.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros
 

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

21 de fevereiro de 2012 - ANO 9, EDIÇÃO 174
Chega de folia!

Foram boas as quatro madrugadas de carnaval, embora somente nesta última eu finalmente tenha vencido o obstáculo com o qual Morfeu me barrava. Tudo bem que ainda saberemos hoje as campeãs paulistana e porto-alegrense e amanhã a campeã carioca, com a rotina voltando pra valer somente na quarta-feira. Mas da minha parte, folia de Momo novamente só em 2013. Por isso, 'bora para comentários e destaques em coluna de ritmo normal.

Liga dos Campeões da UEFA

A rodada de ida das oitavas prossegue nesta terça, com o líder do Campeonato Espanhol enfrentando cerca de 10 graus abaixo de zero em Moscou. Mas será que isto impedirá o Real Madrid de obter um bom resultado diante do CSKA? Não creio, não. Este jogo será às 3 da tarde no horário de Brasília, já que os duelos em território russo são mais cedo em relação ao restante do continente devido ao fuso horário. Na faixa habitual, teremos o Napoli recebendo o Chelsea em confronto de times que fazem da Champions seu grande objetivo de temporada, secundários são em seus nacionais.

As outras porfias serão amanhã, uma com o Basel "se defrontando-se" com o Bayern de Munique na Suíça e outra com o Olympique jogando na França contra a Internazionale, que daquele furacão invencível das sete vitórias passou para um contínuo fiasco de seis fracassos no Campeonato Italiano. Inter, que somente nestas oitavas poderá contar com Forlán, impedido de jogar a primeira fase ele estava por ter defendido o Atlético de Madrid nas últimas fases pré-grupos.

Campeonato Português

Ganhou emoção a disputa após a derrota do Benfica para o Vitória de Guimarães, que fez os encarnados agora terem somente dois pontos a mais que os portistas (48 a 46). E qual jogo teremos no sábado da semana que vem? "Apenas" Benfica x Porto, na Luz. Um clássico que promete pegar fogo, igual ao da reta final da temporada passada, ainda mais que desta vez quem está na frente são os benfiquistas, que com a baixa de ontem perderam uma invencibilidade de 18 vitórias e 4 empates.

Copa Libertadores

A semana não tem brasileiros em campo, mas sim partidas das chaves deles. Duas são nesta terça-feira - bom, uma delas: Arsenal x Zamora, às 22h30, pelo grupo do Fluminense. A outra, Cruz Azul x Deportivo Táchira (pela chave do Corinthians), será às 15 pra 1 da madrugada já da quarta-feira. "Corujão da Libertadores".

Coisas da política

Ricardo Teixeira ainda não renunciou (o que invalida por enquanto o "graças a Deus!!!" do meu comentário na Voz do Futebol que o povo comentou bastante por ser destacado pelo Rodney Brocanelli no Rádio Amantes), mas a possibilidade levantada pela imprensa nos últimos dias tem gerado um zumzumzum bem interessante entre os dirigentes. O que tem deixado muitos temerosos é um possível domínio da entidade por parte de São Paulo, pois a ascensão do vice mais idoso à presidência dela faria do dono dela José Maria Marin, o que daria a Marco Polo Del Nero a secretaria geral da CBF. Uma assembleia geral foi convocada para quarta-feira da semana que vem e pode acontecer uma eleição para o sucessor de Teixeira. Leio no GloboEsporte.com que isso faria de Weber Magalhães, um dos vices da entidade, o favorito das federações fluminense, gaúcha, mineira e paranaense.

Por outro lado, sabem outro nome que especulariam para suceder Ricardo, caso ele saia? Fernando Sarney - sim, da família daquele Sarney mesmo em quem vocês estão pensando. Quer dizer: é bomba por todos os lados.

Ar condicionado e água fria não bastam

Li na Zero Hora desta segunda-feira: Porto Alegre enfrentou no último domingo o dia mais quente desde 1958. A temperatura chegou a níveis absurdos e nem mesmo a chuvarada que caiu pouco depois das 9 da noite em algumas partes da cidade (como o meu bairro, que por consequência ficou sem energia elétrica até mais ou menos 10 e meia da noite) aliviou a barra, pois no dia seguinte tudo estava insuportável de novo. Sábado à tarde, fazia 39 e alguns décimos à sombra no Passo D'Areia. Imagina quão insuportável estava, fosse para atletas e árbitros quanto para torcedores e cronistas, a condição para São José x Grêmio, que aconteceu às 15h20 do sol devido à televisão.

Para terem ideia, leio no Terra que os jogadores do Zequinha colocaram absorventes íntimos femininos dentro das chuteiras, pois eles faziam que a umidade na chuteira permanecesse por mais tempo em relação a algodão e espuma - é que o gramado do Passo D'Areia é sintético, o que faz sua temperatura aumentar de dois a quatro graus. Claro que a televisão tem seus compromissos e tudo mais, mas este caso e alguns outros dos últimos anos acho que deveriam fazer algumas coisas ser repensadas, como partidas de futebol em calorões abusivos. No período de verão, não sei se não seria o caso de jogar somente à noite para fugir do solaraço. Ou acham que viajei?

Clássico com menos graça nas arquibancadas

Triste, mas verdadeiro: os dois Atle-Tiba do Campeonato Paranaense serão com torcida única. O Ministério Público Estadual estava favorável às duas torcidas - e até se esperava isso mesmo devido ao local do duelo de amanhã passar a ser a Vila Capanema -, mas o MP acatou o argumento da Polícia Militar de que poderia dar bode um clássico numa quarta-feira de cinzas. Então, se amanhã teremos somente a torcida do Atlético, no Couto Pereira estará somente a torcida do Coritiba. Não gosto disso pois considero uma vitória dos bandidos, dos marginais, dos delinquentes e dos bárbaros, aqueles que tornam um espetáculo de família no seu recanto de violência descontrolada.

A propósito, pois algum "marinheiro de primeira viagem" pode perguntar isso e não custa repetir para desfazer eventuais dúvidas: a Arena da Baixada está em reformas para a Copa do Mundo de 2014, daí o Furacão atuar em outras canchas neste Paranaense (caso dos últimos três jogos no Eco Estádio); e o Pinheirão está fechado desde 2007 devido a enroscos judiciais, consequentemente, abandonado à própria sorte.

Neste clássico, o grande destaque do lado do Coxa será a invencibilidade de dois anos em Campeonatos Paranaenses, dois anos completados nesta terça-feira. A última derrota foi para o Paraná, cujo técnico era curiosamente o mesmo Marcelo Oliveira hoje na casamata alviverde.

M de Messi, M de Máximo

Os quatro gols marcados nos cinco do Barcelona sobre o Valencia fizeram Messi ser muito comentado nas redes sociais em plena noite de domingo de carnaval. Foi a segunda vez na carreira que ele conseguiu este feito, a outra sendo marcando tudo no triunfo sobre o Arsenal, na Liga dos Campeões de 2010 - e só não fez mais devido à grande atuação do Diego Alves. E vejam só a importância dele para o time catalão: dos 129 gols marcados em 2011/2012, sua presença está na autoria de 42 deles e na assistência de outros 21.

Alguns podem dizer que o Campeonato Espanhol não permite manifestações muito exaltadas em um sentido positivo ao argentino por ser um torneio "de dois times". Concordo que o nível de competitividade do Espanhol é dureza de aguentar. Mas isso vai além da liga castanholeira. Lionel já levou o Barça a títulos mundiais, europeus e nacionais. Falta apenas explodir na seleção argentina. Mas isso não invalida um fato inconteste: este tangueiro é bom de bola demais e vê-lo atuar é uma das grandes alegrias do futebol mundial na atualidade.

Bolão do tênis, bolinha dos Estaduais

Terminado no último domingo com vitória do espanhol Nicolás "San Lorenzo de" Almagro sobre o italiano Felipe Volante (cujo apelido é Filippo Volandri), o Aberto de Tênis do Brasil recebeu um total de 45 mil espectadores no Ginásio do Ibirapuera, tornando exitosa a estreia da competição em São Paulo após muitos anos na Costa do Sauípe. A finalíssima teve quase 10 mil pessoas presentes, o que foi excelente considerando-se diversos contras, como não haver brasileiro presente - Thomaz Bellucci foi eliminado na semifinal - e ser um domingo de carnaval.

Vou além: a decisão do Brasil Open comprovou foi a falência dos estaduais de futebol. Pega qualquer um dos principais e vai ver quantas partidas darão 10 mil pessoas ou mais. Se encher as duas mãos, será muito. No último fim de semana, duvido que alguma tenha tido tal plateia. No Campeonato Carioca, por exemplo, até agora isso só aconteceu uma ou duas vezes - e nos presentes, não apenas nos pagantes.

Curtinhas

*Das coisas "jeniais": Federação do Rio, sabendo que o Vasco tem partida da Libertadores dia 6 de março, contra o Alianza, marcou a primeira dele na Taça Rio, contra o Bonsucesso, para dia 1º (quinta-feira da semana que vem). Resultado: o jogo seguinte, contra o Olaria, seria ou dois dias depois do contra o Bonsucesso ou dois dias antes do contra o Alianza. Transferiram do dia 3 para o dia 4. Era só colocar o contra o Bonsucesso no dia 29 (quarta).

*Da série "escritas": leio no GloboEsporte.com que o Flamengo está invicto em clássicos disputados no Engenhão, palco da semifinal da Taça Guanabara, contra o Vasco. Porém, foram apenas 5 vitórias, junto com 13 empates. Em termos de disputas de pênaltis - pois vai que dá empate nos 90 minutos amanhã? -, o rubro-negro vem de seis triunfos, sendo a última baixa para o Santos, na Sul-Americana de 2004. Tudo isso fará diferença nesta quarta?

*A derrota para o São José não impediu o Grêmio de avançar às quartas da Taça Piratini pois ele entrou na rodada final já classificado - porém, com uma ajudinha providencial da retirada dos 6 pontos do Cruzeiro por escalação irregular, pois estes 6 pontos fariam o co-irmão de Porto Alegre superá-lo e excluí-lo já na fase de grupos, o que causaria um vexame sem precedentes. Mesmo assim, entrar em quarto lugar graças a uma campanha irregular fez a direção não ver a coisa com bons olhos. E no fim das contas, sobrou para quem? Para o técnico, claro. Caio Júnior caiu (inevitável junção de palavras) após 4 vitórias, 1 empate e 3 derrotas.

*Fica agora a expectativa sobre quem será o novo treinador tricolor. Já se sabe que no Gre-Nal de amanhã, no Gigante, o comando na casamata será do Roger, o lateral-esquerdo do time do Felipão nos anos 90. Mas e depois, classifique-se ou não? Tem chute pra tudo quanto é lado: Vanderburgo Luxerlei, Adílson Batista, Dunga, agora falam até em Abel Braga... Bagunçado assim, como poderá o Tricolor ir adiante? É complicado, confederado. Mas deve ser mesmo Luxemburgo, a julgar por entrevistas do diretor Paulo Pelaipe nesta terça-feira. Cuidemos.

*Grêmio, que apresentou ontem Facundo Bertoglio, jovem meia argentino egresso do Dínamo de Kiev, que o emprestou até julho. Chega faladíssimo, embora poucos conheçam a pleno seu futebol. Vamos só ver o que mostrará.

*Enquanto isso, fica uma dúvida no Internacional sobre Oscar poder atuar ou não, devido à publicação no Diário Oficial da União sobre a determinação do retorno do atleta ao São Paulo. Brechas poderão ser encontradas para que isso não aconteça. O fato é: o Colorado quer Oscar e o jogador parece querer o clube gaúcho. Simples resolver: peça um valor aos são-paulinos e pague o solicitado que esse papo acaba no ato.

*Falando à Isto É Dinheiro, o vice-presidente do BMG disse que "o Itaquerão sempre vai ser o Itaquerão". A declaração de Márcio Alaor vai ao encontro do que eu e muitos outros achamos: é fria o Corinthians querer vender naming rights do seu estádio pois ninguém o chamará pelo nome do comprador dos mesmos. Como disse o executivo do banco: ninguém o chamaria de "BMGzão". Se querem arrecadar dindim, tratem de encontrar outras maneiras.

*Disse Pelé ao site da FIFA que nasceu para o futebol assim como Beethoven nasceu para a música e Michelangelo para a pintura. Tudo bem que é verdade verdadeira, mas não cantou marra demais o Atleta do Século 20?

*Vou pedir um auxílio aos amigos do Brasil: recordariam de algum jogo - aqui ou em outro país - onde tivesse três gols contra do mesmo time? Isso que aconteceu na meia-dúzia aplicada pelo Liverpool sobre o "Apagadaighton" (pois Brighton não foi nem aqui e nem no banheiro do Palácio de Buckingham) é muito "raridade rara". É feito para ser recordado por décadas a fio. O terceiro gol contra, de Dunk, nem comédia pastelão faria melhor - ou pior.

*Eusébio internado outra vez, agora por causa de uma crise de hipertensão. Mas os médicos do hospital de Lisboa em que ele está afirmam que liberado o Pantera Negra será em um ou dois dias. Não dá mais sustos assim, guri!

*Contou Evander Holyfield ao "SporTV Repórter" que se tornou campeão mundial dos pesados devido a sessões de alongamento com uma professora de balé, que passou a orientá-lo a partir do fim dos anos 80 (quando trocou de categoria, saindo dos cruzadores) e o ajudou a melhorar sua esquiva. É diferente isso, claro, até porque fica gozado associar algo leve como um balé a algo bruto como o boxe. Seria um caso de "balé da força"?

*Mais um time da Fórmula 1 divulgou sua caranga para a nova temporada. Eis aqui o modelo GP W03 que a Mercedes fornecerá para Michael Schumacher e Nico Rosberg.

*Atenção, fãs do futsal: próximo sábado tem a estreia de Falcão no Intelli/Orlândia. Será na mineira São Sebastião do Paraíso, em amistoso contra o Paraíso Futsal. Vai lotar a Arena Olímpica João Mambrini.

E atenção, pessoas!

Chegou aquele momento mais resguardador da saúde do que fazer exercícios diários e alimentar-se de coisas que não engordam o peso: "Sintonia PB", antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Completa nesta terça-feira um ano nas manhãs da Globo o "Bem Estar", apresentado por Mariana Rocha e Fernando Ferrão (ou seria o contrário?). Leio na Keila Jimenez que o programa de saúde estreou com 8,1 pontos no "Ipobre" de São Paulo, teve média de 7 pontos em março, mas em janeiro deste ano chegou aos 6,4 pontos e, em fevereiro, está com 5,8, ainda líder das 10h às 10h45, mas com a concorrência próxima. Como bem observou a colunista da FSP: embora alguns digam que o "Bem Estar" possa virar quadro do programa que Fátima Bernardes terá em breve, a emissora garante sua permanência e confirma o da Fátima para depois do de bem viver.

*Falando em "Bem Estar", legal essa que li no Alberto Pereira Jr.: para trabalhar na reportagem do carnaval de São Paulo, Mariana Ferrão e Fernando Rocha (tudo nos seus devidos conformes) se dirigiram ao sambódromo do Anhembi de metrô, distribuindo acenos ao público no trajeto. Metrozão, confederado. Aí sim!

*Votos de pronta recuperação para Hermano Henning, que um bom amigo me contou que foi submetido a um cateterismo, mas passa bem. Felizmente! Por isso mesmo que - depois de dias sem vê-lo por ser vencido no meio da madrugada por Morfeu, ao qual graças a Deus inapelavelmente derrotei hoje - vi César Filho apresentando o "Jornal do SBT: Manhã" junto com a Analice Nicolau, que apresentou o giro de manchetes na abertura do jornal, sempre feito pelo pai do André.

*Falando em "Jornal do SBT: Manhã", atestei nesta madrugada uma curiosidade: o segundo sinal de rede nacional do SBT deu uma melhorada substancial na qualidade da imagem. Antes, cabe explicar: todas as redes nacionais tem dois sinais de rede, o que é algo muito normal e comum. No caso do SBT, o principal termina a programação depois do primeiro "Tele Seriados" e a retoma somente às 6h. Neste período, são gerados comerciais, chamadas e outros afins (como episódios de seriados ou mesmo filmes) para as afiliadas gravarem para exibição local. O outro sinal mantinha a mesma programação vista em São Paulo. Porém, a qualidade da imagem era muito inferior à principal, qualidade digna de vídeo de Internet com resolução média. Detalhe importante: neste segundo sinal inferior, o "Jornal do SBT: Manhã" sempre veio sem o anúncio da Jequiti no canto baixo direito (que tem em São Paulo).

*Agora eu percebi que isso mudou, não apenas na qualidade muito boa da imagem desta faixa. Lá pelas 3 e meia da madrugada, resolvi zapear pelos canais abertos e notei que passava o "Tele Seriados" (com "A Garota do Blog") sem o logo marca d'água do SBT - logo presente na imagem original do canal 4 VHF de São Paulo, que quase todo o país acompanha pelo canal 9 da Sky. E na sequência, o "Jornal do SBT: Manhã" do segundo sinal nacional passou a exibir o anúncio da Jequiti no canto baixo direito, que inexiste na transmissão de rede total às 6 da manhã. Ao menos na emissora aqui de Porto Alegre, o retorno ao sinal principal é feito durante a vinheta de abertura do noticiário. E o que é que aconteceu, deixando essa troca de sinais muito evidente? O anúncio da Jequiti, presente na imagem do segundo sinal o tempo todo, desapareceu quando acionado o sinal principal.

*Leio na Patrícia Kogut que, entre os materiais que já gravava para a nova temporada na RedeTV! antes do acerto com a Bandeirantes (na qual estreará em março), sabem qual o "Pânico na TV" preparava? Uma sátira ao "CQC". Agora, os dois programas serão colegas. Será muito interessante cuidar a relação entre eles ao dividir o mesmo canal e, principalmente, os holofotes e as prioridades para isso, aquilo e aquele outro.

*A Folha.com cometeu uma tremenda gafe ao publicar cornetadas feitas no Twitter por Daniela Albuquerque sobre famosos que desfilaram nesta madrugada no carnaval do Rio de Janeiro. Só que eles destacaram afirmações deste perfil falso da "Medúsia Toddynho", o que é evidenciado na própria descrição dele. O perfil legítimo da apresentadora do "Manhã Maior" e do "Dr. Hollywood" é este aqui. A notícia foi removida no começo da manhã de hoje e uma errata foi publicada aqui. E muito obrigado ao seguidor twitteiro Aníbal Soares pela preciosa dica.

*Leio no Terra que, pouco antes de desfilar pela Grande Rio, Luciana Gimenez soltou esta frase: "Estou na RedeTV!, meu marido é o dono da emissora. Ele é um talento. Se o Silvio (Santos) levá-lo para o SBT, acaba essa novela e aí, se eu sair, não tem problema." Leitura do fato: La Gimenez só continua lá pois Marcelo Carvalho ainda tem participação na sociedade da estação. Mas é só ele deixar tudo pro Amilcare Dallevo e ir para outra TV que ela vai junto.

*Leio no Daniel Castro que é 28 de maio a data trabalhada pelo SBT para estrear a versão brasileira de "Carrossel", com Rosane Mulholland de Professora Helena e que substituirá "Corações Feridos" às 20h30. As gravações estão muito adiantadas a ponto de estarmos a três meses da data referida e já ser gravado o capítulo 60. Quer dizer: só falta a novela começar com uns quatro ou cinco meses de frente. Assim também não é legal. Afinal, não dizem que novela é uma obra aberta? Não dá pra fazer igual a algumas produções recentes da Globo e deixar tudo com menos de uma semana de frente, mas muito tempo assim não permite mudanças ágeis mediante a reação do público.

*Destaque muito importante do meio da TV por assinatura, que leio no vcfaz.net: a partir de quinta-feira da semana que vem, a Via Embratel passará a ser chamada Claro TV. Os preços, as formas de pagamento, os pacotes e os canais transmitidos permanecerão os mesmos de agora, apenas mudando o nome da operadora, que é uma união da Embratel e da Claro (empresas do grupo América Movil) e cujo site estará acessível aqui.

*A saideira é com os episódios semelhantes de "Chaves", que entram em sua sexta semana de exibição - aliás, hoje Chespirito completa 83 anos. Quando a sessão desta segunda-feira começou e passou uma das histórias comuns da fase do restaurante, cheguei a temer que tivessem acabado os semelhantes (e, se acabassem com vários outros perdidos e mesmo inéditos por exibir, eu me chatearia demais). Acontece que ontem foram mostrados cinco episódios, com os semelhantes sendo o segundo e o quarto da sessão e não o primeiro e o terceiro, como de costume. Sendo dez episódios por semana - exceção ao primeiro dia, que teve quatro semelhantes exibidos e não somente dois -, já são 54 histórias apresentadas desde o começo. Se passasse uma por dia na sessão das 13h45 de segunda a sábado, equivaleria a mais de dois meses sem apresentações dos comuns.

*Mas voltando aos semelhantes de ontem: o primeiro episódio está aqui (postado por cantinhochsite) e é "O Homem Invisível", a primeira versão de "Invisibilidade", esta sem a Chiquinha e com a fórmula da invisibilidade toda orquestrada pelo Seu Madruga. A última exibição tinha sido há mais de 10 anos. O segundo episódio está aqui (postado por forumchaves) e é a primeira versão do Dia da Independência do Brasil, sem Chiquinha e com Nhonho, perdida há mais de 20 anos.

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna, se eu não estiver com os braços arranhados por tentar arrancar três cabelos de um gato preto.

Sintonia PB: especial de Carnaval

*Esta noite ainda tem carnaval na Marquês de Sapucaí, com o Grupo de Acesso B (equivalente à terceira divisão), o que tem Tradição e Caprichosos de Pilares, entre outras escolas. A Super Rádio Tupi do Rio de Janeiro anuncia transmissão dos desfiles somente pelo seu site com o time liderado por Eugênio Leal - incluindo, entre outros, o narrador Rafael Ribeiro - no ar às 19h30, com o detalhe de não ser apenas em áudio, mas também em vídeo.

*Dicas da TV de Pernambuco remetidas pelo conviva Alexandre Buarque. A primeira: a TV Jornal não mostrou o carnaval de Salvador via SBT e sim as folias locais de Recife e de Olinda, além de sessões próprias de cinema e maratonas próprias do "Chaves" - o que efetivamente passou da rede, atestei pela grade de programação no site da emissora, foi o desfile do Acesso do Rio de Janeiro. E a segunda: sabem quem compôs o time da TV Nova Nordeste no carnaval pernambucano? Luciana Mariano, a ex-esposa do Luciano do Valle e ex-narradora esportiva da TV Bandeirantes nos anos 90. Bom saber que ela reapareceu na telinha.

*Dica do conviva Leonardo de Abreu Dias: por motivos não sabidos, Alexandre Mota não compareceu ao desfile da Império do Sol, escola de São Leopoldo que desfilou nesta segunda-feira com um enredo em sua homenagem. Ele apresentou normalmente o "Balanço Geral" da Record/RS nesta segunda-feira. No jornal de hoje, Mota justificou que avisou à escola que não pôde participar pois cuidou de sua esposa, que estava adoentada.

*Leio no Alberto Pereira Jr. que o SBT marcou apenas 1,3 ponto em São Paulo no sábado com o Grupo de Acesso do Rio - que a rede só mostrou a partir das 22h, com a primeira hora e meia local na emissora carioca. Até o "Fala Que Eu Te Escuto", da Igreja Universal, deu muito mais audiência à Record: 5,4 pontos. Das duas, uma: ou a transmissão do SBT não agradou nada ou a paulistanada não tá nem aí para o carnaval do Rio.

*Sabe? Tô propenso a achar que a segunda hipótese é a correta. Só ver o que leio no Alberto Pereira Jr. e no R7. Domingo, o desfile do Grupo Especial rendeu à Globo 8,3 pontos, contra 10,4 do ano passado, 10,9 de 2010 e 12,5 de 2009. Entre 21h e 23h30, o "Domingo Espetacular" venceu o carnaval por 15 a 13. Já o "Repórter Record" fechou com 12 pontos entre 23h30 e 0h20, contra 10 da Globo e 7 do SBT. E esta manhã, li na Folha.com que a troca de grade à noite funcionou. Iniciado por volta das 22h, o compactão de "Rei Davi" ganhou do desfile carioca por 14 a 13 na Grande São Paulo. Imagina a euforia da Record por isso.

*De Luís Roberto, na transmissão desta segunda-feira, por volta das 22h (Brasília): "o Brasil inteiro ligado na Globo!" Foi a senha que indicou que os Estados com uma hora de atraso em relação ao horário de verão, que recebem a "rede fuso", passaram a acompanhar a partir dali os desfiles do Rio de Janeiro - já que, depois do "Jornal Nacional", estas regiões viram "Aquele Beijo" e o micro-capítulo de "Fina Estampa". É a mesma senha que indica quando um jogo de futebol da quarta-feira é aberto para estas regiões, geralmente lá pelos 10 ou 15 minutos do primeiro tempo, teima que quem receber Vasco x Flamengo amanhã poderá tirar.

*Não acompanhei o som da TV Globo no carnaval do Rio de Janeiro pois um ano mais preferi a cobertura muito boa do time do Cláudio Brito na Rádio Gaúcha, com ele, o comentarista Álvaro Machado e os repórteres José Alberto Andrade, Luciano Périco, Éldio Macedo e Júlio Ferreira mandando bem demais direto da Sapucaí - tanto que essa dica da frase solta pelo Luís Roberto veio por convivas. Mas nas duas noites eu li no Twitter uma série de queixas relativas à Glenda Kozlowski pela narração dos desfiles, a principal delas de que ela gritaria demais (do tipo que acordaria quem estivesse dormindo). Agora de madrugada, por exemplo, li muita gente na bronca por ela ter chamado Beth Carvalho de Betty Faria, sendo corrigida pelo Luís e pedindo desculpas pela troca. Pergunto a leitores que tenham visto os desfiles com o som da Rede Globo: exageraram nas menções sobre a Glenda ou ela foi mal mesmo?

*O grande personagem deste carnaval na televisão, indiscutivelmente, foi o Dr. Robert Rey nos inacreditáveis bastidores da RedeTV!. Resisti nas três primeiras noites, mas nesta última não aguentei e acompanhei boa parte para tentar acreditar no que eu via. O homem fez e aconteceu com periguetes que passaram pelo recinto onde estava, examinando os corpos das madames, analisando seus seios e seus traseiros, além de carimbá-los quando do seu agrado - mas não um carimbo verbal como aqueles do Oscar Roberto Godoi nos gols dos jogos comentados por ele na Record e na Bandeirantes, e sim um carimbo literal. Quando entrou em cena o transsexual Ariadna e seu namorado italiano, então, a coisa piorou de vez. Até em aumento de pênis o Dr. Rey falou (wow!!!). Tão tosco que foi impossível não achar divertidíssimo. Povo no Twitter se lavou de tanto rir das barbaridades aprontadas por ele.

*Em tempo: se não fosse a sempre linda e apaixonante Flávia Noronha para eu ter algum motivo realmente valoroso para ver estes bastidores da RedeTV!, haha... Bastidores que acabaram na madrugada passada pois este ano não temo baile gay da terça-feira. Leio no Alberto Pereira Jr. que foram dois os motivos para isso: falta de patrocinadores e falta de humoristas para apresentá-lo devido à ida do "Pânico" para a Band. Mas era só colocar o Dr. Rey!

*A foto mais constrangedora do carnaval de 2012 está aqui e é de M. Serra Lima, do Ego. Eu, se sou Valesca Popozuda, nunca mais deixaria de usar calças, independentemente do lugar, da condição climática e da situação.

*A melhor de tantas melhores frases de Twitter que li nestes dias é do conterrâneo Marco de Vargas, do Fox Sports: "Carnaval pela TV é o mesmo que olhar de binóculo aquela gostosona trocar de roupa a 300 metros de você."

*E por mais que várias bonitonas tenham marcado presença nas coberturas das TVs reportando ou apresentando (e opções ótimas não faltaram), vou chover no molhado: a musa das musas de 2012 foi Ana Paula Araújo, que apresentou o "Estúdio Globeleza" nas duas noites no Rio de Janeiro. Estava de arrancar suspiros e mais suspiros, como podem ver aqui em uma montagem ilustrativa. É aquilo que falei há alguns dias ao mencionar a nota da Veja sobre ela fazer o "Fantástico" nas férias da Renata Ceribelli: tirando Fátima Bernardes e seu antes mesmo da estreia faladíssimo programa matutino, Ana é "a" mulher da vez no telejornalismo brasileiro, pela boniteza acentuada e pelo talento à frente das câmeras em coisas descontraídas e acontecimentos sérios. E sabe o que mais? Ela descansará apenas hoje, pois já amanhã os cariocas voltam a acompanhá-la no "RJTV" das 12h.

Bela do Dia: Aline Prado

Aline Prado, a atual "Globeleza", vista em imagem para a seção "Mulheres Que Amamos" da revista Playboy. Vai lá, deusa corporal! Quem já mostra quase tudo na telinha pode fazer a alegria do macharedo e mostrar ainda mais no que seria uma gloriosa edição da revista! Saborosa.

Aviso aos navegantes

Prometi publicar as mensagens pendentes dos leitores na coluna desta terça-feira. Porém - e sempre tem um porém neste não muito fácil ano de 2012 em termos de coisas demais por fazer e tempo de menos para tudo -, estes dias que separam a coluna anterior desta que acabam de ler eu acabei tirando mais para descansar bastante e, principalmente, vencer acordado sem adormecer toda esta madrugada. Quando me senti confiante para escrever as duas colunas diárias que edito, era quase 6 da manhã. Como sempre surge uma que outra pauta de última hora no meio da manhã, a coisa atrasa e o resultado é que chega 13h e me vejo com sono, precisando descansar. Então, paciência: farei logo um "combão" ainda maior de mensagens, juntando as que eu já havia selecionado para responder hoje (e que, admito, não publico por não ter tido tempo para observá-las com atenção para editar e publicar, mais voltado fiquei para não pegar no sono no meio da noite igual às últimas semanas). Adormeço agora à tarde, acordo no meio da noite e já organizo tudo direto junto com as pautas das colunas desta quarta-feira. Muito atrasado tudo? Sim. Mas acumulou coisa demais. Importante é que tudo vai ao ar. Sempre vai ao ar. Pode não ser no mesmo dia? Pode não ser no dia seguinte? Pode. Mas antes tarde do que nunca, é o que sempre digo. E continuem escrevendo, que todos são sempre bem vindos. E todos serão respondidos aqui no site, sim. Obrigado.

Participe pelo papodebola@gmail.com. Sua opinião será registrada nas próximas colunas.

Clipe do Dia

Se viva estivesse ao invés de ter morrido em 2003, Nina Simone completaria 79 anos nesta terça-feira. Aqui está um de seus grandes momentos: "My Baby Just Cares For Me".

Antes do Arremate...

...manchete incrível que vi esta manhã no letreiro da Record News: "Ladrão enfarta e morre durante perseguição". Para tudo existe uma primeira vez na vida. Até mesmo no mundo do crime. Arrematemos.

Arremate

Força para Ruy Castro, no CTI do Hospital São Lucas (Rio) desde domingo após uma crise convulsiva.

"24 Horas" volta esperando ter boas novas do escritor de livros como "Estrela Solitária"!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia"), colunista do NaTelinha e apresentador da webrádio Voz do Futebol.

E-MAIL: papodebola@gmail.com

ACESSE TAMBÉM:
Na Telinha | Voz do Futebol

LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.

.

.


Confira as manchetes do Papo de Bola - o Site, o acompanhamento das rodadas de futebol e comentários diversos. Para ser mais um seguidor, clique aqui.
 
PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.