.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Academia Esportiva
  Papo Especial
  Especiais PB
  O Jogo da Minha Vida
  Rádio PB
  PB Interativo
  Sites Parceiros
 

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

28 de Outubro de 2011 - ANO 9, EDIÇÃO 70
A síndrome do segundo lugar

Mas até no Pan-Americano essa espécie de síndrome do segundo lugar persegue a seleção feminina do Brasil. Não dá pra entender, sinceramente. É algo psicológico ou o quê? As gurias do vôlei tinham isso até alguns anos, mas superaram tal condição e hoje ganham campeonatos mesmo com dificuldades, como vimos em Guadalajara.

Fato é que foi muito cruel a mesma jogadora começar tão bem o jogo e acabá-lo tão mal. Debinha foi ótima naquele pelotaço indefensável e não foi nada boa no pênalti defendido por LeBlanc, que valeu o ouro para o Canadá. Mas não era preciso chegar às penalidades máximas. Problema foi o Brasil perder algumas oportunidades ótimas ainda nos 90 minutos, ao mesmo tempo que escapava de chegadas fortes das canadenses. O cochilo defensivo no gol de empate, a três minutos do fim, é inadmissível. Além de Bárbara ter saído mal, havia apenas uma defensora protegendo a meta. Infelizmente as gurias falharam de novo. Mas ainda espero vê-las vencedoras um dia.

Em tempo: seria diferente se Marta e Cristiane estivessem jogando? Pode ser que sim, pois com elas na linha de frente foi obtido o ouro no Pan do Rio. Mas pode ser que não, pois mesmo com as duas em grande momento não chegamos ao topo por faltar algo na hora H. Não há o que fazer, a não ser erguer a cabeça e seguir em frente.

Tópico do Pan

Pelo menos a quinta-feira valeu muitos sorrisos para o Brasil em outros esportes, com seis ouros: de Diego Hypólito no solo da ginástica artística, Fernando Saraiva no levantamento de peso acima de 105 kg (quem vê ele reportando no Sportv nem desconfia que seja tão forte assim, eh, eh, eh... Não resisti ao trocadilho), Leandro Guilheiro e Tiago Camilo no judô, Marilson Gomes dos Santos nos 10 mil metros e outro que não destacarei aqui pois a responsável estrelará hoje a principal seção desta coluna.

A Segunda na sexta

Três partidas prosseguem esta noite a rodada da semana. Paulistas se opõem no Canindé, com a festa da Portuguesa diante da gente rubro-verde pelo retorno garantido à Série A em 2012. Ponte Preta é a adversária, e pode abrir uma frente razoável de 11 pontos (depois faltando 15 por jogar) se vencer e, amanhã, Sport, Bragantino, Vitória e Boa Esporte não ganharem. Na zona de baixo, Goiás pode respirar mais e mais fora dos quatro últimos ao ganhar do Duque de Caxias. Enquanto isso, a melancolia dará o tom de Salgueiro x Vila Nova. Seria uma "avant-premiere" da Série C de 2012? Banditismo meu, admito, mas sabem bem que é uma provável verdade.

Palpites do Brasileirão (adendo de sábado, 12h45)

Ceará 1 x 2 Fluminense, Botafogo 0 x 1 Cruzeiro, Santos 2 x 1 Atlético Paranaense, Grêmio 1 x 1 Flamengo, Vasco 3 x 1 São Paulo, Corinthians 2 x 0 Avaí, Figueirense 1 x 1 Bahia, Atlético Mineiro 2 x 0 Palmeiras, Coritiba 3 x 1 América Mineiro e Atlético Goianiense 1 x 1 Internacional.

Curtinhas

*Kaká foi a grande novidade da chamada do Brasil para os amistosos contra Gabão e Egito, chamada esta sem jogadores dos clubes nacionais - felizmente. É boa a chamada do marido da Caroline pois, após turbulências e dificuldades por razões médicas, reencontrou seu futebol e tem desempenhado bem no Real Madrid.

*Aquilo de Pelé jogar o Mundial de Clubes não acontecerá, fora ele está dos 30 pré-inscritos enviados pelo Santos à FIFA. É aquilo que falei há algum tempo: seria muito bom como homenagem, mas isto queimaria uma possibilidade de substituição, além de Pelé, por mais que tenha sido e seja para sempre o maior de todos, estar com 71 anos e acredito que em condições físicas que, por melhores que estejam, não dariam conta do ritmo muito corrido do futebol dos dias atuais comparado ao tempo dele.

*Loco Abreu foi chamado pelo Uruguai para enfrentar o Chile, dia 11, pelas Eliminatórias. Prejuízo para o Botafogo? Não. Clássico contra o Vasco é dois dias depois. Dá perfeitamente para ele regressar e atuar normalmente. É muito diferente de Guiñazu com o Inter e Valdivia com o Palmeiras, estes sim ausentes de compromissos deles.

*América resolveu mandar o jogo contra o Corinthians, daqui a dois domingos, em Uberlândia. A capacidade de público é maior que em Sete Lagoas. Sim, o Coelho sabe que a Fiel dominará totalmente o coreto. Devem pensar assim: "já que mal teremos torcida e que cairemos mesmo, vamos ao menos faturar um dindim esperto."

*Leio no Lauro Jardim que vem aí um novo estádio em Goiânia, trazido da Alemanha pela empresa BWA. Será uma arena modular, cujas estruturas estão dentro de um contêiner. Estádio custará 80 milhas de "dilmas" bancadas pela BWA, que irá explorá-lo por 35 anos. Ideia é o Goiás dividir seus jogos entre este palco e o Serra Dourada. Apenas uma pergunta: qual será a capacidade? Se for de umas 30 mil pessoas, ficará de bom tamanho. O Serra é muito gigante e - talvez um azarão tremendo que eu dê todas as vezes - raramente recebe um público de bom para cima. Num estádio menor, a sensação de vazio diminuirá bastante se a plateia não for em grande escala.

*Leio no site da ESPN que Hope Solo está desempregada. O time onde ela jogava, o Magic Jack da Florida, acabou. Assim, ela procura clube. Maluquice doida que me ocorreu: já pensou se algum time do Brasil contrata a deusa do gol? Tipo, sei lá, o Santos, que é um clube grande que tem investido bastante no futebol feminino?

*Automobilismo celebra hoje 60 anos da primeira conquista de um mito. Em 28 de Outubro de 1951, Juan Manuel Fangio venceu o GP da Espanha, oitavo e último pega da segunda temporada da Fórmula 1, e se sagrou campeão com 31 pontos (três vitórias nas oito corridas), seis a mais que o italiano Alberto Ascari. O argentino guiou um Alfa Romeo e, naquela prova - cujas 70 voltas completou em nos dias atuais irreais 2 horas, 46 minutos, 54 segundos e 10 centésimos -, largou em segundo lugar.

E atenção, pessoas!

Chegou aquele momento mais encanado do que trabalhador da cia. de água e esgoto que, em dia de folga, é ansiedade pura por ir na casa da sua namorada conhecer os exigentíssimos pais dela: "Sintonia PB", antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Abro com uma que me deixou triste quando li: terça-feira, aos 70 anos, morreu Sérgio Vernizzi, internado há alguns dias após sofrer um infarto. Ele era filho do há alguns anos falecido Narciso Vernizzi, o histórico "Homem do Tempo" da Rádio Jovem Pan, e irmão de Celso Vernizzi, meteorologista. Sérgio começou a lidar com rádio na Pan, junto com o pai, a quem auxiliava no "Plantão Esportivo Permanente", por Narciso criado. Também fez carreira como radialista e trabalhou por três décadas no SBT.

*Mas lembro do Sérgio é da Rádio Bandeirantes de São Paulo. Quando passei a ouvi-la, em 1998, era ele que fazia o quadro "Central do Tempo", que tinha em quase todos os jornais e programas (um dos poucos em que não participava era o "Jornal do Meio-Dia" - não na meia hora do Bandsat e sim na meia hora só do AM 840). Ele falou sobre meteorologia na Bandeirantes por 17 anos, depois sendo substituído pelo até hoje usado serviço da Somar. Os boletins gravados (muitos eram ao vivo) acabavam sempre com a assinatura: "Direto da 'Central do Tempo', Sérgio Vernizzi, Rede Bandeirantes de Rádio." Pena sua partida! Muito sentido fiquei ao saber dela.

*Como sempre digo, a vida continua para os aqui permanecidos, com sol, chuva ou nuvens que nublam. Vamos em frente.

*Na coluna de ontem, falei da vitória na categoria Televisão da série de reportagens da TV TEM (afiliada da Globo em SP) no segundo Prêmio Jornalistas & Cia./HSBC de Imprensa e Sustentabilidade, série esta dos repórteres Thiago Ariosi e Cristina Vieira. Tem um detalhe legal que a "musa-mor" me contou quando a cumprimentei por isso: contando todas as categorias, foram 690 trabalhos inscritos, e a TV TEM inscreveu esta série na categoria regional, mas os jurados a colocaram para Televisão (nacional) devido à abrangência do material. Só valoriza mais ainda a importância dele, a ponto da intenção ser concorrer em trabalhos locais, mas vencer os de outras regiões.

*E agora, um assunto inédito nesta "24 Horas", que nunca antes em oito anos de coluna foi destacado uma vez sequer: mudança de programação da Record no começo da noite (hahaha). Ah, tenha santa paciência, Almirante Brown! Ó o que acontecerá: "Rebelde" permanecerá às 19h15, horário para o qual passou no terceiro dia dos Pan-Americanos (pois, vamos falar um português bem às claras, estava levando sova do bom e velho "Chaves" na faixa das seis). Mas sabe o "Jornal da Record"? Hoje, ele ainda passará às 18h15. Segunda-feira, vai para as 20h30. CQC, digo, PQP! Mas o "JR" dança mais de horário do que eu uma valsa ou um foxtrote!

*E não foi anunciado na chamada postada no YouTube por razões óbvias (chamada de abrangência nacional), mas tá na cara que os noticiários locais serão exibidos entre 20h e 20h30, porque "Rebelde" não tem cara de preencher 1 hora e 15 minutos, se atualmente tem durado 45 minutos. Se bem que da Record eu espero tudo. Tudo!

*Ontem mesmo, ó o que aconteceu: "Vidas em Jogo" passaria às 22h. Aí, a Record conseguiu - acertadamente - com a Odepa que a final Brasil x Canadá fosse pras 20h45 para evitar interrupção dela no meio do primeiro tempo por causa do Horário Político. Paciência, a novela começaria lá por 22h30 ou 22h45. Sem grilo. Só que veio a prorrogação. Mal ela começa e o que ouço Éder Luiz anunciar? Que excepcionalmente ontem "Vidas" não seria mostrada. Tudo bem, teve prorrogação, depois pênaltis e ainda um rabicho de repercussão pós-jogo, mas não daria pra passar a novela mesmo que lá por 23h15 ou 23h30? Claro, muito fora do horário habitual, mas não deixaria seu público habitual sem acompanhá-la naquele dia. Ou sentiram que, diferentemente das gurias do futebol, a novela deles não daria conta contra "O Astro" na Globo?

*Aliás, hoje acaba "O Astro". Salvo falhas aqui, reparos ali e tudo mais, sentirei falta de acompanhá-la nos meus fins de noite. Normalmente não acompanho nada na TV depois das 20h por causa dos jogos de futebol todos os dias da semana (exceto segunda-feira, até porque se ainda estivéssemos no tempo do futebol às segundas minha cabeça entraria mais em parafuso que a massa que gosto muito de degustar), salvo raríssimas exceções. Não que haja programas ruins à noite, claro que não. Há opções muito qualificadas, mas me falta hábito de vê-las. "O Astro" foi uma raríssima diversão que fez melhores meus fins de noite de terça a sexta. Valeu demais esta produção.

*Mudando completamente de saco para mala: e a Juliana Salimeni avisando no Twitter que não é mais panicat? Parece que desta vez, diferentemente de outras, essa história dela com a Nicole Bahls não foi mais uma pegadinha do "Pânico na TV" e sim às ganhas mesmo, até por não aparecerem há vários domingos. Pelo menos agora ela tem a chance de, acertando com outro programa, talvez ser uma efetiva contratada como não era no dominical da RedeTV!, pelo que leio dos especializados.

Bela do Dia: Ana Cláudia Lemos

Ana Cláudia Lemos, vencedora dos 200 metros nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara. A moça é nascida do Ceará e criada em Criciúma. É brasileira, é de ouro e é a dona do pedaço hoje.

*A saideira: e isso de Zezé di Camargo e Luciano acabarem a carreira durante show em Curitiba? Sei não... Mal explicada e confusa essa história. Assim, do nada?

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna, se não soubermos do rompimento de outra dupla longeva.

Aviso aos navegantes

Sexta-feira é aquele negócio: tempo apertado, tenho muito por fazer na edição do programa deste Papo de Bola na webrádio Voz do Futebol, logo mais, entre 19h e 20h (horário de Brasília). Mas continuem escrevendo que as mensagens de ontem e hoje registrarei nas colunas deste sábado e deste domingo. Todas são bem vindas.

Participe pelo papodebola@gmail.com. Sua opinião será registrada nas próximas colunas.

Clipe do Dia

Ben Harper completa 42 anos nesta sexta-feira. Dele, aqui está a boa "Diamonds On The Inside".

Arremate

Novo ministro do Esporte, Aldo Rebelo foi felicitado por Ricardo Teixeira. Vou ali no toalete vomitar e já volto, tá?

"24 Horas" volta... volta... bom, uma hora ela volta, porque tá difícil sair do banheiro, a náusea é incontrolável!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia"), colunista do NaTelinha e apresentador da webrádio Voz do Futebol.

E-MAIL: papodebola@gmail.com

ACESSE TAMBÉM:
Na Telinha | Voz do Futebol

LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.

.

.


Confira as manchetes do Papo de Bola - o Site, o acompanhamento das rodadas de futebol e comentários diversos. Para ser mais um seguidor, clique aqui.
 
PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.