h, "JC News Entrevistas da Semana"; 7h, "JC News Fim de Semana"; 11h, "JC Esportes"; 14h30, "JC News Jornada Esportiva"; 22h, "JC News Erosdita" com Julieta Jacob; e 23h, "JC News Música" com Alessandra Cavalcanti.

Já a nova Rádio CBN Recife abre sua grade de segunda a sexta com quatro programas locais que se mesclam à grade nacional gerada de São Paulo e Rio de Janeiro: às 9 da manhã, "CBN Recife" com Mário Neto; às 11h, "CBN Esportes"; às 14h, "CBN Total" com Alexandra Torres (esta versão regional preenchendo o espaço do nacional conduzido por Carolina Morand); e às 20h, "Quatro em Campo" numa versão totalmente recifense. Além disso, vários espaços regionais ao longo da programação atualizarão as informações locais, sem contar a ativa da nova equipe própria de esportes, que contribuiu para o sacode que chacoalhou este setor por lá. Mas dessa parte esportiva eu falo mais especificamente na coluna "Papo de Mídia" também deste domingo.

Mas mais do que só falar, vale a pena também escutar como chegaram estas novas emissoras. A abertura da JC News FM eu mesmo gravei pois ela já está com site no ar e áudio ao vivo para Recife, Pernambuco, o Brasil e o mundo. Meia hora inicial ancorada por Marcelo Araújo podem conferir aqui. Por sua vez, a transição de Globo FM para CBN aconteceu através do diretor Paulo Fernandes, cuja fala de anúncio da mesma escutarão aqui. Depois disso, a Globo FM tocou o finalzinho de "Quem Não Quer Sou Eu", com Seu Jorge, e parte de "Anunciação (Tu Vens)", do Alceu Valença, até que desse meia-noite e fosse formada rede com a matriz pro "CBN Madrugada" logo após as transmissões de Fluminense x Santos e Ceará x Palmeiras. Como nas primeiras horas no ar a nova CBN Recife não tinha ainda áudio ao vivo na web, agradeço ao Alexandre Buarque pelo envio do áudio.

Momento Raridade Rara I

Completa 40 anos de Bandeirantes neste domingo o quarto funcionário mais antigo do grupo: Pedro Luiz Ronco, que só perde pros jornalistas José Paulo de Andrade e Salomão Ésper, ambos da Bandeirantes AM, e Gilberto Fernandes, da discoteca da mesma RB. A trajetória do Ronco teve início como redator dos 840, sendo o primeiro trabalho como repórter na cobertura do incêndio no Edifício Joelma, em 1974. Sua trajetória no grupo deu uma guinada em novembro de 1987, quando passou a apresentar o totalmente improvisado e escrachado "A Hora do Ronco", na Band FM, que até hoje é transmitido e que vai ao ar das 6 às 9 da manhã. Em referência aos 40 anos de Pedro Luiz Ronco no Grupo Bandeirantes, vale ver aqui (postagem de Wagner Vieira) um documentário de 40 minutos sobre "A Hora do Ronco", feito por ocasião dos 25 anos de transmissão completados em 2012.

Momento Raridade Rara II

Quando o "Domingo Legal" reativou recentemente o "Passa ou Repassa" como um quadro dentro dele, lamentei não encontrar um só vídeo que fosse deste jogo sob o comando do Silvio Santos, que foi o primeiro apresentador dele - mas não por muito tempo, tanto que o povo lembra mais do Gugu Liberato, da Angélica e do próprio Celso Portiolli. O máximo que tinha era uma chamada da estreia em 1987, quando chamado de "Passe ou Repasse". Pois não é que por um tuíte do Giorgio Guedin eu soube de uma preciosidade publicada no YouTube justamente ontem? Assista aqui (postagem de levyfioriti) um "Passa ou Repassa" apresentado pelo Silvio. Sensacional!

Bela do Dia: Giovana Crosa

Giovana Crosa, eleita na noite deste sábado (em evento que pensei que não tivesse mais fim por durar quatro horas do início até o fim, eh, eh, eh) Rainha da Festa da Uva de Caxias do Sul para 2014. Inadmissível, mas passei batido por esta moça ao olhar as candidatas antes do concurso. Muito bela esta dentista, tão irresistível quanto a mais saborosa uva.

Ajude o PB

É o banner que está à esquerda desta página. Forçado fui a adotar por tempo indeterminado o sistema chamado de "crowdfunding" (financiamento coletivo). Clicando aqui, entenderão o que me levou a algo que relutei em fazer.

Convivas

As mensagens aqui publicadas são remetidas pelos leitores deste PB ao e-mail papodebola@gmail.com.

Atenção: os e-mails enviados ontem serão reunidos aos remetidos hoje para publicação na coluna de amanhã.

Clipe do Dia

Nascido em 1937, Jerry Reed morreu há cinco anos completados neste domingo. Cantor de música country, ele será mais lembrado por bastante gente como coadjuvante de um filme muito legal estrelado por Burt Reynolds, Sally Field e Jackie Gleason: "Agarra-me Se Puderes", de 1977. Jerry também fez as sequências "Desta Vez Te Agarro", em 1980, e "Agora Você Não Me Escapa", em 1983 - esta última sem Burt e Sally. Burt era o Bandido, Sally fazia Carrie, Jackie era o xerife Buford T. Justiça (o "Smokey" do título original em referência a como era chamado nas comunicações pelo rádio, em referência ao personagem Urso Smokey) e Jerry era o Bola de Neve. É ele que canta o bacanérrimo tema musical de "Agarra-me Se Puderes". Curta aqui "Eastbound and Down".

Arremate

Grêmio e Atlético Paranaense em franca ascensão, Fluminense em queda livre. Mais da Série A falarei amanhã.

"24 Horas" volta depois que soubermos o que terá acontecido nos outros dois clássicos RJ/SP!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.