.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros
 

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Segunda, 18 de fevereiro de 2013 - ANO 10, EDIÇÃO 167
Tá bom que venceu, mas...

Uma enorme diferença, tanto técnica quanto sobretudo midiática, separa a Série A do Campeonato Carioca e a Série A3 do Campeonato Paulista. Porém, houve semelhanças neste fim de semana: quem venceu o clássico por 1 x 0 teve um gol feito incrivelmente perdido, sabe lá Deus como. Sábado, foi este aqui, de Duduzinho, do América, contra o Rio Preto. Domingo, foi este aqui, de Rodolfo, do Flamengo, diante do Botafogo.

Qual gol os amigos do Brasil acham que foi mais perdido? Esre é um páreo muito nivelado. E crédito a quem merece: o lance do América eu soube pelo Matheus Schenk, que está estagiando no departamento esportivo da RBS TV - ou seja, encontra todos os dias com as deusas de lá, casos da "Camila Pitanga dos Pampas" e daquela que reforçou minha tese de que as baixinhas são as melhores, deusas que só encontro uma que outra vez a cada dois ou três anos (e têm algumas que faz uns 4 ou 5 anos que não vejo e temo jamais rever... rs).

Fim de semana de clássicos

O já destacado Flamengo x Botafogo foi eletrizante, com as duas equipes em ritmo muito forte, buscando o gol o tempo todo, mas apenas o "brocador" Hernane faturando logo no começo. Seria ele a solução para os problemas ofensivos do Mengão (8 gols em 7 jogos no Campeonato Carioca) ou, como diria Renato Russo, ainda é cedo? O Fogão venceu o rubro-negro pela última vez em 2010. Desde então, só dá Flamengo ou empate.

No Paulistão, o empate por 2 gols entre Corinthians e Palmeiras foi bem divertido, proporcionando um bacana passatempo pra tarde de domingo. O Timão começou melhor e merecia a vantagem, mas o Verdão reagiu a partir do gol de empate e virou com merecimento, numa saída péssima do Cássio. Então, o alvinegro empatou com o novo algoz palestrino: Romarinho, quatro gols em três dérbis paulistanos. Este pode ter sido o único encontro de Corinthians e Palmeiras em 2013. Caso venha a ser, já terá honrado a tradição com um encontro legal.

Além de Coringão x Palestra, os paulistas tiveram outros três clássicos nas divisões inferiores. O já citado 1 x 0 do América pela "Copa Ménage à Trois" (Série A3) representou seu primeiro sucesso sobre o Rio Preto depois de um empate e cinco derrotas. Já o "The Romance Championship" (Série A2) apresentou uma dobra do Rio Claro sobre o zerado Velo Clube e, no Dérbi dos Imigrantes, a Portuguesa fez 2 e ganhou pois o Juventus só fez 1. A lamentar este prélio ter sido simultâneo a Corinthians x Palmeiras e não mais cedo, tipo às 11h ou às 12h, pois assim dava pro sujeito ir no Canindé assisti-lo e, depois, ver o dérbi da Série A1 no Pacaembu ou pela TV.

Dois clássicos sacudiram a rodada do Catarinense. Enquanto o Figueirense pela vez primeira depois de 6 anos ganhou do Avaí no seu Scarpellão, o quatrilho do Joinville sobre a trinca do Criciúma representou uma beleza de confronto. Por três vezes o Tigre esteve na frente e o JEC empatava, até que veio uma sensacional virada. Já no Goiano, foi acontecer justamente em um clássico a primeira vitória do Atlético na competição. Marcador mínimo sobre o Vila Nova, verdade, mas o peso das costas foi tirado - e Márcio ainda defendeu um pênalti.

Entre Norte e Nordeste, foram cinco clássicos - um no Norte, melhor colocando. O da abertura do Campeonato Amazonense foi um Rio-Nal, com o Nacional fazendo 2 gols e não sofrendo nenhum do Rio Negro. E quatro clássicos nestas duas regiões, pois Corintians 2 x 2 Palmeira não é propriamente um, mas há a divertida coincidência da associação com Corinthians e Palmeiras - inclusive, também houve empate pelo Potiguar.

Três efetivos clássicos mobilizaram o Nordeste. O do Cariri se torna quarentão em 2013 e apresentou um empate por duas proezas entre Icasa e Guarani. Enquanto o Verdão é quarto colocado, com 18 pontos, o Guaraju está logo acima, com 21 (o líder é o Ferroviário, com 27, que teve Giancarlo marcando três vezes de cinco estufadas das redes do Maracanã - e dele o "Fantástico" lembrou, mais abaixo entenderão). No Piauí, o Flamengo dobrou e o River zerou, estabelecendo respectivamente 10 e 7 pontos para eles após 4 rodadas. E na Paraíba, o Botafogo foi a 27 pontos em 11 rodadas ao ficar na igualdade por um tento com o Treze, que subiu aos 23.

Assim, aquilo de oito clássicos que falei na coluna de fim de semana não vale. Foram 11, conforme leram aí.

Regulamento e força cearense

Foram os fatores predominantes nas quartas-de-final da Copa do Nordeste. No sábado, a lição foi aprendida uma vez mais: num mata-ou-morre onde o gol fora de casa é critério de desempate, jamais lamente empatar em 0 x 0 no seu estádio. Jamais. Se é válido ou não este regulamento, é outra (boa) discussão para outra hora. Mas já que é assim, que se cumpra. Tanto que o Campinense tirou proveito ao empatar por 2 gols com o Sport, calando a Ilha do Retiro, e o ASA fez ainda melhor, ao vencer o ABC, em Natal, com uma virada a jato, em dois minutos.

Já no domingo, a força cearense se manifestou em dobro. O Ceará era o mais desacreditado pois tinha levado 2 x 0 do Vitória diante de sua gente. Mas não é que a boa e velha "Carroça Desembestada" deu as caras? Assim, tivemos um quatrilho humilhante, pra marcar época, que não teve seu valor diminuído nem com o gol do Leão no fim. Uma reviravolta fantástica, assim como a do Fortaleza, que começou perdendo pro Santa Cruz no Arruda e empatou, mas passou pela prova de fogo do pênalti. Entrou em ação João Carlos, que já tinha pego um pênalti no 3 x 3 da ida. O empate era do Tricolor, mas a vitória foi do Leão nos acréscimos. Arruda calado. Incrível!

De vitoriosa retomada neste 2013, a Copa do Nordeste tem dois grandes estados derrotados. Um é a Bahia, pois o Tricolor já tinha parado na fase de grupos e o Vitória caiu levando 4 diante da sua torcida depois de ter feito um resultado interessante longe dela. O outro é Pernambuco, pois sonhava com um clássico na semifinal e não só viu os dois serem eliminados nas quartas, como ainda teve desde o começo a grande ausência desta edição: a do Náutico, que não foi um dos três qualificados via Estadual de 2012 e, no deste ano, também no sábado, levou 1 x 0 do Central, com quem agora divide a liderança. Ah: nem falo dos tristes incidentes violentos, só lamento.

Agora, a semifinal apresentará Campinense x Fortaleza, com jogo de ida no Ceará e volta em Campina Grande, e ASA x Ceará, cuja ordem dos mandos de campo será definida às 2 da tarde desta segunda-feira em sorteio pela CBF (pois tanto alagoanos quanto cearenses empataram em todos os critérios). Qual seu chute pra decisão? Cearense x paraibano? Cearense x alagoano? Paraibano x alagoano? Ou clássico cearense? Dureza apostar.

Destaques dos estaduais

Paulista A1 - Neymar foi expulso em lance com Artur, também no olho da rua, o que daria para contornar com cartão amarelo pros dois. Alemão foi o nome da vitória da Ponte Preta sobre o Santos, que teve Rafael patético no terceiro gol. São 18 pontos da Macaca e 14 do Peixe. A rodada foi boa para Campinas, pois o Guarani venceu o XV em Piracicaba e soma 7 pontos, um acima da zona de descenso. O vice-líder também é interiorano. São 16 pontos pro Linense, que ganhou do Atlético em Sorocaba. E com Ganso salvando a lavoura de Rogério Ceni após o frangão que levou, o São Paulo derrubou o Ituano e tem 13 pontos (com dois jogos a menos, um deles contra o São Caetano, depois de amanhã). É a mesma pontuação dos já destacados Corinthians e Palmeiras.

Paulista A2 - Já destacada, a Portuguesa soma 15 pontos em 8 rodadas, a um do também já observado Rio Claro e a dois do líder Grêmio Osasco. A preocupação da rodada foi com Jonatas Belusso, do Guaratinguetá, no empate com o Audax. Num choque com um defensor, ele ficou desacordado por 5 minutos e foi levado pela ambulância para um hospital, acordando no caminho e, felizmente, no fim das contas, só dando um sustão.

Carioca - Beneficiado pela vitória do Bangu na finaleira sobre o Madureira, o Vasco derrotou o Audax no primeiro sucesso após três fracassos. Enquanto isso, o Fluminense derrotou o Volta Redonda com Samuel compensando bem a ausência do Fred e, como nem tudo foram boas notícias, Rhayner cobrou um pênalti e jogou nos pés de Gatti (o meia-atacante não faz gol há dois anos e um mês). A uma rodada do fim da classificatória da Guanabara, o Grupo A tem Botafogo com 14 pontos, Vasco com 13 e Madureira com 11, enquanto o Grupo B já classificou o Flamengo com 19, restando uma vaga entre Fluminense, com 15, e Boavista, com 13. No fim de semana que vem, devido à necessária simultaneidade, Duque de Caxias x Vasco, Fluminense x Madureira e Botafogo x Boavista acontecerão às 4 da tarde de domingo, com Olaria x Flamengo sendo às 6 e meia do sábado.

Mineiro - Sem Ronaldinho, mas com Bernard marcando duas vezes para uma delas valer, o Atlético detonou o Araxá e foi aos 6 pontos em 3 rodadas, atrás na classificação apenas do Cruzeiro, que empatou sem gols com o Guarani. Aliás, incrível: foram quatro 0 x 0, os outros sendo América de Belo Horizonte x Boa Esporte, Nacional x Villa Nova e Tupi x Caldense. O outro jogo com gols foi o 2 x 1 do Tombense sobre o América, em Teófilo Otoni. O Coelho, esqueci de observar, só neste fim de semana conquistou seu primeiro ponto.

Gaúcho - Já agora acontecerá mais um clássico Gre-Nal, definido após o Internacional tomar a igualdade do Cruzeiro na troca do sinal amarelo para vermelho em Canoas e, com direito a protestos da torcida contra a OAS (construtora da Arena e parceira na mesma), o Grêmio superar o Veranópolis pelo escore mínimo. O mando de campo é colorado e, com o Beira-Rio bem sabem que interditado, definido foi pelo Inter: será no Centenário, que ontem teve Caxias e São José "oxando". Caxias, que vai sozinho pras quartas da Taça Piratini, pois seu rival Juventude parou no caminho ao tomar ferro do Cerâmica em Gravataí. O Gre-Nal voltará a Caxias do Sul após o empate sem gols da Copa Festa da Uva de 1965. Além dele, os outros encontros em jogo único (time citado primeiro é o mandante) serão Lajeadense x Esportivo, São Luiz x Cerâmica e - veja você - Caxias x São José.

Catarinense - Além dos dois clássicos já destacados, da trinca da Chapecoense sobre o Camboriú, dos quatro do Atlético de Ibirama sobre o Metropolitano e do 1 a nada do Juventus sobre o Guarani, definido está que, para as duas rodadas finais, somente dois times brigam ainda pela primeira vaga direta nas semifinais do certame: Chapecoense, com 18 pontos, e Figueirense, com 16. Os demais, no entanto, tem que continuar somando pontos para fins das duas (ou três) vagas na semifinal via índice técnico - e continuo não me confirmando com regulamento tão ridículo como este, que não dá direto o título ao time que ganhar os dois turnos.

Paranaense - Júlio César fez quatro, o Coritiba meteu sete no estraçalhado Rio Branco e soma 21 pontos, a duas rodadas do fim do primeiro turno. Perto dele, com 20, está o Londrina, que trincou o Paranavaí em casa. Terreno quem perdeu foi o Paraná, que vencia por dois tentos de frente ao Arapongas, que reagiu nos últimos 10 minutos e empatou, deixando o Tricolor com 17 pontos. O J. Malucelli caiu fora por parar nos 16 pontos depois de levar três do sub-23 do Atlético. Enquanto não vem os titulares, o Furacão mal chegou aos 7 pontos.

Goiano - A duas rodadas do fim deste turno inicial, Goiás e Goianésia somam, respectivamente, 17 e 14 pontos depois do empate entre eles neste domingo. Após o clássico, o Vila Nova parou nos 10 e o Atlético foi aos 7.

Sul-Mato-Grossense - Não deixa de ser curioso: Careca tem 7 gols no campeonato, mas fez duas trincas, a segunda delas ontem, diante do SERC. Seu time, o CENE, lidera a competição com 13 pontos em 6 jogos. Assim como Giancarlo, do Ferroviário, lá no Ceará, também Careca foi lembrado pelo "Show da Vida".

Paraense - Rafael Oliveira fez três gols, perdeu um feito incrível (segundo relatos, pois não pude ver o lance), o Paysandu tocou meia-dúzia no São Francisco e agora espera pelo Remo, que dobrou o Paragominas, para o primeiro turno ser decidido em mais dois Re-Pa. É como se tivéssemos dois torneios: o Campeonato Paraense e outro à parte, o "Torneio Re-Pa", por tantos acontecerem todos os anos apenas via Estadual.

Paraibano - Os três gols do triunfo do Nacional sobre o Cruzeiro (ignorados pelo "Fantástico", sacaram?) foram de Delany. Se for pelo sobrenome, deve ser parente da Dana Delany, que estrela "Prova do Crime", exibido na virada de sexta para sábado, depois do "Jornal da Globo". Diante dessa desfeita, acho que Dana deveria pedir para o distribuidor da série retirá-la da Plim-Plim e, só de birra implicante, levá-la para a Record (risos).

Destaques europeus

Espanha - Após 24 de 38 rodadas, o Barcelona tem tranquila liderança com 65 pontos e, mesmo saindo atrás, ganhou do Granada com dobra do Messi, que chegou aos 301 gols pelo clube catalão, do qual é o maior artilheiro oficial. Com 53 pontos está o Atlético de Madrid, que contou com um do Falcao Garcia nos três sobre o Valladolid. E com Kaká de titular e Sergio Ramos chegando à histórica 16ª expulsão pelo clube (muita falta de noção!), o Real Madrid derrotou o Rayo Vallecano e está a quatro pontos do rival madrilenho.

Inglaterra - A FA Cup teve Manchester City e Chelsea atropelando respectivamente Leeds United e Brentford, e como destaque negativo o Arsenal eliminado em casa pelo Blackburn. Hoje, o Manchester United duelará com o Reading. Já na Premier League, Philippe Coutinho foi titular, deixou o seu e o Liverpool fez cinco no Swansea.

Itália - A Juventus até deu uma mãozinha ao estacionar nos 55 pontos em 25 de 38 rodadas ao perder pra Roma em um golaço do Totti, mas o Napoli estragou tudo ao chegar só aos 51 ao "oxar" com a Sampdoria. E ao contrário do apregoado pelo comercial há muitos anos, estes 51 não representam uma boa ideia, não.

Alemanha - Nem tem graça. O Bayern de Munique foi aos 57 pontos com a vitória sobre o Wolfsburg. Mais próximo, o Borussia Dortmund foi aos 42 depois de vencer o Eintracht Frankfurt. São 22 de 34 rodadas.

França - Será que vai recuperar a graça? O Paris Saint Germain levou 3 x 2 do Sochaux, de virada, e parou nos 51 pontos em 25 de 38 rodadas. O Lyon quatrilhou o Bordeaux no território deste e foi aos 48. E agora?

Portugal - Um ganha, o outro também. O Porto fez sua parte contra o Beira-Mar e o Benfica idem com a Académica - e aos 48 do segundo! 49 pontos para os dois dianteiros, passadas 19 de 30 rodadas. Já o Sporting virou sobre o Gil Vicente e tem 22 pontos, sete acima da zona de rebaixamento.

Curtinhas

*Leio no GloboEsporte.com que testemunhas denunciaram uma agressão sofrida por Clément Izard, diretor executivo do Fla-Gávea, que teria levado um soco do ex-vice de administração no intervalo de Flamengo x Botafogo. Porém, Cacau Motta nega isso e afirma ter testemunhas de sua presença num shopping na hora.

*Além de perder pro Pelotas e ser eliminado do primeiro turno do Gauchão, o Canoas não teve Michel no onze inicial. Ele esqueceu a carteira de identidade e não pôde assinar a súmula. Bah... Mas ficou pior, acredite. O substituto dele foi Diego Salini, que sofreu um choque de cabeça ainda no primeiro tempo e parou no hospital - felizmente sem gravidade, tanto que recebeu alta logo depois e teve sempre o médico do clube junto com ele.

*Justificando ter sido enganado pelo empresário chileno Celestino Zapata, que prometeu algo que o clube não poderia cumprir, Amaral (aquele!) saiu do Poços de Caldas sem nem mesmo por ele estrear. Que barbaridade.

*Argel Fucks vai treinar o Red Bull Brasil na Série A2 do Paulistão, substituindo Hemerson Maria. Entendo...

*Se não tivesse se envolvido nesse trágico caso do assassinato da namorada Reeva Steenkamp, Oscar Pistorius viria ao Brasil no fim de março para enfrentar Alan Fonteles e outros dois atletas em uma disputa paralímpica de 200 metros rasos. Mas não acontecerá mais pois o sul-africano acabou com duas vidas: a da Reeva e a sua.

*Bola fora da NBA, que nada de especial fez para Michael Jordan no Jogo das Estrelas, que teve 143 x 138 do Oeste sobre o Leste. Isso que o jogo coincidiu com o cinquentenário do maior papa da história do basquete.

*Mesmo levando 2 sets a 1 de Victoria Azarenka na final do WTA de Doha, Serena Williams começa esta semana como a nova número 1 do mundo do levantamento da entidade maior do tênis feminino.

*Muito legal o Ginásio do Ibirapuera lotado para o último dia do Aberto do Brasil. Mostra tanto que o tênis tem público cativo quanto que um programa bom chama plateia, mesmo sem brasileiro no evento principal e mesmo com TV aberta direta (neste caso, a Bandeirantes). Brasileiro teve nas duplas, com a de Bruno Soares e do austríaco Alexander Peya fazendo 2 sets a 1 (6/7 - 5/7, 6/2 e 10/7) sobre o tcheco Frantisek Cermak e o eslovaco Michal Mertinak. Bruno vive grande fase no tênis de duplas, é um destaque muito positivo.

*Agora, o que todos queriam ver era Rafael Nadal, que já tinha vencido este evento (ATP 250) em 2005, na Costa do Sauípe. Em menos de uma hora e meia, bastaram 2 sets a 0 (6/2 e 6/3) sobre o argentino David Nalbandian para o espanhol ganhar seu primeiro torneio neste retorno após mais de meio ano parado por contusão. E com todo o respeito ao Chile, mas que bom que Nadal volta a vencer aqui pelo Brasil e não no ATP de Viña del Mar.

Sintonia PB

Começa o tópico fixo desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Segunda-feira com novas manhãs jornalísticas no Rio de Janeiro, estreada foi pela Record a edição matutina do "Balanço Geral", com Luiz Bacci concorrendo com o "Bom Dia Rio" das 6h30 às 7h30, enquanto o "RJ no Ar", do Gustavo Marques, agora compete com o "Bom Dia Brasil" a partir das 7h30 e ainda encerrando às 8h40.

*Segunda-feira também do retorno de Neila Medeiros ao "SBT Brasília", na hora do almoço, depois de passar as últimas semanas ancorando a hora paulistana do "Jornal do SBT: Manhã". Gosto dela do que pude acompanhar nestas inserções em Sampa City (pelo canal 9 da Sky), poderia ganhar uma chance em rede nacional.

*Segunda-feira de novidade visual na Rede Globo: uma logomarca tanto colorida quanto marca d'água colocada mais à direita da tela, mais pra baixo na tela e em tamanho sensivelmente menor em comparação ao assistido desde que ela adotou sua identificação no canto da imagem, lá por 1998 - uma adoção tardia, por sinal, pelo menos quatro anos atrasada em relação à Bandeirantes, à época com "Band" na imagem e não o seu logo.

*A grande novidade do sábado foi Giuliana Morrone entrando no rodízio de apresentação do "Jornal Hoje" aos sábados. Estreia em nível nacional dela nesta função, já desempenhada aos sábados no "DFTV".

*Não teve transmissão do desfile das campeãs do carnaval neste fim de semana, mas teve nesta madrugada um compacto dos desfiles originais das escolas vencedoras exibido pela Globo, o da Sapucaí só no Rio de Janeiro e o do Anhembi só em São Paulo. Que legal! Baita mentira essa minha... Fez falta o desfile das campeãs ao vivo.

*E uma vez mais, domingo para segunda-feira com manutenção mensal em todas as emissoras da Globo, mas não no canal 5 de São Paulo, onde a "Sessão de Gala" apresentou "Onde os Fracos Não Tem Vez".

*Falei em cinema na Globo, falei em Oscar, que acontece no próximo domingo e, por um ano mais, transmitido será por Maria Beltrão e José Wilker. Leio na Keila Jimenez que, pela primeira vez, a emissora terá um espaço próprio no tapete vermelho, onde estará o correspondente Hélter Duarte.

*Mudando de assunto: leio no NaTelinha que a prévia do "Ipobre" em São Paulo apontou 4,2 pontos para o SBT no sábado com a reestreia do "Bozo", das 9h às 12h45, empatado com a Record (com "Fala Brasil", "Esporte Fantástico" e "The Love School") e atrás dos 7 pontos da Globo (com "TV Globinho" e "SPTV").

*SBT, que lembro que hoje muda seus horários. Na faixa do almoço, para São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e uma que outra região mais, tem "Três é Demais" às 12h45, a volta do "Chapolin" às 13h15 e ainda "Chaves" às 13h45. Já no início da noite, a rede nacional exibe "Um Maluco no Pedaço" às 18h15 e "As Visões da Raven" às 18h45, enquanto Sampa, Rio e POA recebem "Eu, a Patroa e as Crianças" às 19h15.

*Surpreendeu a todo mundo a volta ao vivo do "Pânico na Band" não só ressuscitar o personagem Silvio, feito pelo Wellington Muniz, como vários dos outros componentes do programa - incluindo Dercílio Zurita, que nas rodas de fofoca é caluniosamente chamado de Emílio Surita (risos) - também se vestiram igual. Surpreendeu pois bem sabem que, desde a metade do ano passado, Silvio Santos proibiu o "Pânico" de imitá-lo através de uma decisão judicial, que ainda determinou que toda e qualquer pessoa da Bandeirantes (não só os humoristas) fique no mínimo 100 metros distante dele. E não acho que ele tenha liberado a imitação por um único motivo: acho que seria praticamente impossível uma conciliação das partes não vazar antecipadamente em algum lugar.

*Leio no Flávio Ricco que, além da Band não mostrá-lo em 2013, o Festival de Parintins agora está rachado televisivamente falando. Cada boi assinou com um canal diferente. Enquanto o Caprichoso acertou com a Rede Amazônica (afiliada da Rede Globo), o Garantido assinou com a Rede Calderaro de Comunicação (da qual são dois canais no Amazonas: tanto a TV A Crítica, afiliada da Rede Record em Manaus e Parintins, quanto a RedeTV! Manaus). É como bem perguntou o "guru": o que será que levou os dois bois a se separarem?

*Outra do Ricco: apresentadora ex-SBT, ex-Record, ex-Record News e ex-Gazeta de São Paulo, a lindindona Amanda Françozo agora é também atriz. Sua primeira participação será em "Dona Beija", filme que resgata a história trazida na famosa novela da Rede Manchete, cuja personagem-título será feita por Thais Pacholek e cujas filmagens no interior de Minas Gerais começam em agosto. "Dona Beija", é? Hmmm...

*A saideira é para trintões, quarentões e para quem curtiu ou curte o cinemão pop dos anos 80: completa 45 anos nesta segunda-feira a atriz Molly Ringwald, ídala adolescente oitentista em filmes de sucesso como "Gatinhas e Gatões", "A Garota de Rosa Shocking", "O Clube dos Cinco" e "O Rei da Paquera". Atualmente, ela é vista no Boomerang como mãe da protagonista da série "A Vida Secreta de uma Adolescente Americana".

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Bela do Dia: Carla Yarin

Carla Yarin, repórter da Rede Massa (SBT) em Ponta Grossa. Massa essa moça bonita, não?

Convivas

As mensagens aqui publicadas são remetidas pelos leitores deste PB ao e-mail papodebola@gmail.com.

"A Federação Pernambucana previu a eliminação de seus times nas quartas-de-final da Copa do Nordeste? Como ficaria o Estadual se Sport ou Santa tivessem classificado? As quatro primeiras rodadas coincidem com o Regional e, nos meios de semana, também há jogos do Pernambucano. A alternativa seria times reservas, mas diferentemente de outros estados, em PE não há tempo de recuperação e perder 4 de 11 rodadas seria um prejuízo, talvez, sem possibilidade de recuperação. Falha da federação e dos dirigentes, sem dúvida." (Adilson Roberto Vilas Boas)

"A falha do Rogério Ceni é daquelas indesculpáveis, mas se justifica devido à lerdeza do primeiro tempo, pois a partida estava tão devagar que o próprio goleiro caiu atrasado e confiante demais na bola. O São Paulo entrou sonolento e só fez o primeiro gol graças a uma boa combinação de Jadson e Osvaldo. No segundo tempo o time correu mais, mas ficou patente a falta de uma opção mais técnica na frente. A entrada e o gol do Ganso no finzinho deixam uma esperança de que ele e o Jadson possam jogar juntos. *** Poucas vezes na minha vida vi uma interpretação de texto tão ruim quanto essa do Renato Resende. É evidente que não coloquei a culpa da derrota do São Paulo para o Atlético Mineiro pelo tratamento dado à torcida tricolor, são coisas separadas. *** Outro gênio dessa época de ouro da NBA era Larry Bird, jogador mais clássico e menos artístico do que Michael Jordan e Magic Johnson, mas tão sensacional quanto. Hoje temos grandes jogadores, mas a magia daquela época é inesquecível. *** Será que a audiência baixa afastou as TVs do desfile desse sábado? *** Repórter dançando, anão sendo repórter... Ainda dá para considerar todos os 'Balanço Geral' como jornalísticos? *** Belíssima Patrícia Porciúncula. Sugiro como 'Bela do Dia' Anna Stachurska, esposa do atacante Lewandowski. *** É bonita, mas Bruna Marquezine dona do bumbum mais bonito do Brasil é um exagero motivado pelo aumento atual da fama dela por 'Salve Jorge' e pelo namoro com o Neymar." (Alexandre Rodrigues Alves)

"A última vez que o desfile das campeãs do carnaval do Rio de Janeiro não foi televisionado foi no longínquo 1993. Naquele ano, a Manchete ficou de fora e a Globo não quis passar. De 1999 a 2011, a Bandeirantes transmitiu e, no ano passado, o SBT." (Clayton Moreira)

"Já está na hora de mudar alguma coisa tática nesse Corinthians. Há quase três anos jogamos no mesmo 4-5-1, com o ponta-direita sendo muitas vezes um terceiro volante. Manjou e não há mais necessidade disso. O elenco é 'super ofensivo', mas o time ainda não. Seria ótimo um 4-3-3, com 3 atacantes mesmo, que se movimentam no ataque, entram na área e fazem gols. Parem de jogar como volantes sem a bola. O time não tem contra-ataque e tem que jogar sempre com o pivô, o que é péssimo. Em vez de recuar todo mundo quando perde a bola, poderia continuar pressionando no ataque, porque são os jogadores fisicamente mais fortes do país, podendo logo roubar a bola no campo adversário. Isso eles fazem, sim, mas ocasionalmente. Não há necessidade de 4-5-1 contra São Caetano e Palmeiras. Estou um tanto pessimista em relação à temporada se isso continuar assim." (Italo Queiroga)

"Até parece que a polícia de São Paulo trata bem os torcedores de times adversários que vão ao Morumbi enfrentar o São Paulo, Alexandre Rodrigues Alves. Não ataque seus adversários. Já fui ao Morumbi com a torcida do Atlético e fui muito mal recebido. Esse 'mérito' não é so de Belo Horizonte. Os paulistas também recebem muito mal." (Luís Afonso Ribeiro)

Clipe do Dia

Uma das responsáveis pelo fim dos Beatles na visão de muita gente, Yoko Ono chega hoje aos 80 anos de vida. Claro que destacarei aqui Lennon e cia. na canção dos besouros para eles: "The Ballad of John and Yoko".

Antes do Arremate...

...digo que, ao terminar de escrever esta "24 Horas", fecho 21 horas e meia acordado. Isto é: eu pensei estar acordado. Mas quando li no Lauro Jardim que o Dr. Robert Rey - sim, aquele Dr. Rey - pretende ser candidato a deputado federal por São Paulo em 2014, me convenci não só que estou dormindo, como também delirando.

Arremate

Meio de semana com Fluminense x Grêmio e a estreia do Corinthians dando o tom da Copa Libertadores.

"24 Horas" volta antes que a pelota esteja em disputa nestas porfias!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.

.

.


Confira as manchetes do Papo de Bola - o Site, o acompanhamento das rodadas de futebol e comentários diversos. Para ser mais um seguidor, clique aqui.
 
PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.