.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros
 

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

18 de dezembro de 2011 - ANO 9, EDIÇÃO 118
"Barshowlona"

Não houve jogo de futebol nesta manhã brasileira e noite japonesa. Não houve jogo. Houve monólogo. Só um time jogou: o Barcelona. "Barshowlona". 71% de posse de bola, quatro gols marcados e nenhum sofrido. É um time que dá gosto de ver jogar. Estamos testemunhando a história ser escrita. É um campeão mundial incontestável, que pela primeira vez superou um brasileiro em final de Mundial de Clubes.

Já desde os primeiros segundos - não digo minutos e sim segundos mesmo - se percebeu o que vinha pela frente. O Barça dominou amplamente o primeiro tempo, massacrou na superioridade ante um Peixe acanhado e sem reação, que raríssimas vezes conseguiu chegar na frente e não soube aproveitar estas raras chegadas. Messi fez bonitaço, Durval fez feio, marcador aberto. Mais alguns minutos, passe de Daniel Alves e Xavi abriu a chave da goleada que viria. Messi acertou a trave e, quase no intervalo, conseguiu recuperar a bola para começar a jogada que resultou na trinca anotada por Fábregas. 3 x 0 verdadeiros com "VE" maiúsculo.

Na etapa final, os catalães deram uma pisada no freio e o Peixe buscou algo mais. Mas quando Borges e Neymar desperdiçaram as oportunidades que tiveram, não tinha como pensar que algo de bom pudesse surgir. Daniel Alves acertou a trave, já passava dos 30 minutos. E a menos de 10 para o fim, Daniel Alves serviu Messi na área para driblar Rafael e fechar a humilhação: 1, 2, 3, 4 para o "Barshowlona", 0 para o Santos. Um marcador que espelhou bem a diferença técnica entre as duas equipes e mostrou que, sim, o mata-ou-morre permite tudo. Permite até que as lógicas prevaleçam. O Barcelona de Guardiola é o grande time do século 21.

A propósito, já que citei algo que eu dizia há dias tanto aqui quanto respondendo perguntas no Twitter: sim, eu achava que o Santos poderia ganhar. Achava mesmo. Não apostava nisso, meu marcador era 3 x 2 para o Barcelona. Quebrei a cara. Eu, que tanto defendo que a lógica deve prevalecer para times superiores serem vencedores, deveria ter apostado em triunfo tranquilo dos espanhóis. Me dei mal, paciência. Mas é como também sempre digo: prefiro falar antes e arcar com as consequências do que só falar depois, feito profeta do acontecido. Segue o jogo e vamos em frente.

Afogando (os adversários) em números

Contando todo o ano de 2011, o Barcelona completou 63 partidas oficiais, com 45 vitórias, 13 empates e 5 derrotas, marcando 159 gols e levando 39. Especificamente na temporada 2010/2011, são 28 jogos, com 21 vitórias, 6 empates e somente 1 derrota (para o Getafe), com 66 gols pró e 12 gols contra. Messi tem 58 gols em 53 partidas neste ano. Os números não mentem.

Terceiro lugar

Ficou para o Al-Sadd, do Jorge Fosatti, que fez 5 x 3 nos pênaltis sobre o Kashiwa Reysol, do Nelsinho Batista, após "oxo" nos 90 minutos. Ainda bem que terceiro lugar é o único jogo do Mundial de Clubes onde não há prorrogação no regulamento, pois seria brabo demais se tivesse.

Rumo à Libertadores 2012

O título do Campeonato Equatoriano é do Deportivo Quito, que bateu o Emelec pela contagem mínima, a dois minutos do fim de jogo. Campeão, o Deportivo estará no Grupo 7, o primeiro 100% fechado, contra Vélez Sarsfield, Defensor Sporting e Chivas Guadalajara. Vice, o Emelec jogará o Grupo 2, com Lanús, um paraguaio a definir e ou Real Potosí ou Flamengo. Resta saber agora o outro equatoriano na Libertadores. El Nacional tem vantagem de 2 x 1 sobre a LDU. Confirmando hoje esta vantagem, participará do Grupo 5, com Vasco, Nacional do Uruguai e Alianza Lima.

Mais uma queda de grande clube

13 títulos nacionais, o último deles em 2008. Campeão em 1999 da Copa Merconorte (uma "Copa Mercosul dos excluídos"). Quatro vezes finalista da Copa Libertadores, perdendo em 1985 para o Argentinos Juniors, 1987 para o Peñarol e em 1986 e 1996 para o River Plate (tendo eliminado o Grêmio na semifinal de 15 anos atrás). Com todo este currículo, o América de Cali está rebaixado para a Série B do Campeonato Colombiano em 2012. Penúltimo colocado deste ano, disputou a permanência na elite com o vice-campeão da segunda divisão, o Patriotas de Tunja. As duas partidas acabaram iguais em 1 gol, logo, pênaltis resolveram a questão - detalhe: a decisiva foi em Cali. Vencedor por 4 x 3, o Patriotas jogará a Série A. O América caiu diante de sua gente, que, claro, entrou em surto e promoveu badernas com a Polícia no lado de fora do Pascual Guerrero.

Boa curiosidade observada pelo prezado Sérgio Bruno Trivellato: no mesmo ano de 2011, caíram os finalistas das Libertadores de 1986 e 1996, já que o River Plate caiu ao final da temporada 2010/2011 e atualmente joga a Série B de 2011/2012. Passadas 18 rodadas, o River é o segundo colocado, com 33 pontos, atrás dos 35 do Instituto de Córdoba, mas à frente dos 31 do Rosario Central e dos 30 do Quilmes.

Campeonato Espanhol

Visitante, o Real Madrid deu de ombros para o Sevilla e o amassou por 1, 2, 3, 4, 5, 6 a 2, encerrando o ano na liderança com 3 pontos a mais que o Barcelona, cujo quatrilho sobre o Rayo Vallecano aconteceu há alguns dias justamente por causa do Mundial. Cristiano Ronaldo fez três gols, agora tem 20 contra 17 de Messi na temporada 11/12 e ainda cantou marra sobre quem falar mal dele não entender nada de futebol. Joga muito, verdade. Mas é muita máscara, viu... Agora o "Castanholão" dá uma parada e volta em 8 de janeiro.

Futuros Campeões Sub-17

Atlético Mineiro conquistou o tricampeonato, após vencer as edições de 2010, também em Belo Horizonte, e a primeira de 2011, em Joanesburgo. Levava 3 x 1 do Cruzeiro, mas chegou ao 3 x 3 e provocou a disputa de tiros livres a 11 passos da marca fatal, saindo vencedor por 6 x 5.

As boas do domingo

As atrações são a final do Torneio Feminino Cidade de São Paulo, com o Brasil precisando da vitória e a Dinamarca jogando pelo empate, e as semifinais do Campeonato Brasileiro Sub-20, com América x Coritiba na primeira sessão e o clássico Fluminense x Botafogo decidindo na segunda sessão qual carioca estará na decisão de depois de amanhã.

Mundial Feminino de Handebol

Brasil confirmou sua melhor participação na história da competição ao conquistar o quinto lugar marcando 36 x 20 sobre a Rússia. Que melhore ainda mais daqui a dois anos!

Momento Raridade Rara

Foi uma manhã de sábado muito triste para o universo das artes devido a três perdas significativas. Duas delas destacarei neste tópico.

A primeira é do Sérgio Britto, aos 88 anos, por insuficiência respiratória aguda. Ícone do teatro brasileiro, o qual defendia com unhas e dentes, participou entre atuação e direção de quase 100 peças desde os anos 40. Desde 2001, ele apresentava ainda na antiga TVE o programa "Arte com Sérgio Britto", atualmente veiculado nas noites de sábado. A TV Brasil fez uma homenagem a ele, que podem acompanhar aqui.

A outra é de Joãosinho Trinta, aos 78 anos, por infecção generalizada a partir de pneumonia, infecção urinária e outros males. O Carnaval do Rio de Janeiro deve muito a este maranhense, que foi um de seus maiores carnavalescos. Não encontrei registros em vídeo de seus três primeiros títulos (dois pela Salgueiro, em 1974 por "O Rei da França na Ilha da Assombração" e em 1975 por "O Segredo nas Minas do Rei Salomão", e o primeiro pela Beija-Flor, em 1976, por "Sonhar com o Rei, dá Leão"). Mas das outras conquistas há registros que recuperam a seguir:

Aqui estão (postados por jhonatanferlin) dois triunfos pela Beija-Flor: em 1977, "Vovó e o Rei da Saturnália na Corte Egipciana"; e em 1978, "A Criação do Mundo na Tradição Nagô". Este desfile de 78 tem narração de Léo Batista pela Rede Globo.

Aqui está (postada por carnavalcompleto) mais uma Beija-Flor campeã: a de 1980, com "O Sol da Meia-Noite: uma Viagem ao País Maravilha". Não reconheço pela voz quem é o narrador da Globo.

Aqui está (postada por carnavalcompleto) a última Beija-Flor campeã de Joãosinho: a de 1983, com "A Grande Constelação das Estrelas Negras". Novamente não reconheço o narrador da Globo. Vejo mal ou a repórter que aparece na primeira imagem do vídeo é Leilane Neubarth? Mais adiante, quem aparece é Paulo Alceu, então repórter da emissora no Rio e hoje atuante na RIC/Record de Santa Catarina. Ele sobe numa escada para entrevistar os populares na arquibancada.

Aqui está (postado por carnavalcompleto) seu único título pela Viradouro: o de 1997, com "Trevas! Luz! A Explosão do Universo". A primeira metade tem narração de Fernando Vannucci pela Rede Globo e a segunda é com Paulo Stein pela Rede Manchete.

Por fim, aqui está (postado por carnavalcompleto) o último desfile arquitetado por Trinta: o da Vila Isabel em 2005, com "Singrando em Mares Bravios... e Construindo o Futuro!". Narração de Cléber Machado na Globo.

Bela do Dia: Eva Ekvall

Eva Ekvall, Miss Venezuela em 2000. Infelizmente é a primeira "Bela do Dia" que trago no dia seguinte após não mais estar entre nós. Sim, povo, esta linda venezuelana morreu neste sábado, em Houston, derrotada por um câncer de mama. Ela, que era atriz e apresentadora de TV, tinha somente 28 anos. Mas que tremenda judiaria!

Agora é esperar

Acabou o período de participação nas "Votações de Fim de Ano" do Papo de Bola - o Site. Entre os dias 6 e 16, os amigos do Brasil escolheram os melhores de 2011 em categorias dos e fora dos esportes. Começo a fase de apuração dos votos e, na próxima quarta (dia 21), publicarei tudo.

Convivas

"Futebol não é só um jogador, são 11. O Santos tem dois muito bons jogadores e os outros são bons. O Barcelona tem uns 5 muito bons e, como coletivo, tá rendendo melhor que o Santos. Neymar muito melhor que Messi é exagero do Pelé." (Carlos Eduardo Sampaio Queiroz)
Opinião que ele mandou antes do jogo começar.

"O que o Hugo Leonardo Souza Pinto disse sobre os nomes Kashiwa e Kashima me lembra os nomes Bayern de Monique e Bayer Leverkusen. Eu achava que tinha dois 'Bayerns' na Alemanha. *** Parabéns à Record, que está dando uma bela receita de como perder a vice-liderança pro SBT." (Charles Tavares)

"O que o Paraná deve priorizar: o acesso estadual ou o acesso nacional? Ou deve buscar os dois?" (Daniel Dorneles Nunes)
Sinuca de bico essa... Não sei dizer.

"Li corretamente? Em 1989, o 'Esporte Espetacular' era às 22h05? Só lembrava dele nas tardes de sábado, com direito ao Léo Batista dizendo: 'fique agora com o futebol do seu Estado'. Agora, vendo a grade do domingo anterior à estreia do 'Domingão do Faustão', me senti velho ao ver que passavam 'Profissão Perigo', que assisto até hoje no TCM, e 'Alf: o ETeimoso'. Depois me aparece o Clayton Moreira lembrando do Bud Spencer ou dos filmes dos Trapalhões, na época em que valia a pena ligar a TV para ver algo do Renato Aragão." (Daniel Lage de Castro)
Estamos ficando velhos, Daniel, estamos ficando velhos... E sim, teve um bom período dos anos 80 em que o "Esporte Espetacular" foi nas noites de domingo.

"Se eu fosse Muricy, jogava com uma formação parecida com a do Al-Sadd. Tiraria Elano e colocaria um zagueiro a mais, assim, ficaria com três zagueiros e dois laterais numa linha de cinco só na marcação. Então, pro Barcelona chutar para o gol, só se for de fora da área. Como isso não vai acontecer, é bem claro que Daniel Alves e Abidal vão fazer uma festa pelas laterais santistas. O Santos só leva o tri se Ganso, Neymar e Borges estiverem inspirados." (Filipe Matias Pinheiro)
Outra opinião enviada antes da bola rolar, que depois dela parar o Filipe pode dizer se fechou com o que viu.

"Se a TV Gazeta pega em Bauru eu não sei, só sei que ela não pega na maior parte do interior de São Paulo. As regiões de Ribeirão Preto e São José do Rio Preto, por exemplo, não recebem o sinal. Ela só pega em várias cidades até a região de Campinas e, depois disso, só se tiver uma ou outra. Falando na Gazeta, bem que a Sky poderia colocá-la no lugar da CNT, nem que fosse só para os assinantes do Estado de São Paulo, já que ela é uma emissora extremamente paulista, para não dizer paulistana." (Kléber Antônio Ferreira de Souza)
Primeiro: me referi especificamente a Bauru por ser a cidade do Charles Tavares, que tinha feito a pergunta inicial. E segundo: se fosse pra Sky colocar a Gazeta, que fosse para o país todo mesmo. Assim, quem não é da área de cobertura dela - como praticamente todo o Brasil - não se sentiria um "estranho no ninho" ao ler nos grandes portais e colunistas nacionais tantas referências a ela igual ocorre com as redes verdadeiramente nacionais.

"Não duvide. Não consideraria. Só descobri que o 'Mundial' não era Mundial faz pouco tempo. Também era um dos enganados pela Globo. Naquela época pensava que era, mas hoje sei que não. Era igual ao torneio chamado 'Copa João Havelange' que o Cruzeiro quase ganhou em 2000. Os torcedores daquele outro time diziam que, se ganhasse, não seria campeão brasileiro. Tinham razão. O torneio não era 'Campeonato Brasileiro'. Taça Brasil também não." (Marcos Tony)
Só falta tu dizeres que eu chamo a Copa Intercontinental de Mundial Interclubes por "influência da Globo". Ofenderás minha inteligência se for isso mesmo, pois não tem absolutamente nada a ver uma coisa com a outra. Considero Mundial tanto por assim ouvir desde sempre - e já nas finais disputadas pelo Santos em 1962 e 1963 era adotada por todos esta nomenclatura, e a Rede Globo nem existia ainda - quanto porque, na minha visão, é sim título mundial por opor os campeões da América do Sul e da Europa. Que você não goste da Globo eu entendo, mas daí a ter essa visão reduzida de algo com o qual tu não concordas ser "induzido" por causa dela também não. Ao menos comigo não é assim e nem com muita gente, ainda mais que já antes dela existir assim como você não gosta já se considerava.

"Grande Geraldo Luís. Gostei da entrevista dele na Rádio Capital." (Rafael Pereira da Silva)

Participe pelo papodebola@gmail.com. Sua opinião será registrada nas próximas colunas.

Clipe do Dia

A outra grande perda deste sábado foi da cantora cabo-verdiana Cesaria Évora, a "diva dos pés descalços", aos 70 anos, por problemas cardíacos. Ela ganhou fama mundial em 1992, com o álbum "Miss Perfumado", e deixou de fazer apresentações há três meses devido à saúde precária. Vale curtir aqui sua bela voz tornando deliciosa a audição de "Sodade", primeira faixa de "Miss Perfumado".

Antes do Arremate

...uma informação do PB que recebi de uma boa amiga: amanhã sai um comunicado oficial sobre a situação da Rádio Oi FM. Cuidemos e arrematemos.

Arremate

Começa hoje a final entre Júnior Barranquilla e Once Caldas na Colômbia. Internacional fica de olho.

"24 Horas" volta quando soubermos quem terá ficado em vantagem!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia"), colunista do NaTelinha e apresentador da webrádio Voz do Futebol.

E-MAIL: papodebola@gmail.com

ACESSE TAMBÉM:
Na Telinha | Voz do Futebol

LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.

.

.


Confira as manchetes do Papo de Bola - o Site, o acompanhamento das rodadas de futebol e comentários diversos. Para ser mais um seguidor, clique aqui.
 
PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.